X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

6ª etapa - Circuito Interior Paulista de Velocross - Boituva - SP
Publicado em: 15/10/2010

Etapa definiu dois campeões da temporada 
Redação MotoX.com.br - Texto e Fotos: Luiz C. Garcia 


Largada Nacional Estreante


Ana Lúcia
O Velocross no Estado de São Paulo vem conquistando cada vez mais adeptos e a sexta etapa do Circuito Interior Paulista de Velocross foi prova disto. Com apoio da equipe de paraquedismo Sky Dive, a prova realizada na cidade de Boituva, próxima a Sorocaba, durante o feriado de 12 de outubro, contou com participação maciça de pilotos de toda a região.
 
A pista de 1.300 metros de extensão foi montada no Centro Nacional de Paraquedismo Sky Dive, as margens da Rodovia Castelo Branco, o que facilitou muito o acesso das equipes. O local, que deverá abrigar outras provas ainda neste ano, é privilegiado pela excelente estrutura, que conta com hotel, restaurante, área de camping e banheiros com chuveiros.

Durante o evento, houve o sorteio de uma bicicleta oferecida pela Polimet, aos pilotos das categorias 50cc e 65cc, também foi sorteado um salto duplo de paraquedas entre os participantes das categorias nacionais e importadas, além de camisetas para as meninas da categoria Penélope. 


João Pedro Raimundo


Victor Soares
Faltando ainda duas rodadas para o término do campeonato, esta sexta etapa já definiu dois campeões: Edson Cascata garantiu o título da VX4 e Ique Matos na 230F.

Ana Lúcia Vizioni venceu a primeira categoria do dia, a Penélope, além de contar com a sorte para vencer também na Infantil. Na Penélope, Ana Lúcia contou com a companhia de Monique Camargo durante as primeiras voltas, mas com um bom ritmo, a líder abriu distância para vencer a prova. Pela terceira colocação, após muito insistir, Renata Castro conseguiu superar Marina Del Poente, ficando com a posição, enquanto Fernanda Cavalheiro completava as cinco primeiras.

Pela Infantil, Rodolfo Moraes andou boa parte da prova na frente, mantendo uma boa vantagem sobre os demais. Caindo em uma curva, o ponteiro deixou a moto morrer, perdendo tempo e a liderança para Ana Lúcia, que não desperdiçou a oportunidade e venceu mais uma. Rodolfo ainda voltou em segundo, seguido por Vinícius Marcon e Monique Camargo, que conseguiu segurar a quarta colocação, deixando Júlio Corsi em quinto. 


Diego Parmira


Netinho Araújo
A primeira sequência da competição, antes da manutenção de pista e premiação, contou ainda com a realização das categorias 65cc e 50cc, que impressionou pelo número de inscritos. Logo após a largada, Victor Soares garantiu a ponta da 65cc e sustentou a colocação até a bandeirada final. A disputa ficou pela segunda posição entre Lucas Assunção e Monique Camargo, que pressionou bastante mas não conseguiu roubar o posto. Gustavo Costa e Elísio Silva fecharam os cinco primeiros colocados.

João Pedro Raimundo venceu de ponta a ponta a 50cc, com Bruno Brunieri em segundo, enquanto Felipe Rodrigues teve que lutar muito para terminar na terceira colocação, deixando Matheus Meira em quarto e Júlia Corsi em quinto.

Após a primeira parada para manutenção do circuito, foi a vez de Diego Parmira ser o destaque. O piloto de Amparo(SP), venceu as categorias VX1 e Nacional Força Livre, além da categoria extra campeonato, a Importada Força Livre, onde travou uma emocionante disputa com Netinho Araújo. Começando pela VX1, Parmira assumiu a ponta na segunda volta, após ultrapassar Edson Cascata. Ike Matos ficou na terceira colocação e André Rodrigues terminou em quarto. 


Gustavo de Oliveira


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 445 Fotos!
Na Nacional Força Livre, a liderança de Diego começou logo após cair o gate. Assim, a disputa pela segunda posição foi o ponto alto da categoria e após uma bela batalha, Luizinho Silva conseguiu superar Edsinho Refundini, terminando a prova em segundo. Márcio Takamune finalizou na quarta colocação, com uma pequena vantagem sobre Emerson Oliveira.

Diego Parmira bem que tentou vencer uma quarta bateria, a VX2, mas após largar mal, sofreu uma forte queda que o deixou na quarta colocação. Quem dominou a categoria foi Netinho Araújo, o piloto de Sorocaba (SP) não teve dificuldades em abrir distância já no começo da prova, conseguindo uma boa vantagem em cima de Rafael Oreia. Alessandro Eugênio terminou na terceira colocação e André Rodrigues foi o quinto, mantendo a mesma posição em que largou. 


Edsinho Refundini


José Luis Marcon
Pela Importada Estreante, que largou junto com a VX1, dois pilotos estreantes no Veloterra assumiram as primeiras posições: Márcio Takamune e Gustavo de Oliveira, com Lucas Cascatinha, experiente na modalidade, entre eles. Gustavo, andando forte em terceiro, não demorou muito para superar Cascatinha, partindo em seguida com tudo para cima do líder Takamune. Após algumas investidas, Gustavo assumiu a ponta definitivamente. A partir daí, Márcio Takamune precisou se preocupar com as investidas de Cascatinha, mas na parte final da prova, cedeu à pressão, caindo para terceiro.

A primeira categoria a definir um campeão na temporada foi a 230F, onde mesmo com o terceiro lugar, Ike Matos saiu de Boituva com o título garantido. A prova foi vencida por Edsinho Refundini, com Alex Grandine em segundo e Marcelo Oliveira em quarto.

Mesmo enfrentando problemas no manete da embreagem durante a prova, Edson Cascata, que não conseguiu comemorar a vitória na prova, ainda assim faturou o título antecipado da VX4 ao finalizar na terceira colocação. A disputa pela ponta ficou entre Agnaldo Quatá e José Marcon, que mesmo pressionado, conseguiu manter a calma e terminar no primeiro lugar. Ivan de Moura largou em segundo, mas perdeu duas posições finalizando em quarto, logo à frente de Betão Raimundo. 


Alexandre Coletto


Ney Corsi
Duas baterias foram marcadas por belas disputas. Na categoria VX3 Alexandre Coletto largou na ponta e garantiu a vitória. Mas a partir da segunda posição, as colocações só foram definidas na bandeirada. Com o pneu traseiro furado, a situação de José Ricardo “Baiano” ficou complicada, mas mesmo assim ele conseguiu segurar a segunda posição, com Mário Alexandre, Breno Macedo e Alessandro José na sequência, colados um ao outro.

Outra categoria que chamou a atenção do público foi a Nacional Estreante. Ney Corsi garantiu a vitória no começo da prova, após fazer o holeshot e abrir uma boa vantagem. Já a segunda posição, contou com a mais emocionante disputa do dia e após várias trocas de posições, com direito a toques e "block pass", quem ficou na frente foi Cléber Grandine, seguido por Kaian Pedroso logo atrás. Bem próximo dos dois, completou Lucas Santos, trazendo Thiago Graf na quinta colocação.

O Circuito Interior Paulista de Velocross tem a realização da Panini Sport, com patrocínio da MR Pró Knee Brace, Duda Preparações, Ribco do Brasil, 5inco Factory Concepts e HCM Tendas, co-patrocínio de Miami Náutica e Miami Motos.

Resultados
P. Penélope
11 Ana Lucia
136 Monique Camargo
19 Renata Castro
95 Marina Del Poente
23 Fernanda Cavalheiro
49 Júlia Oliveira
P. 50cc
21 João Pedro Raimundo
33 Bruno Brunieri
172 Felipe Rodrigues
5 Matheus Meira
22 Júlia Corsi
P. 65cc
57 Vitor Soares
172 Lucas Assunção
136 Monique Camargo
45 Gustavo Costa
23 Elisio Silva
21 João Pedro Raimundo
21 Ivan Lucas Meira
33 Bruno Brunieri
49 Quatazinho
10° 221 Luis Martins
P. Infantil
11 Ana Lúcia
697 Rodolfo Moraes
118 Vinícius Marcon
136 Monique Camargo
78 Julio Corsi
49 Quatazinho
38 João Vitor
P. VX -3
192 Alexandre Coletto
765 José Ricardo "Baiano"
72 Mario Alexandre
141 Breno Macedo
151 Alessandro José
50 Sandro Silva
João Pedro
P. 230 - F
11 Edisinho Refundini
67 Alex Grandine
19 Ike Mattos
9 Marcelo de Oliveira
Zé Roberto
P. Nacional Estreante
39 Ney Corsi
11 Cleber Grandine
43 Kaian Pedroso
X Lucas Santos
67 Thiago Graf
813 Rafael Firmino
28 Júlio Custódio
0 Renato Paschoal
80 Mauricio Lingüiça
10° Pedro Silva
P. VX - 4
118 José Luis Marcon
49 Agnaldo Quatá
46 Edson Cascata
252 Ivan de Moura
21 Betão Raimundo
29 Cesar Del Poente
95 Benedito de Oliveira
28 Julio Custodio
Zé Roberto
P. VX -2
211 Netinho Araujo
17 Rafael Oreia
551 Alessandro Eugênio
399 Diego Parmira
12 André Rodrigues
151 Alessandro Correa
33 Wellington Bortolozzo
P. Importada Estreante
95 Gustavo de Oliveira
46 Lucas Cascatinha
171 Marcio Takamune
921 Lauri "Jota" Camargo
33 Wellington Zanomer
39 Ney Corsi
133 Anderson Marcondes
P. VX -1
399 Diego Parmira
46 Edson Cascata
19 Ike Mattos
12 André Rodrigues
P. Nacional Força Livre
399 Diego Parmira
39 Luizinho Silva
11 Edsinho Refundini
171 Marcio Takamune
23 Emerson Oliveira
43 Rafael Paschoal
84 Isaias Biazotto
507 Luiz Carlos Jr.
Gustavo Henrique






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet