X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Rally

1ª edição - Rally da Amazônia - Porto Velho - RO
Publicado em: 18/11/2009

Juca Bala vence a primeira edição do Rally da Amazônia
Redação MotoX.com.br - Fotos: Idário Café e Divulgação


Já em sua primeira edição, prova foi válida como etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country


Juca Bala
No inicio da tarde do último domingo, dia 15 de novembro, o balneário do Rio Preto em Candeias do Jamari, foi palco da chegada da 8ª etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, com a primeira edição do Rally da Amazônia.

Foram percorridos 1.240km em três dias de velocidade por estradas vicinais de quatro municípios de Rondônia, que foram fechadas pela organização para as Especiais (trechos cronometrados).

Trinta e seis pilotos se inscreveram para a inédita prova na Amazônia, entre eles destaques nacionais como Juca Bala (SP), Sérgio Ferraz (MG), e os irmãos Ramon e Moara Sacilotti. O vizinho estado do Acre, inscreveu quatro pilotos com destaque para Marcelo da Silva, piloto de quadriciclo que andou forte, mostrando potencial para entrar no circuito nacional de Rally Cross Country.

De Rondônia, vinte e quatro pilotos disputaram o rally da Amazônia com destaque para os Federais do Barro de Ariquemes e o Rally Clube de Porto Velho. Entre os “locais”, Edson “Kike” Dias andou no pelotão da frente nos três dias e Édipo Gonçalves, que em plena forma física, mostrou que vai dar trabalho aos “veteranos” no estadual 2010. Outro piloto que surpreendeu com uma tocada consciente, foi André Luis, vencendo a categoria Brasil. 


Ramon Sacilotti

No arco de chegada, no Porto Velho Shopping, os pilotos e oficiais da CBM - Confederação Brasileira de Motociclismo, foram unânimes em elogiar o evento, destacando a precisão da planilha, a segurança das Especiais, a logística da organização e o empenho e abnegação da comissão técnica para realizar a prova.


Saulo Mateo
As belezas naturais de Rondônia foram um ponto a parte para os pilotos convidados do sul do país. Juca Bala, campeão do 1º Rally da Amazônia disse que foi muito prazeroso disputar um rally numa região com belas florestas.

O primeiro dia de provas contou com 460,60 km de percurso total. Os pilotos competiram na região do distrito de União Bandeirantes, onde duas estradas vicinais foram fechadas ao trafego para a disputa do trecho cronometrado (Especial) com 139,05km, com trechos de alta em estradas de piso “duro”.

O paulista Juca Bala venceu a primeira rodada, seguido de perto por Sérgio Ferraz e Ramon Sacilotti. Edson Kike Dias, piloto rondoniense com vários títulos do motociclismo estadual, acelerou forte e chegou na quarta posição, à frente de Saulo Melo, que foi o quinto. 

O campeão da etapa, disse que a planilha estava precisa, com referencias bem situadas. “Vencer esta etapa na primeira prova de rally de velocidade na Amazônia foi gratificante. Amanhã espero manter o ritmo” afirmou Juca Bala.

A segunda etapa foi disputada na região da Floresta Nacional de Bom Futuro, passando pelo assentamento da Vila de Rio Pardo, seguindo até o município de Buritis. Após um deslocamento de 217,10 km, os pilotos chegaram novamente no Porto Velho Shopping. 


Marcelo da Silva

O trecho cronometrado com 132,05 km foi vencido por Ramon Sacilotti, com Juca Bala logo atrás. O mineiro Sérgio Ferraz ficou com a terceira colocação, seguido do rondoniense Edson “Kike” Dias e Marcelo Dias.


André Luiz
Após dois dias de provas, Juca Bala liderava o Rally da Amazônia com o tempo total de 3h 27m 06s. Ramon Sacilotti assumiu a segunda posição, um minuto atrás do líder e Sérgio Ferraz vinha na terceira posição.

Com apenas 260,2 km, o último dia do Rally da Amazônia foi a mais curto, com os pilotos disputando uma Especial de 117,90 km. O trecho era bastante travado com estradas sinuosas na floresta, cheias de poças de lama e troncos laterais. Um trecho alagado também “judiou” dos inscritos, com diminuição do ritmo de prova para atravessar o “igarapé” em que se transformou a Linha do Rio da Onça.

Juca Bala venceu novamente com 1h24m47s, se tornando assim, o primeiro vencedor do Rally da Amazônia. Colado no campeão, com apenas 12 segundos de diferença, chegou Ramon Sacilotti. Completando os cinco primeiros da 3ª Especial, finalizaram respectivamente Jeferson Cogo, Saulo Mateo e Édipo Gonçalves.

Na somatória dos tempos dos três dias, os cinco primeiros colocados na classificação geral foram, Juca Bala em primeiro, Ramon Sacilotti em segundo, Saulo Mateo foi o terceiro, Marcelo da Silva o quarto e André Luiz o quinto colocado. 

Os resultados completos podem ser obtidos no site oficial do evento

O Rally da Amazônia teve o apoio do Governo de Rondônia, Deputado Estadual Valdivino Tucura, Supermercado Gonçalves, Toyota - Nissey Motors, Quali Plásticos, Saga Veículos, Rondobras, Água Mineral Kaiari, Mobil, Expresso Araçatuba, Equador Petróleo, Mastter Moto/Honda, WebVenture e Rondoniaovivo.com.






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet