X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Colunas > Instacross

Instacross #28 - Especial Final do Brasileiro de Motocross 2019
Publicado em: 01/11/2019

A emoção tomou conta da decisão do campeonato no BH Airport
Redação MotoX.com.br 

O Campeonato Brasileiro de Motocross 2019 chegou ao fim, mas a emoção foi tanta que vamos deixar os pilotos contarem melhor. ;)

E quem chegou dentro do top 3 e saiu como campeão foi Jetro Salazar. Pela foto, nem ele mesmo acreditava na reviravolta!

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

CAMPEÓN BRASILERO MX1 y MX ELITE 2019 !!!

Uma publicação compartilhada por Jetro Salazar (@jetrosalazar) em 27 de Out, 2019 às 3:20 PDT



Na MX1, o campeonato virou na última etapa, surpreendendo muitos fãs. Carlos Campano chegou líder e saiu da etapa com o vice, além do pé engessado por conta de um tombo. "Estava tudo para decidir na última etapa. Não foi o nosso final de semana: com várias quedas e problemas. Mas no final, só dependia de mim e não fui capaz de ultrapassar meus rivais, nesta pista dura e com um só trilho", declarou o espanhol. 

Agora Campano vai encarar uma pré temporada de recuperação, mas prometeu brigar pelo título em 2020.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

???? Vice campeão da Mx1 2019. Logo de um ano muito disputado, estava tudo por decidir na última etapa. Não foi o nosso final de semana com várias quedas e problemas, mais no final só dependia de mim e não fui capaz de ultrapassar meus rivais nesta pista dura e com só um trilho. Parabenizar meu companheiro @fabiosantos_4 pelo tricampeonato na mx2, e agradecer meu grande equipe @yamaharacingbrasil pelo apoio e a força. Vocês são os melhores e sou muito grato de ser parte desta família. Agora se recuperar e voltar com mais força no 2020 ??? ? ???? Subcampeón de mx1 2019. Después de un año muy disputado nos jugábamos el título en la última carrera. No fue nuestro fin de semana, con caídas y problemas, pero al final solo dependia de mi y no fui capaz de adelantar en un circuito duro y con una sola trazada. Felicitar a mi compi @fabiosantos_4 por su tercer título de mx2 y agradecer a mi equipo @yamaharacingbrasil por todo la fuerza y apoyo. Sois los mejores. Aprenderemos se los errores y volveremos más fuertes. #2020 @yamahageracaoracing @yamaharacingbrasil @monsterenergy @imsracewear @alpinestarsbr - @alpinestarsmx @sportscoltda - @ride100percent @officialleatt -@mundotalio @lurkbr @goldfren_brakepads @lcmcovers @blucru_yamaha @gobyracing_spain #LeattFamily #Bedetec @metallube @focoracing @durag.fr @motostylegraficos @didchain @hurly_parts @bemorenutricion @dropmud_offroad

Uma publicação compartilhada por Carlos Campano (@carloscampanomx) em 28 de Out, 2019 às 7:13 PDT



MX2

Sabemos que Fábio Santos, conhecido como Mudinho, não é de muitas palavras, mas quando se fala em em ganhar campeonato Fabinho muda um pouco e sabe o que falar. O piloto se empolgou e compartilhou a conquista do título da classe em três posts com os fãs.

"P1, resultado inesperado ontem na primeira bateria da MX2! Há 19 dias atrás tive duas fraturas no ombro direito e um estiramento no músculo do quadril naquela forte queda no Arena Cross! Não consegui fazer absolutamente nada durante esses 20 dias, fiquei muito ansioso com muita dúvida porque não sabia o quanto essas lesões iriam doer na final do Brasileiro, se iria conseguir defender o título ou não!", escreveu. O resultado da primeira bateria, foi o suficiente para Fábio conquistar o título da MX2 e se sagrar tricampeão.

Na MX Elite, o piloto ainda sofreu esse tombaço. 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Crash mxelite ????

Uma publicação compartilhada por Fabio Santos #4???? (@fabiosantos_4) em 28 de Out, 2019 às 4:01 PDT

Fred Spagnol fez 2-2, ficou em segundo na etapa e também faturou o vice-campeonato. "Um ano que vai ficar marcado para minha carreira, um ano onde aprendi muito até a última bateria disputada! Infelizmente um overtraining faltando 2 etapas acabou me atrapalhando, mais um aprendizado para a minha carreira!", escreveu Spagnol.

A vitória da etapa ficou para Leonardo Souza.

E Leonardo Cassaroti, só alegria, encerra a temporada com a terceira colocação na final. 

MX Elite

Repeteco para Jetro Salazar: vitória e conquista do título! Segundo o piloto, "conclusão de um trabalho bem feito".

Paulo Alberto uma das promessas de título para Yamaha neste ano, ficou com o vice da categoria. O português chegou na etapa a apenas um ponto de Campano, na MX1, e a um ponto da liderança da Elite. "Não era o meu fim de semana e tudo estava para decidir aqui na última etapa. Más largadas comprometeram o resultado no entanto foi um campeonato muito disputado com Carlos Campano, Hector Assunção e Jetro Salazar. Todos merecíamos mas só um o podia levar", publicou o português.

"Cheguei líder da Categoria Elite aqui na final, mas infelizmente na bateria do sábado tive um problema enquanto liderava a prova e tive que abandonar, milhares de coisas passaram pela minha cabeça naquele momento, mas sabia que o fim de semana não tinha acabado, nossa equipe ainda tinha chance do título, acordei com a cabeça erguida no domingo. Eu e meu companheiro de equipe Jetro Salazar fomos 'os caras' nas duas baterias e trouxemos os títulos para nossa equipe", escreveu Hector Assunção. Pela etapa, o brasileiro foi o terceiro colocado na categoria.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Fala Galera, Primeiramente queria agradecer a cada um vocês pelas mensagens que recebi esse fim de semana, não tinha ideia do quanto vocês acreditavam em mim, Cheguei Lider da Categoria Elite aqui na final, mas infelizmente na Bateria do sábado tive um problema enquanto liderava a prova e tive que abandonar, milhares de coisas passaram pela minha cabeça naquele momento, mas sabia que o fim de semana não tinha acabado, nossa equipe ainda tinha chance do Título, acordei com a cabeça erguida no domingo e eu e meu Campanheiro de Equipe @jetrosalazar fomos “os caras “ nas duas Bateria e trouxemos o Titulos para nossa equipe Honda Racing @hondamotosbr . Mas nada esta acabado, 2020 esta logo ai ???? ???????? Valeuu Time, Somos RED RIDERS!! #thefastbrazilianrider ?? @abdalabrothers @idario.cafe

Uma publicação compartilhada por Hector Assunção (@hector_assuncao) em 28 de Out, 2019 às 8:04 PDT

Humberto Martin, o Machito, também termina a temporada com gostinho de quero mais. "P4 e P5 esse final de semana na última etapa do BR de motocross. Muitos sentimentos encontrados, começo de ano tive uma lesão séria na mão, achava tinha acabado o ano pra mim, até hoje a dor continua aí me acompanhando, mais consegui sobrelevar", escreveu o venezuelano.

Vale campeonato dentro da equipe? William Guimarães conquistou mais um título na MX4 e foi premiado pela Yamaha também. 

Aquele chacoalhão bom: o da vitória! Pedro Magero venceu a prova da categoria MX2Jr. Enquanto o título ficou com Joaquim Neto.

Momento segura coração: a final do campeonato também foi a despedida de Jorge Babi das pistas como piloto profissional. #aguentaochoro

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Há três anos e meio estava voltando de uma temporada na França onde fui fazer umas provas do mundial, quando enfrentei o momento mais difícil de toda a minha vida! Meu irmão, meu melhor amigo, meu ídolo sofreu um acidente gravíssimo onde ficou tetraplégico eu estava lá ao lado dele e foi desesperador passei dias sem comer, dias sem dormir! Ele estava em Um cti mas eu e minha família não o deixamos sozinho nem sequer um momento foram muitos dias de dor e sofrimento, incertezas e varias intercorrências! Ele tinha chances mínimas de sobreviver e mesmo se sobrevivesse estaria confinado a viver pelo resto da vida sem os movimentos! No exato momento q demos entrada no hospital jurei pra mim e pra ele que abandonaria a minha carreira e que faria o possível e o impossível por ele, enquanto ele não ficasse bom eu seria suas pernas e seus braços! Foram muitos meses de luta, me recordo a primeira vez q ele conseguiu ficar sentado, depois levar o garfo até a boca, ficar de pé, dirigir e eu estava lá pra viver aqueles pequenos e grandes momentos de felicidade! Sentia muita a presença de Deus em nossas vidas, mas tbm tive momentos de revolta e de tristeza profunda! Tive que ser muito forte por ele e por toda nossa família, muitas vezes estava sorrindo por fora mas chorando por dentro! Essas últimas duas semanas foram intensas pra mim ele queria andar de moto e eu mesmo sabendo dos riscos e consequências que isso poderia nos causar fiz tudo o que eu podia para ajudá-lo e posso falar? Valeu muito a pena ver ele entrando na pista sendo aplaudido pelos seus fãs e se despedindo das pistas da maneira que ele merecia! Vc é um exemplo de força de vontade de homem, de filho, irmão, pai e de esposo! Cada dia que passa admiro mais a sua força e a sua garra! Estarei sempre ao seu lado e farei qualquer coisa pra te ver feliz pq a sua felicidade é a minha! Tenho certeza q nosso amor vem de outras vidas! Parabéns meu campeão mais uma vez surpreendeu a todos! Vc é foda! @balbi3 “Separados somos fortes, juntos imbatíveis” ????????????

Uma publicação compartilhada por Mariana Balbi (@mariana_balbi) em 29 de Out, 2019 às 1:27 PDT

Brasil no Nações de Veteranos
+ saiba mais: Brasileiros invadem Glen Helen no maior evento de veteranos do Mundo

O time Brasil já está em Milestone Park para as provas do final de semana. E os ajustes estão a todo vapor! #boratime


 Wellington Garcia, Richard Berois e Fábio Aleixo representam o verde-amarelo no VET MXoN . Confira as categorias:



Paulinho Stedile engrossa a lista de brasileiros no evento.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Tudo pronto só ??????????

Uma publicação compartilhada por Paulo Stedile (@paulostedile) em 31 de Out, 2019 às 4:21 PDT



Enquanto não chega a hora do eventos os pilotos circulam pelas pistas do sul da Califórnia. ;)








© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet