X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

3ª etapa - Copa Sul Minas de Velocross - Careaçu - MG
Publicado em: 26/08/2010

Copa Sul Minas leva o Velocross pela primeira vez à Careaçu
Redação MotoX.com.br - Texto e Fotos: Luiz C. Garcia 


Largada VX 200 e VX Nacional


Antônio Mantovani
Após as duas primeiras etapas realizadas em São Sebastião da Bela Vista, a Copa Sul Minas de Velocross realizou a sua terceira rodada na vizinha Careaçu. A pista, de 1.100 metros de extensão, foi montada ao lado da Rodovia Fernão Dias, com traçado aprovado pelos pilotos e público da simpática cidade, que recebeu pela primeira vez uma prova da modalidade.

Os destaques da prova, com duas vitórias cada, foram Renato Procópio e Antônio Mantovani, que marcou sua primeira conquista na VX3. O piloto assumiu a ponta logo no início da prova e, mesmo pressionado por Ricardo Carvalho nas voltas finais, teve tranquilidade para sustentar a posição. Outro que brigou muito para sustentar sua posição foi Sérgio "Prego", que terminou em terceiro, deixando André Floré em quarto.

Na VX200, que largou junto com a Nacional, Rodrigo Rosa ganhou com uma boa vantagem sobre João Sene. Bruno Jonas ficou em terceiro e Vagner Souza em quarto. Pela VX Nacional, Dimy, um dos organizadores da Copa, largou na terceira colocação e assumiu a frente do pelotão na terceira volta. A partir daí, administrou a distância em relação ao segundo colocado, para vencer a prova. Diego Capivara andou tranquilo na segunda colocação, enquanto pelo terceiro lugar 
a briga foi intensa. Após muita luta, Eduardo Costa levou a melhor, cruzando a linha de chegada à frente de Horacinho e João Souza. 


Rodrigo Rosa


Edmílson "Dimy" Pedroso
Gate cheio e muita disputa marcaram a categoria VX230. Os cinco primeiros colocados receberam a bandeirada com uma pequena
diferença entre eles, com direito ainda a um “chega pra lá” na última volta, pela disputa da segunda colocação. Renato Procópio assumiu a ponta ao cair o gate e trouxe com ele Juliano Melo, que antes da metade da prova, tinha na sua cola Cléber Rosa e Carlos Chik. 

Após assumir a terceira colocação, Chik não deixou Juliano respirar até os últimos metros de prova. Renato Procópio se aproveitou da briga para abrir uma pequena vantagem e vencer a prova, enquanto Juliano conseguia ficar à frente e terminar em segundo.

Larissa Dallo não deu chance aos garotos e venceu de ponta a ponta a 85cc. Mauro Lúcio sofreu uma queda quando ocupava a segunda colocação e não conseguiu superar Cassinho no final da prova, terminando em terceiro, a frente de Gabriel Tadini. 



Renato Procópio


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 317 Fotos!
Tiago Bueno largou na frente da VX2, mas perdeu a ponta para Ricardo Carvalho, que venceu a prova, mesmo sem conseguir abrir e sofrer forte pressão de Bueno. Sérgio “Prego” ficou em terceiro, após superar André Floré na metade da prova, ambos seguidos por Lucas Diego.

A Força Livre Nacional fechou as disputas para as motos nacionais com um bom número de pilotos e outra vez o vencedor foi Renato Procópio. Carlo Chik chegou a ocupar a segunda posição, porém terminou em quarto lugar. Egnaldo Sousa, que não foi bem na VX230, conquistou posições durante a prova e terminou em segundo, a frente de Joares Sousa, que aproveitou as quedas de Cléber Paulo e Juliano Melo, pulando para a terceira posição. 


Larissa Dallo


Ricardo Carvalho
Tiago Bueno voltou na sequência para desta vez vencer com folga a categoria VX Intermediária. Em segundo lugar ficou Sebastião Santos, um pouco a frente de Fred Imbelloni, que assumiu a terceira posição após longa disputa com João Sene. Este por sua vez, foi o quarto mesmo com uma queda, aproveitando o abandono de Felipe Tadini na última volta.

A última bateria do dia foi a Força Livre Importada e Antônio Mantovani repetiu o desempenho da VX3, largando na frente e vencendo. Mesmo se esforçando, Tiago Bueno não conseguiu se aproximar o suficiente para tentar um ataque ao líder, se mantendo na segunda posição. Ney Carneirinho andou bem no terceiro lugar, deixando para traz a disputa pela quarta colocação entre quatro pilotos, onde Sérgio “Prego” levou a melhor. 

A terceira etapa da Copa Sul Minas de Velocross teve apoio da Prefeitura Municipal e Câmara Municipal de Careaçu, Deputado Estadual Evair Nogueira, Auto Posto Minas Gerais, Yamaha Sul Motos, Auto Mec Grupo Varejão, Bailão do Minas Gerais, Moto Show, Empa Tintas, Eletro Mecânica do Élcio, Grupo Bloquel Materiais para Construção. 

A organização do evento ficou a cargo de Alex Center Fox e Edmílson Pedroso (Dimy). A cidade de São Sebastião da Bela Vista, voltará a receber no final de setembro a quarta etapa da competição.


Tiago Bueno

Resultados
P. MX3
1 34 Antonio "Telinho" Mantovani
2 811 Ricardo Carvalho
3 7 Sérgio "Prego" Barbosa
4 28 André Floré
5 77 Claudinei "Ney" Carneirinho
6 123 Tiago Bueno
P. VX nacional
1 S/N Edmilson "Dimy" Pedroso
2 452 Diego Capivara
3 79 Eduardo Costa
4 157 Horacinho
5 57 João de Souza
6 62 Junior Adami
7 118 Rodrigo Rato
P. VX200
1 93 Rodrigo da Rosa
2 655 João Sene
3 2 Bruno Jonas
4 199 Vagner de Souza
P. VX230
1 777 Renato Procópio
2 715 Juliano "Perereca" Melo
3 10 Carlos Chik
4 3 Cleber Rosa
5 27 Gilberto Castor
6 26 Joarez de Souza
7 4 Egnaldo Dias
P. 85cc
1 21 Larissa Dallo
2 111 Cassinho
3 97 Mauro Lucio
4 112 Gabriel Tadini
P. VX2
1 811 Ricardo Carvalho
2 123 Tiago Bueno
3 7 Sérgio "Prego" Barbosa
4 28 Andre Floré
5 229 Lucas Diego
6 14 Lauro do Couto
7 111 Felipe Tadine
P. Força Livre Nacional
1 777 Renato Procopio
2 4 Egnaldo Dias
3 26 Joares Sousa
4 10 Carlos Chik
5 3 Cleber Paulo
6 232 Sebastião Santos
7 21 Gentil Santos
P. VX Intermediaria
1 132 Tiago Bueno
2 122 Sebastião Santos
3 12 Fred Imbelloni
4 739 João Sene
5 75 Elizeu Fernandes
6 909 José Roberto
7 111 Felipe Tadini
P. Força Livre Pró
1 34 Antonio "Telinho" Mantovani
2 123 Tiago Bueno
3 77 Claudinei "Ney" Carneirinho
4 7 Sérgio "Prego" Barbosa
5 229 Lucas Diego
6 10 Carlos Chik
7 28 Andre Floré






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet