X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

Copa Oeste de Velocross - 1ª etapa - São Roque - SP
Publicado em: 13/03/2015

Chuva dificultou a vida dos pilotos na abertura do campeonato
Redacao MotoX.com.br - Texto e fotos: Luis Bueno


Largada da categoria VX35

Teve início neste domingo (8), a Copa Oeste de Velocross, em São Roque (SP). A chuva chegou ao Ski Mountain Park, local do evento, e atrapalhou muito o andamento de boa parte das baterias programadas para o dia. As primeiras a serem canceladas foram as categorias de base, 50cc e 65cc, decisão tomada pela organização do evento em comum acordo com os pais dos pilotinhos.

"Decidimos pelo cancelamento das categorias 50cc e 65cc para preservar a integridade e segurança dos garotos, já que a pista não oferecia condições para a realização dessas provas", explicou Reginaldo.

Logo pela manhã, mesmo com o tempo instável, muitos pilotos chegavam na pista, que por sinal, estava muito bem desenhada e com um traçado diferenciado. O circuito atraiu a atenção de todos e, após alguns ajustes por parte da organização, foi liberado para os treinos livres de todas as categorias, exceto as dos pequenos.


Heriko Gonçalves

Ao final, pilotos e organização se reuniram para ajustar o percurso em um ponto, onde a maioria estava se enroscando. Depois de tudo acertado, a primeira bateria alinhou no gate para a largada. A pista estava bem lisa, mesmo assim, os pilotos da VX35 deram show. Ronaldo Teixeira foi melhor na largada, faturando o holeshot, mas foi superado por Vini Machado logo nas primeiras voltas. Ele assumiu a liderança e venceu. Muitas trocas de posições aconteciam a cada volta, devido ao estado pesado da pista e, após o vai e vem nas posições, a única colocação garantida era a do líder, já com boa folga. Após a bandeirada, alguns concorrentes entraram com um protesto junto a organização, exigindo a comprovação da idade do primeiro colocado. Como o mesmo, até o momento da premiação, não havia comprovado ter mais de 35 anos (idade mínima da categoria), o resultado foi alterado de acordo com o regulamento. Com isso, Heriko Gonçalves terminou com a vitória, seguido por Farley Marcera em segundo. Luciano Miranda ficou com a terceira posição. Silvano Manoel e Roque Almeida completram o pódio em quarto e quinto. Caso Vini Machado comprove a idade na próxima etapa, o resultado será alterado.


Largada da categoria VX Júnior

A garotada da categoria VX Júnior bem que tentou competir, mas após duas voltas completadas, o líder recebeu a bandeira vermelha, indicando que a prova estava paralisada. Alguns pilotos ficarem presos em uma subida, fato que provocou o encerramento prematuro. A categoria foi cancelada por falta de condições e a disputa ficou para a próxima etapa.


Milena Maia

Quem não se incomodou com toda a lama foram as meninas da VX Feminino. Não foi nada fácil, mas após muitos tombos, enroscadas e lama na cara, elas concluíram a bateria com muita garra. A vitória de ponta a ponta ficou com Milena Maia. A segunda colocação ficou para Glaucia Boghossian, seguida por Camila Nogueira. Ana Paula Miranda terminou em quarto e Mayra Rodrigues completou o pódio.


Sandro Alex

A experiência dos pilotos na VX45 contou muito para enfrentarem todas as dificuldades da pista. Sandro Alex teve um trabalhinho extra: fazer a moto funcionar. Momentos antes da largada, ela apagou e deu trabalho para pegar, mas a insistência do piloto não foi em vão. Ele levou o holeshot e a corrida de ponta a ponta. Ivan de Meira subiu da sexta colocação para a segunda no decorrer da prova. Roque de Almeida concluiu em terceiro, com Milton Medina na quarta posição e Alexandre Becca em quinto.

Com o gate completamente lotado, os pilotos da VX Nacional Amador bem que tentaram completar a prova, mas mais uma vez muitos pilotos ficaram parados no ponto mais crítico da pista e a bateria teve que ser paralisada. Por segurança, esta corrida também foi cancelada, ficando para a próxima etapa.


Largada da categoria VX Nacional Amador

A expectativa era grande para a disputa da VX2 e quem levou a melhor foi Jan Poletto Terwak, que liderou desde a largada e, sem cometer erros, recebeu a bandeirada em primeiro. Na segunda posição, após muitas ultrapassagens e poucos erros, chegou Rafael Boghossian, com José Paranitti em terceiro, após ganhar uma posição. Com boa recuperação, Danylo Campos saiu da nona colocação, terminando a corrida em quarto. Julian Tobias completou o pódio.

A chuva se alternava junto com as baterias, às vezes forte, outras mais fraca, mas sem dar trégua e, após muita conversa com os pilotos, a organização decidiu pelo cancelamento total das demais baterias, deixando para a segunda etapa o início da pontuação das provas não realizadas neste primeiro evento do ano.


Jan Poletto Terwak

"A chuva que caiu durante toda a manhã, infelizmente, prejudicou bastante as condições da pista. A do dia anterior nem tanto, mas a chuva no dia das corridas não nos deu chances de realizar este evento que todos estavam aguardando. Pensando na integridade física e na segurança de todos, infelizmente tivemos que decidir pelo cancelameto das provas. É difícil tomar uma decisão assim. Muitos se deslocaram de longe para nos prestigiar, mas é a decisão mais correta a ser tomada. Gostaria de pedir desculpas a todos que vieram até aqui, principalmente aos mais de 200 pilotos inscritos para a etapa de abertura do campeonato, mas espero contar com a presença de todos na próxima etapa. Gostaria de agradecer aos patrocinadores e colaboradores da Copa Oeste de Velocross e também aos alunos da Faculdade de Educação Física de São Roque, que estão nos auxiliando na sinalização de pista. Espero contar com todos para as próximas etapas", comentou Reginaldo Andrade.


Segunda etapa está prevista para o mês de maio no mesmo local


Alguns pilotos das categorias canceladas optaram pela devolução do valor da inscrição e foram prontamente atendidos pela organização, enquanto outros optaram em manter a inscrição para a segunda etapa garantida.

A Copa Oeste Ski Mountain de Velocross tem o patrocínio da Honda Monte Leone, Taquaplan Terraplanagem, Pátio Corina, Ski Mountain Park, Servitec, jornal O Democrata, Formato Outdoor, vinhos Quinta do Nino, Minor Auto Peças, Hotel Cordialle, Levisa Descartáveis, apoio da Prefeitura Municipal de São Roque, organização RA, supervisão LIVRE Brasil, cronometragem Asfalto Zero, cobertura MotoX e revista Pró Moto.

Resultados

VX35

1. Heriko Gonçalves
2. Farley Marcera
3. Luciano Miranda Da Silva
4. Silvano Manoel Silva
5. Roque F. De Almeida
6. Wagner Lopes
7. Juliano Sinhurin
8. Andre Fedizko
9. Renato Poly
10. Jonas Tavella
11. George Adriano
12. Ronaldo Teixeira
13. Andre Ap. Galvez Ramos
14. Fernando Ribeiro
15. Sandro P. Da Silva
16. Rodrigo Carinhena
17. Rodrigo Padoca

VX Feminino
1. Milena Maia
2. Glaucia Boghossian
3. Kamila Nogueira
4. Ana Paula Miranda
5. Mayra Rodrigues

VX45
1. Sandro Alex Oliveira
2 Ivan De Meira
3. Roque De Almeida
4. Milton Medina
5. Alexandre Becca
6. Paulo Tokioshi
7. Vanderlei Lopes
8. Paulo Yamasaki
9. Celso Yamasaki
10. Roberto Sassaki
11. Sergio W. Bertolucci

VX2
1. Jan Poletto Terwak
2. Rafael Boghossian
3. Jose Vanderlei Paranitti
4. Danylo Campos
5. Julian Tobias Leonardo
6. Thiago Gomes Bezerra
7. Adriano B. Silva
8. Alfredo De Castro
9. Rafael Oliveira Oreia




Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet