X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Enduro

87º Six Days Enduro - Alemanha - 6º Dia
Publicado em: 30/09/2012

França leva todos os troféus do Six Days Enduro 2012
Redação MotoX.com.br - Malu Souza / Maurício Arruda - Fotos: Jonty Edmunds e Divulgação


Motocross do último dia misturou asfalto e terra dando cara de supermoto à disputa final do Six Days Enduro 2012


Festa Francesa: A conquista dos títulos em todas as principais categorias comprovou o total domínio da França nesta edição
Imbatível do começo ao fim, o time francês comemorou neste sábado o título da edição 2012 do Six Days, o mais tradicional Enduro do Mundo, que reúne anualmente as grandes estreleas do esporte e enduristas de todo o mundo. Antoine Meo, Rodrig Thain, Johnny Aubert, Pierre-Alexandre Renet, Sebastien Guillaume e Christophe Nambotin faturaram o World Trophy de forma incontestável, liderando a prova, este ano disputada na região da Saxonia, na Alemanha, desde o primeiro dia. A Austrália foi a segunda colocada, a Itália a terceira e a equipe dos Estados Unidos, que ganhou duas posições no último dia, terminou em quarto. A Finlândia, na quinta posição, completou os primeiros colocados.

O último dia contou com a tradicional disputa do motocross, mas nesta edição com um tempero de supermoto, já que aproximadamente 40% da disputa ocorreu nas curvas do Circuito Sachsenring. Depois da largada - com gate no formato tradicional do motocross - e da primeira curva na terra, os competidores já enfrentavam asfalto no traçado, uma tarefa complicada para motocicletas calçadas com pneus 'biscoito'. Foi o desafio final da edição número 87 do maior evento do enduro mundial, em provas curtas com 7 voltas e cerca de 15 minutos de duração.


Christophe Nambotin, o mais rápido entre todos os pilotos na soma dos seis dias


O italiano Alex Salvini, terceiro colocado na E2
O vencedor do dia na E1 foi o norte-americano Mike Brown, com Rodrig Thain em segundo e o polonês Michal Szuster em terceiro. Na soma dos seis dias de competição, Antoine Meo confirmou ser o mais consistente vencendo a classe com pouco mais de cinco minutos de vantagem sobre o adversário mais próximo. No motocross a participação do campeão foi discreta e ele concluiu o dia somente na sétima colocação. O companheiro da KTM, Eero Remes ficou com o segundo lugar na classificação, seguido por Rodrig Thain.

Na E2, Mathias Bellino, da equipe italiana, foi o melhor do dia, com o campeão Pierre-Alexandre Renet em segundo e o australiano Matthew Phillips em terceiro. Renet conquistou o primeiro lugar da categoria seguido de perto por outro francês, Johnny Aubert, que até o final andou próximo do conterrâneo em uma batalha particular. O italiano Alex Salvini foi o terceiro colocado.


Largada da categoria E2

Christophe Nambotin foi o grande nome entre todos os pilotos da competição mostrando até no último dia que vive um grande momento. O francês ganhou o motocross na E3, confirmando, além da conquista da classe, o título de piloto mais rápido na classificação final do Six Days 2012. O australiano Toby Price, vice-campeão, fechou o sexto dia na segunda colocação e o sueco Joakim Ljunggren na terceira, repetindo a mesma ordem da soma de todos as etapas.


88º Six Days Enduro será na Ilha da Sardenha, Itália
A vantagem da equipe francesa só cresceu durante os seis dias e terminou com mais de 37 minutos de vantagem para os segundos colocados. No total, os vencedores somaram 27h57min45 para percorrer o trajeto dos seis dias.

O país também ficou com o título na categoria Júnior, mas de uma forma bem mais apertada, com apenas 2min43s68 sobre os ingleses que nos últimos dias conseguiram diminuir a distância. O time norte-americano garantiu o terceiro lugar, seguido por Austrália e Portugal.

O domínio francês também se estendeu à categoria Feminina. Blandine Dufrene, Ludivine Puy e Audrey Rossat fecharam a competição com 1h52min40s sobre as segundas colocadas da Alemanha. A Austrália concluiu com o terceiro lugar.


Quatro dos seis brasileiros na competição completaram todo o trajeto   

Dos seis brasileiros que disputaram entre os clubes, quatro conseguiram completar todo o trajeto: Clericson Alan Prado (78º na Clube 2), Sandro Vaz Branco (83º na Clube 2) Clodoaldo Shoji Uemura (84º na Clube 2) do Clube Over 30 Brasil, e Jesus Rodriguez Fernandez (52º na Clube 3) do Clube Over 40 Brasil. Já os pilotos Jean Pierre Butazzi Jr. e Adalberto Gerez enfrentaram problemas durante a segunda metade da competição e acabaram fora da disputa.

A edição de 2013 do Six Days Enduro será realizada na Ilha da Sardenha, na Itália.

Assista o vídeo com os melhores momentos do sexto e último dia:



Classificação final após seis dias de competição

World Trophy
1. França: Antoine Meo (KTM), Rodrig Thain, Johnny Aubert (KTM), Pierre-Alexandre Renet, Sebastien Guillaume and Christophe Nambotin (KTM), 27:57:45.30
2. Austrália: Glenn Kearney, Daniel Milner, Christopher Hollis (KTM), Matthew Phillips, Josh Strang (KTM) and Toby Price (KTM), +37:40.67
3. Itália: Maurizio Micheluz, Deny Philippaerts, Alex Salvini, Oscar Balletti, Manuel Monni (KTM), Mirko Gritti (KTM), +47:54.09
4. Estados Unidos: Mike Brown (KTM), Destry Abbott, Kurt Caselli (KTM), Taylor Robert, Charlie Mullins (KTM), Russell Bobbitt (KTM), +58:27.76
5. Finlândia: Eero Remes (KTM), Antti Hellsten, Roni Nikander (KTM), Juha Salminen, Jari Mattila (KTM), Marko Tarkkala, +58:29.20
6. Espanha: Victor Guerrero (KTM), Lorenzo Santolino, Ivan Cervantes, Cristobal Guerrero (KTM), Armand Monleon (KTM), Aaron Bernardez, +59:02.84
7. Suécia: +1:00:44.36
8. Grã Bretanha: +1:28:51.95
9. Alemanha: +1:42:00.05
10. Holanda: +1:55:41.36
11. República Tcheca: +2:16:12.95
12. Austria: +2:48:22.37

Junior World Trophy
1. França: Jeremy Joly, Matthias Bellino, Alexandre Queyreyre, Kevin Rohmer, 17:23:17.05
2. Grã Bretanha: Jack Rowland, Steve Holcombe (KTM), Alex Rockwell, Danny McCanney, +2:43.68
3. Estados Unidos: Travis Coy (KTM), Andrew Delong, Thaddeus Duvall, Jesse Groemm (KTM) +15:06.02
4. Austrália: Benjamin Burrell (KTM), Luka Bussa, Mitcham Harper, Lachlan Stanford +31:27.06
5. Portugal: Bernardo Megre (KTM), Henrique Nogueira, Luis Oliveira and Diogo Ventura +40:14.15
6. República Tcheca: +50:58.21
7. Finlândia: +50:59.21
8. Espanha: +51:30.02
9. Suécia: +53:04.34
10. Alemanha: +54:18.56

Women’s World Trophy
1. França: Blandine Dufrene, Ludivine Puy, Audrey Rossat (KTM), 13:52:48.17
2. Alemanha: Heike Petrick, Nina Oppenländer, Sabrina Lauke (KTM), +1:52:40.95
3. Austrália: Jessica Gardiner, Tanya Hearn (KTM), Tayla Jones (KTM), +1:58:18.91

Manufacturers Trophy
1. Husaberg 1: Joakim Ljunggren, Pierre-Alexandre Renet, Mathias Bellino, 17:01:23.18
2. KTM 2: Eero Remes, Kurt Caselli, Johnny Aubert, +41.84
3. Yamaha: Daniel Milner, Matthew Phillips, Mitcham Harper, +13:43.08
4. HM Honda International 1: Thaddeus Duvall, Tom Sagar, Rodrig Thain, +19:58.20
5. TM Factory A: Antti Hellsten, Nicolo Mori, Aigar Leok, +24:52.69

E1 individual Final
1. Antoine Meo, França, KTM, 5:32:38.52.
2. Eero Remes, Finlândia, KTM, +5:14.20,
3. Rodrig Thain, França, Honda, +10:10.38.
4. Daniel Milner, Austrália, Yamaha, +11:44.35
5. Lorenzo Santolino, Espanha, Husqvarna, +12:57.25
6. Antti Hellsten, Finlândia, TM, +12:57.25
7. Maurizio Micheluz, Itália, HM-Honda, +14:41.90
8. Jeremy Joly, França, Yamaha, +15:38.61
9. Victor Guerrero, Espanha, KTM, +16:01.93
10. Michael Brown, Estados Unidos, KTM, +16:55.43

E2 Individual Final
1. Pierre-Alexandre Renet, França, Husaberg, 5:35:14.24
2. Johnny Aubert, França, KTM, +10.07
3. Alex Salvini, Itália, Husqvarna, +2:59.34
4. Matthew Phillips, Austrália, Yamaha, +3:42.10
5. Ivan Cervantes, Espanha, Gas-Gas, +5:14.43
6. Joshua Strang, Austrália, KTM, +5:18.39
7. Taylor Robert, Estados Unidos, Kawasaki, +8:33.93
8. Mathias Bellino, França, Husaberg, +9:08.40
9. Thaddeus Duvall, Estados Unidos, Honda, +9:12.38
10. Robert Kvarnstrom, Suécia, Beta, +10:17.20

E3 Individual Final
1. Christophe Nambotin, França, KTM, 5:31:39.33
2. Toby Price, Austrália, KTM, +8:59.11
3. Joakim Ljunggren, Suécia, +10:06.97
4. Aigar Leok, Estonia, TM, +11:31.97
5. Marcus, Kehr, Alemanha, KTM, +11:37.00
6. Manuel Monni, Itália, +12:19.42
7. Danny McCanney, GBR, Gas-Gas, +12.48.6
8. Mirko Gritti, Itália, KTM, +14.04.71
9. Sebastien Guillaume, França, Gas-Gas, +15:42.73
10. Marko Tarkkala, Finlândia, Beta, +17:11.33

EW Final
1. Ludivine Puy, França, Gas-Gas, 6:33:54.96
2. Heike Petrick, Alemanha, Husaberg, +26:30.50
3. Jessica Jonsson, Suécia, Gas-Gas, +46:14.86

Resultados 6º Dia

E1 individual Dia 6
1. Mike Brown, Estados Unidos, KTM, 15:41.83
2. Rodrig Thain, França, Honda, +10.44
3. Michal Szuster, Poland, TM, +12.46
4. Lorenzo Santolino, Espanha, Husqvarna, +14.93
5. Edward Hubner, Alemanha, Yamaha, +16.16
6. Jack Rowland, GBR, Husqvarna, +19.21
7. Antoine Meo, França, KTM, +24.57
8. Henrique Nogueira, Portugal, Honda, +29.19
9. Jakob Morhed, Suécia, HM-Honda, +37.88
10. Maurizio Micheluz, Itália, HM-Honda, +38.27

E2 Individual Dia 6
1. Mathias Bellino, França, Husaberg, 15:22.04
2. Pierre-Alexandre Renet, França, Husaberg, +3.38
3. Matthew Phillips, Austrália, Yamaha, +7.04
4. Alex Salvini, Itália, Husqvarna, +7.48
5. Johnny Aubert, França, KTM, +19.58
6. Tom Sagar, GBR, Honda, +21.65
7. Thaddeus Duvall, Estados Unidos, Honda, +22.33
8. Charlie Mullins, Estados Unidos, KTM, +22.53
9. Ivan Cervantes, Espanha, Gas-Gas, +22.67
10. Joshua Strang, Austrália, KTM, +29.53

E3 Individual Dia 6
1. Christophe Nambotin, França, KTM, 15:18.55
2. Toby Price, Austrália, KTM, +23.60
3. Joakim Ljunggren, Suécia, Husaberg, +27.15
4. Aigar Leok, Estonia, TM, +40.04
5. Derrick Gorner, Alemanha, Husaberg, +40.14
6. Danny McCanney, GBR, Gas-Gas, +43.04
7. Christophe Robert, Switzerland, Husaberg, +49.08
8. Jason Thomas, GBR, KTM, +50.51
9. Radek Toman, República Tcheca, KTM, +51.67
10. Manuel Monni, Itália, KTM, +52.35

EW Individual Dia 6
1. Ludivine Puy, França, Gas-Gas, 17:19.56
2. Tayla Jones, Austrália, KTM, +0.84
3. Blandine Dufrene, França, Husaberg, +5.91






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet