X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

Pro Tech

JPS Racing

MotoX Pneus

JP Motos

Clique e saiba mais

> Competição > Supermoto

Brasileiro de Supermoto - Anápolis - GO
Publicado em: 10/12/2014

Competição estreia novo formato com etapa única de quatro baterias
Redação MotoX.com.br - Fotos: Randés Nunes

Rafael Fonseca conquista o oitavo título nacional na SM1 e Chiquinho Velasco fatura troféu na SM2


Rafael Fonseca mantém o número 1 no campeonato nacional da SM1

A etapa única do Campeonato Brasileiro de Supermoto 2014 foi disputada debaixo de chuva neste fim neste fim de semana no Kartódromo de Anápolis (GO). Cada categoria disputou quatro baterias, uma verdadeira prova de resistência, até a definição dos campeões nacionais em quatro categorias. Apenas os três melhores resultados foram levados em conta na totalização dos pontos, o pior foi descartado.

"Fizemos três anos consecutivos o Campeonato com até seis etapas, mas percebemos que poucos pilotos participavam de toda a temporada. Então decidimos fazer nesse formato, como são realizados alguns campeonatos, como por exemplo o Kart, e deu certo. Para a temporada 2015 ainda vamos analisar qual será o formato", justificou o vice-presidente da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), Roberto Boettcher.


Disputa entre Chiquinho Velasco (71) e Carlos Maia (57) foi a grande atração da SM2

Na categoria SM1, Rafael Fonseca manteve a escrita das últimas temporadas conquistando mais um título nacional, mesmo com a forte concorrência do tcheco Petr Vorlicek, campeão europeu da modalidade. Foi uma batalha extremamente equilibrada já que ambos obtiveram o mesmo número de pontos, com duas vitórias para cada durante o fim de semana. O brasileiro contou com o melhor desempenho na última bateria para levantar o troféu. "Agora sou oito vezes campeão Brasileiro de Supermoto. Só tenho a agradecer minha equipe, aos meus amigos e minha família. Estou muito feliz", resumiu Fonseca. Laszlo Piquet subiu ao pódio na terceira posição, posto que também ocupou nas baterias.

Na SM2 a emoção foi garantida pelos duelos entre Chiquinho Velasco e Carlos Maia. O ponto alto foi a segunda bateria, vencida por Velasco após uma disputa metro a metro com o goiano até a bandeirada. Conhecido pela carreira cheia de conquistas importantes no motocross, Maia deu trabalho, mas não conseguiu superar a maior quilometragem do paulista no asfalto e acabou com o vice-campeonato. Thyrson Rodriguez venceu a disputa pelo terceiro lugar.


Velasco comemorando o título nacional da SM2

O campeão inicialmente iria correr na categoria principal, mas devido a um imprevisto acabou mudando para a SM2 na última hora. "Tive problemas com minha CRF 450cc e para não perder a viagem larguei com uma 250cc emprestada. Consegui imprimir um bom ritmo, e usei minha experiência na modalidade para levar esse título para São Paulo", explicou Velasco. "A prova foi bem organizada, o público compareceu apesar da chuva nos dois dias de corrida", completou o campeão.

Quinze pilotos disputaram a SM3, categoria para motos nacionais, no grid mais concorrido do campeonato. Wagner Alex Pavaneli superou Kleber Arantes em todas as baterias, faturando o título de forma invicta. Leonardo Dias fechou a disputa na terceira colocação. Para completar, Simão Lawant Neto, literalmente sem adversários, foi o campeão da SM4.


Pódio da categoria SM2 com Thyrson Rodriguez, Chiquinho Velasco e Carlos Maia

Classificação final do Brasileiro de Supermoto 2014:

Pos SM1 Pts
1 1 Rafael Fonseca Dos Santos 72
2 202 Petr Vorlicek 72
3 273 Laszlo Piquet 60
4 017 Matheus Machado Cabral 54
5 232 Wagner Alex Pavaneli 18
Pos SM2 Pts
1 75 Francisco Luiz Velasco R. Filho 75
2 57 Carlos Pereira Maia Filho 69
3 13 Thyrson Caetano Carballo Rodriguez 60
4 17 Matheus Machado Cabral 56
5 82 Diogo Rodrigues Rates 20
Pos SM3 Pts
1 232 Wagner Alex Pavaneli 75
2 3 Kleber Luis Rodrigues Arantes Silva 66
3 17 Leonardo Cunha Vilela Dias 62
4 42 Kadu Chiarini 56
5 199 Indiana Munoz 47
6 29 Octavio Santos Pinto 44
7 14 Wendell Vaz De Lima 43
8 927 Rafael Pereira Dos Santos 43
9 26 Roberto Gazquez Ramalho 43
10 33 Evandro Loiola De Amorim 33
11 99 Vilmondes Souza De Souza Silva 30
12 200 Ricardo Moreira 28
13 69 Joao Feliciano Carneiro 26
14 22 Rafael De Santos Moura 23
15 757 Joao Pedro Araujo Carneiro 18
Pos SM4 Pts
1 03 Simao Lawant Neto 75





Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet