X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Arena Cross

2017 Lençois Paulista - SP - Final
Publicado em: 21/12/2017

Jean Ramos conquista bicampeonato na categoria Pro. Paulo Alberto domina etapa final
Redação MotoX.com.br - Fotos: Tiago Lopes e MM Imagens - Arena Cross / Wander Roberto - Vipcomm


Largada da categoria Pro

Depois de passar por Caraguatatuba (SP), Criciúma (SC) e Ourinhos (SP), o Arena Cross foi até Lençois Paulista no último sábado, dia 16, para a corrida decisiva da temporada 2017. Com apenas duas categorias em disputa no campeonato, Pro e 50cc, o evento voltou neste ano a contar com apresentações de Freestyle Motocross entre as baterias (confira em um dos vídeos abaixo), algo que andou fora da programação por um bom tempo. Os Duelos 1x1 complementaram as atrações principais.


Pista da final do Arena Cross em Lençois Paulista

Chegando com boa vantagem na classificação, Jean Ramos tratou de usar a cabeça e evitar riscos para garantir o bicampeonato na Pro. Nos treinos conquistou o segundo tempo, atrás de Paulo Alberto, e teve o português como rival no Duelo 1x1. Após algumas trocas de posição nas duas voltas do desafio, Paulo Alberto terminou na frente mostrando um excelente ritmo na interessante pista da final. No Duelo 1x1 Ídolos, Rafael Ramos bateu Jorge Negretti, um dos precursores do evento que fez uma participação especial voltando a acelerar no Arena Cross depois de muitos anos.  


Jean Ramos, bicampeão da categoria Pro no Arena Cross

Nas duas baterias da Pro, restou pouco para os adversários de Paulo Alberto fazerem. O piloto da Honda ditou o ritmo em ambas as corridas. Dois concorrentes ao título que podiam desbancar Jean Ramos, o britânico Adam Chatfield e o paulista Hector Assunção, em segundo e terceiro, terminaram a frente do paranaense. O venezuelano Humberto Martin era o quarto concorrente ao troféu, mas ao terminar em quinto viu suas chances ficarem reduzidas.


Paulo Alberto

Para Jean um quinto lugar na bateria final bastava, independente da classificação dos adversários. Sem chance de título, Paulo Alberto novamente não quis saber de conversa, disparou na frente e venceu mais uma. Jean até cruzou com Hector pelo pelotão, mas optou por não arriscar uma disputa desnecessária, andou no modo de segurança e completou num mais do que suficiente quarto lugar. Humberto Martin foi o terceiro e Adam Chatfield não foi além da 10ª colocação.


Hector Assunção

Jean comemorou o bicampeonato já de olho no seu próximo desafio, as provas do AMA Supercross. "Arena Cross é emoção até a última volta. Na primeira bateria fui um pouco mais agressivo e na segunda administrei o resultado. Foi uma das provas mais longas da minha vida. Mas graças a Deus deu tudo certo. Feliz pelo bicampeonato e ano que vem vamos buscar o tri. Agora todas as atenções se voltam para o AMA Supercross, que vou correr nos Estados Unidos a partir de janeiro", declarou o bicampeão da equipe Yamaha Monster Energy Geração.


Pódio da categoria Pro

Paulo Alberto, que manteve uma boa sequência de vitórias nas últimas corridas do circuito nacional, ficou satisfeito com o seu ritmo. "Fizemos a nossa parte mais uma vez. Estou feliz com o desempenho nesta reta final. Agora estamos na expectativa de fazer uma temporada ainda melhor em 2018", avaliou.


Os pilotos Cyro Oliveira, Diego Dias Djamdjian e Marcelo Simões (foto) fizeram apresentação de FMX na final do Arena Cross

Vice-campeão, Hector já pensa na próxima temporada. "Claro que corremos para ser campeão. Não deu, mas estou contente com o resultado desta última etapa, em que fiz dobradinha com o Paulo Alberto, e com o vice-campeonato. Em 2018 vamos para cima", destacou.


Rafael Becker, tricampeão da categoria 50cc

Na 50cc, o já tricampeão Rafael Becker confirmou as expectativas conquistando mais uma corrida da categoria com bastante facilidade. O catarinense, que já corre de 65cc em outras competições, esticou a permanência nas motos menores no Arena Cross para conquistar mais um título de maneira invicta, vencendo com uma volta de vantagem sobre todos os adversários. Luiz Tapari, vice-campeão, e Francisco Emilio completaram a corrida em segundo e terceiro, respectivamente.

Vídeos


















Resultados

P No. Pro (Soma) Pontos Totais 1x1 Bat1 Bat2
1 211 Paulo Alberto 62 2 30 30
2 30 Hector Assuncao 49 -- 23 26
3 1 Jean Ramos 41 1 20 20
4 101 Humberto Martin 40 -- 17 23
5 407 Adam Chatfield 35 -- 26 9
6 920 Jetro Salazar 31 -- 14 17
7 282 Joao Ribeiro 26 -- 12 14
8 2 Eduardo Lima 26 -- 15 11
9 4 Fabio Santos 24 -- 9 15
10 134 Caio Lopes 17 -- 11 6
11 27 Thales Vilardi 16 -- 8 8
12 934 Lucas Dunka 12 -- 0 12
13 5 Marcello Lima 6 -- 6 0

P Pro 1ª Bateria M.V. Diff Vol
1 211 Paulo Alberto 31,492   28
2 407 Adam Chatfield 32,030 6,709 28
3 30 Hector Assuncao 32,076 9,178 28
4 1 Jean Ramos 32,010 10,697 28
5 101 Humberto Martin 31,965 1 Volta 27
6 2 Eduardo Lima 33,152 1 Volta 27
7 920 Jetro Salazar 32,992 1 Volta 27
8 282 Joao Ribeiro 33,143 1 Volta 27
9 134 Caio Lopes 33,354 1 Volta 27
10 4 Fabio Santos 33,757 2 Voltas 26
11 27 Thales Vilardi 33,718 2 Voltas 26
12 5 Marcello Lima 32,585 3 Voltas 25
P Pro 2ª Bateria M.V. Diff Vol
1 211 Paulo Alberto 32,123   28
2 30 Hector Assuncao 32,590 16,208 28
3 101 Humberto Martin 32,297 25,045 28
4 1 Jean Ramos 32,665 31,212 28
5 920 Jetro Salazar 32,657 36,932 28
6 4 Fabio Santos 33,430 1 Volta 27
7 282 Joao Ribeiro 33,099 1 Volta 27
8 934 Lucas Dunka 33,532 1 Volta 27
9 2 Eduardo Lima 34,007 1 Volta 27
10 407 Adam Chatfield 34,571 2 Voltas 26
11 27 Thales Vilardi 34,077 2 Voltas 26
12 134 Caio Lopes 33,771 2 Voltas 26

P 50cc M.V. Diff Vol
1 7 Rafael Becker 45,323   14
2 158 Luiz Tapari 49,386 1 Volta 13
3 6 Francisco Emilio 48,378 1 Volta 13
4 71 Pablo Galdino 51,205 1 Volta 13
5 15 Matheus Oliveira 49,882 1 Volta 13
6 22 Nikolas Tapari 53,785 2 Voltas 12
7 5 Joao Aquino 52,205 2 Voltas 12
8 84 Paulo Roberto Jr 1:01.123 3 Voltas 11

Classificação final do campeonato

P Pro Pontos
1 1 Jean Carlo Ramos 126
2 30 Hector Assunção 117
3 211 Paulo Alberto 113
4 101 Humberto Martin 106
5 407 Adam Chatfield 102
6 920 Jetro Salazar 82
7 2 Eduardo Lima 80
8 282 João Pedro Pinho Ribeiro 58
9 5 Marcello Lima 53
10 134 Caio Lopes 49
11 934 Lucas Dunka 41
12 4 Fabio Aparecido Dos Santo 38
13 27 Thales Vilardi 38
14 958 Leandro Pará 21
15 91 Mattis Karro 2
P 50cc Pontos
1 7 Rafael Becker 90
2 158 Luiz Henrique Tapari Dos Sa 61
3 6 Francisco Emilio Paula Filh 60
4 17 Lucas Da Silva 45
5 22 Nikolas Tapari Roque De Lim 40
6 3 Bernardo Tiburcio 34
7 5 Joao Aquino 23
8 71 Pablo Galdino 20
9 77 Eduardo De Araujo 20
10 160 Felipe Marques 17
11 15 Matheus Oliveira 17
12 65 Arthur Duarte Gomes 17
13 128 Giovana Duarte Gomes 13
14 84 Paulo Roberto Jr 12
15 515 Matheus Lima 9
16 222 Breno Aguiar Baltazar 6
17 210 Artur Miranda 0
18 50 Renato Esteves Cobucci 0





Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet