X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

2ª etapa - Copa Ashby de Veloterra - Amparo - SP
Publicado em: 16/11/2011

Diego Parmira esteve em um excelente dia faturando três classes da disputa
Redação MotoX.com.br - Texto: Luiz C. Garcia - Fotos: Fábio Cabral


Largada Nacional 230cc


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 540 Fotos!
A Copa Ashby de Veloterra chegou à segunda etapa, das quatro programadas, em Amparo (SP), no último final de semana. No meio de uma montanha, com uma inclinação de 60 graus e com uma grande reta em subida, a pista montada no espaço de Evento Área, apresentava também algumas curvas desafiadoras. Com boa largura, o circuito proporcionou vários traçados o que facilitou em muito as disputas.

Nada desanimou os pilotos que, aproveitaram a folga no calendário e compareceram em grande número, mostrando assim o prestígio deste novo campeonato. O público também aproveitou o belo dia de sol e compareceu em massa para acompanhar as disputas. Ao final da competição, serão distribuídos 12 mil reais em prêmios para os primeiros colocados das 11 categorias. Veja como foram as provas desta segunda rodada do campeonato.


Jean Dickson


Fernando Longuim
Na VX3, Wendel Facchini largou na frente, mas na quarta volta não conseguiu segurar Jean Dicksn, que assumiu a ponta e abriu mais de cinco segundos na frente. Edmar Sagui largou na terceira colocação e durante a prova abriu mais de sete segundos do quarto colocado, Du Mantovani. Jonas Tavela ficou em quinto.

Fernando Longuim assumiu a primeira posição da VX4 na segunda volta quando ultrapassou Juliano Tavela. A partir daí, Longuim foi perseguido por Sérgio Alexandre, que mesmo muito próximo, não conseguia esboçar um ataque definitivo. Babi Fernandes andou na terceira colocação até a penúltima volta, quando perdeu o posto para Beto Vilalva. Juliano Tavela ficou em quinto.

Babi Fernandes voltou a competir na Penélope, em que não teve dificuldades em vencer de ponta a ponta. Cristiane Moreira ficou sem segundo com uma pequena, mas confortável vantagem em relação à terceira colocada Raphaela Recanelli, que reassumiu a posição após quatro pilotos diferentes ocuparem o posto. Na cola dela ficou Fernanda Mantovani em quarto lugar. Júlia Biazoto terminou em quinto.


Babi Fernandes


Nathan Lisboa
Na 50cc, a vitória ficou com Nathan Lisboa e em segundo ficou Felipe Alexandre. Na 65cc Felipe e Jean Dickson Júnior travaram um emocionante duelo pela liderança da prova que durou até a última volta, quando Felipe reassumiu a frente e venceu. Tiago Martins ficou em terceiro.

Com uma diferença mínima, Diego Parmira venceu a disputa com Alcides Beazin na Nacional 230. Após e alternarem na liderança da prova, Parmira reassumiu a ponta na penúltima volta e terminou com uma vantagem de 0,19 centésimos de segundo em relação a Beazin. Na sexta volta, Renato Hermann assumiu a terceira colocação e tentou se aproximar dos líderes, mas teve que se contentar com a posição. Rodolfo Breda chegou a ocupar a segunda posição no começo da prova, mas terminou em quarto, com Diego Biazeto na sequência.

Diego Parmira voltou a ganhar apertado, só que desta vez na Nacional 250 e o adversário foi Rodolfo Breda. Após fazer o holeshot, Parmira perdeu a liderança para Breda na quinta volta e só conseguiu retomá-la na antepenúltima volta. Os dois terminaram com uma diferença de 0,34 centésimos de segundo de diferança. Edsinho Refundini andou tranqüilo na terceira colocação, com Juninho Delalana em quarto. Nilson Santos saiu da nona posição para terminar em quinto.


Diego Parmira


Felipe
José Ricardo 'Baiano' andou forte e não teve dificuldades em vencer a categoria Light. Esta classe foi formada para pilotos do mesmo nível, independente da idade. Léo Vilalva saiu da quarta posição para ocupar o segundo lugar na metade da prova, abrindo uma boa diferença em relação à disputa pela terceira colocação entre Rubens Lenzi e Tiago Luchi. Luis Francisco Panini largou na sétima posição e ficou boa parte da prova em sexto até que conseguiu superar Marcelo Elizeu na antepenúltima volta e conquistar a quinta colocação.

Em um ritmo alucinante no começo da prova, Neto Longuim e Lucas Musseli travaram uma boa disputa pela liderança da categoria Júnior. Porém, antes da metade da prova, Lucas Musseli conseguiu assumir a ponta e venceu a prova. Gabriel Elias sustentou a terceira posição. A 6,8 segundos de Elias ficou Nicolas Piccoli na quarta posição. Rafael Sousa terminou em quinto lugar.

Belas disputas pelas cinco primeiras colocações foram o ponto alto da VX2. Repetindo o bom desempenho, Jean Dickson largou na frente e venceu a categoria, mas contou com a companhia de Alcides Beazin em boa parte da prova. Edmar Sagui largou da sexta colocação e na metade final assumiu o terceiro lugar. Gustavo Beazin chegou a ocupar a segunda posição, mas terminou em quarto com Dú Mantovani logo depois.


José Ricardo 'Baiano'


Lucas Musseli
Fechando o dia de competição, a VX1, mostrou toda a força das 450cc. Mesmo correndo praticamente em casa e vencendo duas categorias com ínfima vantagem, Diego Parmira fechou o dia com sua terceira vitória e de novo apertado. Largando na frente, Parmira teve a companhia de Rafael Jacheta, que em toda a prova tentou ultrapassá-lo. No final, a diferença entre os dois foi de 0,75 décimos de segundo. Gabriel Lenzi assegurou a terceira colocação, logo após cair o gate e sustentou até o final. Edmar Sagui terminou a primeira volta em último e teve que lutar muito para passar na quadriculada em quarto. Mauricio Salati completou o pódio.

A próxima etapa da competição acontecerá nos dias 10 e 11 dezembro. A Copa Ashby de Veloterra é uma idealização do Parmira e conta com a ajuda da Prefeitura Municipal de Amparo, da Secretaria de Esportes Municipal e patrocínio de: Cervejaria Ashby, IMS, Ultralub, Amp Carnes e Isotônico Athlética, por meio da Distribuidora Lenzi. Apoio: R.F concessionária Kasinski, Macedo Veículos, Grupo Lena, Boungainville Hotel Fazenda, Moto Máster, Comercial Amparense, Cappi recuperadora de veículos, PA motos, Miami Moto, Miami Náutica, Offsex, Total Som, Moto 100, Água Gelo, Carvão Sol, Loja do Zig, Maximus Vistorias, Pneutec, JRM baterias, Beabá Papelaria, Supermercado Poupe Bem, JL Marcon, Ferrosul, Varejão Amparense, DK Sistemas Visuais, Serralheria Quatá, Água Jah, Transpel, Rubinho Auto Center, Rodovan, Megasom, Marlu confecção, Carlão Pneus, MRP Racing, Maxxi Energy. Divulgação: Programa Full Motors, SRTV canal 39, Rádio Cidade das Águas FM 101,3, Rádio Difusora de Amparo, Band FM 99,7 Jornal A Tribuna e MotoX.


Próxima etapa da Copa Ashby de Veloterra será nos dias 10 e 11 de dezembro

Resultados

Pos No. 50cc Diff Best Time
1 54 Nathan Lisboa   1:31.103
2 28 Felipe Alexandre 1 Lap 1:39.110
Pos No. 65cc Diff Best Time
1 36 Felipe   1:13.001
2 713 Jean Dickson Junior 2.195 1:15.105
3 127 Tiago Martins 10.990 1:15.256
Pos No. Light Diff Best Time
1 765 José Ricardo "baiano"   1:04.353
2 352 Leo Vilalva 36.925 1:08.116
3 737 Rubens Lenzi 1:03.901 1:09.367
4 527 Tiago Luchi 1:04.267 1:11.134
5 220 Luis Panini 1 Lap 1:12.950
6 25 Marcelo Elizeu 1.161 1:12.564
7 29 Cesar Del Poente 16.788 1:12.716
8 147 Fabiano Salati 51.081 1:08.082
9 82 Ricardo Cokinho 3 Laps 1:13.922
Pos No. Junior Diff Best Time
1 22 Lucas Musseli   1:02.841
2 111 Neto Longuim 41.377 1:02.975
3 11 Gabriel Elias 1 Lap 1:09.025
4 99 Nicolas Piccoli 6.800 1:09.153
5 94 Rafael Souza 24.651 1:09.770
6 49 Quatazinho 36.591 1:12.151
7 55 Gabriel Gumieiro 37.028 1:11.237
8 237 Guilherme Recanelli 59.177 1:12.676
9 147 Guilherme Salati 2 Laps 1:16.415
10 78 Julio Corsi 7 Laps 1:14.399
Pos No. Nacional 230 Diff Best Time
1 399 Diego Parmira   1:03.075
2 721 Alcides Beazin 0.198 1:02.841
3 33 Renato Hermann 4.722 1:03.739
4 25 Rodolfo Breda 14.120 1:04.232
5 Xx Diogo Biazeto 16.527 1:04.103
6 804 Gabriel Lenzi 24.869 1:04.661
7 841 Jean Rodrigues 58.548 1:06.598
8 51 Ivan Grando 1 Lap 1:08.395
9 7 Erick Duarte 3.193 1:08.197
10 2 Ditinho Extrema 14.075 1:08.409
Pos No. Nacional 250 Diff Best Time
1 399 Diego Parmira   1:03.477
2 25 Rodolfo Breda 0.343 1:02.074
3 11 Edsinho Refundini 7.930 1:04.044
4 333 Juninho Delalana 42.201 1:05.543
5 3 Nilson Moreira Santos 1:09.337 1:05.235
6 399 Donato Dinardi 1 Lap 1:08.196
7 12 Leandro Doreto 9.622 1:05.893
8 2 Ditinho Extrema 37.692 1:11.344
9 117 Henrique Lima Filho 2 Laps 1:10.278
10 415 Arthur B. Pacheco 3 Laps 1:12.662
Pos No. Penélope Diff Best Time
1 949 Babi Fernandes   1:05.055
2 410 Cristiane Moreira 1 Lap 1:11.187
3 238 Raphaela Recanelli 4.808 1:13.186
4 45 Fernanda Mantovani 5.184 1:13.467
5 82 Julia Biazoto 30.716 1:16.010
6 23 Fernanda Cavalheiro 32.188 1:13.231
7 16 Gabi Da Mata 1:03.638 1:15.275
8 804 Suzana Lenzi 2 Laps 1:21.667
9 139 Larisa Dalló 9 Laps 1:08.880
Pos No. VX1 Diff Best Time
1 29 Diego Parmira   1:02.477
2 39 Rafael Jacheta 0.752 1:02.058
3 217 Gabriel Lenzi 43.869 1:05.347
4 211 Edmar Sagui 50.033 1:03.918
5 147 Mauricio Salati 57.471 1:04.540
6 4 João Paulo Oliveira 1:16.656 1:06.919
7 87 Baninho Pegorari 1 Lap 1:08.732
8 25 Toninho Da Mata 0.675 1:08.797
9 77 Gabriel Pereira Da Silva 23.531 1:07.845
10 177 José Luis Soares 2 Laps 1:16.219
Pos No. VX2 Diff Best Time
1 713 Jean Dickson Botelho   1:01.968
2 721 Alcides Beazin 2.601 1:01.124
3 211 Edmar Sagui 11.995 1:02.480
4 377 Gustavo Beazin 27.284 1:01.590
5 45 Du Mantovani 29.657 1:03.454
6 12 Bruno Urbano 1 Lap 1:06.936
7 177 Esqueme Delmasqui 2.196 1:07.066
8 39 Rafael Jacheta 14.651 1:02.772
Pos No. VX3 Diff Best Time
1 713 Jean Dickson   1:01.612
2 927 Wendel V. Facchini 5.404 1:02.250
3 211 Edmar Sagui 11.626 1:03.142
4 45 Du Mantovani 18.125 1:03.346
5 74 Jonas Tavela 43.112 1:04.766
6 31 Marcio Alexandre 1 Lap 1:06.428
7 765 Baiano Serra Engra 3.859 1:06.144
8 14 Junior Cardozinho 16.773 1:07.037
9 Xx Jair Gomieiro 18.513 1:07.568
10 147 Fabiano Salati 41.971 1:09.001
Pos No. VX4 Diff Best Time
1 11 Fernando Longuim   1:01.453
2 28 Sergio Alexandre 1.115 1:01.401
3 352 Beto Vilalva 20.930 1:02.408
4 949 Babi Fernandes 24.187 1:03.538
5 18 Juliano Tavela 44.394 1:03.993
6 94 Peu Souza 48.053 1:05.206
7 45 Vicente Batista Nunes 49.370 1:06.189
8 49 Quatá 50.597 1:05.315
9 46 Toninho Da Mata 1 Lap 1:08.134
10 29 Cesar Del Poente 9 Laps 1:24.266






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet