fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Competição > Mundial de Motocross

4ª etapa - León - México - Classificatórias
Publicado em: 16/04/2016

Tim Gajser conquista mais uma vitória em classificatórias. Jeffrey Herlings segue como rei na MX2
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Max Zanzani / Youthstream.


Largada MXGP


Jeremy Seewer e Kevin Strijbos em sessão de autógrafos no Shopping de León
Depois de todo o esplendor do GP da Patagônia - sem dúvida a pista mais bonita da temporada - vamos ao México, na pista de Léon, que, digamos, não tem a mesma beleza do circuito argentino. Pista em terreno duro e com muitas canaletas. O número de participantes também caiu, ao redor de 30 na quarta etapa, para 20 na MX2 e apenas 19 na MXGP.

Apesar do terreno exigir cuidado dos pilotos as corridas em León costumam ser interessantes. Nos últimos anos o México recebeu o campeonato no fim da temporada. Em 2014 o GP que encerrou o campeonato foi marcado pela corrida histórica de Jordi Tixier que faturou o título sobre Jeffrey Herlings, que correu ainda se recuperando de uma fratura no fêmur. Em 2015 tivemos um festival de quedas na MX2 em um GP equilibradíssimo na classe principal com quatro piloto no intervalo de um ponto. Gautier Paulin sagrou-se vencedor sobre Max Nagl pelo desempate do resultado da segunda bateria. Pelo mesmo critério Antonio Cairoli subiu ao pódio na terceira posição contra Kevin Strijbos.

Classificatórias 2016


Jeffrey Herlings


Jeremy Seewer
Na classe MX2 Pauls Jonass saiu na frente seguido de Jeffrey Herlings. O natural seria o holandês ultrapassar o companheiro de equipe rapidamente, mas o surpreendente e abusado Samuele Bernadini colocou sua italiana TM entre as duas KTMs durante a primeira volta.

Herlings levou pouco mais de duas voltas para recuperar a posição e só alcançou a liderança a partir da sétima volta quando superou Jonass. Bernardini sofreu uma queda na metade da bateria e perdeu terreno finalizando em sétimo. A terceira posição ficou com o suíço Jeremy Seewer que esse ano conta com a tutela de Stefan Everts, chefe na Suzuki.

Na quarta posição chegou o russo Vsevolod Brylyakov que vem fazer companhia a Aleksandr Tonkov e Evgeny Bobryshev. O trio pode formar um bom time no Motocross das Nações. Por falar em Tonkov, o piloto oficial Yamaha sofreu com problemas mecânicos e abandou a corrida. Amanhã escolhe o gate por último nas duas baterias, algo que não é tão grave assim, já que temos apenas 20 das 40 vagas ocupadas.

MXGP


Tim Gajser

Acho que todo mundo já percebeu, mas não custa repetir: Tim Gajser vem surpreendendo não só com a velocidade em seu primeiro ano na 450, mas também com a consistência. Já venceu dois GPs e veio quente para o México onde dominou a classificatória de ponta a ponta.

De certa forma a pista no México tem um solo bem similar ao do Catar, onde o esloveno surpreendeu o Mundo ao vencer logo na estreia. Bem dura e grandes saltos. A diferença é que em León formam-se muito mais canaletas. Gajser largou na frente e não olhou mais para trás.


Antonio Cairoli

Tommy Searle ocupou a segunda posição até quatro voltas do fim, quando foi ultrapassado por Bobryshev. O russo perderia o segundo posto para Antonio Cairoli a duas voltas do fim e logo em seguida seria ultrapassado também por Max Nagl. O líder do campeonato Romain Febvre largou em sexto caiu para sétimo e só se recuperou no finalzinho ao superar Kevin Strijbos e Searle pela quinta posição.

A pista do México, apesar de já bem conhecida pelos pilotos, exige cautela e sangue frio nas disputas. Estamos ainda numa fase onde tem muito campeonato pela frente, ao contrário dos outros anos. Vencer ou marcar bons pontos é importante, mas mais importante é não cometer erros no terreno liso e que degrada bem rápido que possam causar um grande prejuízo na classificação. Acho que o cuidado será a chave para o sucesso amanhã, mesmo que isso signifique abrir mão da vitória.

A cronometragem e resultados ao vivo podem ser acompanhadas em https://www.motox.com.br/liveresults/mundialmx/

Cronograma (horários de Brasília)

Domingo 17 de Abril
14:00 - MX2 Race 1
15:00 - MXGP Race 1
17:00 - MX2 Race 2
18:00 - MXGP Race 2

Vídeos





Resultados

P. Nac MXGP M Tempo Diff Gap Melhor Volta Last Lap
1 SI T. Gajser (243) HON 24:11.002 +10:39.999 +10:39.999 01:48.835 12: 01:57.044
2 IT A. Cairoli (222) KTM 24:17.197 +00:06.195 +00:06.195 01:50.831 12: 01:52.372
3 DE M. Nagl (12) HUS 24:18.716 +00:07.714 +00:01.519 01:50.152 12: 01:52.397
4 RU E. Bobryshev (777) HON 24:22.933 +00:11.931 +00:04.217 01:49.342 12: 01:55.409
5 FR R. Febvre (461) YAM 24:24.026 +00:13.024 +00:01.093 01:50.200 12: 01:54.202
6 GB T. Searle (100) KAW 24:26.546 +00:15.544 +00:02.520 01:49.300 12: 01:56.870
7 BE K. Strijbos (22) SUZ 24:27.680 +00:16.678 +00:01.134 01:50.090 12: 01:56.205
8 BE C. Desalle (25) KAW 24:41.279 +00:30.277 +00:13.599 01:52.257 12: 01:55.204
9 NL G. Coldenhoff (259) KTM 24:47.780 +00:36.778 +00:06.501 01:52.534 12: 01:53.631
10 GB S. Simpson (24) KTM 24:49.395 +00:38.393 +00:01.615 01:51.741 12: 01:56.171
11 CH V. Guillod (92) YAM 25:09.698 +00:58.696 +00:20.303 01:52.653 12: 02:00.966
12 IT A. Lupino (77) HON 25:14.341 +01:03.339 +00:04.643 01:54.277 12: 01:59.384
13 ES J. Butron (17) KTM 25:17.891 +01:06.889 +00:03.550 01:54.124 12: 01:59.528
14 JP K. Yamamoto (400) HON 25:19.900 +01:08.898 +00:02.009 01:54.276 12: 01:56.761
15 FR M. Potisek (32) YAM 25:21.424 +01:10.422 +00:01.524 01:54.549 12: 01:57.436
16 FR C. Charlier (23) HUS 25:24.896 +01:13.894 +00:03.472 01:53.476 12: 01:58.048
17 FR S. Lenoir (685) HON 25:36.875 +01:25.873 +00:11.979 01:54.382 12: 02:00.238
18 MX E. Andrade (225) YAM 25:42.344 -1 lap -1 lap 02:03.402 11: 02:08.063
19 BE J. V. Horebeek (89) YAM 16:35.617 -6 laps -6 laps 01:52.535 6: 01:53.677




P. Nac Piloto M Tempo Diff Gap Melhor Volta Last Lap
1 NL J. Herlings (84) KTM 24:50.878 +10:39.999 +10:39.999 01:53.693 12: 01:53.968
2 LV P. Jonass (41) KTM 25:01.840 +00:10.962 +00:10.962 01:54.176 12: 01:56.247
3 CH J. Seewer (91) SUZ 25:22.978 +00:32.100 +00:21.138 01:55.520 12: 01:57.472
4 RU V. Brylyakov (18) KAW 25:24.250 +00:33.372 +00:01.272 01:55.441 12: 01:57.352
5 GB M. Anstie (99) HUS 25:25.056 +00:34.178 +00:00.806 01:55.099 12: 01:57.942
6 BG P. Petrov (152) KAW 25:25.606 +00:34.728 +00:00.550 01:56.214 12: 01:56.214
7 IT S. Bernardini (321) TM 25:34.099 +00:43.221 +00:08.493 01:54.785 12: 01:57.499
8 FR B. Paturel (6) YAM 25:37.244 +00:46.366 +00:03.145 01:56.169 12: 01:58.404
9 NL C. Vlaanderen (10) KTM 25:58.473 +01:07.595 +00:21.229 01:57.952 12: 02:01.394
10 BE D. Graulus (71) HON 26:03.098 +01:12.220 +00:04.625 01:58.333 12: 01:59.727
11 US T. Covington (64) HUS 26:03.846 +01:12.968 +00:00.748 01:56.474 12: 01:56.735
12 LV R. Justs (95) KTM 26:10.859 +01:19.981 +00:07.013 01:58.148 12: 01:58.148
13 DE H. Jacobi (29) HON 26:13.328 +01:22.450 +00:02.469 01:58.987 12: 02:01.381
14 ES J. Zaragoza (101) HON 26:32.403 +01:41.525 +00:19.075 02:00.733 12: 02:07.884
15 SE A. Östlund (161) YAM 26:40.095 +01:49.217 +00:07.692 01:59.203 12: 02:00.884
16 NL D. Pootjes (46) KTM 25:32.811 -1 lap -1 lap 01:57.356 11: 02:04.337
17 MX C. I. G. (129) YAM 25:45.165 -1 lap -1 lap 02:05.285 11: 02:10.608
18 CH C. Valente (14) KTM 25:48.616 -1 lap -1 lap 02:04.628 11: 02:11.868
19 MX O. A. Sanchez (510) KAW 25:21.148 -2 laps -2 laps 02:09.064 10: 02:11.307
20 RU A. Tonkov (59) YAM 03:53.619 -11 laps -11 laps 01:56.724  






Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet