fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

> Competição > Motocross Regional

1º Motocross de Tambaú - SP
Publicado em: 10/07/2015

Adam Chatfield deu show na primeira edição do evento
Redação MotoX.com.br - Texto e fotos: Luiz C. Garcia


Largada da categoria MX2

Afastada do cenário de competições há dez anos, a cidade paulista de Tambaú voltou em grande estilo com a realização do 1º Motocross de Tambaú. O local escolhido para a prova foi dentro da cidade, o que facilitou para que o público comparecesse em peso para acompanhar as disputas. Além disso, a Prefeitura local não mediu esforços para proporcionar uma grande estrutura. O inglês Adam Chatifield foi o destaque da prova com as vitórias nas duas principais categorias para motos importadas.

O dia começou com a disputa da MX3, onde Edson de Angelis largou na frente e liderou até sofrer uma queda. Com o caminho livre devido ao erro do adversário, Fernando Rodrigues assumiu a primeira posição e não deixou a oportunidade de vencer escapar. Em uma disputa emocionante, após uma ótima recuperação, Edson de Angelis ainda tomou a segunda posição no final, deixando Evaristo Lemos no terceiro lugar. Luciano "Duenti" Ferreira fez uma corrida conservadora e acabou na quarta colocação. Duenti Ronaldo Moroti fechou a corrida em quinto.


Pódio MX3

Com as duas primeiras posições definidas no começo da Nacional 230cc, a atenção do público se fixou na disputa pela terceira posição entre Bruno "Buiu" Missionato, que assumiu o posto no começo, e Leonardo Moraes, que veio escalando o pelotão até encostar no adversário. Na ponta, Guilherme "Xurupita" escapou dos concorrentes e venceu seguido por Davi Braga. Voltando a interessante briga pelo terceiro lugar, após tentar de várias maneiras, Leonardo conseguiu superar Buiu, mas ainda não havia definição com os dois seguindo próximos. Seguro, Leonardo conseguiu suportar a pressão para confirmar o posto. Em boa corrida de recuperação, Ivan da Silva ficou com o quinto lugar.


Guilherme "Xurupita"

João Pedro Raimundo comandou a bateria da 85/150cc. Largando bem, o piloto de Espírito Santo do Pinhal não deu chance para o segundo colocado, Murilo Frasnelli, tentar algum ataque. Patrick Ferreira largou na terceira posição e sustentou o posto até o final. Já no quarto lugar houve mudança com Bruno Piza superando Luis Felipe Cândido para conquistar a colocação. Junto com essa categoria correu a 65cc e a vitória na classe ficou com André Marinovil. Luciano Balo foi o segundo colocado.


Largada das categorias 85/150cc e 65cc, vencidas por João Pedro Raimundo (221) e André Marinovil (10), respectivamente

Felippe Simões dominou a categoria Intermediária e venceu com folga de ponta a ponta. Para terminar na segunda posição, o vencedor da MX3 Fernando Rodrigues travou uma bela disputa com Ivan Lima e levou vantagem. Renato Hermann terminou logo atrás, na quarta colocação. Vinicius Marques, após um começo no meio do pelotão, chegou em quinto.


Felippe Simões

Saltando da terceira posição, Ivan da Silva assumiu o primeiro posto da categoria Nacional Iniciante na terceira volta, após ultrapassar o competidor local, Cristian Palmieri. O piloto da cidade terminou em segundo, com uma grande vantagem da disputa pela terceira posição, que resultou em Atila Reis ficando à frente de Luis Pereira Júnior. Alan Moura fechou a corrida em quinto.


Ivan da Silva


Adam Chatfield
A bateria da Importada Iniciante foi marcada por muito equilíbrio. A primeira posição só foi definida na antepenúltima volta, quando Erlon "Pancinha" superou Thiago Matos, que liderava desde a primeira volta. Aproveitando a deixa, "Buiu" Missiato também partiu para cima e pulou para a segunda posição, deixando Thiago em terceiro. Buiu ainda tentou assumir o primeiro lugar e investiu pesado contra o líder Pancinha. Porém, ele teve a frieza de suportar a pressão. Rafael Barros largou em segundo, mas perdeu posições e terminou na quarta colocação. Oscilando na classificação, Luis Ferreira reagiu e conquistou definitivamente o quinto lugar.

A primeira vitória de Adam Chatfield ocorreu na MX2. Largando bem, o inglês não teve dificuldades para vencer com certa folga. Atrás do ponteiro, uma bela disputa entre Frederico Spagnol e Marcos Moraes animava o público. Ao tentar recuperar a posição que havia perdido para o concorrente, Spagnol se enroscou com Marcos e ambos foram ao chão. A confusão foi boa para Renato Hermann que assumiu o segundo posto e o sustentou a vice-liderança até o final. Em uma corrida consistente, Ivan Lima também lucrou com o enrosco para ficar em terceiro. João Pedro Fonseca terminou em quarto e Marcos em quinto.

Uma das mais belas disputas do dia foi pela liderança da MX4. Edson de Angelis e Luciano "Duenti" Ferreira se alternaram na primeira posição em boa parte da prova. Duenti só ficou tranquilo na ponta após uma queda de Edson de Angelis, já na reta final da corrida. Um pouco mais distante, Evaristo Lemos não foi incomodado na terceira posição. Gilberto Cobus Filho terminou em quarto e Ronaldo Moroti em quinto.


Marcos Moraes


Luciano "Duenti" Ferreira
Davi Braga largou na frente da Nacional Pro, mas não demorou muito para Marcos Moraes assumir a ponta. Ao tentar se reaproximar do líder, Davi errou e, com isso, Guilherme "Xurupita" assumiu o segundo posto deixando o concorrente em terceiro. Leonardo Moraes foi o quarto.

Frederico Spagnol assumiu a ponta da categoria Júnior ainda no início, ao completar uma bela manobra de ultrapassagem sobre João Pedro Fonseca, que chegou em segundo. Após uma rápida e intensa disputa, Alexandre de Angelis conseguiu superar Luis Fernando para ficar com o terceiro lugar. Davi Braga manteve a quinta colocação desde as primeiras voltas.

Adam Chatfield voltou para pista no final do dia e mais uma vez deu show para o público na corrida da MX1. Como esperado, ele largou bem, assumiu a ponta e faturou a segunda vitória no evento. As disputas foram emocionantes pela segunda posição. Pedro Ramos pulou para o posto, seguido de Frederico Spagnol e Marcos Moraes. Bastou um pequeno erro para que Pedro para perdesse o segundo e o terceiro lugar. A partir daí, Marcos foi com tudo para cima de Spagnol, buscando a vice-liderança. Marcos aproveitou a única brecha que Spagnol deu e superou o concorrente, assumindo definitivamente o segundo lugar. Renato Hermann terminou em quinto e completou o pódio da categoria principal.


Frederico Spagnol

O 1º Motocross de Tambaú teve organização da Motorss, Eder Uliana, Tuka Motos e Auto Posto JJ e contou com apoio de Ouseuse Lingerie, Auto Socorro Danivan, BLM embalagens e Prado Motos, e Patrocínio de América Sports, ASW, IMS Race Wear, Stocovich Design, MRP Racing, Allsign Graphics e 5inco Concepts.

Vídeos



Resultados

Pos MX1
1 407 Adam Chatfield
2 913 Marcos Moraes
3 61 Frederico M Spagnol
4 13 Pedro Ramos
5 33 Renato Hermann Dos Santos
6 110 Raphael Da Silva Matos
7 818 Alexandre De Angelis
8 515 Felipe Augusto Ferreira Simoes
9 800 Ivan Lima
Pos MX2
1 407 Adam Chatfield
2 33 Renato Hermann Dos Santos
3 800 Ivan Lima
4 55 Joao Pedro Fonseca
5 913 Marcos Moraes
6 61 Frederico M Spagnol
7 818 Alexandre De Angelis
8 110 Raphael Da Silva Matos
9 111 Fernando Jose Longuim Neto
10 820 Vinicius Marques
Pos MX3
1 4 Fernando Rodrigues
2 818 Edson De Angelis
3 145 Evaristo Lemos
4 239 Luciano Ferreira
5 254 Ronaldo Moroti
6 122 Thiago Rodrigues Matos
7 135 Erlon Martins Domingos - Pancinha
8 200 Amadeu Junior
9 398 Gilberto Jair Cobus Filho
10 25 Gustavo Strini
Pos MX4
1 239 Luciano Ferreira
2 818 Edson De Angelis
3 145 Evaristo Lemos
4 398 Gilberto Jair Cobus Filho
5 254 Ronaldo Moroti
6 248 Cleiton Rodrigues Matos Junior
7 135 Erlon Martins Domingos - Pancinha
8 25 Gustavo Strini
9 128 Jeferson F. Rodrigues
10 78 Henrique Simoes Moura
Pos Intermediária
1 515 Felipe Augusto Ferreira Simoes
2 4 Fernando Rodrigues
3 800 Ivan Lima
4 33 Renato Hermann Dos Santos
5 805 Vinicius Marques
6 77 Rafael Pinheiro
7 200 Amadeu Junior
8 84 Diego Alandgad / Gustavo Mudinutti
9 406 Gustavo Ismar Mesquita
10 135 Chayenne A Nascimento
Pos Junior
1 61 Frederico M Spagnol
2 55 Joao Pedro Fonseca
3 818 Alexandre De Angelis
4 78 Luis Fernando
5 575 Davi Marcelino Braga
6 222 Murilho Frasnelli
7 830 Patrick Dos Santos Ferreira
8 810 Bruno Piza
9 201 Gabriel Moraes
Pos 85/150cc
1 221 Joao Pedro Raimundo
2 222 Murilo Frasnelli
3 830 Patrick Dos Santos Ferreira
4 810 Bruno Piza
5 88 Luis Felipe Tozi Candido
6 16 Miguel Marcelino Braga
7 10 Andre Marinovil
8 2 Luciano Balo
Pos 65cc
1 10 Andre Marinovil
2 2 Luciano Balo
Pos Nacional Pró
1 913 Marcos Moraes
2 127 Guilherme Xurupita
3 575 Davi Marcelino Braga
4 919 Leonardo B. Moraes
Pos Nacional 230
1 127 Guilherme Xurupita
2 575 Davi Marcelino Braga
3 913 Leonardo Moraes
4 413 Bruno "buiu" Missiato
5 89 Ivan Aparecido Da Silva
6 24 Cristian Lara Palmieri
7 15 Luis Herinque Pereira Junior
8 1 Robertinho Moraci
Pos Nacional Iniciante
1 89 Ivan Aparecido Da Silva
2 24 Cristian Lara Palmieri
3 14 Atila Silveira Reis
4 15 Luis Herinque Pereira Junior
5 1 Alan Feliz Moura
6 321 Marcos Veio
7 1822 Murilo Rio
Pos Importada Iniciante
1 135 Erlon Martins Domingos - Pancinha
2 239 Bruno "buiu" Missiato
3 122 Thiago Rodrigues Matos
4 903 Rafael Abrahão Rocha Barros
5 815 Luis Felipe Ferreira
6 248 Cleiton Rodrigues Matos Junior
7 610 Caio Guerra
8 406 Gustavo Ismar Mesquita
9 84 Diego Alandgad / Gustavo Mudinutti
10 275 Rafael Duarte Viana








Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet