X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Arena Cross

2ª etapa - Indaiatuba - SP
Publicado em: 13/05/2010

Swian Zanoni domina etapa assumindo liderança do campeonato
Redação MotoX.com.br - Texto e Fotos: Maurício Arruda 


Largada categoria Júnior


Assista ao vídeo com as corridas de Indaiatuba na MotoX TV
Com histórico de chuva em suas mais recentes passagens pela cidade paulista de Indaiatuba, o Arena Cross chegou ao munícipio para a 2ª etapa de 2010 com previsões, mais uma vez, nada otimistas dos meteorologistas. No ano passado o evento enfrentou grandes problemas com o mau tempo que chegou a adiar em uma semana a competição, já em 2008 houve a necessidade de cancelamento da categoria principal de tanta àgua caindo na noite da prova.

Em virtude disto a organização ficou bastante alerta com as condições climáticas na noite do último sábado, 8 de maio. Os treinos transcorreram normalmente durante a tarde, mas com perspectiva cada vez maior de chuva no horário das provas. Assim as categorias menores foram antecipadas para o início da programação, assim como o horário das baterias. Felizmente deu certo, nos piores momentos a chuva não passou de uma garoa forte e todas as classes puderam ser realizadas sem grandes problemas. 


Swian Zanoni


Jean Ramos
Entre os profissionais da categoria Pró, Swian Zanoni foi o nome do evento. Nos treinos mostrou velocidade conquistando a pole com boa vantagem sobre os demais. Quando largou na frente na primeira bateria, o que é essencial em provas da modalidade, tornou-se o grande favorito pra vencer. E foi o que fez, de ponta a ponta, impressionando os adversários.

A surpresa da bateria foi Gustavo Takahashi, piloto que, diferente do vencedor, não conseguiu uma grande marca nos treinos sendo o penúltimo a alinhar no gate. Depois de uma excelente largada, ele manteve o segundo lugar em boa parte da prova, sendo superado apenas por Jean Ramos. Com uma prova consistente concluída na terceira posição Takahashi mostrou o grande equilíbrio das corridas de Arena Cross, onde cada centésimo de segundo faz diferença. Jean Ramos isolou-se na vice-liderança recebendo a bandeirada com 13 segundos de desvantagem sobre Swian. 


Leandro Silva


Roberto Castro
A quarta posição foi bastante disputada entre Leandro Silva e Wellington Garcia, que em alguns momentos colocou sua moto lado a lado com a do paranaense. A pressão não foi suficiente e Leandro garantiu a posição enquanto Wellington teve que se preocupar com a aproximação de Roberto Castro. Na chegada os três estavam muito próximos, mas com as posições inalteradas: Leandro em quarto, Wellington em quinto e Castro em sexto. 

2ª Bateria

Novamente na pista os pilotos da Pró partiram na segunda bateria com a liderança de Leandro Silva. Logo o primeiro pelotão também contava com Swian Zanoni e Jean Ramos. Com problemas logo no início Takahashi não conseguiu repetir o bom desempenho da primeira prova ficando fora da briga pelas primeiras posições. A disputa pela vitória ficou concentrada entre os três ponteiros. 



Wellington Garcia


Gustavo Takahashi
Era mesmo noite de Swian que ultrapassou Leandro e muito rapidamente ganhou vantagem, deixando a "encrenca" para Jean. Na disputa entre os paranaenses a vantagem foi de Jean Ramos que tentou aproximar-se do líder, mas novamente não conseguiu. "O Swian estava muito rápido. No começo da prova eu devia ter apertado um pouco mais, quando ele fugiu. Na parte final consegui chegar um pouco, mas não o suficiente", disse o segundo colocado.

Swian comemorou as vitórias nas duas baterias como de costume, com belos saltos e manobras como Heel Clicker e Nac Nac, conquistando o público. Na véspera do dia das mães o piloto logo fez questão de homenagear a sua que, como sempre, registrava todos os detalhes das corridas com uma filmadora. Quando Swian competia na categoria 80cc Vera Lúcia chegou a vender um carro para comprar uma moto melhor ao filho (relembre outros detalhes da carreira do piloto em uma entrevista concedida ao MotoX em 2007), neste dia das mães foi a vez dos Zanoni comemorarem em família mais uma vitória entre os profissionais.


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 317 Fotos!
Leandro completou a prova em terceiro e ressaltou a falta de treino desde o acidente em que deslocou o ombro, na abertura da Superliga de Motocross. "O Swian e o Jean realmente estão muito rápidos, então esse tempo sem treinar acho que realmente me prejudicou", explicou o agora vice-líder na classificação geral. Na bateria Roberto Castro, que competiu com uma moto 2006 nesta etapa, completou na quarta posição com leve vantagem sobre Roosevelt Assunção. A ausência de João Paulino Marronzinho - um dos destaques da prova de abertura - nesta etapa, ocorreu em virtude de um acidente durante um treino na semana anterior ao evento. O catarinense está bem e tem retorno programado para a próxima etapa da Supeliga Brasil de Motocross, dias 22 e 23 de maio em Cachoeiro de Itapemirim, ES. 


Chegada da categoria Júnior, vencida por Rafael Faria, a prova mais espetacular da noite


Pódio Júnior
Os pilotos da Júnior brindaram o público com a prova mais espetacular da noite. Thales Vilardi chegou à Indaiatuba recuperando-se de uma cirurgia no pulso e falando apenas em marcar alguns pontos. Mas quando o gate caiu ele partiu para liderar praticamente toda a prova. Só que não foi uma liderança tranquila, pelo contrário, foi uma batalha com mais dois pilotos que durou até a bandeirada.

Thales, Rafael Faria e Hector Assunção não deram espaço pra mais ninguém brilhar nesta bateria. Sempre "colados" os três prenderam a atenção dos espectadores até a decisiva curva final. E ela sintetizou o quão próximos os três andaram: Thales entrou na liderança da prova e saiu na terceira colocação. Pela linha de dentro Faria espremeu o concorrente (veja a manobra no vídeo da prova) e Hector aproveitou para também fazer a ultrapassagem.

"Lembro de uma prova em que ultrapassei o Jean Ramos na última curva", contou Faria, quando questionado pelo locutor Chicão se já havia vencido uma corrida em condições parecidas. Hector completou 0,108 segundos atrás do vencedor e Thales 0,308! Pela quarta posição a disputa também foi nos centésimos de segundo com leve vantagem de Dudu Lima sobre Rodrigo Rodrigues. No campeonato Thales segue líder (35 pontos) com Hector em segundo (32) e Dudu em terceiro (30). 


Endrews Armstrong


Anderson Amaral
Já nos treinos Endrews Armstrong e Anderson Amaral mostraram maior velocidade que os demais pilotos da 85cc. Na corrida isto confirmou-se rapidamente com os dois ultrapassando os pilotos que largaram a frente para ocupar as primeiras posições. Ainda no início de prova Endrews assumiu a liderança e não largou mais. Repetiu-se então a perseguição da primeira etapa, com Anderson poucos segundos atrás do líder, tentando descontar a diferença. Não deu, e Endrews manteve a invencibilidade ampliando a vantagem sobre o concorrente no campeonato.

Em uma boa apresentação Filipe Ribeiro destacou-se do pelotão para conquistar o terceiro lugar na prova e agora ocupa a mesma posição também na classificação geral. Pedro Bueno e Kaio Miranda completaram os cinco mais rápidos da bateria, onde largaram 14 classificados de 18 inscritos. Na tabela, após duas rodadas, Endrews Armstrong soma 40 pontos contra 34 de Anderson Amaral e 26 de Felipe Ribeiro, mesma pontuação alcançada por Pepê Bueno, quarto colocado no campeonato. 


Enzo Lopes


Kioman Munoz
A prova da 65cc teve disputas eletrizantes. Enzo Lopes largou na frente, mas no começo da prova teve a companhia de mais três pilotos na disputa pela vitória: Kioman Munoz, Djalma Brito e Hugo Erthal. A chuva foi "apertando" durante a bateria, deixando o circuito mais liso a cada volta da bateria.

Djalma superou Kioman e Enzo assumindo a liderança, mas pouco depois cometeu um erro perdendo posições. Após isso a tradicional disputa entre Kioman e Enzo passou a ser o centro das atenções. O goiano tinha a liderança quando Enzo achou um cantinho do circuito para emendar um triplo, completando uma incrível ultrapassagem sobre o concorrente. Pouco depois Kioman chocou-se com outro piloto que havia caído e também foi ao chão.

Com o aumento da chuva, deixando o circuito extremamente escorregadio na linha rápida, o número de quedas foi considerável e a direção de prova optou pela bandeira vermelha antecipando o encerramento da prova. O resultado final foi o seguinte: 1º Enzo Lopes, 2º Kioman Munoz, 3º Hugo Erthal, 4º Djalma Brito e 5º Vítor Almeida. 


Arthur Todeschini


Lucas Erthal
Em Indaiatuba teve pai de piloto precisando cumprir promessa e dançar "Rebolation" no pódio da 50cc. Lucas Erthal largou na frente, mas não demorou muito para Arthur Todeschini superar o concorrente e dominar a bateria. Depois da vitória, após receber o troféu do primeiro lugar, Todeschini não perdoou o pai e cobrou: "Ele prometeu que dançava se eu ganhasse!". O "mico" foi pago com sorriso no rosto, ainda mais com a vitória valendo também a liderança do campeonato.

Lucas Erthal confirmou a excelente apresentação completando em segundo seguido por Guilherme Torres em terceiro. No campeonato ambos estão próximos de Todeschini, mas em posições invertidas. Guilherme é o vice-líder com desvantagem de dois pontos, enquanto Lucas é o terceiro, cinco atrás do primeiro colocado. Thiago Brenner, Rafael Ribeiro e Camila Bueno foram quarto, quinto e sexto colocados da etapa.

A competição segue agora para Ribeirão Preto, SP, onde no dia 12 de junho será realizada a 3ª etapa da temporada. O Arena Cross 2010 tem o patrocínio da Honda e Aymoré Financiamentos, co-patrocínio da Bridgestone, Shell Advance, Consórcio Nacional Honda, Metzeler, Red Nose e Revista Moto e apoio da Prefeitura Municipal de Indaiatuba, Prolink e Rádio Clip FM.

Resultados

Pl 1ª Bat Pró Equipe Marca Diff Melhor Volta
1 7 Swian Zanoni Moto Scala/Ccm/Avanutri/Pireli/Mobil/A Honda 27 Laps 00' 34.764
2 18 Jean Ramos Honda/Mobil/Pirelli/Asw/Oakley/Jmr Esc Honda 00' 13.897 00' 35.230
3 27 Gustavo Takahashi Circuit Racing Honda 00' 21.692 00' 35.737
4 14 Leandro Silva Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Oakley/Reebok/ Honda 00' 22.926 00' 35.959
5 21 Wellington Garcia Honda/Mobil/Pirelli/Showa/Asw/Ngk/Did/ Honda 00' 23.956 00' 35.718
6 191 Roberto Castro Mr Pro/Nexfa/Rinaldi/Pro Tork/Cantv/Mo Kawasaki 00' 24.205 00' 35.697
7 38 Marcello Lima Vaz/Kawasaki/Rinaldi/Ims Kawasaki 00' 28.853 00' 35.918
8 4 Roosevelt Assunção Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Dc Honda 26 Laps @00' 34.428
9 20 Anderson Cidade Yamaha/Geração/Pirelli/Eletrosul/Tbt/D Yamaha 00' 04.666 00' 36.426
10 931 Rafael Zenni Polisport/Zenni Preparacoes/Pezao Bar/ Honda 00' 05.227 00' 36.044
11 23 Lucas Moraes Brasil Racing/Thor/Vaz/Dunas/Honda Honda 00' 27.944 00' 36.732
12 29 Gabriel Gentil Yahama/Geração Yamaha 25 Laps 00' 35.776
13 72 Claudner Da Rocha Cleidmar Racing/Ims/Polisport/Protaper Honda 24 Laps 00' 39.427
Pl 2ª Bat Pró Equipe Marca Diff Melhor Volta
1 7 Swian Zanoni Moto Scala/Ccm/Avanutri/Pireli/Mobil/A Honda 28 Laps 00' 34.194
2 18 Jean Ramos Honda/Mobil/Pirelli/Asw/Oakley/Jmr Esc Honda 00' 11.451 @00' 33.203
3 14 Leandro Silva Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Oakley/Reebok/ Honda 00' 16.561 00' 34.559
4 191 Roberto Castro Mr Pro/Nexfa/Rinaldi/Pro Tork/Cantv/Mo Kawasaki 00' 34.119 00' 34.814
5 4 Roosevelt Assunção Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Dc Honda 00' 34.764 00' 35.006
6 21 Wellington Garcia Honda/Mobil/Pirelli/Showa/Asw/Ngk/Did/ Honda 27 Laps 00' 35.215
7 20 Anderson Cidade Yamaha/Geração/Pirelli/Eletrosul/Tbt/D Yamaha 00' 02.016 00' 35.341
8 931 Rafael Zenni Polisport/Zenni Preparacoes/Pezao Bar/ Honda 00' 02.873 00' 35.278
9 29 Gabriel Gentil Yahama/Geração Yamaha 00' 13.284 00' 34.960
10 38 Marcello Lima Vaz/Kawasaki/Rinaldi/Ims Kawasaki 00' 29.860 00' 35.170
11 23 Lucas Moraes Brasil Racing/Thor/Vaz/Dunas/Honda Honda 26 Laps 00' 35.541
12 27 Gustavo Takahashi Circuit Racing Honda 00' 30.379 00' 35.538
13 72 Claudner Da Rocha Cleidmar Racing/Ims/Polisport/Protaper Honda 25 Laps 00' 37.739
Pl Júnior Equipe Marca Diff Melhor Volta
1 16 Rafael Faria - - 26 Laps 00' 35.238
2 30 Hector Assunçào Honda/Asw/Mobil/Pirelli/Itamaraca Pneu Honda 00' 00.108 @00' 34.987
3 12 Thales Vilardi - Ktm 00' 00.320 00' 35.274
4 338 Eduardo Lima Vaz/Kawasaki/Rinaldi/Ims Kawasaki 00' 21.187 00' 35.786
5 28 Rodrigo Rodrigues Circuit/Honda Honda 00' 21.594 00' 36.174
6 25 João Feltz Yamaha/Grupo Geraçào/Pirelli/Destak/Tr Yamaha 00' 29.526 00' 36.363
7 111 Gustavo Amaral 2b/Duracell/Gillete/Mormaii/I9 Honda 25 Laps 00' 36.621
8 386 Higor Passos Mormaii/Dosh/Motul/Castelinho Suspensò Honda 24 Laps 00' 38.037
9 89 Maicon Tardim Stam/Subs/Mx Tech/Cabriteam Honda 00' 09.882 00' 38.921
10 934 Caio Lopes - Yamaha 00' 47.847 00' 39.055
11 188 Denner Alves Pho/Marcato Artes Metalicas/Net Racing Honda 23 Laps 00' 40.255
12 726 Willian Sanches Mc Tonny/Moto Freitas Honda 00' 00.781 00' 39.526
Pl 85cc Equipe Marca Diff Melhor Volta
1 1 Endrews Armstrong Dunas/Brasil Race/Honda Honda 17 Laps @00' 37.528
2 4 Anderson Amaral 2b Racing/Duracell/Gilette/I9/Mormaii Honda 00' 03.115 00' 38.090
3 122 Filipe Ribeiro Lufi Langerie Honda 00' 28.441 00' 39.046
4 34 Pedro Bueno Brasil Racing/Mundial Prime/Jmr Escola Ktm 00' 36.535 00' 40.144
5 5 Kaio Miranda Honda/Circuit Honda 00' 37.455 00' 38.909
6 8 Tauan Brenner Concessionária Honda Toni Center/Conta Honda 00' 39.785 00' 39.764
7 15 Gustavo Henn Industria E Comercio De Móveis Henn/Tb Honda 16 Laps 00' 39.282
8 72 Wilgner Francisco Mx Kids Yamaha 00' 27.627 00' 40.103
9 113 Kauê Fernandes Oficina Guina Motos Honda 00' 29.312 00' 40.743
10 170 Patrick Abreu Bio Clian Energy Honda 00' 34.355 00' 39.935
11 397 Roberto De Araújo Cantinho Intimo Langerie Honda 15 Laps 00' 43.381
12 134 Italo Almeida - - 00' 07.830 00' 43.377
13 89 Luciano Oriano - Honda 14 Laps 00' 42.501
Pl 65cc Equipe Marca Diff Melhor Volta
1 2 Enzo Lopes Pirelli/Answer/Freeday/Leomotos Ktm 12 Laps @00' 42.139
2 9 Kioman Munoz Rinaldi/Tonin Bala Moto Pecas/Farmacia Ktm 00' 02.766 00' 43.382
3 16 Hugo Erthal Madeireira Bom Jardim Ktm 00' 19.949 00' 44.366
4 18 Djalma Brito Transbritto/Brasil Racing/Bud Racing Ktm 11 Laps 00' 42.279
5 4 Vitor Almeida Adrenalina Mx/Colombo Leiloes Ktm 00' 06.062 00' 48.109
6 45 Leonardo De Souza Lem/Radiex/Pref. Camboriu Lem 00' 10.524 00' 48.296
7 151 Mateus Mendonça Ktm/Ims/General Motos/Ronaldos 00' 21.603 00' 48.204
8 19 Leonardo Almeida Adrenalina Mx/Colombo Leiloes/Cromamix Ktm 00' 25.601 00' 48.287
9 126 Joao Michelin - Ktm 00' 27.220 00' 48.241
10 49 Carlos Evangelista - 10 Laps 00' 50.329
11 76 Tiago Tavares Equipe Mx Kids/Mototop/Oxxy Ktm 00' 01.255 00' 51.713
12 101 Renato Mattos Mg Plast/Mr Pró/Answer Ktm 00' 06.157 00' 50.190
13 57 Victor Soares Benê Frutos Do Mar/Zenni Preparações/M Ktm 00' 39.866 00' 54.460
14 38 Yuri Campello Cem-centro Educacional Margarida Ktm 9 Laps 00' 45.648
Pl 50cc Equipe Marca Diff Melhor Volta
1 3 Arthur Todeschini Expresso Sul Transportes/Cetric/Concre Ktm 14 Laps @00' 47.346
2 11 Lucas Erthal Madeireira Bom Jardim Ktm 00' 15.026 00' 48.186
3 4 Guilherme Torres Radiex/Asw/Motul/Scott/General/Orbital Lem 00' 21.315 00' 48.412
4 6 Thiago Brenner By China/Contabilidade Progresso Ktm 13 Laps 00' 51.268
5 99 Rafael Ribeiro - - 00' 29.919 00' 50.625
6 89 Camila Bueno Lr Gramas Lem 00' 30.795 00' 53.165
7 21 Joao Freitas Miami Nautica/Miamo Moto/Apem Ktm 12 Laps 00' 54.940
8 15 Lucas Torres /Asw/Motul/Lem/Orbita/Motul/Ge Lem 00' 00.279 00' 53.928
9 97 Joao Fernandes 2di/Oxxy/Slt/Hesp/Rx Graphics/Steel Jo Ktm 00' 30.190 00' 58.119
10 5 Marcos Moretto Moretto Irrigaçao/Tramontini Ktm 00' 35.176 00' 57.697
11 7 Ednilson Freitas Moto Freitas Ktm 00' 43.223 00' 57.692
12 127 Thiago Lima - - 11 Laps 01' 01.374
13 26 Felipe Rodrigues Angular Construçòes/Gaticell Ktm 00' 03.224 00' 58.873






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet