X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Arena Cross

4ª etapa - São Bernardo do Campo - SP
Publicado em: 13/08/2010

Em momento decisivo Swian Zanoni confirma favoritismo ao título
Redação MotoX.com.br - Texto e fotos: Maurício Arruda 


Largada Categoria Júnior


Assista um clipe com os melhores momentos da categoria Pró na MotoX TV
O Arena Cross segue para a reta final com um piloto como favorito absoluto: Swian Zanoni. O último sábado, 7, marcou mais uma rodada perfeita para o líder do campeonato na categoria Pró, a segunda com dupla vitória nas baterias e terceira consecutiva com a conquista geral da etapa para o piloto que representa Nova Friburgo, RJ. Realizada em São Bernardo do Campo, SP, a quarta prova da temporada foi também a antepenúltima, ou seja, restam apenas duas corridas e oitenta pontos em jogo pra concorrência reagir e tentar reverter a ampla vantagem conquistada por Swian até aqui.

Bons pilotos não faltam para brigar pelo título com o piloto da moto número 7: Leandro Silva é o perseguidor mais próximo no campeonato, com desvantagem de 27 pontos, Jean Ramos, terceiro, está exatos 50 pontos atrás, Wellinton Garcia 66, e João Marronzinho 72. Há ainda, no grupo dos com remotas chances matemáticas, o costa-riquenho Roberto Castro, que não esteve presente nesta etapa pois disputava o Latino Americano de Motocross MX1 na mesma data - onde foi campeão -, que para sonhar com o título precisa vencer todas as baterias, desde que Swian não some mais nenhum ponto. 


Swian Zanoni


João Marronzinho
Nas corridas a maior dificuldade foi o piso que mostrou-se com linhas bastante lisas ao longo da noite. A combinação de sereno com um traçado bastante compactado em muitos pontos, exigiu um trabalho preciso dos pilotos, que não podiam exagerar na dose - qualquer excesso e o risco de queda era eminente -, então o négócio era ’acelerar na ponta dos dedos’. Nos treinos os sete primeiros colocados giraram no mesmo segundo, proximidade que valorizava ainda mais uma boa largada nas baterias.

Quem se deu bem na primeira da categoria Pró foi João Marronzinho, que partiu seguido por Swian Zanoni e Gustavo Takahashi. Apenas duas voltas depois Swian tomava a frente dando ’um tiro’ para escapar da concorrência. Marronzinho tentou reagir, mas, até encontrar o ritmo, Swian já tinha alguns segundos de vantagem e certa tranquilidade.

Foi o que o líder do campeonato precisou para vencer com pouco mais de seis segundos de vantagem sobre o catarinense, que também não foi incomodado, chegando na segunda posição. Já Leandro Silva batalhou bastante para conseguir a terceira colocação. No início da bateria foi ultrapassado por Kurt Rocha, caindo para o quinto lugar. Quando conseguiu retomar a posição, voltas mais tarde, enfrentou uma boa batalha com Takashi, que superou por cerca de meio segundo na bandeirada. 


Leandro Silva


Wellington Garcia
O quinto lugar foi de Wellington Garcia, que não largou bem, e está retomando o ritmo após a cirurgia que fez para retirada de um parafuso no tornozelo. Marcello Ratinho Lima e Anderson Cidade vieram na sequência, já com uma volta de desvantagem em relação ao vencedor. Kurt Rocha, após um erro, completou na décima posição.

Na volta pra pista Roosevelt Assunção e João Marronzinho entraram lado a lado na primeira curva da segunda bateria. Pior para Marronzinho que acabou escorregando pela lateral do primeiro obstáculo e, o que poderia ser uma excelente largada terminou em queda e última posição para o catarinense. Embalado, Roosevelt liderou o início de prova com Leandro Silva e Swian Zanoni na sequência.

Esta bateria foi bem mais agitada com mudanças de posição em todo o pelotão. Na frente Swian superou Leandro e, mais tarde, passou por Roosevelt para assumir a liderança. Mas o público vibrou mesmo com o desempenho de Marronzinho. Após o início conturbado, uma espetacular reação do piloto, que mostrou garra e determinação, virou a atração principal para a torcida. 


Prova foi disputada na véspera do Dia dos Pais e eles comemoraram junto com os filhos no pódio


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 278 Fotos!
Cada ultrapassagem provocava um frenesi nas arquibancadas. Tudo indicava que Marronzinho seria premiado com a segunda colocação, posto que atingiu com uma ultrapassagem sobre Leandro Silva, mas, quando as posições já estavam definidas, na última volta, uma nova queda devolveu a posição para o paranaense. "Fui ’dar o X’ no Jean Ramos (que estava uma volta atrás) e acabei escorregando", explicou Marronzinho. "Mas estou feliz com o resultado, foi meu primeiro pódio no Arena", comentou o piloto que fez sua terceira participação no campeonato e terminou ovacionado pelo público, em terceiro na bateria e também na soma das corridas.

Satisfação também exibia Swian, que ampliou significativamente a vantagem na competição com a dupla vitória. "Estou muito feliz, o final de semana foi perfeito. A pista estava muito difícil, com canaletas duras, estava escorregando demais por causa do sereno. Fiz uma prova sem nenhum erro grave e consegui abrir um pouco mais de vantagem". Leandro foi o segundo na bateria e na geral. "Na verdade não fiquei feliz em como andei na prova, minha corrida foi ruim. Por algum motivo não consegui me encontrar, estava me batendo um pouquinho com a pista, enfim, não estava no meu dia e o segundo lugar foi excepcional", analisou. Completaram os cinco mais rápidos da segunda bateria Wellington Garcia e Roosevelt Assunção, respectivamente. 


Hector Assunção


Thales Vilardi
A categoria Júnior começou conturbada com uma queda que provocou a paralização da bateria logo no início. Gustavo Amaral precisou de atendimento médico e a bandeira vermelha acabou agitada. Na relargada quem se deu bem foi Hector Assunção, e ele partiu determinado, com ótimo ritmo que manteve até a bandeirada. A vitória foi tranquila, assim como a segunda posição de Thales Vilardi, também de ponta a ponta.

Em compensação a disputa pelo terceiro lugar foi intensa. Na maior parte da prova Dudu Lima ocupou o posto, mas, no final, a pressão de Rafael Faria e Rodrigo Rodrigues foi mais forte. Dudu errou e terminou em quinto enquanto os adversários mantinham a disputa até a última volta, quando Rodrigues fez a ultrapassagem definitiva, conquistando o terceiro lugar. No campeonato, Hector, que até então estava empatado com Thales Vilardi, abriu três pontos de vantagem. Dudu Lima, Rodrigo Rodrigues e João Feltz ocupam as posições seguintes. 


Anderson Amaral


Kaio Miranda e Pepê Bueno
Endrews Armstrong chegou em São Bernardo como líder do campeonato da 85cc, mas, depois de largar na frente teve uma apresentação com erros, terminando a noite apenas na quarta posição, seu pior resultado até aqui. Anderson Amaral, seu principal adversário, inversamente, teve uma prova favorável, venceu com tranquilidade e passou para a ponta na tabela.

A disputa pelo segundo lugar envolveu Kaio Miranda e Pepê Bueno. Apesar da pista lisa e desfavorável à sua 2 Tempos, Pepê coseguiu se destacar, fez a ultrapassagem sobre Kaio e terminou brilhantemente na vice-liderança da prova. Kaio completou o pódio logo atrás, próximo ao paranaense. A quinta posição se definiu apenas no giro final, quando Guigão Francisco ultrapassou Leonardo Lizott comemorando bastante a manobra. 



Djalma Brito


Kioman Munoz
Na 65cc Kioman Munoz liderou metade da prova até perder a posição para Djalminha Brito. O paulista então conquistou alguns segundos de vantagem, suficientes para garantir a segunda vitória no campeonato. Kioman, que ainda não venceu, terminou em segundo - pela terceira vez na temporada - resultado mais do que suficiente para manter-se a frente na tabela.

Hugo Erthal, que segue vice-líder na classificação geral, completou a prova em terceiro, posição que alcançou ainda nas voltas iniciais. Carlos Evangelista e João Michelin, ambos com uma volta de desvantagem, foram quarto e quinto colocados na etapa. 



Guilherme Torres


Arthur Todeschini
Guilherme Torres começou na liderança a corrida da 50cc, mas foi ultrapassado por Arthur Todeschini ainda no início da corrida. Os dois, que brigaram diretamente pelo título da temporada, fizeram uma longa disputa pelo primeiro lugar. Guilherme insistiu na perseguição e foi premiado nas últimas voltas quando conseguiu a ultrapassagem e a vitória. Arthur completou em segundo mantendo a liderança do campeonato, dois pontos a frente de Guilherme. Ambos dividem as vitórias até aqui, brigando por cada ponto na competição.

Lucas Erthal desde o início manteve a terceira colocação, a mesma que ocupa no campeonato, onde completou a bateria. Alifer Rodrigues fez o mesmo e garantiu o quarta lugar. Para Thiago Brenner a situação foi bem diferente, uma má largada obrigou o catarinense a realizar uma prova cheia de ultrapassagens concluida no quinto posto.

Agora o campeonato tem as duas rodadas decisivas, em Itu, dia 11 de setembro, e em São José do Rio Preto, dia 9 de outubro, ambas no interior paulista. 


Próxima etapa será em Itu, SP

O Arena Cross 2010 tem o patrocínio da Honda e Aymoré Financiamento, co-patrocínio da Bridgestone, Shell Advance, Consórcio Nacional Honda, Metzeler, Red Nose e Revista Moto, além do apoio da Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo, SP.

Resultados

P 1ª Bat Pró Vol T Total Dif Equipe
1 7 Swian Zanoni 28 15:47.091 Moto Scala/Ccm/Avanutri/Pireli/Mobil/A
2 11 João Paulino 28 15:53.281 0.006 Honda/Mobil/Pirelli/Asw/Oakley/Reebok/
3 14 Leandro Silva 28 16:00.301 0.013 Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Oakley/Reebok/
4 27 Gustavo Takahashi 28 16:00.962 13,871 Circuit/ Honda
5 21 Wellington Garcia 28 16:03.760 16,669 Honda/Mobil/Pirelli/Showa/Asw/Ngk/Did/
6 38 Marcello Lima 27 15:48.707 1 Volta Vaz/Kawasaki/Rinaldi/Ims
7 20 Anderson Cidade 27 15:59.475 1 Volta Yamaha/Geração/Pirelli/Eletrosul/Tbt/D
8 931 Rafael Zenni 26 15:56.325 2 Voltas Polisport/Zenni Preparacoes/Pezao Bar/
9 29 Gabriel Gentil 26 16:08.798 2 Voltas Yahama/Geração
10 377 Kurt Rocha 25 16:10.281 3 Voltas Mx Parts/Honda/Ct Leandro Silva/Brasil
P 2ª Bat Pró Vol T Total Dif Equipe
1 7 Swian Zanoni 28 16:03.955 Moto Scala/Ccm/Avanutri/Pireli/Mobil/A
2 14 Leandro Silva 28 16:13.334 9,379 Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Oakley/Reebok/
3 11 João Paulino 28 16:19.560 15,605 Honda/Mobil/Pirelli/Asw/Oakley/Reebok/
4 21 Wellington Garcia 28 16:23.693 19,738 Honda/Mobil/Pirelli/Showa/Asw/Ngk/Did/
5 4 Roosevelt Assunção 28 16:25.467 21,512 Honda/Mobil/Asw/Pirelli/Dc
6 38 Marcello Lima 28 16:25.699 21,744 Vaz/Kawasaki/Rinaldi/Ims
7 931 Rafael Zenni 28 16:26.565 0.023 Polisport/Zenni Preparacoes/Pezao Bar/
8 377 Kurt Rocha 28 16:38.079 34,124 Mx Parts/Honda/Ct Leandro Silva/Brasil
9 27 Gustavo Takahashi 27 16:06.420 1 Volta Circuit/ Honda
10 18 Jean Ramos 27 16:09.845 1 Volta Honda/Mobil/Pirelli/Asw/Oakley/Jmr Esc
P Junior Vol T Total Estado Equipe
1 30 Hector Assunção 28 16:09.597 Honda/Asw/Mobil/Pirelli/Itamaraca Pneu
2 12 Thales Vilardi 28 16:15.838 6,241
3 28 Rodrigo Rodrigues 28 16:16.715 7,118 Circuit/Honda
4 16 Rafael Faria 28 16:17.083 7,486 Honda/Mt Racing/Brasil Racing/Pirelli/Mobil
5 338 Eduardo Lima 28 16:33.624 24,027 Vaz/Kawasaki/Rinaldi/Ims
6 25 João Feltz 27 16:12.442 1 Volta Yamaha/Grupo Geraçào/Pirelli/Destak/Tr
7 308 Matheus Corguinha 26 16:13.419 2 Voltas Beijoca Lingerie/Gabriela Lingerie
8 221 Everaldo Filho 26 16:14.085 2 Voltas
9 916 Gabriel Zenni 26 16:36.390 2 Voltas
10 211 Tauan Brenner 26 16:36.982 2 Voltas Concessionária Honda Toni Center/Conta
P 85cc Vol T Total Dif Equipe
1 4 Anderson Amaral 17 10:45.408 2b Racing/Duracell/Gilette/I9/Mormaii
2 34 Pedro Bueno 17 10:56.695 11,287 Brasil Racing/Mundial Prime/Jmr Escola
3 5 Kaio Miranda 17 10:58.383 12,975 Honda/Oakley/Mx Personal
4 1 Endrews Armstrong 17 11:01.108 0.016 Dunas/Brasil Racing/Honda
5 72 Wilgner Francisco 17 11:18.783 33,375 Mx Kids
6 7 Leonardo Lizott 17 11:18.939 33,531 Mx Parts/Brasil Racing/Honda/Ct Leandro Silva
7 17 Gustavo Pessoa 16 10:59.034 1 Volta Itamaraca Rodas/Honda/Fox Racing/Rodas
8 170 Patrick Abreu 16 11:00.420 1 Volta Bio Clian Energy
9 397 Roberto De Araújo 15 11:11.210 2 Voltas Cantinho Intimo Langerie
10 113 Kauê Fernandes 14 10:48.481 3 Voltas Guina Motos
P 65cc Vol T Total Dif Equipe
1 18 Djalma Brito 16 11:04.229 Transbritto/Brasil Racing/Bud/Flash Power
2 9 Kioman Munoz 16 11:07.421 3,192 Rinaldi/Tonin Bala Moto Pecas/Farmacia
3 16 Hugo Erthal 16 11:30.834 26,605 Madeireira Bom Jardim
4 49 Carlos Evangelista 15 11:09.395 1 Volta
5 126 Joao Michelin 15 11:13.961 1 Volta Usso Motos/ Posto Sólon/ Alpes/ Rádio Cultura
6 38 Yuri Campello 15 11:22.121 1 Volta
7 4 Vitor Almeida 15 11:30.304 1 Volta Adrenalina Mx/Colombo Leiloes
8 101 Renato Muguinho 15 11:32.425 1 Volta Mg Plast/Mr Pro
9 45 Leonardo De Souza 15 11:36.668 1 Volta Apolar Imoveis
10 19 Leonardo Almeida 14 11:08.310 2 Voltas Adrenalina Mx/Colombo Leiloes/Cromamix
P 50cc Vol T Total Dif Equipe
1 4 Guilherme Torres 15 11:20.542 Radiex/Asw/Motul/Scott/General/Orbital
2 3 Arthur Todeschini 15 11:28.968 8,426 Concrebel/ Cetric/ Moto Jeans/ Primavera Imóveis
3 11 Lucas Erthal 15 11:49.582 0.029 Madeireira Bom Jardim
4 67 Alifer Rodrigues 14 11:38.213 1 Volta Angullar Construçòes/Reginaldo Pneus
5 6 Thiago Brenner 14 11:47.209 1 Volta By China/Contabilidade Progresso
6 15 Lucas Torres 14 12:03.655 1 Volta Asw/Motul/Lem/Orbita/Motul/Ge
7 21 Joao Freitas 13 11:40.595 2 Voltas Miami Nautica/Duda Preparações/Apem
8 97 João Fernandes 13 11:44.269 2 Voltas 2di/Oxxy/Slt/Hesp/Rx Graphics/Steel Jo
9 99 Rafael Araujo 13 11:48.227 2 Voltas Cantinho Intimo Langerie
10 7 Ednilson Freitas 13 12:01.673 2 Voltas Moto Freitas






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet