X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

Pro Tech

JPS Racing

MotoX Pneus

JP Motos

Clique e saiba mais

> Competição > Enduro

WESS 2018 - Hawkstone Park Cross-Country - Inglaterra - 6ª etapa
Publicado em: 29/09/2018

Josep Garcia vence etapa, Billy Bolt assume liderança do campeonato
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Future7Media


Pódio com Nathan Watson, Josep Garcia e Billy Bolt

O tradicional circuito de motocross de Hawkstone Park, na Inglaterra, foi palco da sexta etapa do WESS - World Enduro Super Series - 2018. A pista de motocross se uniu às trilhas em seu entorno formando um trajeto de pouco mais de 5 km. Após as classificatórias que definiram a ordem de largada no sábado, a grande final aconteceu no domingo, com uma prova de duas horas e meia de duração.

O WESS agrupou provas bastante ecléticas, desde um Hard Enduro raíz, como o Ezberg, até provas de Cross Country tradicional, como foi Hawkstone Park, passando por provas de vários dias como o Romaniacs e o Enduro clássico. O campeonato tem ainda mais duas etapas: outra prova de Cross Country, na Suécia e um Enduro de Praia, na Holanda. Na reta final do campeonato a velocidade será mais importante do que a capacidade de superar obstáculos quase impossíveis.


 

E velocidade foi o que mostrou de sobra o espanhol Josep Garcia. Ele já havia vencido a classificatória de sábado, fato importante, para coloca-lo na linha de frente da largada e evitar a lama dos adversários. Como todo bom evento britânico a chuva, frio e até um pouquinho de neve estiveram presentes. Como o passar da prova o Sol até que deu as caras, enquanto Garcia consolidava sua liderança.

Rumo à vitória Garcia colocou volta até o oitavo colocado, deixando atrasados pilotos do nível de Alfredo Gomez, Graham Jarvis e Paul Bolton, respectivamente, décimo, nono e oitavo colocados.


Josep Garcia

Josep Garcia: “Estou muito feliz por vencer minha primeira corrida no WESS. Me senti muito bem, parti primeiro e fiquei na frente o tempo todo. Minha equipe foi ótima, eles me avisaram quanto tinha de uma vantagem avaliar a diferença para Nathan [Watson. Tive algumas quedas, mas felizmente não foi nada muito sério e eu não perdi muito tempo. Me diverti muito aqui, foi um fim de semana fantástico. Isso me deu mais motivação para ter outro bom resultado na próxima rodada.”


Nathan Watson

Nathan Watson: “Essa foi uma corrida ótima. Eu comecei bem e fui para segundo, mas na primeira volta uma pedra danificou meus óculos, então eu tive que fazer um pit stop antecipado. Billy me passou e foi muito rápido através das pedras - ele estava passando direto sobre elas e eu as contornava. Eu ganhava tempo nas partes mais rápidas e, eventualmente, encontrei um bom ritmo e fui capaz de voltar para a segunda posição. Eu não tinha o suficiente para alcançar Josep, ele estava bem hoje, mas no geral estou feliz com o resultado e foi ótimo conseguir meu primeiro pódio no WESS.”


Billy Bolt

Billy Bolt assumiu a liderança do campeonato com a terceira posição: “Eu sabia que meu ritmo estava bom hoje, mas meu plano era apenas fazer minha própria corrida e ver onde terminaria. Sabia que Josep e Nathan seriam rápidos, então meu objetivo era manter um ritmo estável e esperar não ficar muito para trás deles. Eu alcancei Nathan em certo ponto e era mais rápido em algumas seções. Eu comecei a errar um pouco, então apenas aliviei o ritmo e me concentrei em garantir um terceiro seguro para o campeonato. A pista estava excelente, havia uma passagem de pedras que eu atacava e saltava - a platéia adorou!”


Taddy Blazusiak

Taddy Blazusiak ficou com a quarta posição: “Estou muito feliz com a minha pilotagem hoje. Eu cometi alguns erros na primeira volta e acabei batendo numa árvore - machuquei minha mão de novo um pouco e perdi um pouco de confiança. Voltei de novo e estava em sexto, mas cometi um pequeno erro com os ajustes da moto e estava apanhando em alguns trechos. Estava gastando muita energia para acompanhar os caras na frente, então eu tive que recuar um pouco. No geral, estou feliz com o meu resultado. Já passou muito tempo de quando corria provas como esta, então aprendi bastante para a próxima. Minha velocidade tem sido boa, mesmo no Sprint Enduro de ontem, que é algo que não treinamos há muito tempo, então isso também é encorajador.”

Vídeo



Resultados - Hawkstone Park Cross-Country

1. Josep Garcia (KTM - ESP) 15 laps, 2:30:03.444
2. Nathan Watson (KTM - GB) 2:31:34.016
3. Billy Bolt (Husqvarna) 2:32:52.010
4. Taddy Blazusiak (KTM - POL) 2:34:39.777
5. Jaume Betriu (KTM - ESP) 2:35:58.297
6. Alex Snow (Honda - GB) 2:37:39.788
7. Manuel Lettenbichler (KTM - GER) 2:40:29.096
8. Paul Bolton (KTM - GB) 14 laps 2:31:09.353
9. Graham Jarvis (Husqvarna - GB) 2:31:50.623
10. Alfredo Gomez (Husqvarna - ESP) 2:33:26.699…


Manuel Lettenbichler

Classificação geral WESS após 6 de 8 etapas

1. Billy Bolt (Husqvarna - GB), 4060
2. Manuel Lettenbichler (KTM - GER), 393
3. Josep Garcia (KTM - ESP), 3320
4. Wade Young (Sherco), 3220
5. Taddy Blazusiak (KTM - POL), 2985
6. Jonny Walker (KTM - GB), 2900
7. Nathan Watson (KTM - GB), 2778
8. Graham Jarvis (Husqvarna - GB), 2768
9. Paul Bolton (KTM - GB), 2752
10. Lars Enockl (Gas Gas - AUT), 2076pt




Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet