fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Competição > Motocross Regional

MX Park Challenge Team - São Paulo - SP
Publicado em: 21/11/2015

Tradicional prova por equipes encerrou temporada na pista paulistana
Redação MotoX.com.br - Texto e fotos: Ronaldo Sampaio


Seis baterias definiram os campeões da Pró e da Intermediária no MX Park Challenge Team 2015

No dia 14 de novembro na tradicional pista MX Park, em São Paulo, foi realizada a premiação da temporada 2015 do campeonato local. O evento incluiu a entrega de lindos (e enormes) troféus aos 3 primeiros colocados de cada categoria na temporada, um farto churrasco oferecido pela organização, tudo em um agradável clima familiar. Na essência foi um encontro entre amigos, mas, claro, não poderiam faltar disputas na pista e elas foram garantidas com o MX Park Challenge Team, o já conhecido desafio entre equipes da pista paulistana. Os times, formados por trios, com cada integrante em uma categoria (MX1, MX2 e MX Open), competiam em baterias que reuniam duas classes por vez. No final, após seis baterias, foram conhecidos os grupos campeões da Pró e da Intermediária, além dos vencedores individuais. Confira como foram as corridas.

Veja mais fotos na galeria de imagens do evento


Deninho Alves

A primeira bateria reuniu os pilotos da MX1 e MX2 Pró. Rogério Louro fez uma largada perfeita, assumiu a ponta e liderou as primeiras voltas, enquanto Deninho Alves, que largou no pelotão intermediário, se livrava do tráfego chegando rapidamente a segunda posição. Partindo para o ataque, Deninho não demorou para superar o líder, assumindo definitivamente a liderança. Louro ainda acompanhou o ritmo de Deninho, mas não conseguiu aproximação para tentar uma reação. Na terceira posição chegou Orlando Stanieri, à frente de Omar Abraão. Diego Jimenes fechou os cinco primeiros na classificação geral.


Eustáquio Silva Júnior

Na bateria seguinte correram pilotos da MX1 e MX2 Intermediária e a prova teve início já com disputa pela liderança entre Paulo Caixeta e Ricardo Moreira, que superou o adversário ainda na primeira volta. Eustáquio Silva vinha mais atrás procurando espaço para encostar nos ponteiros, e com um ritmo forte pressionava o segundo colocado já na segunda volta. Antes da metade da bateria, Eustáquio chegou no ponteiro e tomou-lhe a liderança definitivamente. À partir daí não houve alteração nas primeiras posições. Eustáquio confirmou a vitória, Ricardo foi o segundo, Paulo o terceiro, Cassio Pugliese o quarto e Richard Santos o quinto colocado.


A terceira prova do dia reuniu pilotos das categorias MX1, que faziam sua segunda prova, e MX Open Pró, e mais uma vez o holeshot ficou com Rogério Louro. Deninho Alves, vencedor da primeira prova, dessa vez corria com uma CRF 250cc emprestada, e compensava a menor potência em relação a 450cc fazendo as curvas de 'mão colada'. Depois de largar no bolo, ele repetiu a recuperação da primeira prova chegando no líder ainda nas voltas iniciais. E mais uma vez Deninho assumiu a ponta antes da metade da prova, um resultado importante na briga entre equipes. Louro mais uma vez ficou com a segunda posição tendo seu habitual adversário, Ariel Silva, em terceiro. Orlando Stanieri foi o quarto e Flávio Loffredo o quinto colocado.

Vídeo:



Em seguida alinharam os pilotos da MX1 e MX Open Intermediária. E a prova foi praticamente um repeteco da bateria que contou com a MX2 Intermediária, com Paulo Caixeta e Ricardo Moreira disputando a liderança e, logo atrás, Cassio Pugliese. Mais uma vez Ricardo assumiu a ponta, e outra vez, mesmo largando um pouco pior nessa segunda prova, Eustáquio se recuperou e buscou de forma fantástica a primeira posição, que alcançou antes da metade da bateria, novamente superando Ricardo. Depois de ceder a liderança, Ricardo brigou com Cássio, alternando-se na posição com o adversário até as duas voltas finais, quando assumiu o segundo lugar definitivamente. Logo atrás chegaram Paulo e Neemias Tavares.


Ariel Silva (151) venceu a bateria que reuniu MX2 e MX Open Pró

Na quinta prova do dia, correram pilotos da MX2 e MX Open Pró. Na largada pai e filho, Dener e Leonardo Alves, assumiram as primeiras posições, com Hérico "Salsicha" Gonçalves e Flávio Loffredo compondo o primeiro pelotão. Ariel Silva, com uma lesão no tornozelo, não fez uma largada das melhores, mas deixou a dor de lado e partiu pra cima dos adversários. Quando chegou em Dener demorou um par de voltas para assumir a liderança, e então, mantendo o foco, garantiu a vitória. Dener em segundo, Hérico em terceiro, Carlos Flocos em quarto e Flávio Loffredo em quinto, completaram os mais rápidos da corrida decisiva.


Renato Bragion

Na prova que encerrou a disputa por equipes, pilotos da MX2 e MX Open Intermediária se enfrentaram. Tiago Nunes fez tudo certo, ou quase: assumiu a ponta nas primeiras voltas da bateria, impôs um ritmo forte, dominou praticamente toda a corrida, mas ainda assim não conseguiu levar a vitória. Isso porque Renato Bragion, depois de uma largada ruim, fez uma excelente prova de recuperação. Na metade da prova Renato assumiu a vice liderança e se concentrou em encostar no ponteiro. Apenas na última volta veio a ultrapassagem e a merecida vitória de Renato. Thiago ficou com a segunda posição, à frente de Richard Santos, Marcelo Silva e Marcos Bobona.


Pódio das equipes da categoria Pró

Ao final da sexta bateria, enquanto a organização computava os pontos das equipes (os vencedores foram aqueles que acumularam menor pontuação) a brasa já estava quente, e o churrasco bombando. Nesse clima amistoso foram apurados os resultados e conhecidas as equipes vencedoras. Confira os campeões da na lista abaixo e também os campeões da temporada da Copa MX Park que foram premiados durante o evento.


Pódio das equipes da categoria Intermediária

Resultados

Vencedores individuais

Deninho Alves (MX1) - Pró
Eustáquio Silva (MX1) - Intermediária

MX Park Challenge Team 2015

Equipes Pró
1º 29 Pontos
 - 188 - Denner Daniel Alves (Denninho)
- 91 - Dener Daniel Alves 29 Pontos
- 118 - Leonardo Daniel Alves

2º 45 Pontos
- 151 - Ariel Silva
- 13 - Orlando Stanieri
- 741 - Francisco Graciano (Xico)

3º 49 Pontos
- 474 - Omar Abraão
- 211 - Ernani Teixeira
- 59 - Stefano Catarina

4º 53 Pontos
- 2 - Hérico Gonçalves
- 60 - Eduardo Ballan
- 747 - Herminio Maninho

5º 59 Pontos
- 13 - Guilherme Castanho
- 12 - Diego Jimenes
- 108 - Carlos Flocos

6º 62 Pontos
- 357 - Flávio Loffredo
- 538 - Sergio Araquelinhe
- 4 - João Batista

7º 73 Pontos
- 222 - Giancarlo Vanccini
- 400 - Eduardo Andrade
- 311 - Jean Marino

8º 76 Pontos
- 120 - Rogério Louro
- 900 - Gabriel Reis
- 22 - Giovanni Romanha

9º 80 Pontos
- 994 - Bruno Batista
- 220 - Julio Preto(Bill)
- 292 - Guilherme Fernandes

10º 104 Pontos
- 777 - Luciano Mineiro
- 350 - Sandro Silva
- 100 - Alisson Barreto



Equipes Intermediária

1º 22 Pontos
- 399 - Marcelo Silva
- 10 - Eustáquio Silva Júnior
- 14 - Thiago Nunes

2º  37 Pontos
- 154 - Cassio Pugliese
- 54 - Neemias Tavares
- 114 - Marcos Bobana

3º 43 Pontos
- 240 - Renato Bragion
- 88 - Alexandre de Thomazzo
- 41 - Wanderley Real

4º 49 Pontos
- 913 - João Teófilo
- 982 - Ricardo Moreira
- 15 - Richard Santos

5º 67 Pontos
- 4 - Marcos Reis
- 143 - Luciano Alves Perna
- 800 - Jairo Júnior

6º 70 Pontos
- 113 - Pirata Júnior
- 96 - Rafael Draco
- 13 - Anderson Marques

7º 71 Pontos
- 612 Rafael Tenório
- 97 - Leonardo Santos
- 76 - Ari Barreto

8º 75 Pontos
- 86 - Fábio Thomaz
- 56 - Alexandre Borracha
- 93 - Victor Moreira

9º 77 Pontos
- 137 - Matheus Araujo
- 73 - Fabiano Giovanini
- 7 - Frankylyn Cesar

10º 79 Pontos
- 136 - Paulo Caixeta
- 42 - Walter Lopes
- 18 - Thiago Bezerra


Campeões da Copa MX Park 2015

MX1
188 - Denner Daniel Alves
151 - Ariel Silva
994 - Bruno Batista

MX2
118 - Leonardo Daniel Alves
4 - João Batista
2 - Hérico Gonçalves

MX Park Prata
43 - Hugo Ricardo
00 - Iris Penna
2 - Edson Ferreira

Intermediária Prata
88 - Alexandre de Thomazzo
95 - Felipe Santiago
13 - Anderson Marques

MX3
151 - Ariel Silva
91 - Dener Daniel Alves
13 - Quilherme Castanho

MX4
91 - Dener Daniel Alves
13 - Guilherme Castanho
51 - Fábio Aleixo

125cc 2 Tempos
3 - Jean Marino
704 - Maurilio Anastácio
969 - Laercio Neves

250cc 2 Tempos
240 - Renato Bragion
13 - Guilherme Castanho
- Albimar Campos

Nacional
211 - Hernani Teixeira
800 - Robson Xim
100 - Alisson Augusto

MX Park Ouro
41 - Wanderley Real
612 - David Lima
76 - Ari Barreto

Intermediária Ouro
294 - Sandro Leite
211 - Hernani Teixeira
704 - Maurilio Anastácio








Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet