X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Colunas > Direto dos EUA - Edu Erbs

A ascensão de Cooper Webb
Publicado em: 01/02/2019

Piloto da Red Bull KTM sobe na classificação e assume o number plate vermelho, mas disputa segue ponto a ponto
Redação MotoX.com.br: Por Edu Erbs - Fotos: Octopi, Simon Cudby e JGRMX


Cooper Webb conquistou a segunda vitória consecutiva na temporada 2019

Oakland, no norte da Califórnia, sediou a quarta etapa do Monster Energy AMA Supercross. Pela primeira vez na temporada vimos vencedores repetidos, entretanto a briga pelo campeonato só esquenta. Nas 250s, Adam Cianciarulo assume a segunda colocação do campeonato logo atrás de Colt Nichols e Shane Mcelrath volta à terceira colocação. Já nas 450s, Cooper Webb repete a vitória da semana anterior tirando o number plate vermelho de Ken Roczen.

+ AMA Supercross 2019: Resultados, vídeos e classificação do campeonato após Oakland

Às vezes é fácil criticar, mas os elogios tem que ser dados também quando merecidos, e realmente nos últimos anos o design das pistas tem melhorado bastante, mas tenho que dizer que nesse início do campeonato fica difícil criticar o trabalho da Dirt Wurx. Todas as pistas até então tem tido um comprimento bom, obstáculos que estão fazendo os melhores pilotos ficarem nas pontas dos pés, mas de certa forma eu diria que os traçados tem sido relativamente seguros. Talvez seja a razão pela qual até agora não perdemos nenhum dos pilotos ponteiros, a não ser Malcolm Stewart.


Adam Cianciarulo e Ken Roczen

Agora, voltando a prova, realmente chega a ser incrível, pelos menos na minha opinião, a ascensão de Cooper Webb. Neste final de semana não teve desculpa, pois voltamos ao formato convencional, nenhum dos favoritos contou com sérios problemas e simplesmente o atleta que veste as cores da Red Bull KTM liderou a prova de ponta a ponta. Marvin Musquin chegou bem perto nas últimas voltas, mas acredito que Cooper estava somente administrando a liderança e talvez sendo um pouco cauteloso nas duas seções (de obstáculos) que realmente se deterioram bastante durante a noite. Falando em Marvin Musquin e KTM, a marca austríaca fez história mais uma vez alaranjando o pódio em Oakland com Blake Baggett confirmando a sua boa fase com uma surpreendente terceira posição. Ambos, Bagett e Musquin, não tiveram uma prova fácil, com Bagget largando na 17ª colocação e Musquin caindo enquanto trilhava Webb, perdendo posições para Ken Roczen e Eli Tomac.


Pódio 100% laranja em Oakland

Como falei na minha coluna da semana passada, consistência claramente é o nome do jogo neste momento. Se pararmos para pensar, Webb tem duas vitórias, mas também tem um quinto e um 10º lugar. Ken Roczen ficou fora do pódio duas vezes e não tem nenhuma vitória e ainda se situa na segunda posição do campeonato. Também repetindo o que falei no passado, uma das maiores peças deste quebra cabeça para mim ainda é Eli Tomac que, claramente, algo - um tanto misterioso - tem lhe impedindo de avançar posições durante as provas, o que no passado parecia ser tão simples.


Eli Tomac

Quem vem surpreendendo também é Dean Wilson, que teve um susto durante a sua classificatória torcendo o joelho e teve que ir pra LCQ. O escocês está sempre entre os top 10, atualmente ocupa a sexta posição na classificação geral e imagino que vocês assim como eu, devem estar surpreendidos por não ter tomado uma das vagas na equipe Rockstar Husqvarna até o momento.

Vídeo:



Nas 250s, Colt Nichols continua se mantendo no pódio e na liderança do campeonato... mas parece que Cianciarulo vem pra brigar forte pois talvez essa seja a última chance do piloto da Kawasaki que tem planos de subir as 450s em 2020. Confesso que nos primeiros minutos de prova achei que Adam ia jogar a corrida fora como fez por várias vezes. A pressão de Nichols era visível, Cianciarulo cometeu vários erros e quase caiu feio nos costelas, mas o Floridians conseguiu se reagrupar e terminar a prova na ponta.


Colt Nichols e Dylan Ferrandis

Dylan Ferrandis também fez uma prova excepcional e mostrou que na Star Yamaha não tem nenhum tipo de jogo de equipe dando um chega-pra-lá em Nichols para ocupar a segunda posição. McElrath não teve uma pilotagem brilhante terminando na quarta posição cedendo a segunda posição no campeonato para Cianciarulo.

Vale a pena constar que Oakland foi a primeira prova da temporada onde a WADA esteve presente para coletar urina para testes. Wilson, Bogle, Pellegrini, Plessinger, Seely e Ronnie Stewart foram os pilotos premiado desta vez.

Vídeo:



Noite difícil para Enzo Lopes, pois teve quedas na largada da sua classificação e também na LCQ, que lhe deixou fora da prova final. O brasileiro vem demonstrando velocidade e uma boa técnica, mas tem sido difícil completar provas - principalmente nas finais - sem incidentes, o que eu imagino que tem sido duro no lado físico e psicológico do piloto. Muita gente diz por aqui "sometimes you have to slow down to go faster" e fica aí a nossa frase da semana!!!


Enzo Lopes

Neste sábado a prova de San Diego marca a última prova na Califórnia antes que o campeonato comece a se dirigir à Costa Leste, mas o mais interessante de tudo é que a previsão para os últimos dias da semana é de chuva. Vale a pena manter o olho em Barcia, Plessinger e Webb que tiveram boas perfomance em A1 debaixo d'água. Vale lembrar também que no ano passado San Diego mudou o rumo do campeonato pra muita gente. Vamos ver o que este ano a prova tem a nos oferecer.

Frase da semana:
"I'm not the smartest fellow in the world, but I can sure pick smart colleagues".
Franklin D. Roosevelt




Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet