X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Reportagens > Especial

68 anos comemorados na pista de motocross
Publicado em: 12/09/2013

O lendário Roque Colman completa mais uma ano de vida acelerando com os amigos
Redação MotoX.com.br - Maurício Arruda - Fotos: Silvia Fortes


Roque Colman comemorando seus 68 anos na pista de motocross


Nos treinos, o veterano mede forças com pilotos que muitas vezes tem um terço da sua idade
Ele é um sessentão que acelera forte rumo aos 70 anos. Roque Colman, verdadeira lenda viva do motocross sulamericano, acaba de completar 68 anos. Histórias não faltam para este uruguaio que há mais de 40 anos adotou o Brasil e o motocross, e elas não param de ser renovadas: Roque segue na ativa, acelerando nas competições e dando trabalho aos concorrentes. "Continuo competindo com frequência, disputando corridas. Ganhei um campeonato de velocross recentemente, mas gosto mesmo é de correr no motocross. Há poucos dias completei um campeonato em terceiro, foi bom", conta com a naturalidade de quem vive e respira motocicletas há décadas.

Os amigos sabem que a maior diversão para o veterano é acelerar em uma pista de motocross, por isso reuniram-se no Kalango Cego, conhecido circuito em Itupeva (SP), no último fim de semana para celebrar os 68 anos do piloto. Até hoje Roque gosta de desafios, quando vê um amigo na pista e acha que pode ser mais rápido, faz questão de medir forças. Não é raro ver o "Véio", como carinhosamente é chamado por alguns, mostrar mais velocidade que pilotos com metade da sua idade, ou até um terço ou menos. Quem dúvida que vá acelerar com ele, mas se prepare para ser surpreendido ou ultrapassado.


Roque (de vermelho e preto no centro) festejando o aniversário com os amigos

O que ninguém dúvida ou questiona, é que Roque Colman é um exemplo e uma referência. Mostra que não há idade para a prática do motocross e que o mais importante é a paixão pelo esporte, que ele alimenta semanalmente, seja durante o trabalho no comando da CRC Racing, sua loja em São Paulo, ou nos momentos de lazer - e competição! - nas pistas. Parabéns Roque Colman! Que venham os 69, os 70 e muitos anos mais de pista pela frente.









© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet