X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > AMA Supercross

10ª etapa - Daytona - FL
Publicado em: 09/03/2009

Daytona Supercross. O clássico dos clássicos.
Texto: Lucídio Arruda - fotos: www.supercross.com / Divulgação


A prova de Daytona é especial no calendário do AMA Supercross. A única que não é realizada pelo Feld Entertainment acontece na área interna do Daytona Speedway e geralmente  apresenta a pista mais longa e desafiadora da temporada.


Chad Reed volta a liderar o campeonato
Antigamente a etapa de Daytona era disputada de dia e na categoria principal classificavam 30 pilotos para a final. Hoje em dia a prova já é disputada sob as luzes artificiais e as vagas no gate estão alinhadas com as demais etapas, apenas 20. Mas a pista continua a mais longa o que amplia o tempo da final de cerca de 17 minutos nos estádios para algo ao redor de 23/24 minutos.

Neste sábado tivemos mais uma prova memorável com a segunda vitória de Chad Reed na temporada e a liderança de um novato na categoria principal por quase a bateria. James Stewart errou a freada na largada e provocou um enorme acidente na primeira curva. Vamos conferir como foram as...

Corridas

E que corrida! A surpresa começou nas classificatórias com o "Bad Boy" Jason Lawrence marcando o melhor tempo em sua estréia profissional com a Yamaha 450. O campeão 2008 da Lites Oeste, após um péssimo início de temporada em sua categoria oficial, deixou os fãs de Daytona boquiabertos com seu desempenho.

Na largada da final James Stewart fez um pequeno "wheelie" perfeito, tanto que sua roda dianteira chegou parada na área de frenagem... que em Daytona é de grama. A Yamaha de Stewart simplesmente "saiu debaixo" do piloto levando ao chão Michael Byrne (que tinha conseguido uma ótima largada), Josh Hill e Andrew Short entre outros.


Lawrence provou ser muito rápido com a 450cc

Reed ficou preso na confusão, mas de pé, o que o permitiu sair rapidamente para recuperar o prejuízo. Stewart levantou meio atordoado, sem a pala (visor) do capacete, e tentou recomeçar a prova na Yamaha de Josh Hill!!! Com o alerta de Hill e demais membros da equipe Stewart se deu conta do erro e passou a procurar sua própria moto.


Foi assim que Stewart completou a prova
Na frente mais um holeshot de Mike Alessi. Jason Lawrence ficou atrás da queda coletiva, mas cortou a curva e ainda saiu no lucro com uma posição entre os quatro primeiros! Na terceira volta já era o líder e num ritmo fortíssimo passou a abrir dos demais.

Reed completou a primeira volta em 8º e levou dez voltas até alcançar a segunda posição. A esta altura Lawrence tinha cerca de dez segundos de vantagem e estava virando apenas cerca de um segundo mais lento que Reed.

Foi nesta hora que o preparo físico falou mais alto. Lawrence quase caiu e logo depois definiu um ritmo para completar a prova. Quando Reed encostou a quatro voltas do final Lawrence não ofereceu resistência e deixou o australiano passar para sua segunda vitória consecutiva.

Alessi perdeu a terceira posição para Windham e depois a quarta para Villopoto, mas depois voltou ao terceiro posto quando esses dois cairam. Na última volta seu traçado se encontrou com o de David Millsaps e Alessi levou a pior, mas conseguiu se levantar ainda na quarta posição.

Stewart com uma moto torta e longe de todo seu potencial conseguiu salvar a sétima posição e pontos importantes na disputa do título.

Josh Grant falhou em classificar-se assim como o veterano Mike Brown que voltou ao supercross por uma prova a bordo de uma KTM.

No campeonato Chad Reed volta à liderança com 11 pontos de vantagem para Stewart. O norteamericano tem sete vitórias, mas Reed foi muito mais consistente até aqui. Restam sete etapas, a disputa entre os dois está equilibrada e qualquer erro daqui para frente pode custar muito caro entre os pretendentes ao título. 

Lites Leste


Martin Davalos - foto: Christy LaCurelle


Christophe Pourcel
Christophe Pourcel conquistou a terceira vitória em quatro provas e dá mais um grande passo rumo ao seu primeiro título na América. Seu companheiro de equipe Austin Stroupe se chocou com Martin Davalos na primeira volta e literalmente saiu voando para fora da pista numa queda assustadora. Apesar de não sofrer nenhuma contusão mais séria abandonou a corrida.

O equatoriano Davalos ultrapassou Mat Lemoine e assumiu a liderança na segunda volta. O francês Pourcel veio em sua cola, mas aguardou a fase final da corrida para dar o bote.

A ultrapassagem aconteceu a quatro voltas do fim. Final: Pourcel em primeiro, Davalos em segundo e Nico Izzi em terceiro após uma prova de recuperação.

Faltando quatro etapas na região leste Izzi é a maior ameaça ao piloto da Kawasaki com resultados consistentes na temporada, mas ainda sem bater Pourcel em nenhuma ocasião.

Resultados

Pos. No. Supercross Bike Lap Int.
1 1 Chad Reed Suz RM-Z450 20 ---
2 338 Jason D. Lawrence Yam YZ450F 20 5.67
3 18 David D. Millsaps Hon CRF450R 20 19.331
4 800 Mike A. Alessi Suz RM-Z450 20 21.789
5 14 Kevin W. Windham Hon CRF450R 20 22.993
6 2 Ryan D. Villopoto Kaw KX450F 20 23.891
7 7 James M. Stewart Yam YZ450F 20 38.244
8 29 Andrew T. Short Hon CRF450R 20 41.87
9 31 Ryan Sipes KTM 450SX-F 20 43.159
10 48 Thomas K. Hahn Kaw KX450F 20 47.351
11 75 Joshua R. Hill Yam YZ450F 20 50.725
12 60 Broc D. Hepler Yam YZ450F 20 52.883
13 9 Ivan Tedesco Hon CRF450R 20 62.229
14 911 Tyler T. Bowers Hon CRF450R 19 ---
15 13 Heath D. Voss Hon CRF450R 19 ---
16 38 Kyle P. Chisholm Yam YZ450F 19 ---
17 979 Ben Coisy Hon CRF450R 19 ---
18 54 Matt Boni Hon CRF450R 10 ---
19 15 Timmy M. Ferry Kaw KX450F 1 ---
20 26 Michael Byrne Suz RM-Z450 0-DNF ---
Pos. No. Lites Leste Bike Lap Int.
1 377 Christophe Pourcel Kaw KX250F 15 ---
2 577 Martin Davalos KTM 250SX-F 15 6.368
3 20 Nico A. Izzi Suz RM-Z250 15 6.842
4 41 Matthew J. Lemoine Yam YZ250F 15 20.833
5 50 Wil A. Hahn KTM 250SX-F 15 24.966
6 34 Matthew C. Goerke Suz RM-Z250 15 26.554
7 159 Darryn L. Durham Yam YZ250F 15 45.661
8 43 Broc Tickle Yam YZ250F 15 52.641
9 61 Blake Wharton Hon CRF250R 15 60.459
10 130 Kyle D. Keylon Hon CRF250R 15 67.974
11 125 Daniel M. Blair Hon CRF250R 15 71.439
12 412 Levi W. Kilbarger Hon CRF250R 15 76.601
13 74 Branden L. Jesseman Kaw KX250F 14 ---
14 719 Vince A. Friese Hon CRF250R 14 ---
15 351 Shane M. Sewell Yam YZ250F 14 ---
16 77 Steven J. Clarke Suz RM-Z250 13 ---
17 811 Josh M. Lichtle Hon CRF250R 13 ---
18 304 Bradley J. Ripple Hon CRF250R 12 ---
19 981 Austin L. Stroupe Kaw KX250F 0-DNF ---
20 45 Jason W. Thomas Hon CRF250R 0-DNF ---

Classificação Geral
Pos. Pts. Supercross
1 224 C. Reed
2 213 J. Stewart
3 163 A. Short
4 153 R. Villopoto
5 140 I. Tedesco
6 138 J. Grant
7 136 D. Millsaps
8 131 M. Alessi
9 128 K. Windham
10 100 T. Ferry
11 92 J. Hill
12 65 H. Voss
13 55 B. Coisy
14 55 N. Wey
15 46 P. Carpenter
16 45 M. Boni
17 43 K. Chisholm
18 29 B. Hepler
19 27 M. Byrne
20 27 T. Hahn
21 24 C. Summey
22 23 C. Siebler
23 22 J. Lawrence
24 22 S. Boniface
25 21 T. Adams
26 19 R. Sipes
27 18 T. Bowers
28 14 R. Kiniry
29 12 J. Hansen
30 10 D. McCoy
31 7 T. Preston
32 3 S. Hamblin
33 3 D. Blair
34 2 M. Rivas
Pos. Pts. Lites Leste
1 97 C. Pourcel
2 82 N. Izzi
3 59 A. Stroupe
4 56 M. Davalos
5 52 W. Hahn
6 51 B. Jesseman
7 47 M. Lemoine
8 46 B. Wharton
9 40 S. Clarke
10 38 M. Goerke
11 36 D. Blair
12 33 L. Kilbarger
13 31 D. Durham
14 24 V. Friese
15 22 B. Metcalfe
16 22 K. Keylon
17 22 J. Saylor
18 20 B. Ripple
19 19 T. Wharton
20 18 S. Sewell
21 13 B. Tickle
22 12 K. Gills
23 7 R. Smith
24 7 H. Hewitt
25 7 T. Parks
26 5 F. Karrle
27 4 J. Lichtle
28 3 S. Hackley
29 2 P. Nicoletti
30 2 C. Gilmore
31 2 C. Ward
32 1 J. Thomas






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet