fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Competição > Motocross Regional

Copa Paulista de Motocross - 1ª etapa - Carnacross Manduri - SP
Publicado em: 12/02/2016

Evento durante o carnaval abriu temporada da Copa Paulista de Motocross
Redação MotoX.com.br - Texto e fotos: Luiz C. Garcia


Largada da categoria MX3

O sol forte não desanimou quem procurou algo diferente para fazer durante o Carnaval. Por isso, quase 200 pilotos se reuniram para a disputa do Carnacross, em Manduri (SP). Organizada pela SMS Cross, a prova que valeu pela abertura da temporada 2016 da Copa Paulista de Motocross teve o venezuelano Humberto "Machito" Martin como principal destaque. Competindo pela recém-criada equipe Fly/Yamaha/Playstation, Machito venceu as categorias MX Open e MX Pró.

O forte calor prevaleceu e, assim como provocou maior desgaste dos competidores, exigiu muita dedicação da equipe de manutenção da pista na tentativa de eliminar a poeira. Na categoria Pró, Machito mostrou que para ele pouco importava a alta temperatura. Largando bem, o venezuelano viu de longe a briga pelo segundo lugar no começo da bateria entre Victor Mantovani e Guilherme Tardeli. Ao final, Tardeli levou a melhor na disputa e o companheiro de equipe de Machito, Otávio Pelegrino, que não largou bem e fez uma corrida para recuperar posições, completou em terceiro lugar. Victor Mantovani ficou em quarto, com boa vantagem sobre Fabrício Schincariol.


Humberto "Machito" Martin


Jeverson Camiloti
Na categoria Open, quem largou na frente foi Fábio Brito, seguido de Tardeli e Machito. Com melhor ritmo, não demorou muito para Machito pular na frente. Brito terminou em quarto, após ser ultrapassado por Tardeli e Tatá Pelegrino, que travaram um belo duelo em boa parte da prova. Tardeli só conseguiu abrir vantagem no final para confirmar mais um segundo. Em quinto, Elton Carvalho fechou o pódio.

O dia de competição começou com baterias classificatórias para a categoria MX3 que teve muitos inscritos. A prova final da classe foi marcada por muita disputa até o final.

A vitória foi do paranaense Jeverson Camiloti que teve o segundo colocado Luiz Medeiros valorizando a conquista. Para conquistar o terceiro lugar, Fábio Brito precisou defender a terceira colocação até a última volta das investidas de Edson Ramalho. Em quinto, Bruno Basso completou a bateria poucos segundos depois.


Renan Ferreira


Gabriel Sanciane
Na 65cc, Renan Ferreira teve o domínio total da corrida e venceu com certa facilidade. Lucas Silva ficou com a segunda posição, conquistada no finalzinho. Tiago Silva foi o terceiro. Diogo Damazio ocupava a quarta colocação no começo, mas perdeu o posto para Gabriel Louzano e ficou em quinto.

Alessandro Lencione começou na frente a prova da categoria MXN1, seguido por Gabriel Sanciane. Porém, após perder a liderança para o adversário, Lencione teve que abandonar a prova devido a problemas na moto. Com o caminho livre, Gabriel conseguiu ditar um bom ritmo e abriu vantagem, o que lhe rendeu uma vitória tranquila. Jonatas Rojas pulou para o segundo posto e também conseguiu consolidar a sua posição. Pitio Faustino logo no começo assumiu o terceiro posto e lá se manteve até o final. Guilherme Silva e Marcelo Pavan, espectivamente, fecharam os cinco primeiros colocados.

As categorias MX5 e MX6 andaram juntas e não faltou disposição aos veteranos. Pela MX5 Denner Alves e Alessandri Dias travaram um belo duelo que valeu também a liderança geral da prova. Após tentar várias vezes, Lê Dias conseguiu superar Denner e, a partir daí, administrou a diferença para o segundo colocado. Quem tentava se aproximar dos ponteiros era Luciano Panhozzi, que no final até chegou a se aproximar de Denner, mas não o necessário para esboçar um ataque. Sem ser incomodado nas últimas voltas, Agnaldo Oliveira terminou em quarto lugar, seguido por Luiz Moura.


Lê Dias


Luciano Panhozzi
Pela MX6, a primeira posição ficou com Luciano Panhozzi e Luiz Moura foi o segundo colocado. Elias Prado terminou em terceiro, após superar Carlos Gondo. Marcos Loureiro ficou em quinto.

Leonardo de Souza vinha liderando a categoria Júnior com Victor Honorato logo em seguida, quando um acidente provocou a interrupção da corrida. Após os devidos atendimentos médicos aos envolvidos na queda, foi dada a relargada e Leonardo não conseguiu repetir a boa saída precisando fazer uma corrida de recuperação, que resultou na terceira posição. Victor Honorato foi quem saiu na frente na segunda largada e com o caminho livre garantiu a vitória. João Marcos Pavan ficou com o segundo posto. Rafael Opalenski terminou em quarto mantendo uma pequena vantagem em relação ao quinto colocado, Guilherme de Moraes.

A MX4 teve a participação de 22 pilotos e começou com muita disputa pela primeira colocação. Alessandri Dias, repetindo o bom desempenho que havia tido na bateria da MX5, conseguiu se destacar para mais uma vitória. Em corrida de recuperação, Jeverson Camiloti conquistou o segundo lugar na última volta, após duelar com Edson Ramalho. Luiz Fernando Medeiros, que no começo chegou a disputar a liderança, ficou com o quarto lugar. Denner Alves desta vez teve atuação mais discreta fechando a prova na quinta posição.


Victor Honorato

A garotada também pulou carnaval sobre a moto e Lucas da Silva foi o mais efiiciente, saindo vencedor da categoria 50cc. Gabriel Louzano terminou em segundo, Felipe "Burizinho" Moraes em terceiro, Kaian Brito em quarto e Izabela Garcia em quinto.


Lucas da Silva


Victor Mantovani
Na categoria MX2, a torcida vibrou muito com a vitória do piloto Victor Mantovani, local de Manduri. Largando bem, ele não teve nenhuma dificuldade em manter o domínio durante a bateria.

Os três primeiros colocados mantiveram a mesma posição em que largaram, desta forma Tiago Garcia ficou em segundo e Giovani Bignim em terceiro.

As mudanças na classificação aconteceram a partir da quarta colocação que acabou com Renan Fiorino. Após largar no meio do pelotão, João Batista da Silva conseguiu avançar até o quinto lugar.

Logo em seguida uma outra vitória de um piloto da casa - e desta vez com muita luta - agitou novamente o público. Éderson Gabriel precisou suar muito para ficar na frente da categoria Intermediária, seguido por Elton Carvalho. Andando forte, Gabriel Sanciane recuperou posições após uma largada ruim e fechou a corrida na terceira colocação.

Renan Fiorino ficou em quarto e Rafael Botelho, após lutar pelas primeiras posições no começo da corrida, acabou perdendo ritmo até terminar em quinto.




Éderson Gabriel


Izaias Rojas
Guilherme Pedroso fez o holeshot da MXN2, porém perdeu posições até completar em sexto e a prova foi dominada por Izaias Rojas. Rapidamente, Rojas assumiu a ponta mantendo distância do segundo colocado Anthony Cris, que tentou de todas as maneiras se aproximar do líder. Odair de Paulo terminou em terceiro, após uma boa corrida de recuperação. Eker Luiz Bonin ficou em quarto e José de Oliveira em quinto.

Para fechar o dia, as motos 2 Tempos entraram na pista para a disputa da categoria. A corrida começou equilibrada com Giuliano Barboza aproveitando o enrosco dos dois primeiros colocados para assumir a ponta. Mas, logo em seguida, Luiz Fernando de Medeiros investiu pesado até conquistar o primeiro lugar. Giuliano ainda perdeu a segunda posição para Victor Honorato. Envolvido na queda do início da prova, Paulo Bitencourt terminou em quarto e Richard Rodrigues fechou o pódio.

O próximo evento da SMS Cross será a segunda etapa do SMS Super Velocross, no dia 6 de março, em Bauru (SP). A Copa Paulista de Motocross conta com patrocínio de Motodiag e Motoconect, Valor Tecnologia de Ativo, Detra Cosméticos, Moura Motos, MRP Racing, Couto Motos, Marcinho Motos, 152 Motos, K21 e Arena MTM.


Luiz Fernando Medeiros

Resultados

Pos MX Open
101 Humberto Machito
421 Guilherme Tardeli
6 Otavio Peleglino
13 Fabiobrito De Lucena
323 Elton Carvalho
12 Gustavo Wellinson Oliveira
Pos MX Pro
101 Humberto Machito
421 Guilherme Tardeli
6 Otavio Pelegrino
100 Victor Mantovani
300 Fabricio Schincariol
551 Rayllan Calisto
114 Edson Ramalho
980 Giovani Bignim
257 Renam Fiorino
10º 17 Erick Douglas Leite
Pos MX2
100 Victor Mantovani
321 Tiago Garcia
980 Giovani Bignim
257 Renam Fiorino
4 João Batista Da Silva
291 João Marcos Pavan
6 Luiz Guilherme Porto
12 Victor Honorato
415 Juarez de Melo
10º 12 Gustavo Wellinson Oliveira
Pos MX3
928 Jeverson Camiloti
99 Luiz Fernando Medeiros
13 Fabio Brito De Lucena
114 Edson Ramalho
52 Bruno Basso
321 Tiago Garcia
98 Alessandri Dias
91 Denner Daniel Alves
300 Fabricio Schincariol
10º 4 João Batista Da Silva
Pos MX4
98 Alessandri Dias
928 Jeverson Camiloti
114 Edson Ramalho
99 Luiz Fernando Medeiros
91 Denner Daniel Alves
251 Luciano Panhozzi
234 Junior Gonçalves
4 João Batista Da Silva
35 Alexsandro Silva
10º 111 Agnaldo Oliveira
Pos MX5
98 Alessandri Dias
91 Denner Daniel Alves
251 Luciano Panhozzi
35 Agnaldo Oliveira
234 Luiz Moura
15 Dickson Ferreira
332 Marcos Loureiro
58 Ezequias Dos Santos
4 Carlos Gondo
10º 111 Agnaldo Oliveira
Pos MX6
251 Luciano Panhozzi
15 Luiz Moura
332 Elias Nunes Prado
4 Carlos Gondo
118 Marcos Loureiro
16 Claudinei Pallazio
40 Jose Maria Gonçalves
Pos MX Intermediária
21 Ederson Gabriel
323 Elton Carvalho
595 Gabriel Sanciane
257 Renam Fiorino
12 Rafael Botelho
332 Elias Nunes Prado
172 Jorge Leandro
712 Jonatas Rojas
161 Felipe Araujo
10º 99 Alcides Couto Jr
Pos Junior
12 Victor Honorato
291 João Marcos Pavan
122 Leonardo de Souza
2 Rafaelo Palenski
222 Guilherme de Moraes
161 Felipe Araujo
92 Gabriel Pilegi
27 Vinicius Brescan
7 Luiza C. Bueno
10º 133 Frederico da Silva Oliveira
Pos MXN1
595 Gabriel Sanciane
712 Jonatas Rojas
105 Pitio Faustino
222 Guilherme Silva
174 Marcelo Pavan
135 Marcio Guimenes
0 Ekel Luiz Bonin
1603 Jose Henrique De Oliveira
596 Odair de Paulo
10º 45 Maicon Bonafe
Pos MXN2
712 Izaias Rojas
705 Anthony Cris
596 Odair de Paulo
0 Ekel Luiz Bonin
1603 Jose Henrique De Oliveira
135 Guilherme Pedroso
133 Frederico da Silva Oliveira
2 Gabriel Gaffo
16 João Pedro Fidencio
10º 11 Wilson De Olivera
11º 319 Flavio Salgueiro
12º 223 Leonardo Santos
13º 423 Lucas Santos
14º 811 Marcos Barbosa
Pos 65cc
104 Renan Mendes Ferreira
17 Lucas Silva
107 Tiago Silva
506 Gabriel Louzano
25 Diogo Cavalheiro Damazio
5 Cesar Antonio
Pos 50cc
17 Lucas Pereira Da Silva
506 Gabriel Louzano
337 Felipe Moraes "Burizinho"
13 Kaian Brito
321 Izabela Garcia
Pos MX2T
99 Luiz Fernando Medeiros
12 Victor Honorato
144 Giuliano Barboza
18 Paulo Bittencourt
17 Richard Rodrigues
15 Luiz Moura
7 Reginaldo Barbosa
33 Reinaldo Peres
65 Guilherme Gaffo







Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet