X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais


>Competição > Motocross Regional

1ª et. Copa Brasil de MX Infanto-Juvenil - Mogi das Cruzes - SP
Publicado em: 15/05/2009
Clique e saiba mais

Nova Copa é incentivo aos jovens pilotos
MotoX.com.br – Texto e Fotos: Ronaldo Sampaio 


ASW Off Road Park sediou a prova de abertura da competição


Guilherme Thomas
A Extreme Racing surpreende mais uma vez, e em uma inédita parceria com a LEM Motor nasce a Copa Brasil de Motocross Infanto-juvenil. O intuito do evento é nobre, criar um espaço exclusivo para as categorias de base e revelar novos talentos, ou seja, puro investimento no futuro. Além da LEM Motor, as marcas ASW, FOX, Acerbis, Diadora e Mega Energy estão apoiando o evento, que conta com sete categorias permitindo motos de 50cc, 65cc, 85cc e 230cc, essa última destinada a jovens de até 17 anos. A primeira etapa aconteceu no ASW Off Road Park, no dia 10 de Maio, dia das mães, e elas compareceram para torcer e, as mais sortudas, voltar para casa com um troféu como presente.

A primeira prova reuniu os pilotinhos da 50cc A, 50cc B e 50cc C. Na largada uma pequena confusão deu uma importante vantagem a Guilherme Torres. Os irmãos Victor e Henrique Colla se tocaram, Henrique ficou no chão e Victor perdeu algum tempo, suficiente para que Guilherme escapasse na ponta e consolidasse sua liderança já na primeira volta. Victor manteve a segunda posição enquanto Lucas Torres, Guilherme Tomas e João Pedro formavam o pelotão intermediário. Guilherme acelerou em um ritmo mais forte e confirmou a vitória. 


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 351 Fotos!

Já Guilherme Tomas se destacou no pelotão, passou Lucas na metade da prova, e ainda teve fôlego para tirar a segunda posição de Victor na última volta. Henrique também fez uma prova excelente, se recuperou bem da queda sofrida na largada, e conseguiu garantir a quinta posição. Resultado 50cc A: Guilherme Thomas, João Pedro Assunção, Gustavo Mattos e Diogo Moreira. 50cc B: Lucas Torres e Henrique Colla. 50cc C: Guilherme Torres e Victor Colla. 


Lucas Torres


Guilherme Torres
Na prova da 65cc A, Guilherme Torres e Renato Muguinho garantiram emoção de sobra aos pais e espectadores numa briga que durou até o momento da bandeira quadriculada. Acelerando como gente grande Guilherme assumiu a liderança, garantindo o troféu Holeshot, prêmio oferecido pela Mega Energy. Muguinho não largou na frente, mas fechou a primeira volta em segundo, bem atrás de Guilherme. Líder e vice desempenharam seu papel com maestria. Guilherme defendia, e Muguinho atacava, por todos os lados, e na sexta volta ele finalmente consegue seu intento, assumindo a liderança. Guilherme se abateu no início, dando algum espaço, mas logo voltou a rodar rápido, encostando no líder, que tem agora a responsabilidade de conter os ataques do adversário. Os dois receberam a bandeirada quadriculada juntos, com pequena vantagem para Muguinho. Embora os líderes prendessem a atenção enquanto decidiam quem terminaria como vencedor, mais atrás a coisa também pegava fogo na briga pela terceira posição. Caio Hoffmann e Kelvim Firmino duelavam pela terceira posição. Kelvim perseguiu Caio por toda prova, e por várias vezes ameaçou superar seu oponente. Já estávamos na última quando Caio cometeu um erro e caiu, dando a posição para Kelvim, que teve Gabriel Mattos e Marcio Henrique finalizando logo atrás, na quarta e quinta posições respectivamente. 


Renato "Muguinho" Paes


Eustáquio da Silva
A 65cc B é composta por pilotos mais velhos, ou menos novos, como preferir. Daniel Macieira deixou seu pai, o Português, enlouquecido com o holeshot, mas a prova estava apenas começando, e Daniel ainda teria companhia antes de receber a bandeirada final. Eustáquio da Silva largou em segundo, cometeu um erro perdendo a posição para Pedro Moreira, mas na volta seguinte já estava a frente de novo, e pronto para atacar Daniel. Assim ele o fez, chegou no líder e começou a pressionar. Disputando cada curva, Daniel impediu a ultrapassagem nas primeiras voltas, mas cedeu antes que a prova chegasse a sua metade. Daniel queria a vitória e não desistiu até a última curva, mas Eustáquio resistiu e garantiu a vitória. Pedro Moreira ainda perdeu a terceira posição para Thiago Azevedo. Lucas Assunção foi o quinto colocado.

As categorias 230F e 85cc largaram juntas. No gate Caio Fernandes, correndo pela 85cc, era um dos grandes favoritos, e ele não desapontou as expectativas de seu pai, que assistiu atento a cada movimento do jovem campeão. Com uma largada perfeita Caio garantiu o holeshot, e mesmo perseguido de perto boa parte da prova por Ismael da Costa, não permitiu um ataque direto, ficando assim com a vitória na 85cc. Ismael também não foi incomodado depois de abrir boa vantagem e confirmar a segunda posição, e consequentemente a vitória da 230F. Wellington Rodrigues, Guilherme Ribeiro e Jan Poletto completaram os cinco primeiros no resultado geral. Final 85cc: Caio Fernandes e Guilherme Ribeiro. Final 230F: Ismael da Costa, Guilerme Ribeiro, Jan Poletto, Danilo Perna e Igor Gonçalves. 


Caio Fernandes


Ismael da Costa
Contando com quatro pilotos, foi preparada uma prova de apresentação com as Pit Bikes LEM Motor, e Leandro Mattos ficou com a vitória depois de ser perseguido a prova toda por Carlo Mônaco. Luciano Kdra e Island Faria eram terceiro e quarto colocados quando uma forte chuva começou a cair, interrompendo antecipadamente a prova. A chuva impediu também uma prova destinada para as mães, que pilotariam motos LEM, mas quem sabe, fica para a próxima etapa?

Foi dada a largada para mais uma oportunidade de encaminhar os pequenos rumo a um esporte emocionante e familiar. E aí, está esperando o quê para trazer seu filho? Ainda restam 5 etapas, venha fazer parte da festa!

A próxima etapa está prevista para acntecer nos dias 06 e 07 de junho, com local ainda a ser definido. A Copa Brasil de Motocross Infanto-Juvenil tem patrocínio LEM Motor e ASW; e apoio Mega Energy.


Leandro Mattos

Resultados 

P. 50cc A Equipe
1 14 Guilherme Thomas Fercar Baús/ RKS Racing
2 97 João Pedro Assunção Distribuidora Marsil
3 3 Gustavo Matos ASW
4 77 Diogo Moreira Nacimento JB Balanças
P. 50cc B Equipe
1 11 Lucas Torres da Costa ASW/LEM / Motul / Orbital / Scott
2 13 Henrrique Colla de Magalhaes DIDI Tomateiro
P. 50cc C Equipe
1 16 Guilerme Torres da Costa ASW/LEM / Motul / Orbital / Scott
2 22 Victor Colla de Magalhaes Didi Tomateiro
P. 65cc A Equipe
1 101 Renato Paes (Muguinho) ASW/MR PRO/SCOTT/FOX
2 46 Guilerme Torres da Costa ASW/LEM / Motul / Orbital / Scott
3 55 Kelvim Guilherme S. Firmino -
4 4 Gabriel Matos ASW
5 99 Marcio Henrique Chagas da Silva -
6 33 João Victor Martins Oficina Martins
7 78 Caio Heffmann Nogueira -
P. 65cc B Equipe
1 98 Eustaquio da Silva -
2 772 Daniel Macieira Filho RM Racing/Gardemnal Motos
3 76 Thiago Azevedo -
4 199 Pedro Moreira Lem Motor/AWS/Colegio Objetivo Litoral/CCAA
5 72 Lucas Angelo J. Assunção Distribuidora Marsil
6 74 Gabriel Thomas Fercar Baus / Racing
7 11 Pedro Henrique P da Silva Fiat Car
8 9 Eduardo Fernendo Simões Edu Automoveis/ Moto Mesquita
9 111 Henrique Torinaga Alphatem Racing/RM Racing
10 265 Otavio A. Carradori Lem Motor/Duda Preparações
P. 85cc Equipe
1 934 Caio Lopes Fernandes Crosseguros/Zamba Parts/RK5
2 912 Guilerme de Lima Ribeiro KS Tintas
P. 230F 17 anos Equipe
1 127 Ismael da Costa Conti Bier/Nutralim/Aero Motos Assis
2 508 Wellington Rodrigues E.M.E. Alemão
3 47 Jan Poletto Terwak -
4 78 Danilo G Perna Metal Dinamica
5 551 Igor da Silva Gonsalves -
6 93 Bruno Lopes Contrulopes / Hotel Monte Neve
P. Pit Bike Equipe
1 Leandro Mattos ASW
2 Carlo Monaco Dna Off Road
3 Luciano Kdra Fox
4 Island Faria Lem Motor
                    






© 2000 - 2020 MotoX MX1 Internet