fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Reportagens > Especial

Yamaha apresenta pilotos oficiais on e off-road
Publicado em: 30/04/2016

Ação inédita mostra espírito de competição renovado na marca dos três diapasões
Redação MotoX.com.br - Fotos: Lucídio Arruda, Maurício Arruda, Mario Villaescusa / Divulgação


Fábio Santos (MX2), Carlos Campano (MX1, Jean Ramos (MX1) e Ricardo Martins (Rali) são os pilotos oficiais da marca no 0ff-road

A Yamaha vive no Brasil a sua fase mais off-road dos últimos anos. Esta foi a sensação deixada pela apresentação oficial da equipe 2016, realizada nesta quinta-feira (28) na Fazenda ASW em Mogi das Cruzes (SP). O evento inédito, com a presença dos pilotos oficiais, do staff da equipe e da diretoria da marca foi cheio de ação nas pistas e trilhas locais, mostrando uma renovação no espírito de competição da empresa.


Time Geração Yamaha e sua forte infra-estrutura

A equipe de motocross Yamaha Grupo Geração apresentou uma grande estrutura que dará suporte aos pilotos Carlos Campano, Jean Ramos e Fábio Santos nas principais competições do calendário nacional. As motos, na cor amarela em substituição ao tradicional azul das últimas temporadas - remetendo aos 60 anos da linha YZ -, estão mais bonitas, velozes e chamativas. A estrutura, que tem como base uma grande e imponente carreta, é a mais completa desde o surgimento do time em 2005. A ASW segue vestindo o time fornecendo os conjuntos de equipamentos aos pilotos e assim como as camisas usadas pelos demais integrantes.   


A equipe oficial de motocross com Campano, Santos e Ramos

No dia de confraternização, sem a pressão de um dia de prova, os pilotos falaram de temas diversos mas, claro, também das competições. Carlos Campano e Jean Ramos, que lutaram pelo título nacional da MX1 até a última etapa em 2015, assumem a condição de favoritos até a estreia no próximo dia 15 em Limeira (SP).

Atual campeão brasileiro, o espanhol avalia que a cada ano a concorrência é maior. "São muitos bons pilotos, cada vez mais preparados, por isso acho mais difícil manter o título do que conquistar", disse Campano.

Entre as primeiras preocupações do espanhol certamente está o seu companheiro de equipe. Com o rendimento em visível crescimento no último ano e demonstrando ainda mais foco para 2016, o paranaense Jean Ramos é a aposta de muitos fãs que querem ver o troféu da categoria principal novamente nas mãos de um brasileiro.


Yamaha YZ450F de Carlos Campano

Na MX2, a aposta da equipe é o jovem Fábio Santos, também conhecido como Moranguinho. Depois de disputar a mais recente edição do Motocross das Nações e fazer boa parte da pré-temporada na Espanha, ao lado de Campano, o paulista está mais experiente e confiante para brigar pelo título nacional em seu segundo ano na categoria.

Principal piloto da marca no Rali, Ricardo Martins, além de disputar as principais provas do circuito nacional da modalidade, terá um novo e importante desafio em breve: disputar pela primeira vez o Rally Dakar, já na próxima edição. Por isso essa temporada ganha um contorno especial para o catarinense de Florianópolis radicado em Palhoça.


Jorge Negretti

Aos 48 anos, o multicampeão de motocross e pioneiro do FMX no país Jorge Negretti ainda tem muito o que experimentar sobre duas rodas. O veterano falou com brilho nos olhos e empolgação sobre a sua primeira experiência em uma competição de Supermoto, durante o fim de semana anterior. Além disso, não descarta a possibilidade de disputar provas de motocross ainda nesta temporada.        


Curso para os jornalistas com Hélio Mazzarella

Para os profissionais de imprensa o dia também foi cheio de atividades especiais. Após acompanhar a demonstração dos pilotos profissionais de motocross, todos puderam fazer um curso de pilotagem com o instrutor Hélio Mazzarella, o Boxexa. Para a atividade pelas pistas e trilhas da fazenda, bastante elogiada pelos participantes, foram disponibilizadas várias TTRs 230, o modelo. Também foi possível experimentar as versões 2016 das desejadas YZFs 250 e 450, mas isso é assunto para outro artigo previsto para daqui algumas semanas.    


Foi também um dia para um bate papo descontraído com os pilotos

Os atletas do time Yamaha On-Road, Rafael Paschoalin e os irmãos Ton e Meikon Kawakami também marcaram presença no evento em Mogi das Cruzes. Confira mais informações abaixo no perfil completo de todos os pilotos oficiais e satélites com as informações divulgadas pelas respectivas assessorias de imprensa.

Pilotos da MX1


Carlos Campano

Carlos Campano
Moto: Yamaha YZ450F
Data de nascimento: 15 de setembro de 1985
Cidade natal: Sevilha - Espanha
Onde reside: São José - Santa Catarina
Curiosidade: Campano, em 2009 fez sua primeira corrida no Brasil, durante o Mundial de Motocross realizado em Canelinha, Santa Catarina. Conquistou aqui um dos grandes resultados de sua carreira, o sexto lugar na categoria MX1 (atual MXGP). Neste ano também venceu o campeonato espanhol de 450. Em 2010 viveu o ápice ao se tornar campeão mundial de motocross na categoria MX3. No fim de 2011, participou de uma prova internacional realizada em Canelinha, SC. Venceu e começou sua história de conquistas no Brasil. Em 2012, mudou-se em definitivo para viver em São José, na Grande Florianópolis e passou a defender as cores da Yamaha Grupo Geração. Se consagrou então campeão brasileiro de motocross e da Superliga Brasil de Motocross, ambos na categoria MX1. Além disso, é vice-campeão do Arena Cross 2012.
 
Principais títulos
Tricampeão brasileiro de motocross (2012, 2014 e 2015)
Campeão do Arena Cross Brasil (2014)
Campeão Mundial MX3 (2010)
Multicampeão espanhol de motocross


Jean Ramos

Jean Ramos
Moto:
Yamaha YZ450F
Data de nascimento: 28 de fevereiro de 1989
Cidade natal: Curitiba, Paraná
Cidade onde mora: Curitiba, Paraná


 
Está na equipe Yamaha desde 2015. Em janeiro daquele ano disputou o AMA Supercross, nos Estados Unidos, defendendo as cores do time azul. Ao voltar para o Brasil, foi vice-campeão brasileiro de motocross e de Arena Cross. Representante do Brasil no Motocross das Nações em duas oportunidades, é hoje o principal piloto brasileiro em atividade.

Principais títulos
Campeão brasileiro de MX2 (2011)
Campeão brasileiro de supercross
Campeão do Arena Cross Brasil
Campeão latino-americano de motocross
Multicampeão paranaense de motocross


Piloto da MX2


Fábio Santos

Fabio Santos
Moto: Yamaha YZ 250F
Data de nascimento: 20 de setembro 1996
Cidade natal: Itatiba, São Paulo
Onde reside: Jarinú, São Paulo

Está na equipe desde 2015. Se destaca pela forma arrojada como pilota sua YZ 250F. Representou o Brasil no Motocross das Nações de 2015, na categoria MX2. É favorito ao título do Brasileiro MX em 2016 na classe das 250.

Principais títulos
Bicampeão da Superliga Brasil de Motocross (2012 e 2015)


Rally


Ricardo Martins
Moto:
Yamaha WR 250 e YZ 450F
Categoria: Production Aberta no rally cross country
Nascimento: 24 de maio de 1980
Cidade natal: Florianópolis, Santa Catarina
Cidade atual: Palhoça, Santa Catarina


Ricardo Martins

Ricardo Martins, 35 anos, é um dos principais pilotos de rally do Brasil. O catarinense é o atual campeão brasileiro da modalidade e acumula participações em grandes competições internacionais, como o Rally dos Sertões e o Baja Portalegre 500, além de ter em sua estante o troféu do campeonato brasileiro de rally baja e outras competições como Rally Baja Jalapão 500, RN 1500, Rota SC, entre outros.

Desde 2013, Martins compete pelo time Yamaha Grupo Geração. Sua meta é vencer os campeonatos nacionais em 2016 e participar do Rally Dakar em 2017.

Principais títulos
Campeão brasileiro de rally baja (2015)
Campeão do Rally Jalapão 500
Campeão do RN 1500
Campeão do Rally Rota SC


Pilotos satélites

MX2


Pepê Bueno
Moto:
Yamaha YZ 250F
Data de nascimento: 11 de julho de 1997
Cidade natal: Cornélio Procópio, Paraná
Onde reside: Curitiba, Paraná
Principais títulos: campeão do Arena Cross Brasil (2009) e do Paranaense de Motocross nas categorias MX1 e MX2 (2015)

Rally

Daniel Crema
Moto:
Yamaha WR 250
Nascimento: 3 de setembro de 1979
Cidade natal: Criciúma, Santa Catarina
Cidade atual: Criciúma, Santa Catarina


Pilotos On-Road

Rafael Paschoalin - Yamaha Racing Team - Pikes Peak


Rafael Paschoalin

Depois de estabelecer um marco no motociclismo mundial e nacional como primeiro piloto brasileiro no TT Isle of Man, uma das competições mais tradicionais e perigosas do globo, o piloto Rafa Paschoalin, 32, se prepara para uma subida de montanha extrema.


Yamaha MT-07
Profissional dos esportes a motor, Paschoalin, será o primeiro brasileiro - mais precisamente o primeiro piloto latino americano, a participar do Pikes Peak International Hill Climb, também conhecida como Corrida Para as Nuvens, que acontece dia 28 de junho em Colorado Springs, nos Estados Unidos.  Essa é a segunda corrida mais antiga dos Estados Unidos, que acontece desde 1916 e neste ano comemora 100 anos, perdendo apenas para Indianápolis (1909).

Nesse último século o traçado original, com cerca de 20 km e 156 curvas começou sem pavimento e por muitos anos foi misto: asfalto e terra, e desde que foi 100% pavimentada passou a acumular uma avalanche de recordes.  A subida tem 156 curvas e esse ano, a competição comemora 100 anos. Paschoalin irá para a disputa com uma Yamaha MT-07. A possibilidade de usar a MT-07  surgiu este ano, com a mudança do regulamento para essa edição, que a partir de agora não aceita mais motocicletas com semiguidões, ou seja, apenas motos que tenham originalmente o guidão sobre a mesa são aceitas. 

Além do guidão plano, a MT-07 é bastante equilibrada na distribuição de peso com motor pendurado como elemento estrutural do chassi, apresentando uma geometria e centralização de massa que resulta em leveza nas mudanças de direção e ciclística invejável.

Mas o que melhor a define, como The Dark Side of Japan é seu motor bicilindrico crossplane de 689 cc e 74,8 CV.  Leve e compacto entrega torque em baixas e médias velocidades, sem perder em alta - elasticidade, contribuindo nas retonadas o que em conjunto com o escalonamento do câmbio de seis velocidades faz da MT-07 a escolha certa para alcançar às nuvens. Além de superar os efeitos da altitude no PPIHC, onde os pilotos largam a mais ou menos 2300 m de altitude e cruzam a linha de chegada a mais de 4300 m, onde o ar rarefeito castiga máquinas e pilotos.

Yamaha Racing Team On-Road - R3 Cup e Superbike Multimarcas 300cc


Irmãos Kawakami

O maior campeonato de motovelocidade das Américas, o SuperBike Brasil terá uma novidade e tanto para a temporada deste ano, a Yamaha R3 Cup. A intenção é aumentar a inclusão de pilotos iniciantes na categoria. Na R3 Cup, todos os participantes irão disputar as provas com a bicilíndrica de 321 cilindradas, YZF-R3.

Serão 8 provas da Yamaha R3 Cup no calendário deste ano :
1ª Etapa: 22 de maio, Autódromo de Interlagos (SP)
2ª Etapa: 12 de junho, Autódromo de Interlagos (SP)
3ª Etapa: 17 de julho, Autódromo de Interlagos (SP)
4ª Etapa: 21 de agosto, Autódromo de Interlagos (SP)
5ª Etapa: 25 de setembro, Autódromo de Curvelo (MG)
6ª Etapa: 23 de outubro, Londrina (PR) ou Rio Grande do Sul (RS)
7ª Etapa: 13 de novembro, Autódromo de Goiânia (GO)
8ª Etapa: 11 de dezembro, Autódromo de Curvelo (MG)

A Yamaha contará com uma equipe oficial para o SuperBike Brasil, participando da também nova categoria, "300 cilindradas Multimarcas".

A equipe conta com dois pilotos que vão dar muito o que falar, os irmãos nipo-brasileiros Ton (15 anos) e Meikon Kawakami (14 anos). Eles voam baixo, Ton foi campeão das 100 milhas de motovelocidade (2014) e Meikon foi campeão brasileiro de 250cc (2014) e além disso disputa em 2016, juntamente com a competição no Brasil, a Moriwaki Cup na Europa (uma das categorias de acesso à MotoGP).

Eliton "Ton" Kawakami
Idade: 15 anos
Estreia nas pistas: 2008 no Japão

Resultados:
Japão

2008 - 4º Lugar - NSR 50
2010 - 4º Lugar - Campeonato HRC
2011 - 5º Lugar - Campeonato HRC
2012 - 4º Lugar - Campeonato da Asia Cup

Brasil
2013 - 3º Lugar - Campeonato Paulista
2013 - 4º Lugar - Moto1000GP categoria GPR250
2015 - Campeão das 100 Milhas categoria 250cc (500 Milhas do Brasil)
2015 - Vice-campeão da Moto1000GP categoria GPR 250
2016 - Campeão da 1ª Etapa SuperBike Brasil

Meikon Kawakami
Idade: 14 anos
Estreia nas pistas: 2009 no Japão

Resultados:
Japão

2009 - 3º Lugar - NSR 50
2010 - Vice-campeão - NSR 50
2011 - 5º Lugar - NSF 100 HRC
2012 - Campeão NSF 100

Brasil
2013 - Campeão Paulista
2013 - Vice-campeão Moto1000GP categoria GPR250
2014 - Campeão Brasileiro Moto1000GP categoria GPR250
2016 - Campeão das 100 Milhas categoria Yamaha R3 (500 Milhas do Brasil) - 2º no Geral
2016 - Campeão 2ª etapa Copa Pirelli

Europa
2016 -Moriwaki 250 Junior Cup

Mais fotos


 



Em ação com a TTR230



Jorge Negretti


 







Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet