X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Arena Cross

8ª etapa - Ribeirão Preto - SP
Publicado em: 13/09/2007

Roosevelt vence embolando a classificação
Texto e fotos: Luiz C. Garcia


Pódio MX2


Thales Vilardi
O Arena Cross entrou para a antepenúltima e oitava etapa da temporada em Ribeirão Preto (SP) com muitas surpresas. Numa prova - que por problemas técnicos teve que ser realizada no domingo - onde prevaleceu a competitividade, também vimos cair o último invicto da categoria.

Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 428 Fotos!

A "Califórnia Brasileira", como é conhecida Ribeirão Preto, viu ótimos pegas dentro da pista. Pista esta que foi considerada de alta porém muito técnica, com uma seção de costelas bem interessante que fez muitos pilotos "se perderem" e com o forte calor do domingo ainda exigiu mais dos pilotos. 

A disputa começou no sábado a noite com a primeira bateria da MX2, disputa que prometia muito devido o resultado da corrida anterior, realizada em Botucatu, onde Swian Zanoni venceu as duas baterias e tirou uma boa diferença para o líder do campeonato, Wellington Garcia. 

E foi Wellington quem largou na frente seguido de Gustavo Amaral (piloto que vem se destacando pelas ótimas largadas). Swian Zanoni largou no bolo, mas já no final da primeira volta ocupava a terceira posição. Edson Bertos e Thales Vilardi fechavam o bloco dos cinco primeiros na segunda volta. 


Swian Zanoni


Leandro Silva
Zanoni percebeu que para ter chances contra a ótima largada de Wellington teria que resolver logo contra Gustavo Amaral. E foi isso que ele fez, ultrapassou Amaral e foi com tudo para cima do líder. 

Thales Vilardi subiria ao terceiro posto após ultrapassar Edson Bertos e aproveitar um erro de Gustavo Amaral. Bertos também ultrapassa Amaral, mas tem o piloto da Suzuki na sua cola. Swian Zanoni tenta se aproximar de Wellington, mas o dia era do piloto da Honda, que com uma tocada segura vai controlando a diferença.
 
Quando a prova estava com sete minutos e meio o gerador responsável pela iluminação da pista apresenta problemas fazendo com que parte da iluminação fosse apagada. A direção de prova interrompeu a bateria com vitória de Wellington Garcia, seguido de Swian Zanoni, Thales Vilardi, Edson Bertos e Gustavo Amaral como os cinco melhores colocados. Com respeito ao campeonato, a prova foi válida pois já havia se cumprido mais de cinqüenta por cento do tempo total. 

A organização do evento bem que tentou contornar o problema realizaando a prova ainda no sábado, mas não foi possível. E todas as demais provas ficaram para o domingo. No segundo dia de evento a primeira categoria a entrar na pista foi a MX1. Vinte e sete pontos separavam os quatro primeiros dessa categoria, então poderíamos esperar boas disputas.


Jean Ramos


Danilo Almeida
Quem pula na frente é Leandro Silva seguido de Roosevelt Assunção, Jean Ramos, Rodrigo Guerreiro e Massoud Nassar. Pipo Castro larga na quinta colocação e começa a se recuperar ainda no começo da prova ocupando o quarto lugar. 

Leandro, andando muito forte neste início, administra bem a vantagem. Na segunda posição Roosevelt Assunção tem que suportar a pressão de Jean Ramos. Pipo em quarto não consegue entrar nessa briga. Pela quinta colocação Massoud Nassar e Nielsen Bueno travam uma feroz batalha pela posição. A corrida segue com esse panorama até o final. Vitória de Leandro Silva, Rossevelt em segundo, Jean em terceiro, Pipo em quarto e Massoud em quinto. 

O primeiro campeão da temporada 2007 do Arena Cross poderia sair da categoria 50 cilindradas onde para Leonardo Neto bastaria chegar na frente de Djalma Brito e Kioman Navarro. 

Leonardo Neto chegou invicto na temporada e mostrou disposição para decidir o título em Ribeirão pulando na frente. Danilo Almeida, Iuri Nitole, Kioman Navarro,Guilherme Costa e Matheus Mendonça vinham logo atrás. Djalma Brito se enrosca na largada e parte em nono. Guilherme Costa cai ainda na primeira volta e faz uma corrida de recuperação. 


Djalma Brito
Leonardo Neto tem na sua cola Danilo Almeida que não dá sossego. Kioman Navarro assume o terceiro lugar com folga na briga pelo quarto lugar entre Iuri Nitole e Djalma Brito que já no começo da prova vinha se recuperando. 

Leonardo Neto viu a vitória e o título mais perto quando Danilo Almeida erra nas costelas lhe deixando com uma vantagem segura. Danilo Almeida ainda se sustenta na segunda posição, mas vê de perto Djalma Brito que assume o terceiro posto após ultrapassar Iuri Nitole e se beneficiar da queda de Kioman Navarro. Matheus Mendonça, com problemas na moto, se sustenta na quarta colocação. Guilherme Costa se recupera e já apontava na quinta colocação na metade final da prova.
 
O campeonato estava quase definido, mas a quebra da moto de Leonardo Neto no final da prova deixou o campeonato ainda em aberto. Leonardo abandona a prova e perde sua invencibilidade. Bom para Danilo Almeida que assume a ponta e vence sua primeira corrida de Arena Cross. Djalma Brito ficou na segunda posição. Iuri Nitole crava a terceira posição. Matheus Mendonça e Guilherme Costa fecham os pilotos que sobem ao pódio. 


Ricardo Jurça


Kaio Miranda
"Foi minha primeira vitória no Arena Cross. Larguei bem, não deixei o Leonardo abrir e tive sorte quando a moto dele quebrou", comentou Danilo Almeida sobre sua vitória. 

Na 65 cilindradas Kaio Miranda largou na frente com Eduardo Rudnick logo atrás. Mas na primeira volta Rudnick cai no final da seção de costelas e demora muito para fazer sua moto funcionar novamente, voltando na ultima posição. Na outra volta foi a vez de Kaio Miranda, que escorrega na curva da chegada e volta na quinta colocação. Com isso quem assume a ponta é Manoel Kuhn, seguido de Ricardo Jurça, Matheus Prado e Matheus Corguinha. 

A liderança de Kuhn dura pouco, e a prova tem um novo líder, Ricardo Jurça. Kaio Miranda andando forte já era o segundo antes da metade da prova. Outro que anda forte e vem fazendo uma bela corrida de recuperação é Eduardo Rudnick.
 
Miranda não dá sossego para Jurça e parte com tudo para conquista a liderança da prova. Ricardo Jurça porém não permite que Kaio se distancie e fica em cima do ponteiro. Na metade final da prova as disputas ganharam uma pitada de emoção quando Eduardo Runick assume a terceira posição e vem pulverizando a diferença entre ele e os ponteiros. 


Gustavo Takahashi
Kaio começa a acelerar o ritmo de prova trazendo junto Ricardo Jurça, mas Rudnick mesmo assim vai tirando diferença. Porém na antepenúltima volta Rudnick cai novamente e volta na sexta posição. Vitória para Kaio Miranda com Ricardo Jurça em segundo. Matheus Corguinha, Manoel Kuhn e Mathes Prado fecham os cinco primeiros da categoria. 

Outra categoria que poderia definir o campeão na temporada 2007 era a 85 cilindradas. Hector Assunção precisava chegar na frente e torcer para que seus companheiros de equipe, Rodrigo Lama e Gustavo Takahashi, ficassem abaixo da terceira posição. 

Hector pula na frente na largada e é seguido por Takahashi. Lama vinha na terceira posição, mas erra e perde quatro colocações. Com isso Éder de Lima, Felipe Simões, Stefany Serrão e Matheus Ferraro ganham a posições. 

Na ponta Hector Assunção anda forte e vai abrindo vantagem em relação a Gustavo Takahashi que não é incomodado pelo terceiro, Éder de Lima. Rodrigo Lama começa a recuperar as posições que havia perdido e na metade da prova já ocupa o terceiro lugar, mas ainda longe de encostar em Takahashi. 


Hector Assunção
Sossego, foi o que não teve Stefanny Serrão na prova. Após largar na quinta colocação na metade da prova ela cravou no sexto lugar e defendeu com unhas e dentes a posição contra os ataques de Gabriel Marques. Ambos chegaram a alternar posição, mas Stefanny recuperou o posto terminando na frente. 

Vitória para Hector Assunção. Com a vitória o paulista praticamente assegurou o título: para sagrar-se campeão do Arena Cross agora Hector precisa apenas marcar 1 ponto dos 42 ainda em jogo nas duas etapas finais (40 pontuação das corridas e 2 para os melhores tempos no treino). 

Gustavo Takahashi ficou em segundo, Rodrigo Lama em terceiro, Éder de Lima em quarto e Felipe Simões em quinto. Matematicamente Rodrigo Lama tem chance de ser campeão, mas é preciso marcar todos os pontos possíveis e torcer ainda para que Hector não marque nenhum.  "Fiz uma boa largada, procurei não cometer erros na prova e deu tudo certo", comentou Hector. 


Wellington Garcia


Edson Bertos
A MX2 voltou a pista para a disputa da segunda bateria. E de novo, Welington Garcia pula na frente, só que ele não previa que Swian Zanoni, numa manobra ousada, assumisse a ponta na metade da segunda volta.

Só que logo em seguida o piloto da KTM cai na seção de costelas e deixa o caminho aberto para Wellington vencer a prova. Swian volta na quarta posição atrás de Gustavo Amaral e Thales Vilardi. Quem encosta também nessa briga é Edson Bertos. Swian não demora muito e reassume a segunda posição deixando a briga pelo terceiro lugar. Thales consegue ultrapassar nos minutos finais Amaral e Bertos e garante a posição. 

Na última volta Gustavo Amaral perde ainda a quarta posição após cometer um erro, deixando o posto para Edson Bertos. Na somatória das duas baterias, Wellington Garcia vence com Swian Zanoni em segundo. Thales Villardi, Edson Bertos e Gustavo Amaral fecham os cinco primeiros. 

"Consegui me recuperar nesta etapa das duas provas anteriores que não fui muito bem. Preferi não arriscar muito por que tenho ainda a final do Brasileiro de Motocross e o Nações. Graças a Deus deu tudo certo, agora é treinar para garantir o título já na próxima etapa" disse Wellington. 


Roosevelt Assunção


Pipo Castro
A MX1 foi a última a entrar na pista. Roosevelt assume a ponta seguido de Jean Ramos Leandro Silva, Dênis Cordeiro e Massoud Nassar. Pipo larga no bolo e fica somente na oitava posição. 

Roosevelt puxa o pelotão seguido de perto por Jean Ramos e Leandro Silva. Pipo Castro aproveita a briga dos ponteiros e recupera terreno, encostando na briga. Em seguida Leandro escorrega e cai numa curva deixa a terceira posição para Pipo Castro. O paranaense volta na quarta colocação. Briga muito boa foi a da quinta colocação entre Massoud Nassar e Nielsen Bueno que não dava espaço para o adversário. Essa briga durou até as últimas voltas quando Nielsen, que ocupava a quinta colocação erra e ao tentar voltar para a pista bate em Massoud. Mesmo assim Nielsen fica em quinto. 

Na somatória das duas baterias Roosevelt saiu como grande campeão da etapa de Ribeirão Preto. Leandro Silva foi o segundo, Jean Ramos o terceiro, Pipo Castro o quarto e Massoud Nassar o quinto. 


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 428 Fotos!
"Na primeira bateria andei redondo e terminei em segundo. Para a segunda bateria me concentrei e larguei bem, procurei colocar a cabeça no lugar e, mesmo sendo muito pressionado, consegui ficar tranquilo e vencer a prova", afirmou Roosevelt Assunção. 

A próxima prova do Arena Cross acontecerá na cidade de Indaiatuba, SP, no dia 29 de setembro. As emoções estão garantidas para a 9ª etapa que será decisiva para definição dos campeões da temporada. Prestigie! 

O Arena Cross é uma realização da Carlinhos Romagnolli Promoções & Eventos e conta com o patrocínio de Honda, Old Eight e Aymoré Financiamentos. O Co-patrocínio é de Peels, Pirelli, Consórcio Nacional Honda e Yamaha.

Resultados

Pos Num. Piloto Categoria MX1 (Soma das Baterias) Pts
03 Roosevelt Assunção Hon,Móbil,Pirelli, NGK,DID,ASW 36
2o 11 Leandro Silva Hon,ASW,Mr Pro,Renazi,Racing 32
18 Jean Carlos Ramos Oasia,água ,mineral Ouro Fino,R 2,IMS 29
10 Cristopher Castro Yam,Geração Motos, Pro Tork 24
5 Massoud Nassar Tassi Transportes,Jarbinhas Racing 18
153 Nielsen Bueno Suz,Petrobras,Pirelli 14
33 Rodrigo Guerreiro Mold Mix, Ronchetti,Central Supermercados 6
30 Juliano Ramos JMR escola de moto cross,Posto Costa Brava,Academia Mobi Dick 6
43 Denis Cordeiro Hon, Motorex,Race Tech,sinisalo,Íris,MR-Pro,Vertex 6
10º 14 Fábio Correa Hon,DID,NGK,Ims Polivisor,Polistosport,Griffe,Correa Hon 4
Pos Num. Piloto Categoria MX2 (Soma das Baterias) Pts
05 Wellington Garcia Hon,Mobil, Pirelli,Did, NGK, ASW, Orbital 41
23 Swian Zanoni Pro Tech,Sinisalo, zanoni racing, motorex, vertex, ktm, LMP/Metzeler, Benazi Racing, MR Pro 32
19 Thales Villardi Hon, mobil, pirelli, asw, orbital, hrc, polisport 26
36 Edson Bertos Ting, Sandeleh, Dismotor, IMS, Transp. Montemorense, B. Carneiro, Polisport 22
73 Gustavo Amaral Circuit, MR Pro 18
181 Rogger Torres CBN, Rede Tiradentes de radio televisão, honda 9
818 Edson de Angelis SBS, Dore Escapamentos, Port Glass, Brandy, Nefo Preparações 8
82 Murilo Bertani Moto mix 8
18 Rodrigo Taborda Oash, Rodrigo Racong 4
10º 311 Manoel Lisboa Lojas Zogbi,Color Print, Alphamol 2
Pos Num. Piloto Categoria 85cc Pts
04 Hector Assunção Hon, Mobil, NGK, Did, Pirelli, Oakley, Orbital, Master 20
06 Gustavo Takahashi Hon, Móbil, Pirelli, ACW, Oakley, Riffel, Polisport, Orbital, Consórcio Nacional Hon, Frgeri, MR Pro 16
11 Rodrigo Santos Lama Hon, Mobil, Riffe, NGK, ASW, Pirelli, Polisport, Siscos Master, Griffe Correa 13
916 Eder de Lima Pintura de Moveis Ader,Blim Pintura, Lima´s Automeveis 11
16 Felipe Favero Simoes Leite Fazenda Bela Vista, Supermercado Pierim,Renovadora de Pneus 2 irmãos,Unimed Guaxupé,Postos RVM,Condupasqua 9
97 Stefany Serrão Yam,Circuit,Valflex, Roncar,Doubex,General 7
39 Gabriel Marques BMCD Plasfer 5
45 Matheus Ferraro Centura Calçados 3
67 Raul Faustino - 2
10º 93 Luan Queiroz Lino Brandy Comercio e Industria,Capacete e Cia,Motomix Ribeirão 1
Pos Num. Piloto Categoria 65cc Pts
11 Kaio César Miranda Oakley,Frigeri,Fox,Racetech, Alpinestar,Circuit 20
99 Ricardo Tadeu Jurca 2 Racing, Negretti Preparações 16
17 Matheus R Corguinha - 13
15 Manoel Oliveira KUHN Transkuhn Ltda,Prefeitura Municipal de Triunfo,Castrol,Pneus Rinardi,MCR 11
715 Matheus Luis Prado - 9
6 Eduardo Rudnick Protork, Irmãosmaahs,Mitas,Silaqua,Cerro Branco 7
25 Marcelo Felipe L Souza Red Nose,General Motos,Kaerre,JPS Racing,Colégio Padre Anchioeta,Shandor Motocross,AFJ Preparações,AJ Motos 5
359 Carlos Lisboa Flocos Lojas Zogbi,Color Print,Alphamol 3
51 Lucas Gomes Santos - 2
10º 772 Daniel Macieira General Motos, RM Motos 1
11º 20 Raul Salmazo Senga, RR Motos, Estopas Ipanema 0
12º 7 Endrews Armstrong Tork,Protork,Mitas,JMR,Enzo,Jarva,R2 0
Pos Num. Piloto Categoria 50cc Pts
9 Danilo Luiz Almeida Bicicletas Barcala,Pro Tork,Churrascaria Estrelas de Prata 20
13 Djalma Brito Transbritto Cargas,Motovili express,Circuit 16
47 Iuri Nitole Dirt Action,HM Motor,ASW Fox,Frigeri,EVS 13
8 Matheus Mendonça Centro de Trenamento rio cross 11
6 Guilherme Torres da Costa - 9
11 Lucas Lima de Souza Rede Nose,General Motos,Kaerre,JPS Racing,Colégio Padre Anchieta, Shondor Motocross,AGF Preparações,AJ Motos 7
45 Renzo Cola Viana Polini,Motorex,Race Tech 5
88 Otavio Sousa Leite - 3
5 Kioman Navarro Tonin Bala Motos Peças 2
10º 26 João Gabriel Michelin Alpes,Posto Sólon,Motora Racing,Bom VR Papeis,Fogo Já 1
11º 67 Gustavo Lazarini Martins Lem Motor,ASW,Motul,MR PRD 0
12º 52 Pedro Sousa Leite Guincho Modelo 0
13º 17 Leonardo Correa Lem Motos,ASW,Fox,Lubrificantes Motul,IR Gramas 0
14º 4 Leonardo Neto Gambatto Motos 0

    



Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet