X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

8ª etapa - Rondoniense de Velocross - Presidente Médici - RO
Publicado em: 31/10/2010

João Chagas amplia vantagem na disputa do título rondoniense
Redação MotoX.com.br - Com informações e fotos de Chico Limeira 


Largada 150cc

Em mais um fim de semana de disputas bastante acirradas, a pista do Motódromo Municipal de Presidente Médici, RO, foi palco da 8ª etapa do Campeonato Rondoniense de Velocross 2010. O piloto João Roberto Chagas ditou o ritmo da categoria 230cc e ampliou a vantagem no campeonato sobre o seus concorrentes diretos. Quem também venceu e ficou mais próximo do título, foi o jovem Flávio Pereira, líder absoluto da categoria 100cc. Os demais vencedores do dia foram Hemerson Andrade na Força Livre, Hérico Flores na 150cc e Agnaldo Feliciano na Sênior.


Flávio Pereira (#18)
A chuva que caiu sobre a região central de Rondônia, não impediu os treinos livres no sábado à tarde, quando os pilotos puderam conhecer melhor o traçado e se adaptar a condição do circuito. No domingo pela manhã, com a pista já bem enxuta, as motos voltaram a andar, na busca pelos melhores tempos nos treinos classificatórios. Na sequência, ainda na parte da manhã, foi dada a largada na primeira prova do dia. 

Com uma bateria realizada ainda no período da manhã e outra à tarde, a categoria 100cc não reservou surpresas. Em ambas Josemar Dias largou bem liderando as primeiras voltas, mas acabou superado por Flávio Pereira, que novamente venceu as duas provas e ampliou ainda mais sua vantagem na pontuação da categoria. Josemar Dias foi o segundo colocado, com Marcelo Araújo em terceiro, Odair Meireles em quarto e Tarcísio Poli completando o pódio, na quinta colocação. 


Agnaldo Feliciano

Em uma prova em que o líder Osmar Canale não esteve presente, a disputa da Sênior ficou entre Agnaldo Feliciano e Itamar Tadeu, que largou na ponta e andou na frente por algumas voltas, mas não resistiu ao ritmo forte imposto pelo adversário. Feliciano venceu a bateria única da categoria e embolou a classificação se aproximando do líder. Tadeu foi o segundo e também colou na classificação geral. Anex Moreira foi o terceiro colocado, Jefferson Lins o quarto e Adenilson Passarelo o quinto. 


João Roberto Chagas
Na prova que concentrou o maior número de motos na pista, da categoria 150cc, foi dia de grandes disputas, mas a partir da segunda posição. Impondo um ritmo bastante intenso na prova, Hérico Flores foi o mais rápido desde os
treinos vencendo as duas provas de ponta a ponta. Com isto Hérico diminuiu a diferença para Zé Pereira, o líder da categoria no campeonato.

Na primeira bateria, Hérico largou na ponta, enquanto Zé Pereira mesmo não largando bem chegou a encostar, mas sua moto começou a falhar fazendo ele perder contato com o líder e consequentemente cair outras duas posições, finalizando em quarto. Na segunda e última bateria, Hérico mais uma vez largou na ponta se mantendo até o final, desta vez, com Zé Pereira chegando na segunda posição.

A Força Livre Nacional foi marcada por grandes pegas e trocas de posições entre os primeiros colocados, com o líder Victor "Vitim" Carlos se alternando à frente com o Hemerson Andrade. Em dia de recorde de quedas sofridas por Vitim, que venceu a bateria inicial, Hemerson manteve o bom ritmo e garantiu a primeira colocação da prova soma das baterias com a vitória na segunda corrida - a qual Vitim finalizou apenas em quarto -, entrando de vez na briga pelo título.

A categoria 230cc foi a que protagonizou os duelos mais emocionantes do evento, principalmente entre João Roberto, Cândido Chagas, Diego Ferrari, Hemerson Andrade e Victor Carlos. A prova foi marcada por uma queda espetacular de Cândido Chagas e pela dupla vitória de seu irmão João Roberto Chagas, que se distanciou dos seus adversários diretos na briga pelo título da temporada. 


Largada Força Livre Nacional

Cândido Chagas largou na ponta da primeira bateria, mas acabou caindo forte. Ferrari assumiu a ponta, para logo ser superado por João Roberto, que se manteve à frente até a bandeirada final. Cândido voltou na última colocação e ainda completou a prova na terceira colocação, ganhando posições inclusive de Vitim e Hemerson.

Já na segunda prova, a última bateria do dia, Cândido mais uma vez largou em primeiro, com Diego em segundo. João Roberto partiu em terceiro ganhando duas posições para vencer novamente. Já Vitim, com um pneu furado, buscou se manter na pista, segurando a quinta posição.

De acordo com o presidente da Federação de Motociclismo de Rondônia (FMR), Reinaldo Selhorst, a prova foi das mais fortes, com grandes disputas a cada bateria, mostrando um crescimento no nível dos pilotos. O dirigente elogiou o esforço da Prefeitura Municipal para levar novamente à Médici uma etapa do campeonato. O prefeito José Ribeiro adiantou que para 2011, a cidade almeja estar incluída no calendário oficial de eventos da FMR. Mais de duas mil pessoas prestigiaram o evento, contribuindo com alimentos não perecíveis que irão beneficiar famílias carentes do município.

Resultados:

Sênior
1º - 5 - Agnaldo Feliciano - Espigão do Oeste
2º - 77 - Itamar Tadeu - Cacoal
3º - 6 - Anex Moreira - Ouro Preto do Oeste
4º - 7 - Jefferson Lins - Espigão do Oeste
5º - 10 - Edenilson Passarelo - Espigão do Oeste

100cc
1º - 18 - Flávio Pereira - Santa Luzia do Oeste
2º - 44 - Josemar Dias - Cacoal
3º - 80 - Marcelo Araújo - Cacoal
4º - 51 - Odair Meireles - Pimenta Bueno
5º - 15 - Tarcísio Poli - Alta Floresta do Oeste

150cc
1º - 706 - Hérico Flores - Alta Floresta do Oeste
2º - 38 - Zé Pereira - Santa Luzia do Oeste
3º - 6 - Vanderlei Batista - Rolim de Moura
4º - 51 - Emerson Rodrigues - Rolim de Moura
5º - 3 - Juliano Correia - Espigão do Oeste

Força Livre
1º - 101 - Hemerson Andrade - Vilhena
2º - 4 - Victor Ferreira - Cacoal
3º - 112 - Felipe Carvalho - Rolim de Moura
4º - 50 - Fabrício Moreira - Ouro Preto do Oeste
5º - 99 - Valdinei Correia - Pimenta Bueno

230cc
1º - 39 - João Roberto Chagas - Santa Luzia do Oeste
2º - 961 - Diego Ferrari - Espigão do Oeste
3º - 93 - Cândido Chagas - Rolim de Moura
4º - 101 - Hemerson Dias - Vilhena
5º - 4 - Victor Carlos - Cacoal






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet