X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Arenafama

Clique e saiba mais

> Competição > Rally

3ª etapa - Rally Internacional dos Sertões 2010 - Unaí (MG) / Alto Paraíso (GO)
Publicado em: 13/08/2010

Marc Coma é o novo líder em etapa vencida por Felipe Zanol
Redação MotoX.com.br - Texto: Renato Fernandes


Felipe Zanol
Foto: Theo Ribeiro / Divulgação Sertões

3ª etapa (13/08) - Unaí (MG) / Alto Paraíso de Goias (GO) - Total do dia: 416 km
Deslocamento: 29 km
Especial: 220 km
Deslocamento: 167 km


Marc Coma
Foto: Theo Ribeiro / Divulgação Sertões
A sexta-feira 13 foi de azar para alguns pilotos nesta terceira etapa do rali, principalmente para o até então líder da categoria motos, José Hélio. O piloto teve problemas e parou no quilômetro 154 da especial, formada por 220 km. Os competidores largaram de Unaí (MG), com direção a Alto Paraíso de Goiás (GO), percorrendo 416 quilômetros no total. O mais rápido do dia foi o piloto mineiro Felipe Zanol com o tempo de 2h44min22s, seguido pelo espanhol Marc Coma, apenas 37 segundos atrás e Deni Nascimento em terceiro.

Com o resultado desta terceira etapa, Coma e Deni sobem uma posição na classificação acumulando, ocupando o primeiro e segundo lugares, respectivamente, onde o espanhol passa a ter uma vantagem de quase seis minutos. Já para Zanol, o dia não teve nada de azar, andando forte no último trecho da especial, o mineiro que foi o nono a largar entre as motos, desbancou Coma da liderança do dia e ainda se viu subir duas colocações na classificação, ocupando agora o terceiro posto geral.

Juca Bala, que vinha fazendo uma prova discreta, finalizou o dia com o quinto melhor tempo, subindo para a sétima colocação geral. Assim como o polonês Kuba Przygonski e o francês David Casteu, que estão muito regulares na competição e já ocupam a quarta e quinta posições na classificação acumulada, respectivamente. 


Deni Nascimento
Foto: DFotos / Equipe Petrobras


José Hélio
Foto: Márcio Machado / Mundo Press
Uma pedra furou a mangueira do radiador de óleo da motocicleta de Zé Hélio. “Foi uma fatalidade, algo que pode acontecer com qualquer um no Rally dos Sertões. Como a mangueira fica perto do meu calcanhar, eu não percebi o problema para tentar uma solução a tempo”, lamentou.

Antes do incidente, o piloto paulista vinha fazendo o melhor tempo e tinha tudo para vencer mais uma etapa. “Eu estava quase passando o Marc Coma quando houve o problema. Uma pena. Agora, vamos levar a moto embora e colocar um motor novo. Vou continuar correndo até o final do rali, mas certamente ficou muito difícil buscar este hexacampeonato em 2010”, constatou Zé Hélio, que por não completar a etapa, recebeu o tempo de 6h30min na especial e despencou para a 53ª colocação geral.

O azar também pegou Ike Klaumann e Tiago Fantozzi, que assim como Zé Hélio, não completaram a especial e caíram para as últimas posições. Glauco Guimarães foi mais um piloto a se acidentar, com suspeita de fratura na clavícula, abandonou o rali depois de diagnosticada a lesão. 


Rafal Sonik
Foto: Theo Ribeiro / Divulgação Sertões


Rodrigo Varela
Foto: Theo Ribeiro / Divulgação Sertões
Nos quadris, mais uma prova de que o dia não era dos líderes. Depois de vencer as duas primeiras etapas, Robert Nahas teve problemas com seu quadriciclo faltando apenas dois quilômetros para finalizar a especial, tendo de completar o percurso rebocado e finalizando na décima posição. Rafal Sonik foi o vencedor da etapa, seguido de perto por Rodrigo Varela e Carlo Collet.

Na classificação geral, Carlo Collet assume a ponta, quatro minutos à frente de Sonik que agora é o segundo, enquanto Nahas cai para a terceira colocação, pouco mais de 17 minutos atrás do líder. Mantendo a regularidade, Heronaldo Marino tem o quarto melhor tempo e Rodrigo Varela passa a figurar entre os primeiros com a quinta posição.

Para o sábado (14/8), os competidores entrarão no Estado de Tocantins. Saindo de Alto Paraíso de Goias, o deslocamento inicial será de apenas 2,51 km, para iniciar a especial de 240 km e finalizando com mais um deslocamento de 114 km até o destino final do dia, em Dianópolis.


Carlo Collet
Foto: Theo Ribeiro / Divulgação Sertões

Resultados 3ª etapa - Motos:
1º - Felipe Zanol (BRA) - Honda - 02:44:22.9
2º - Marc Coma (ESP) - KTM - 02:44:59.2
3º - Deni Nascimento (BRA) - Honda - 02:46:55.9
4º - David Casteu (FRA) - Sherco - 02:48:28.2
5º - Juca Bala (BRA) - KTM - 02:49:08.8
6º - Kuba Przygonski (POL) - KTM - 02:49:16.1
7º - Dário Júlio (BRA) - Honda - 02:51:04.1
8º - Gustavo Pellin (BRA) - Suzuki - 02:56:49.9
9º - Jacek Czachor (POL) - KTM - 02:57:15.4
10º - Guto Klaumann (BRA) - Yamaha - 02:58:32.3
* Resultados extra oficiais

Resultados 3ª etapa - Quadris:
1º - Rafal Sonik (POL) - Yamaha - 03:03:40.6
2º - Rodrigo Varela (BRA) - Suzuki - 03:06:07.6
3º - Carlo Collet (BRA) - BRP - 03:06:57.4
4º - André Suguita (BRA) - KTM - 03:15:51.5
5º - Francinei Souza (BRA) - Yamaha - 03:17:40.0
6º - Tom Rosa (BRA) - Yamaha - 03:17:59.3
7º - Márcio Oliveira (BRA) - KTM - 03:18:25.4
8º - Heronaldo Marinho (BRA) - Yamaha - 03:23:14.9
9º - Rodolfo Brito (BRA) - Yamaha - 03:32:48.2
10º - Robert Nahas (BRA) - Protótipo - 03:33:14.9
* Resultados extra oficiais

Classificação Geral Acumulada - Motos:
1) Marc Coma - 6h59min11
2) Deni do Nascimento - 7h04min55
3) Felipe Zanol - 7h06min
4) Kuba Przygonski - 7h12min17
5) David Casteu - 7h12min38
* Resultados extra oficiais

Classificação Geral Acumulada - Quadris:
1) Carlo Collet - 8h02min18
2) Rafal Sonik - 8h06min19
3) Robert Nahas - 8h19min42
4) Heronaldo Marinho - 8h32min41
5) Rodrigo Varela - 8h33min01
* Resultados extra oficiais






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet