fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Competição > Rally

31º Baja Portalegre 500 - Portugal
Publicado em: 01/11/2017

Antônio Maio vence pela sexta vez principal competição de TT portuguesa
Redação MotoX.com.br - Fotos: Tiago Pires e Divulgação

Atual campeão brasileiro de enduro, português Luís Oliveira sobe ao pódio em segundo


Antônio Maio

O Baja Portalegre 500, principal competição off-road de Portugal, realizou sua 31ª edição nos dias 26, 27 e 28 de outubro. A corrida foi marcada pelo duelo entre Antônio Maio e Luís Oliveira, os dois maiores destaques do evento nos últimos anos. Oliveira, campeão dos principais campeonatos de enduro do Brasil em 2017, nem teve descanso ao voltar para a Europa: encarou o desafio menos de uma semana após a vitória na final da Copa EFX, seu último compromisso deste lado do Atlântico nesta temporada.   

Um desfile de pilotos na quinta-feira à noite, bem no centro da cidade de Portalegre, abriu o evento, mas a competição começou mesmo com o prólogo de cerca de quatro quilômetros liderado por Maio. Oliveira completou logo atrás, com dois segundos de desvantagem para o rival.


Luís Oliveira

Com calor e poeira nos 76km do dia seguinte, a disputa continuou equilibrada. Maio permaneceu em primeiro com leve vantagem sobre Oliveira: apenas 14 segundos. O alemão Sebastian Buhler, outro favorito, caiu no segundo setor e abandonou, colocando assim um ponto final nas suas aspirações ao título.

Mais de 300 quilómetros contra o cronômetro definiram a disputa no dia decisivo. Maio não deixou margem para dúvidas, ganhou pela sexta vez e deixou Luís Oliveira a mais de quatro minutos de distância depois de ambos lutarem bastante pela vitória até cerca de 70 quilómetros do final. Neste momento começou a sentir problemas com a sua moto e foi forçado a baixar o ritmo. Mário Patrão completou o pódio a quase 12 minutos do líder.


Mário Patrão

Com o triunfo, Maio igualou-se a dois outros grandes campeões do TT em Portugal, Mário Patrão e Roberto Borrego. "Foi uma prova dura e muito exigente onde a minha WR 450F esteve à altura de todas as dificuldades permitindo-me uma corrida sem erros, sempre com um ritmo forte e em segurança", destacou o campeão.
  
Oliveira ganhou segundos importantes ao longo do dia decisivo, mas na reta final o problema elétrico impediu sua progressão. Com isso, o piloto que lutava pelo tricampeonato reconheceu que o segundo lugar foi positivo. "Esta prova de uma forma geral correu bem. Dei o meu melhor, apesar de ter a perfeita noção que tive pouco tempo para me preparar. Foi uma prova exigente, com um piso bastante duro e muito pó. Mesmo não tendo garantido a terceira vitória consecutiva, penso que terminei o ano de uma forma positiva. Na fase final da prova, tive um pequeno contratempo com a moto, sendo impossível lutar pela vitória. Aproveito para agradecer a todos aqueles que me apoiaram para estar em Portalegre, em especial aos mecânicos que trabalharam arduamente para que tudo estivesse a 100%, mas as corridas são mesmo assim", avaliou.

Vídeos





Resultado final
1. Antônio Maio, 4h52min35seg   
2. Luís Oliveira, 4h56min49seg
3. Mário Patrão, 5h04min16seg
4. Salvador Vargas, 5h15min02seg
5. Luis Teixeira, 5h27seg16min







Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet