fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Notícias > Últimas Notícias

MX das Nações 2016: Jean Ramos fala da expectativa em representar o Brasil
Publicado em: 24/08/2016

Paranaense integra equipe nacional na competição internacional ao lado de Fábio Santos e Ramyller Alves
Redação MotoX.com.br - Fotos: Maurício Arruda/Arquivo MotoX


Jean Ramos é o piloto mais experiente da equipe brasileira no Motocross das Nações 2016

O Brasil estará mais uma vez representado no Motocross das Nações, a mais importante competição do motocross mundial. Fábio Santos (MXGP), Ramyller Alves (MX2) e Jean Ramos (Open) defendem as cores do país nos dias 24 e 25 de setembro na histórica pista Maggiora Park, na Itália. 

+ A histórica pista do Motocross das Nações 2016
+ Bélgica anuncia time para o Motocross das Nações
+ Edu Erbs: Bastidores quentes no AMA Motocross e na preparação para o Nações
+ Estados Unidos anuncia time para o Motocross das Nações

Mais experiente dos três atletas brasileiros, Jean Ramos vive um ótimo momento nos campeonatos nacionais e isso aumenta sua confiança em um bom resultado no evento internacional. "A expectativa é boa, venho na minha melhor fase, treinando intensamente para o Brasileiro e também para o MX das Nações. Espero conseguir dar meu melhor e classificar o Brasil para a final", avalia o piloto de 27 anos.


Atualmente em segundo lugar na categoria MX1 do Campeonato Brasileiro de Motocross, o piloto da equipe Yamaha Grupo Geração passou por um susto na etapa mais recente, em Extrema (MG), onde uma queda impediu que ele completasse a prova. "Minha recuperação foi tranquila tirei duas semanas de descanso para ficar bem de saúde e em seguida já voltei a treinar", explica Jean.

Encarar os principais pilotos do mundo no Motocross das Nações é uma motivação a mais para o paranaense. "É um sonho para qualquer piloto andar no MX das Nações. Lá estão os melhores do mundo inteiro, sempre é um grande aprendizado e uma honra representar meu país e andar com eles", completa o paranaense.

Confira a lista de equipes já definidas para o Motocross das Nações 2016:
 
Brasil

Fábio Santos (MXGP)
Ramyller Alves (MX2)
Jean Carlo Ramos (Open)

França
Romain Febvre (MXGP)
Benoit Paturel (MX2)
Gautier Paulin (Open)

Estados Unidos
Cooper Webb (MXGP)
Alex Martin (MX2)
Jason Anderson (Open)

Grã Bretanha
Tommy Searle (MXGP)
Max Anstie (MX2)
Shaun Simpson (Open)

Alemanha
Max Nagl (MXGP)
Henry Jacobi (MX2)
Dennis Ullrich (Open)

Itália
Antonio Cairoli (MXGP)
Samuele Bernardini (MX2)
Michele Cervellin (Open)

Irlanda
Graeme Irwin (MXGP)
Martin Barr (MX2)
Stuart Edmonds (Open)

Austrália
Kirk Gibbs (MXGP)
Jed Beaton (MX2)
Dean Ferris (Open)

Nova Zelândia
Cody Cooper (MXGP)
Josiah Natzke (MX2)
Hamish Harwood (Open)

Lituânia
Vytautas Bucas (MXGP)
Dovydas Karka (MX2)
Arminas Jasikonis (Open)

Croácia
Hevoje Karas (MXGP)
Luka Crnkovic (MX2)
Matija Keleva (Open)

Polônia
Tomasz Wysocki (MXGP)
Szymon Staszkiewicz (MX2)
Gabriel Chetnicki (Open)

Japão
Akira Narita (MXGP)
Chihiro Notsuka (MX2)
Kei Yamamoto (Open)

Suíça
Valentin Guillod (MXGP)
Jeremy Seewer (MX2)
Arnaud Tonus (Open)

Holanda
Glenn Coldenhoff (MXGP)
Brian Bogers (MX2)
Jeffrey Herlings (Open)

Rússia
Aleksandr Tonkov (MXGP)
Vsevolod Brylyakov (MX2)
Evgeny Bobryshev (Open)









Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet