X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

Edgers Racing

RX Graphics

KTM Sacramento

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Loja Ibox28

Nacar Yamaha

JPS Racing

Coach Motocross

Clique e saiba mais

> Competição > Arena Cross

2018 Caraguatatuba - SP - 1ª etapa
Publicado em: 24/05/2018

Paulo Alberto 100% na abertura do campeonato
Redação MotoX.com.br - Fotos: M&M Imagens e Tiago Lopes / Arena Cross e Marcelo Zambrana/Mundo Press

Piloto português, da equipe IMS Racing, conquista todos os pontos possíveis em Caraguatatuba


Pista da primeira etapa do Arena Cross 2018

A 20ª edição do Arena Cross teve início na noite do último sábado (19) em Caraguatatuba, litoral norte paulista. E a nova temporada começou como terminou a anterior, com uma corrida absolutamente dominada pelo português Paulo Alberto. O piloto da IMS Racing venceu a primeira etapa de 2018, assim como fez na final de 2017, conquistando todos os pontos possíveis, ou seja, vencendo o Duelo 1x1 e as duas baterias da categoria Pro.


Largada da categoria Pro

Voltando um pouco mais no tempo, vale lembrar que Alberto se manteve invicto por um longo período no Arena quando corria na MX2 e manteve a coroa assim que subiu para a categoria principal com o título já no primeiro ano. No entanto, nos dois últimos o troféu passou para as mãos de um brasileiro, o paranaense Jean Ramos. O piloto da Yamaha Monster Energy Geração foi o principal rival de Paulo Alberto em Caraguá e, pelo histórico de ambos nos últimos campeonatos, vem briga boa pela frente.


Paulo Alberto

Paulo Alberto não pode reclamar, pois teve uma noite perfeita. Depois do melhor tempo nos treinos, largou na frente de Jean Ramos (que registrou a segunda melhor marca) no Duelo 1x1 e o adversário pouco pôde fazer. Após duas voltas, vitória do portuga e os dois primeiros pontos garantidos.


Jean Ramos

A pista, com seções de costelas altas, várias sequências de saltos e mudanças bruscas no traçado, exigiu técnica e bastante condicionamento físico dos pilotos. Mal dava para respirar. Na primeira bateria, após mais um holeshot, Alberto mostrou que está em dia nestes quesitos, impôs um forte ritmo desde o início e manteve, com Humberto Martin, o Machito, como principal ameaça, mas sempre alguns segundos atrás. Em terceiro, Jean Ramos teve a sombra de Hector Assunção em boa parte da bateria.


Humberto Machito Martin

Restando poucos segundos para a direção de prova subir a placa de última volta, Machito errou, saiu da pista, se enrolou no bumping e perdeu posições. Paulo Alberto venceu com oito segundos de vantagem sobre Jean Ramos e Hector Assunção completou em terceiro. Machito ainda conseguiu a quarta posição, seguido do britânico Adam Chatfield.


Hector Assunção

Na segunda bateria mais uma largada perfeita para Paulo Alberto, desta vez com Jean assumindo a segunda posição, Hector a terceira e Machito a quarta. Jetro Salazar se juntou ao pelotão, enquanto Alberto novamente escapou na frente.


Jetro Salazar

Jean não conseguiu acompanhar e o português venceu mais uma. O atual bicampeão ainda teve que se cuidar para não permitir a aproximação dos rivais. No final, Hector errou deixando o terceiro lugar escapar para Machito que assim garantiu a mesma posição no pódio. Jetro conquistou a quarta posição e Hector retornou e completou a bateria na quinta.


Pódio da categoria Pro

Paulo Alberto (IMS Racing), 1º colocado: "Começamos muito bem, vencemos todas as vezes que estivemos dentro da Arena no fim de semana, isso foi incrível, agradeço a toda a nossa equipe e a todos os nosso patrocinadores isso só foi possível graças ao empenho de todos juntos!"


Festa do piloto IMS Racing no pódio

Jean Ramos (Yamaha Monster Energy Geração), 2º colocado: "Foi um dia bacana, mesmo tendo algumas dificuldades com a suspensão, coisa que precisamos ajustar. Mas me senti bem. Larguei entre os ponteiros nas baterias, o que ajudou a estar na frente, mas a parte técnica me minou bastante. Fiquei um pouco nervoso, briguei com a moto, então temos algumas coisas a melhorar. Estava sempre próximo da liderança. Vamos evoluindo, o começo foi bom, promissor."


Jorge Negretti e Rafael Ramos

Humberto Machito (Rota Kawasaki), 3º colocado: "Na primeira bateria, tive um erro no final e acabei ficando em quarto. Na segunda consegui algumas ultrapassagens no final, o Hector errou tabém, mas faz parte. O Arena é isso, a gente não sabe o que vai acontecer até o final. Estou feliz com minha equipe e o terceiro lugar".


Cláudio Rocha

Hector Assunção (Honda Racing), 4º colocado: "Todos os pilotos da categoria Pro são muito experientes, o que significa que qualquer um pode ganhar e cada erro custa muito caro. Foi apenas a primeira etapa, muita coisa ainda vai acontecer no campeonato, e eu vou trabalhar bastante para seguir na briga pelo título"


Pódio da 65cc

No campeonato por Equipes, novidade desta temporada, a IMS Racing lidera com 63 pontos seguida da Honda Racing (49 pontos) e Rota K Racing Kawasaki (44 pontos).


Pódio da 50cc

Mais duas baterias foram disputadas: na 65cc Garmichel Rodrigues foi o vencedor e na 50cc Francisco Emílio conquistou a liderança do campeonato. A noite ainda contou com o Duelo 1x1 Ídolos, onde Jorge Negretti - que acaba de completar 50 anos - levou vantagem sobre Rafael Ramos, e o Show de Freestyle com os pilotos Marcelo Simões, Cyro Oliveira e Cláudio Rocha completando as atrações.

Vídeos:

***Novo***
- Resumo oficial publicado em 29/05:











Reveja a transmissão oficial do evento:



Classificação do campeonato por equipes:
1º IMS Racing - 63 pontos
2º Honda Racing - 49 pontos
3º Rota K Racing/Kawasaki - 44 pontos
4º Yamaha/Geração - 40 pontos
5º Subs27 Orange/KTM - 17 pontos
6º Honda Racing 2 - 14 pontos
7º Venício Voigt - 13 pontos

Resultados

Pos Pro (Soma) Pontos Totais Bat1 Bat2 1x1
1 211 Paulo Alberto 42 20 20 2
2 01 Jean Ramos 35 17 17 1
3 101 Humberto Martin 28 13 15 --
4 30 Hector Assunção 26 15 11 --
5 20 Jetro Salazar 23 10 13 --
6 407 Adam Chatfield 21 11 10 --
7 27 Thales Vilardi 17 8 9 --
8 134 Caio Lopes 16 9 7 --
9 934 Lucas Dunka 14 6 8 --
10 51 Venicio Voigt 13 7 6 --
11 04 Fabio Santos 5 5 0 --
12 513 Tata Pelegrino 0 0 0 --

Pos Pro Bat 1 Vol Dif Gap Tempo M Vol
1 211 Paulo A. 30     15:51.622 30,056
2 01 Jean R. 30 8,300 8,300 15:59.922 30,323
3 30 Hector A. 30 9,582 1,282 16:01.204 30,313
4 101 Humberto M. 30 12,819 3,237 16:04.441 30,054
5 407 Adam C. 30 17,720 4,901 16:09.342 30,124
6 20 Jetro S. 30 21,130 3,410 16:12.752 30,043
7 134 Caio L. 29 1 Volta 1 Volta 16:23.656 31,134
8 27 Thales V. 28 2 Voltas 1 Volta 15:50.251 31,466
9 51 Venicio V. 28 2 Voltas 23,813 16:14.064 31,620
10 934 Lucas D. 27 3 Voltas 1 Volta 16:19.588 30,731
11 04 Fabio S. 25 5 Voltas 2 Voltas 15:52.813 31,272
Pos Pro Bat 2 Vol Dif Gap Tempo M Vol
1 211 Paulo A. 30     15:52.907 29,895
2 01 Jean R. 30 4,998 4,998 15:57.905 30,181
3 101 Humberto M. 30 10,530 5,532 16:03.437 30,214
4 20 Jetro S. 30 12,360 1,830 16:05.267 30,338
5 30 Hector A. 30 17,117 4,757 16:10.024 30,393
6 407 Adam C. 29 1 Volta 1 Volta 16:18.922 31,267
7 27 Thales V. 28 2 Voltas 1 Volta 15:56.024 31,642
8 934 Lucas D. 28 2 Voltas 16,391 16:12.415 31,244
9 134 Caio L. 28 2 Voltas 4,181 16:16.596 31,704
10 51 Venicio V. 28 2 Voltas 3,018 16:19.614 32,239

Pos 65cc Vol Tempo/Dif M Vol
1 04 Garmichel Rodrigues 16 10:43.057 36,564
2 07 Rafael Becker 16 7,915 37,495
3 160 Felipe Marques 16 18,259 37,793
4 28 Vitor Hugo Borba 16 26,113 38,782
5 55 Gustavo Rorigues 16 30,516 38,010
6 205 Raul Miranda 15 1 Volta 39,377
7 931 Felipe Maia 15 1 Volta 40,377
8 111 Thais Castro 15 1 Volta 40,905
9 03 Bernardo Tiburcio 15 1 Volta 39,449
10 113 Ana Leticia Watfe 14 2 Voltas 42,115
11 317 Bruno Leal 12 4 Voltas 40,382

Pos 50cc M Vol Dif Vol
1 06 Francisco Emilio 40.98 0   14
2 712 Gustavo Torres 42.28 1 7.63 3 14
3 222 Breno Aguiar 43.23 3 9,615 14
4 158 Luiz Henrique Tapari 42.37 5 38.20 9 14
5 717 Lucas Pereirada Silva 43.10 5 38.95 9 14
6 22 Nikolas Tapari 43.53 5 1 Volta 13
7 15 Mateus Oliveira 45.20 7 1 Volta 13
8 19 Denyter Dorfschmidt 46.35 2 1 Volta 13
9 95 Lucas Cabral 46.35 8 1 Volta 13
10 413 Felipe Martini 44,825 1 Volta 13
11 94 Caio Tiburcio 48.51 5 2 Voltas 12
12 05 Joao Aquino 46.23 9 2 Voltas 12
13 84 Paulo De Petris 49.66 8 2 Voltas 12
14 02 Vitor Hugo 46.96 1 2 Voltas 12




Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet