X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Reportagens > Especial

Honda apresenta equipes e investimentos em competição
Publicado em: 22/02/2013

Marca terá 11 pilotos oficiais e mantém apoio a seis equipes satélites
Redação MotoX.com.br - Malu Souza - Fotos: Lucídio Arruda / Maurício Arruda


Honda apresenta os 37 pilotos que irão representar a marca nas competições em 2013


Assista na MotoX TV um vídeo exclusivo do evento
Com 11 pilotos oficiais e o apoio a seis equipes satélites de diferentes modalidades, a Honda do Brasil apresentou nesta quarta-feira (20) seu projeto para a temporada de competições 2013. Além de bancar os pilotos, a marca mantém também o patrocínio a diversos Campeonatos Nacionais e Internacionais como o GP Brasil de Motocross, em maio, em Penha (SC), e a etapa brasileira do Mundial de MX3, em agosto, em Macaé (RJ).

Este ano, a Honda manteve o investimento em três modalidades com pilotos oficiais, o Motocross, que contará com os veteranos na equipe Wellington Garcia (MX1) e Thales Vilardi (MX2). As novidades são os portugueses Joaquim Rodrigues (MX1) e Paulo Alberto (MX2). O primeiro chega ao país com o tricampeonato português de Supercross na categoria SX Elite. Enquanto Paulo Alberto foi campeão português de Motocross também na Elite, além de compor a equipe que garantiu o nono lugar no Motocross das Nações em 2012.


Quatro pilotos integram a Equipe Honda Mobil de Motocross. Wellington Valadares (centro) é o chefe da equipe


Os portugueses Joaquim Rodrigues (MX1) e Paulo Alberto (MX2) são a nova aposta da Honda nas pistas de motocross ao lado dos brasileiros Wellington Garcia (MX1) e Thales Vilardi (MX2)
Ambos estão ansiosos e ao mesmo tempo curiosos com o início da temporada em um território totalmente diferente. "Estou muito feliz em integrar a equipe Honda no Brasil e espero ter um bom ano", comentou Joaquim. "O meu objetivo era vir para o Brasil. A equipe Honda de Motocross aqui é bastante grande. Eu não tinha idéia da dimensão dela e, por isso, só posso estar contente por começar a trabalhar e lutar pela vitória na minha classe", completou Paulo Alberto.

Todos eles serão liderados pelo chefe de equipe Wellington Valadares, que acredita no crescimento do grupo com a chegada dos europeus. "A expectativa é a melhor possível. Com os dois estrangeiros na equipe teremos um intercâmbio muito bom. Temos a pressão de ser a maior equipe do Brasil, mas vamos continuar na mesma linha, trabalhando para conseguir o melhor."

A equipe de rali é ainda maior. Liderado pelo mineiro Dário Júlio, tricampeão brasileiro, o grupo conta também com o veterano Jean Azevedo, com os irmãos Ike e Guto Klaumann e com Nielsen Bueno. Na motovelocidade, os representantes vermelhos serão José Luiz Teixeira, o Cachorrão, e Maico Teixeira.



Este é o novo visual das motocicletas da equipe oficial


Copa EFX Honda ASW é um dos novos investimentos em competição
A marca japonesa também irá apoiar as equipes de motocross Vulcano Ipiranga IMS, Itamaracá Racing Fox, Dunas Team e LS Racing, que conta com o ex-piloto oficial Honda, Leandro Silva. No enduro, os investimentos irão para a ASW Enduro Racing Team e, no motocross freestyle, a outra novidade será o patrocínio a equipe J99, do mato-grossense Gilmar Flores, o Joaninha.

Entre as competições, a marca fará vários investimentos a começar pelo Brasileiro de Motocross e Arena Cross, além das etapas brasileiras do Campeonato Mundial de Motocross e Mundial de MX3. Uma novidade é o patrocínio à Copa EFX Honda ASW e a CAAC Honda ASW, que a cada ano recebem um número maior de inscritos.


Sandro Hoffmann, Sabrina Katana e Ronald Santi, pilotos de enduro de regularidade do ASW Enduro Team

Para Alexandre Cury, gerente geral comercial da Honda, este ano será de muitos desafios por uma série de circunstâncias. "A queda do mercado de 2012 foi bastante significativa. Tivemos uma redução de 20% nas vendas, o que causou impacto nos negócios. Mas também, certamente, trará um grande desafio para nossa equipe, pois temos que criar coisas novas. Estamos confiantes de que esta nova temporada será muito importante para todo o motociclismo nacional e a Honda terá uma parcela muito importante para o desenvolvimento do esporte no Brasil", analisou.


Equipe Vulcano Ipiranga IMS é um dos times satélite no motocross

A marca irá investir também no desenvolvimento de novos talentos que utilizarão durante a temporada das competições com os modelos CRF 110F e CRF 150F e e CRF 150R. "A Honda olha muito para o futuro do esporte e ele começa mas categorias de base, no desenvolvimentos de novos talentos", completou Cury, lembrando que o foco é atrair e formar pilotos de 10 a 16 anos.

A gerente de marketing Cláudia Canazza afirma que a Honda estará focada no desenvolvimento de suas equipes com um novo formato de gestão. "A cada temporada, a Honda busca a evolução. Por isso, adotamos este novo modelo de gestão, com profissionais dedicados ao desenvolvimento da equipe."


Veja também: Galeria com mais imagens do evento

Equipes Oficiais

Equipe Honda Mobil de Motocross
Wellington Garcia - MX1
Joaquim Rodrigues - MX1
Thales Vilardi - MX2
Paulo Alberto - MX2

Equipe Honda Mobil de Rali
Dário Júlio - Super Production
Jean Azevedo - Super Production
Ike Klaumann - Super Production
Nielsen Bueno - Production Aberta
Guto Klaumann - Production Aberta

Equipe Honda Mobil de Motovelocidade
José Luiz Teixeira "Cachorrão" - SuperBike Pro
Maico Teixeira - SuperBike Pro

Equipes Satélites

Vulcano Ipiranga IMS
Adam Chatfield - MX1
Leonardo Lizott - MX2
Stefany Serrão - MX Fem e MX3
Murilo Tomazelli - CRF 230F
Marcos Moraes - CRF 230F
Gabriel Della Flora - Júnior

LS Racing
Leandro Silva - MX1
Sean Lipanovich - MX2
Leonardo de Souza - Júnior
Emerson de Oliveira - Júnior
Mauriti Humberto Júnior - CRF 230F
Fabiano dos Santos - CRF 230F

Itamaracá Racing Fox
Gustavo Pessoa - MX2
Carlos Evangelista - Júnior

Dunas Team
Endrews Armstrong - MX2
Fábio dos Santos - MX2
Ismael Rojas - MX2
Vitor Almeida - Júnior

ASW Enduro Team
Sandro Hoffmann - Enduro de Regularidade
Sabrina Katana - Enduro de Regularidade
Ronald Santi - Enduro de Regularidade

J99 Freestyle
Gilmar Flores - Joaninha
Henrique Balestrin - Zóio
Jonilson da Silva - Kiko Louco
Marcos Paris - Palmito
Roberto da Silva - Robertt Fire







© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet