X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

1ª etapa - Brasileiro de Velocross - Rio Negro - PR
Publicado em: 15/03/2010

Paulo Stédile (VX1) e Rodrigo Volcan (VX2) vencem abertura do Brasileiro de Velocross
Redação MotoX.com.br - Fotos: Valter Guilherme IUG


Barro voando pra todo lado na largada da Estreante Especial


Pista pesada deu trabalho dobrado aos pilotos nesta abertura de campeonato
Um evento que valeu por três competições simultaneamente abriu a temporada nacional de velocross. A cidade de Rio Negro (PR) foi palco no final de semana, dias 13 e 14 de março, da corrida que valeu pela abertura dos campeonatos Brasileiro, Paranaense e Sul Brasileiro da modalidade. Segundo a organização mais de 430 pilotos participaram das 12 categorias realizadas. Atletas de São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Brasília e Goiás reuniram-se na prova disputa em um circuito bastante pesado, repleto de barro e lama devido a chuva que ocorreu na madrugada anterior a prova.

Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul, uniram-se através de suas federações para realizar esta grande festa do esporte nacional. A parceria deu tão certo que um grande sonho foi realizado: a unificação do regulamento entre os três estados permitiu, além do nacional, a realização do Campeonato Sul Brasileiro. Gilberto Rosa, presidente da Federação Paranaense relatou que este foi um grande passo para o fortalecimento do motociclismo no sul do país e que o esporte só tem a ganhar com esta união. 


Paulo Stedile venceu a VX1


Quedas foram uma constante no evento
Além de exigir muita habilidades e condicionamento físico, o excesso de lama provocou inúmeras quedas. Apesar do mau tempo o público compareceu em peso e ficou vidrado na pista acompanhando cada detalhe das disputas. Na categoria mais esperada do dia, a VX1, o atual campeão começou com sucesso a nova temporada. Correndo "em casa" Paulo Stedile fez a alegria da torcida conquistando a vitória. A conquista não foi tranquila afinal Stedile chegou a cair e alternou-se na ponta com Lui Fietz. Apesar disso recuperou-se e garantiu a primeira colocação.

"A corrida foi muito disputada, porém, correr no Paraná me ajudou bastante. As arquibancadas estavam lotadas e o público torceu muito, agradeço aos fãs que vibraram a cada volta e também a minha equipe por todo o suporte. Quero manter o desempenho para conquistar o máximo de pontos e garantir a taça por mais um ano para a Pro Tork", afirmou Stedile. Fietz completou em segundo seguido por Paulo Krutzsch, dono da volta mais rápida desta bateria (1:20.546).


Pódio VX1
 

Barro cobriu motos e pilotos principalmente nas primeiras baterias
Na VX2 o lugar mais alto do pódio foi de Rodrigo Volcan, que saiu na frente na disputa pelo título nacional. Lui Fietz voltou a ter bom desempenho e nesta prova também brigou pela vitória, mas teve que se contentar novamente com o segundo lugar seguido por seu irmão, Luís Fietz. Leandro Lemos e Jonathan Jarek ocuparam quarta e quinta colocações.

Primeira categoria a entrar na pista, a Estreante Especial mostrou que o dia seria de bastante dificuldade para os pilotos. Jonathan Hey Jarek foi quem melhor enfrentou a difícil condição do terreno e faturou o primeiro lugar seguido por Bruno Cardoso. Na 250cc 4 tempos, já com a pista um pouco mais seca, Giovani Veiga Adriano ficou com vitória seguido de Marcos Dario da Cruz. Na categoria 65cc Lucas Sganzerla garantiu o primeiro lugar com Mateu Felipe Kunz em segundo.

Na Estreante Nacional Julio César Vaselkosk fez bonito conquistando o primeiro lugar seguido de Vilson Klein. Douglas de Oliveira destacou-se na 230cc completando a prova na frente. Cássio Rossi Oliveira chegou na segunda colocação. O piloto de motocross Davis Guimarães experimentou o velocross e se deu bem na VX3 Especial vencendo com boa vantagem sobre Alencar Krefta.Na Street 2 e 4 Tempos quem levantou a taça foi Wyllyn Richard Alves seguido de Raul Brunosi Junior. Entre as motos nacionais João Silvério ficou com o primeiro lugar na VX3 Nacional e Jacson Keil na Força Livre Nacional. 


Homenagem em memória de Eduardo Rudnick foi realizada antes da bateria da 85cc


Jonathan Jarek lidera a Estreante Especial
Minutos antes da largada da 85cc uma linda homenagem foi realizada em memória de Eduardo Rudnick. A família trouxe para a pista a moto que Rudnick corria, o locutor Fábio, da Cidade do Rio Negro, usou belas palavras e foi bastante apaludido pelo público. Nesta categoria quem levou a melhor foi Eduardo Ressaro com Gustavo dos Santos no segundo lugar.

Abertura do Campeonato Paranaense de Velocross teve o apoio da Prefeitura Municipal de Rio Negro e de Jarva Racing, com patrocínio oficial da Pro Tork, a maior fábrica de moto peças da América Latina. A organização foi do Moto Clube de Rio Negro. A supervisão foi da Federação Paranaense de Motociclismo e Confederação Brasileira de Motociclismo.

Resultados

VX1
1º lugar - Paulo Cesar Stedile
2º lugar - Lui Andre Fietz
3º lugar - Paulo Henrique Krutz
4º lugar - Luciano de Oliveira
5º lugar - Markolk Erasmus
VX2
1º lugar - Rodrigo Volcan Tajes
2º lugar - Lui Andre Fietz
3º lugar - Luis Felipe Fietz
4º lugar - Leandro Matos Lemos
5º lugar - Jonathan Hey Jarek
VX3 Especial
1º lugar - Davis Guimarães
2º lugar - Alencar Krefta
3º lugar - Renato Muller
4º lugar - João Silverio
5º lugar - Giovane Fernando
Estreante Especial
1º lugar - Jonathan Hey Jarek
2º lugar - Bruno Cardoso
3º lugar - Alexandro Alberto
4º lugar - Gabriel Haiduk
5º lugar - Luiz Gustavo Kovalczy
250cc 4 Tempos
1º lugar - Giovani Veiga Adriano
2º lugar - Marcos Dario da Cruz
3º lugar - Heraldo de Moura
4º lugar - Guilherme R. D Silva
5º lugar - Oscar Honorato Bueno
65cc
1º lugar - Lucas Ganzerla
2º lugar - Mateus Felipe Kunz
3º lugar - Gabriel Henrique Piet
4º lugar - Matheus Zerbatto
5º lugar - Leonardo Zequinao
Estreante Nacional
1º lugar - Julio Cesar Vaselkosk
2º lugar -Vilson V. Klein
3º lugar - Deivid Souza de Oliveira
4º lugar - Edu Lang Araujo
5º lugar - Luiz Gustavo Kovalczy
230cc
1º lugar - Douglas de Oliveira
2º lugar - Cássio Rossi Oliveira
3º lugar - Alexandro Alberto
4º lugar - Claudio Manoel Gonçalves
5º lugar - Volnei da Fonseca
Street 2 e 4 Tempos
1º lugar - Wyllyn Richard Alves
2º lugar - Raul Brunosi Junior
3º lugar - João Paulo da Fonseca
4º lugar - Christopher Amhof
5º lugar - Rudimar Camara
VX3 Nacional
1º lugar - João Silverio
2º lugar - Fabiano Ribeiro
3º lugar - Edu Lang Araujo
4º lugar - Ademar Wener
5º lugar - Marco Aurelio Faria
85cc
1º lugar - Eduardo Ressaro
2º lugar - Gustavo dos Santos
3º lugar - Vinicius Miguel Alves
4º lugar - Eduarda Dornbusch
5º lugar - Loris Pianaro
Força Livre Nacional
1º lugar - Jacson Keil
2º lugar - Daniel Schmitz
3º lugar - Giovani Veiga Adriano
4º lugar - Fernando Henrique
5º lugar - Tiago Andre Krause






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet