X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Veloterra

1ª Etapa Booster Motorsports de Veloterra – Roseira – SP
Publicado em: 08/04/2009

Mosteiro é palco da rodada inicial da competição
MotoX.com.br - Texto e Fotos: Renato Fernandes 


Prova foi realizada no Mosteiro Sagrada Face


Wandinho
Localizado a 160 km de São Paulo, o Mosteiro Sagrada Face na cidade de Roseira recebeu a abertura do Campeonato Booster Motorsports de Veloterra do Vale do Paraíba. Um belíssimo local com área de boxes toda arborizada e muito verde por toda volta recebeu a etapa que teve uma peculiaridade interessante fazendo com que a prova saísse dos padrões normais de treinos pela manhã seguido das corridas. Desta vez as atividades começaram as 11:00h após a missa e as celebrações do Domingo de Ramos e com o cronograma apertado a organização decidiu encurtar os treinos de cada categoria em aproximadamente 7 minutos , desta forma assim que acabavam os treinos os pilotos alinhavam e largavam.

Além da premiação em dinheiro aos primeiros colocados, a Booster Motorsports premiou os vencedores de cada bateria com um IBOOSTER, produto que otimiza a queima de combustível melhorando o desempenho da moto, e com este atrativo a mais a prova teve 180 pilotos inscritos nas 13 categorias que disputarão o campeonato. O circuito, apesar de ter apenas 700 metros de comprimento, era de alta velocidade com retas longas que se alternavam entre curvas bem fechadas e outras de raio aberto. Além disso o terreno gramado foi um diferencial da pista.  


João Vitor


Renato Pacheco
Com muito sol e calor e sem muito atraso, a Importada Estreante foi a primeira a entrar na pista e Enéas Gomes largou bem se mantendo na liderança pelas três primeiras voltas, quando foi superado por Wandinho que passou a imprimir um ritmo forte se distanciando dos demais e garantindo a vitória. Enéas teve problemas e Atagir Maciel passou para segundo até abandonar na metade da prova, com isso Degmar Fernandes assumiu a posição que manteve até o final. Alan Germano depois de largar no pelotão intermediário finalizou em terceiro seguido por Juninho que fez uma ótima prova partindo da última posição para conquistar o quarto lugar quando restava uma volta para o fim deixando Adinan Angelini com a quinta posição.

Logo após foi a vez dos pequenos da 50cc com Guilherme Reis saindo na ponta até pouco antes da metade da prova quando foi ultrapassado por João Vitor que se manteve na liderança até a bandeirada final. Gabriel Carvalho largou em segundo e chegou a perder a posição para Guilherme, mas a retomou a quatro voltas do fim terminando em segundo. Guilherme Reis foi terceiro enquanto quarta e quinta colocações foram ocupadas respectivamente por Vitor Gabriel e Vitor Miguel, ambos fizeram provas consistentes mantendo suas posições desde o início da prova. 


Marcelinho Felipe Lima


Tiago Azevedo
A Nacional Estreante como de costume teve o gate lotado e se mostrou muito disputada e equilibrada, o único contraponto a este equilíbrio foi Renato Pacheco que largou muito bem e venceu a prova de ponta a ponta. Vinícius Garcia largou em segundo e sustentou a colocação por toda a primeira metade de prova, quando foi ultrapassado por André Alfredo que manteve o posto até o final. A briga entre Vinicius e Gilson Messias alternou o dono da terceira posição até o abandono de Vinícius a apenas duas voltas do fim. Em quarto terminou Isaac Beazin e Paulo Sgarbi foi o quinto após largar apenas em décimo.

Apesar da premiação separada a 65cc e 85cc foram unificadas em uma única bateria onde as duas "oitentinhas" participantes, de Marcelinho Lima e Ítalo Bonkowsky, dispararam na frente fazendo uma prova a parte. Marcelinho liderou desde o início até a vitória, mas teve muito trabalho para segurar a pressão de Ítalo por quase toda a prova até a queda deste a poucas voltas do fim, felizmente conseguindo manter a segunda posição.


Ricardo Silveira


Caranguejo
Enquanto isso na 65cc, Tiago Azevedo assumiu a liderança da categoria logo na segunda volta para não perdê-la mais, Gasparzinho numa tocada forte e com muita regularidade se manteve em segundo desde a primeira volta. Gabriel Reis garantiu o terceiro lugar depois de algumas trocas de posição com Henrique Tominaga. Fechando o podium em quinto chegou Pedro Henrique que no início da prova chegou a perder a posição recuperando-a logo na volta seguinte.

Ricardo Silveira largou muito bem na Over 30 imprimindo um ritmo forte durante toda a prova ele venceu de ponta a ponta mostrando estar em grande forma. Enquanto isso foi grande a disputa pelas demais vagas no pódio, Alfredo Flávio e Rafael Arruda brigaram bastante pela segunda posição. Alfredo levou vantagem no início da prova, foi superado por Rafael, mas retomou a posição a quatro voltas do fim. O mesmo aconteceu entre Dênis Christians e Alessandro Lins que chegou a ultrapassar o concorrente, mas Dênis recuperou o quarto lugar. 


Diego Bremer


Ralado
Na Over 40, Cesar Del Poente largou na ponta só que logo na volta seguinte foi superado por Caranguejo que pulou do terceiro lugar para a liderança para não perdê-la mais. José Luis também ganhou duas posições ainda na primeira volta garantindo a segunda colocação, a qual manteve até o final. Na sequência em terceiro veio Márcio Costa que depois de uma má largada fez boa recuperação seguido de perto por Moacir Baez. Carlos José foi o quinto depois de chegar a ocupar a quarta posição por duas vezes. Del Poente completou a prova na nona posição.

Contando com grande número de pilotos, a Nacional A viu Diego Bremer largar na frente para vencer a prova assim como Felipe Maia que se firmou na segunda posição já na primeira volta e a manteve até a bandeirada. Samuel Maduro depois de largar em sexto ganhou terreno rapidamente assumindo a terceira posição. Destaque para Alessandro Alves que fez várias ultrapassagens até finalizar em quarto seguido de Paulo Rogério que largou em quinto e chegou a perder a posição por duas vezes, mas se recuperou na última volta. 


Diego Bremer


Celso Godoy
A Nacional B teve Luis Felipe largando na frente e logo sendo superado por Ralado que depois de sair na terceira posição assumiu a liderança imprimindo um ritmo forte garantindo a vitória. Luis Felipe se manteve na segunda posição com Nicolau Gonzaga logo atrás. Gonzaga chegou a ser ultrapassado caindo para a quinta posição, mas logo se recuperou para garantir o terceiro posto. Allien Jonas foi consistente durante toda a prova finalizando em quarto como Renato Coelho que se manteve o tempo todo no pelotão da frente e terminou em quinto.

Mais uma categoria com gate cheio e uma das mais disputadas do dia a Nacional 230 teve Rebelde largando na ponta seguido de perto por Carlos José e Diego Bremer, mas na metade da prova quem surpreende todos é Cokinho que depois de uma largada regular assume a ponta, só que sua liderança dura apenas duas voltas para ai sim se definir o vencedor quando Diego Bremer assume a ponta definitivamente. Cokinho chega em segundo e Rebelde em terceiro enquanto Carlos José é o quarto. Ranieri, que largou em quarto e se manteve entre os líderes durante toda a prova, foi o quinto.


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 504 Fotos!


Danilo Castro
Sem dúvida a VX-1 foi a prova mais eletrizante do dia com o vencedor sendo definido apenas nos últimos metros. Rafael Arruda largou muito bem e liderou a prova por quase todo o tempo, mas logo na segunda volta ganhou a companhia de Celso Godoy que pulou da quarta para a segunda posição pressionando Rafael por toda a prova. Os dois disputaram a liderança a cada trecho do circuito até que Celso conseguiu a ultrapassagem na última curva garantindo a vitória com Rafael colado em segundo. Ricardo Silveira apesar de largar na segunda posição sofreu uma queda caindo para a sétima posição, mas sem desanimar andou forte e garantiu a terceira colocação. Thomas José finalizou em quarto enquanto Denis Christian foi o quinto depois de se recuperar de uma má largada.

Apesar de largar na frente e liderar mais da metade da prova Cokinho finalizou a VX-2 na segunda posição sendo superado por Danilo Castro que depois de sair em quarto foi aos poucos ganhando posições até conquistar a vitória. Alessandro Lins que vinha em segundo terminou na terceira colocação após a ascensão de Danilo, enquanto Marcelinho Lima e Italo Bonkowsky foram quarto e quinto respectivamente, ambos andando forte com suas 85cc. 



Largada Força Livre
A Força Livre fechou o dia de provas com chave de ouro com muitos pilotos alinhados no gate e belas disputas. Ricardo Silveira venceu mais uma prova depois de largar em segundo e chegar a perder a posição. Na décima volta ele alcançou a liderança segurando-a até o final. Celso Godoy que disputou posições com Ricardo por boa parte da prova garantiu a segunda posição a duas voltas do fim depois de superar Rafael Arruda, terceiro colocado. Danilo Castro terminou em quarto numa boa prova depois de largar apenas na décima posição enquanto Alessandro Lins garantiu o quinto lugar em boa disputa com Diego Bremer.


Ricardo Silveira

O Campeonato Booster Motorsports de Veloterra do Vale do Paraíba tem o patrocínio de Booster Motorsports e BBR Motorsports, apoio da Prefeitura Municipal de Roseira, Mosteiro Sagrada Face e Damarte, supervisão Livre Brasil e organização da Asfaltozero. Agradecimento especial aos pilotos de Roseira Waldemar, Marquinho e Ricardo.

Resultados

P. 50cc Cidade M. Volta
33 João Vitor Caçapava 1,11,057
9 Gabriel Carvalho Caçapava 1,12,488
14 Guilherme Reis Caçapava 1,14,133
97 Vitor Gabriel - 1,18,621
869 Vitor Miguel - 1,16,135
307 Saulo Ribeiro - 1,23,150
11 Victor Tominaga Santana Parnaíba 1,29,718
99 Victoria Briza - 1,35,046
P. 65cc Cidade M. Volta
76 Tiago Azevedo - 1,00,294
99 Gasparzinho São José Dos Campos 1,03,671
74 Gabriel Reis Caçapava 1,04,869
111 Henrique Tominaga Santana Parnaiba -
28 Pedro Henrique Pereira São José Dos Campos -
33 João Vitor Caçapava 1,10,565
78 Caio Hoffman - 1,09,701
99 Marcio Henrique - 1,09,113
22 Thalis Carriel - 1,15,097
10º 49 Quatazinho Indaiatuba 1,20,748
P. 85cc Cidade M. Volta
225 Marcelinho Felipe Lima Osasco 53,410
34 Italo Bonkowsky Caçapava 53,456
P. Over 30 Cidade M. Volta
337 Ricardo Silveira Campos Do Jordão 50,679
869 Alfredo Flavio São José Dos Campos 51,395
262 Rafael Arruda São José Dos Campos 51,781
5 Denis Christians Caçapava 54,554
99 Alessandro Lins São José Dos Campos 54,102
357 David Carrion São Paulo 56,769
8 Claudio Lelis Aguiar Caraguatatuba 56,704
168 Rogerio Briza - 57,444
247 Eneas Pereira - 58,423
10º 9 Fabio Ricardo - 59,756
P. Over 40 Cidade M. Volta
242 Caranguejo - 53,237
5 José Luis Do Prado S. Bento Do Sapucaí 53,605
14 Marcio Costa - 54,885
55 Moacir Baez São José Dos Campos 55,745
52 Carlos José De Souza - 56,428
Marcelo Piorino - 56,911
144 Marcus Tadeu Maciel Lorena 57,407
28 Julio Custódio São Paulo 58,703
29 Cesar Del Poente São Paulo 58,194
10º Thorstein Gleining Natividade Da Serra
P. Nacional Estreante Cidade M. Volta
7 Renato Pacheco - -
9 André Alfredo - 56,916
Gilson Messias - 57,220
207 Isaac Beazin - 57,458
168 Paulo Cesar Sgarbi Peruibe 57,421
22 Luis Gustavo Lima Gomes - 57,689
4 Marcelo Pigatto São Paulo 57,410
19 Victor Vidal São Paulo 57,821
49 Quatá Indaiatuba 56,508
10º 211 Claudio Do Carmo - 58,847
P. Nacional A Cidade M. Volta
986 Diego Bremer São José Dos Campos 52,448
115 Felipe Maia São José Dos Campos 53,318
17 Samuel Maduro - 54,033
275 Alessandro Alves - 54,497
19 Paulo Rogerio Lopes - 54,947
42 Anderson Gusmão - 54,788
168 Rogério Briza - 56,826
1 Romulo Borracha - 57,796
Alessandro Roberto - 57,620
10º 111 Bruno Roberto Loyola - 57,967
P. Nacional B Cidade M. Volta
93 Ralado São José Dos Campos 57,749
4 Luis Felipe Silva - 58,016
9 Nicolau Gonzaga - 57,105
30 Allien Jonas Pereira - 59,002
89 Renato Coelho Sãobento Sapucaí
144 José Ricardo Lorena 59,459
203 Alexandre Moreira - 1,00,422
19 José Guilherme Alves - 1,00,912
42 Sergio Fofinho - 1,02,165
10º Renato Graglia - 1,02,059
P. Nacional 230cc Cidade M. Volta
101 Diego Bremer - 53,015
90 Cokinho - 53,164
98 Rebelde - 52,675
52 Carlos José De Souza - 53,763
97 Ranieri - 56,684
22 Evaldir Nunes - 53,449
55 Moacir Baez - 55,326
2 Luis Henrique Silveira - 55,251
4 Paulo Cesar Brandão - 54,613
10º 221 Chatão - 55,544
P. Vx1 Cidade M. Volta
162 Celso Godoy - 51,155
262 Rafael Arruda - 51,826
337 Ricardo Silveira - 51,686
63 Tomas José - 53,189
5 Denis Christian - 55,195
5 José Luis Do Prado - 53,307
29 Cesar Del Poente - 58,392
99 Paulo Henrique - 57,128
51 Bruno Rodrigues - 1,03,185
10º 137 Alexandre Buguelo - 53,908
P. Vx2 Cidade M. Volta
644 Danilo Castro - 51,891
26 Cokinho - 51,685
99 Alessandro Lins - 52,696
225 Marcelinho Felipe Lima - 52,758
34 Italo Bonkowsky - 54,351
89 Luis Fernando Vieira - 55,122
715 Breno Prado - 55,115
28 Julio Custódio - 58,682
99 Denis Pereira - 57,193
P. Importada Estreante Cidade M. Volta
151 Wandinho - 56,039
18 Degmar Fernandes - 57,970
77 Alan Germano - 57,133
42 Juninho - 57,045
89 Adinan Angelini - 59,137
17 Neto Maciel - 59,710
8 Pedro Henrique - 55,557
20 Glauber Ramos - 58,968
53 Giuliano Marchesi - 1,04,659
10º 96 Sergio Moraes - 1,03,589
P. Força Livre Cidade M. Volta
337 Ricardo Silveira - 52,136
162 Celso Godoy - 51,134
262 Rafael Arruda - 51,815
644 Danilo Castro - 51,269
99 Alessandro Lins - 52,723
5 José Luis Do Prado - 52,864
869 Alfredo Flavio - 54,035
26 Cokinho - 53,615
242 Caranguejo - 54,508
10º 986 Diego Bremer - 51,762






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet