X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > AMA Supercross

2019 Minneapolis - MN - 6ª etapa
Publicado em: 13/02/2019

Cooper Webb conquista terceira vitória na temporada. Ken Roczen recupera a liderança na pontuação
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Octopi / Simon Cudby

Campeonato tem quatro pilotos virtualmente empatados na ponta da classificação geral


Largada 450

Minneapolis recebeu a sexta etapa do Monster Energy AMA Supercross 2019 e o campeonato segue mais quente do que nunca, com quatro pilotos virtualmente empatados na disputa pelo título num intervalo de apenas 2 pontos: Ken Roczen, Cooper Webb, Eli Tomac e Marvin Musquin. Entre esses, dois ainda não venceram na temporada, o líder Roczen e o quarto colocado Musquin. Isto prova mais uma vez a necessidade de ser bem consistente na série e a final da classe principal em Minneapolis foi um grande exemplo disso, com uma corrida bastante cautelosa entre os líderes, apesar da intensa disputa por posições.


Cooper Webb torna-se um dos favoritos na corrida ao título

Observações de Minneapolis


Ken Roczen, líder da classificação

A pista se mostrou bastante difícil de ultrapassar. Além disso, não havia nenhuma seção de obstáculos técnica o bastante para fazer diferença nos tempos de volta. Nos treinos classificatórios nada menos que 10 pilotos viraram tempos no mesmo segundo. Na final esse número chegou a 14.

Cooper Webb mostrou mais uma vez que é, sim, um dos grandes favoritos ao título. Desacreditado após dois anos de resultados pífios na classe 450, o piloto da Carolina do Norte deu a volta por cima com a mudança da Yamaha para a KTM. Quanto desta mudança podemos creditar a moto e quanto à internação no campus do preparador Aldon Baker? Difícil decifrar isso em números, mas obviamente estes dois pontos tiveram bastante peso neste novo Cooper Webb.

Apesar da Yamaha compartilhar o mesmo chassi entre a 250 e 450, o comportamento de ambas é bastante distinto e, após subir de categoria, em dois anos Webb não se sentiu confortável o suficiente para encontrar todo o seu potencial. Já a mão forte da KTM - que interfere mais que diretamente na preparação física e mental de seus pilotos com a Baker Factory - também provou o seu valor, transformando um piloto desacreditado em sério candidato ao título.


Marvin Musquin

Apesar da chama vencedora dentro de si, Webb fez uma final excepcional. Seguiu Joey Savatgy por mais de 14 das 26 voltas e, apesar de diversas oportunidades e da pressão de Ken Roczen, evitou uma manobra mais agressiva e o contato com o oponente. De fato, Webb conseguiu a liderança ao abortar um triplo onde Savatgy saltou fechando a porta. Evitou o choque e se aproveitou do erro do piloto da Kawasaki que aterrissou desequilibrado.

Maturidade faz a diferença

Após assistir uma Last Chance selvagem na classe 250 Leste, foi de certa forma reconfortante assistir a final da 450 onde a grande maioria sabia bem o que estava fazendo. É uma campeonato longo, muito difícil de se manter no topo e muito fácil de se jogar todo o trabalho fora por um erro bobo ou uma afobação no calor do momento.


Joey Savatgy liderou 14 voltas sob intensa pressão

Entre o grupo da frente, foi justamente Joey Savatgy o mais afoito na defesa de posições. Além de Webb, Ken Roczen - que passou a semana sem treinar com a moto por causa das queimaduras em San Diego - Blake Baggett e Marvin Musquin buscaram com cautela a melhor maneira de avançar na corrida. Savatgy, o mais rápido na tomada de tempo, perdeu posições para estes três praticamente ao mesmo tempo na tentativa de salvar um pódio.

Infelizmente, Blake Baggett caiu forte a duas voltas do fim e também jogou fora suas chances de pódio e a quinta posição geral no campeonato.

Largadas, Largadas...


Eli Tomac

A largada é a parte mais importante de uma corrida de Supercross e os apresentadores não cansam de repetir isso numa etapa e na outra também. Para Eli Tomac essa parte da corrida é ainda mais importante. O piloto da Kawasaki é quase imbatível quando larga na frente (e não cai). No meio do pelotão a história é outra. A largada terrível o colocou numa situação onde não se sente nem um pouco à vontade - completou a primeira volta em 16º. A pista pouco amigável com as ultrapassagens fez seu number plate vermelho perder a coloração ao longo das voltas. Tomac perdeu muito tempo atrás de Chad Reed e também de Justin Barcia, mas salvou um razoável sexto lugar. Perdeu a liderança na pontuação, mas se manteve em boas condições no horizonte de 14 provas restantes na corrida ao título.

O veterano

Muita gente questiona o que Chad Reed ainda está fazendo nas pistas, já que seus tempos de glória e títulos ficaram no passado. Ora bolas, Chad sabe disso muito bem, mas não há outra coisa que ele goste mais de fazer para ganhar a vida. Depois da quinta posição na lama de San Diego, o australiano fez também uma excelente prova de recuperação na final, combatendo o próprio Eli Tomac, como comentado acima, e superando Dean Wilson pela sétima posição a poucas voltas do fim. Mostrou não apenas velocidade como uma condição física invejável aos 36 anos de idade. Justin Barcia foi outro piloto de fábrica vítima do "velhinho" em Minneapolis.

250 Leste dá a largada com domínio de Austin Forkner


Largada 250 Leste

A prova final da classe 250 Leste viu um passeio de Austin Forkner, que largou na frente e foi solitário em direção a bandeirada da chegada. Tão solitário que o diretor de imagens da transmissão até esqueceu dele, e só lembrou a duas voltas do final.

Com Martin Dávalos largando em segundo, a Pro Circuit Kawasaki até teve uma breve expectativa de uma dobradinha, mas o equatoriano não conseguiu seguir o ritmo do líder, pelo contrario, segurou um pelotão de furiosos até que foi ultrapassado por Jordon Smith e tomou uma estampada de Alex Martin logo em seguida. Dávalos completou a abertura do campeonato apenas em 16º.


Austin Forkner

Já Smith passou momentos de alta tensão pouco antes da largada. Voltou da volta de apresentação com o pneu traseiro furado e foi salvo por seu mecânico que fez uma troca de rodas em tempo recorde. Após assumir o segundo posto na corrida, Smith caiu e desceu à quarta posição, mas conseguiu recuperar o segundo lugar algumas voltas depois.

A terceira posição foi definida numa dividida entre Justin Cooper e Alex Martin na curva da chegada, a duas voltas da bandeirada. Empurrado para fora da pista, o piloto da Suzuki contornou o percurso por fora do salto de chegada e consequentemente não passou pelos leitores de transponder. Temporariamente despencou na classificação, mas após a chegada seu resultado foi corrigido manualmente.


Jordon Smith foi salvo pelo mecânico momentos antes da queda do gate

Semana que vem a disputa é no Texas, em Arlington, próxima a Dalas, palco da sétima etapa da temporada.

Vídeos







Corridas Completas





Resultados

P. # 450 Moto Diff M.V. Team/Sponsors
1 2 Cooper Webb Ktm 450 Sx-f Factory Edit 26 Laps 48,249 Red Bull, Ktm, Motorex, Akrapovic, Dunlop
2 94 Ken Roczen Hon Crf 450 +03,190 48,222 Team Honda Hrc, Fox Racing, Red Bull, Stanc
3 25 Marvin Musquin Ktm 450 Sx-f Factory Edit +10,695 48,109 Red Bull, Ktm, Motorex, Akrapovic, Dunlop
4 17 Joey Savatgy Kaw Kx 450 +15,423 48,118 Monster Energy Kawasaki
5 10 Justin Brayton Hon Crf 450 +18,325 48,126 Smartop Bullfrog Spas Hon
6 3 Eli Tomac Kaw Kx 450 +21,942 48,565 Monster Energy Kawasaki
7 22 Chad Reed Suz Rm-z450 +26,057 49,012 Jgrmx/Yoshimura/Factory Suz Racing
8 15 Dean Wilson Hus Fc450 +28,282 48,793 Rockstar Energy Hus Factory Racing
9 51 Justin Barcia Yam Yz450f +28,981 48,320 Monster Energy-yamaha Factory Racing
10 7 Aaron Plessinger Yam Yz450f +44,952 49,121 Monster Energy-yamaha Factory Racing
11 14 Cole Seely Hon Crf 450 +49,565 48,551 Team Hon Hrc
12 42 Vince Friese Hon Crf 450 25 Laps 48,898 Smartop Bullfrog Hon
13 19 Justin Bogle Ktm 450 Sx-f Factory Edit +05,732 49,094 Rocky Mountain Atv/Mc - Ktm - Wps
14 43 Tyler Bowers Kaw Kx 450 +29,541 49,992 Triggr Racing/Blud Lubricants/Ahm Factory Services/Ka
15 11 Kyle Chisholm Suz Rm-z450 +47,275 50,295 H.e.p. Motorsports Suz
16 62 Alex Ray Suz Rm-z450 +58,580 50,195 H.e.p. Motorsports Suz
17 41 Ben Lamay Hon Crf 450 24 Laps 50,497 Tpj/Fly Racing/Lbeardsleycpa/Xbrand/Rts Inc/Race
18 393 Daniel Herrlein Kaw Kx 450 23 Laps 51,651 Prmx/Strikt/Club57/Tcd/Evs/Hgs/Ryno Power/Hoosie
19 118 Cheyenne Harmon Yam Yz450f +21,590 51,556 Badassattorney.com/Shawneemotors.com/Merge Racin
20 383 Casey Brennan Ktm 450 Sx-f 22 Laps 52,399 Fun Center Cycles/Hustle Hard Industries/Energy Pro’s
21 4 Blake Baggett Ktm 450 Sx-f Factory Edit 21 Laps 48,217 Rocky Mountain Atv/Mc - Ktm - Wps
22 330 Aj Catanzaro Kaw Kx 450 10 Laps 52,714 Dunphy Farms/Mototape

P. # 250 Leste Moto Diff M.V. Team/Sponsors
1 24 Austin Forkner Kaw Kx 250f 20 Laps 48,031 Monster Energy Pro Circuit Kawasaki
2 28 Jordon Smith Ktm 250 Sx-f +06,087 48,170 Troy Lee Designs/ Red Bull/ Ktm
3 32 Justin Cooper Yam Yz250f +09,900 48,503 Monster Energy/Thor/Parts Unlimited/Star Racing
4 26 Alex Martin Suz Rm-z250 +12,953 42,740 Jgrmx/Yoshimura/Suz Factory Racing
5 23 Chase Sexton Hon Crf 250 +17,934 48,895 Geico Hon/Amsoil/Factory Connection
6 66 Mitchell Oldenburg Yam Yz250f +25,626 49,183 Monster Energy/Thor/Yam/Parts Unlimited
7 37 Kyle Cunningham Hon Crf 250 +34,680 49,129 Hrt, Cherokee, Freedom Powersports, Merge Ra
8 45 Brandon Hartranft Yam Yz250f +39,397 49,981 Cycletrader Rock River Yamaha
9 52 Jordan Bailey Hus Fc250 +41,605 49,711 Rockstar Energy Hus Factory Racing
10 55 Kyle Peters Suz Rm-z250 +44,315 50,203 Jgrmx/Yoshimura/Suz Factory Racing
11 112 Thomas Covington Hus Fc250 +44,992 49,707 Rockstar Energy Hus Factory Racing
12 56 Lorenzo Locurcio Kaw Kx 250 19 Laps 50,731 Kissimmee Motorsports, Legends And Heroes Tour
13 70 Joshua Osby Yam Yz250f +04,773 49,816 Ctr Motorsports / Ohlins / Atv's & More / Yamah
14 49 Henry Miller Ktm 250 Sx-f +12,315 51,028 Stussy Construction/R&b Car Company/Fxr/Owne
15 93 Blake Wharton Hon Crf 250 +23,935 50,553 Tilube Stormlake Hon By Buddy Brooks/Jrc/
16 73 Martin Davalos Kaw Kx 250f +33,135 48,570 Monster Energy Pro Circuit Kawasaki
17 123 Mitchell Falk Ktm 250 Sx-f +39,518 49,726 Troy Lee Designs/ Red Bull/ Ktm
18 96 Chase Marquier Hus Fc250 18 Laps 53,112 Jmc Motorsports Racing, Fly Racing, Hus M
19 81 Joshua Cartwright Yam Yz250f +06,691 51,435 Ebr Peformance/Altus Motorsports/Tucker Powe
20 38 Christian Craig Hon Crf 250 15 Laps 49,895 Geico Hon/Amsoil/Factory Connection
21 367 Hunter Sayles Ktm 250 Sx-f 14 Laps 52,032 Woodstock Ktm, Jenneration Mx, I Am A Come
22 98 Wilson Fleming Hus Fc250 Dnf   Jmc Motorsports, Mx Locker

Classificação Geral

P. # 450 Pts
1 94 Ken Roczen 125
2 2 Cooper Webb 124
3 3 Eli Tomac 123
4 25 Marvin Musquin 123
5 15 Dean Wilson 95
6 51 Justin Barcia 88
7 4 Blake Baggett 82
8 22 Chad Reed 81
9 7 Aaron Plessinger 79
10 14 Cole Seely 77
11 10 Justin Brayton 70
12 42 Vince Friese 65
13 19 Justin Bogle 60
14 17 Joey Savatgy 59
15 1 Jason Anderson 46
16 43 Tyler Bowers 42
17 46 Justin Hill 39
18 11 Kyle Chisholm 29
19 41 Ben Lamay 28
20 62 Alex Ray 25
21 71 Cole Martinez 18
22 805 Carlen Gardner 18
23 27 Malcolm Stewart 17
24 86 Ryan Breece 8
25 606 Ronnie Stewart 7
26 118 Cheyenne Harmon 6
27 282 Theodore Pauli 5
28 393 Daniel Herrlein 5
29 74 Cade Autenrieth 4
30 941 Angelo Pellegrini 4
31 383 Casey Brennan 3
32 99 Austin Politelli 3
33 80 Heath Harrison 1
34 330 Aj Catanzaro 1
P. # 250 Leste Pts
1 24 Austin Forkner 26
2 28 Jordon Smith 23
3 32 Justin Cooper 21
4 26 Alex Martin 19
5 23 Chase Sexton 18
6 66 Mitchell Oldenburg 17
7 37 Kyle Cunningham 16
8 45 Brandon Hartranft 15
9 52 Jordan Bailey 14
10 55 Kyle Peters 13
11 112 Thomas Covington 12
12 56 Lorenzo Locurcio 11
13 70 Joshua Osby 10
14 49 Henry Miller 9
15 93 Blake Wharton 8
16 73 Martin Davalos 7
17 123 Mitchell Falk 6
18 96 Chase Marquier 5
19 81 Joshua Cartwright 4
20 38 Christian Craig 3
21 367 Hunter Sayles 2
22 98 Wilson Fleming 1









© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet