fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Competição > Enduro

Brasileiro de Enduro 2017 - 4ª etapa - Aracruz - ES
Publicado em: 13/06/2017

Luís Oliveira conquista vitória na última volta da etapa capixaba
Redação MotoX.com.br - Fotos: Douglas Ramos e Janjão Santiago

Piloto da casa, Bruno Crivilin liderava quando enfrentou problemas mecânicos na fase final


Boxes das equipes em Aracruz

A rodada capixaba do Brasileiro de Enduro, disputada neste fim de semana em Aracruz, seguiu um roteiro muito parecido com a anterior, realizada em Santa Catarina: a liderança começou nas mãos de Bruno Crivilin, piloto da casa que foi o mais rápido no sábado, mas acabou com o português Luís Oliveira que reagiu no domingo faturando a etapa nas classes EnduroGP e E1.


Bruno Crivilin

Em cada um dos dias os pilotos percorerram três voltas - a inicial foi de reconhecimento - por um percurso de 37 quilômetros. A mudança na liderança veio na última volta, quando Crivilin enfrentou problemas mecânicos no Cross Teste, para tristeza da torcida. "É sempre muito complicado abandonar uma prova, ainda mais quando se está muito perto de uma vitória. Mas assim são as corridas. Tive problemas, é algo que acontece no esporte, não depende só da gente. Mas ainda estamos na metade da competição e vou trabalhar ainda mais forte para conquistar esse título para minha equipe", avaliou o piloto da Orange BH KTM Racing.


Luís Oliveira

"Fiz a minha parte e conquistei um resultado muito importante para o campeonato", destacou Oliveira que disparou na liderança da temporada. "Foi um fim de semana difícil, mas não abaixei a cabeça em nenhum momento. A prova teve especiais bem marcadas e bons deslocamentos", completou o português da Honda Racing. O pódio da E1 também contou com o norte-americano Ian Blythe, na segunda colocação, e o capixaba Patrik Capila, na terceira.

Pela E2, Júlio Ferreira também se beneficiou do abandono de Crivilin terminando com a vitória na etapa, seguido por Diego Colett. Com o resultado, o piloto da Honda Racing ampliou a liderança no campeonato.


Júlio Ferreira

A E3 segue como uma das classes com a disputa pelo título mais acirrada. A rodada foi excelente para Rômulo Bottrel que venceu os dois dias (terminando com o segundo lugar da EnduroGP) empatando na classificação geral com o rival Gustavo Pellin. Nicolas Rodruiguez terminou o fim de semana com o terceiro lugar. "Foram dois dias bem duros, as especiais estavam muito boas, mas bem cansativas, tive que fazer muita força pra me manter bem nas especiais. No primeiro dia estava um pouco desconcentrado, não fiquei muito satisfeito com meus tempos. No segundo dia consegui fazer boas especiais, consegui imprimir um forte ritmo e estava na briga, mas cometi alguns erros que me tiraram a vitória (na geral). Ainda assim, fiquei satisfeito por andar bem em algumas partes da corrida e por conseguir mais duas vitórias na minha categoria", afirmou Bottrel.    


Rômulo Bottrel

Vinícius Calafati se destacou na EJúnior levando vantagem sobre Vinícius Musa e Gabriel Soares. "Eu vim com o intuito de ganhar e defini a prova nos trechos de trilha, que são mais a minha praia. A etapa de Aracruz foi uma das mais completas até agora e estou bastante feliz com o resultado", revelou o piloto da Sacramento Racing.


Vinícius Calafati

Chefe de equipe de Calafati e piloto da E35, Nielsen Bueno também comemorou o primeiro lugar no Espírito Santo. "A etapa de Aracruz teve especiais longas, que exigiram muito preparo físico e concentração dos pilotos. A equipe fez um ótimo trabalho neste fim de semana e as motocicletas estavam redondas. Chegamos à metade do campeonato, mas ainda tem muita coisa pela frente", disse o veterano mineiro.


Nielsen Bueno

Reconhecidos pelas grandes conquistas no enduro de regularidade, Jomar Grecco e Sandro Hoffmann mostraram velocidade para brilhar também no Enduro FIM. Jomar conquistou a vitória na E40 e Hoffmann na E45. "As provas em Aracruz são sempre muito bem organizadas. Faço questão de correr aqui sempre que dá e os calendários não conflitam. Esse ano a prova estava muito boa, com especiais em circuito e em trilhas. Sair com a vitória nos dois dias é muito bom, afinal mesmo que não esteja disputando o campeonato na modalidade, ninguém gosta de perder. É muito bom poder contribuir com um bom resultado para a equipe, que esteve completa este fim de semana", disse Jomar, piloto da Orange KTM.


Sandro Hoffmann e Jomar Grecco

Na E4 o domínio nos dois dias foi de Tiago Wernersbach, da Moto Litoral Honda. Levi Tesch faturou a E50 e Willian Palandi, da Sacramento Racing, a EAmador. A próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro está prevista para os dias 15 e 16 de julho em Nova Lima (MG).

Vídeos





Resultados

Primeiro dia

Enduro GP

1. Bruno Crivilin
2. Luís Oliveira
3. Rômulo Bottrel
4. Ian Blythe
5. Júlio Ferreira

E1
1. Luís Oliveira
2. Ian Blythe
3. Patrik Capila

E2
1. Bruno Crivilin
2. Júlio Ferreira
3. Diego Colett

E3
1. Rômulo Bottrel
2. Gustavo Pellin
3. Nicolas Rodriguez

EJúnior
1. Vinícius Calafati
2. Gabriel Soares
3. Vinícius Luis Lopes da Silva

E4
1. Tiago Wernersbach
2. Jaime Zorzal
3. André Silva

E35
1. Nielsen Bueno
2. Oriel Casagrande Neto
3. Diogo Andrade

E40
1. Jomar Grecco
2. Jober Zambaldi
3. Cassiano Tebaldi

E45
1. Pélmio Simões
2. Sandro Hoffmann
3. Laurindo Zatorski Filho

E50
1. Levi Tesch
2. Luiz Alberto Croce
3. Francisco Felner

EAmador
1. Willian Palandi
2. Elder Zucolloto
3. Augusto Benvenutti

Segundo dia

Enduro GP

1. Luís Oliveira
2. Rômulo Bottrel
3. Ian Blythe
4. Vinícius Calafati
5. Júlio Ferreira

E1
1. Luís Oliveira
2. Ian Blythe
3. Patrik Capila

E2

1. Júlio Ferreira
2. Diego Colett
3. Bruno Crivilin

E3
1. Rômulo Bottrel
2. Gustavo Pellin
3. Nicolas Rodriguez

EJúnior
1. Vinícius Calafati
2. Vinícius Luis Lopes da Silva
3. Gabriel Soares

E4
1. Tiago Wernersbach
2. Jaime Zorzal
3. Flavio Volpi

E35
1. Nielsen Bueno
2. Diogo Andrade
3. Oriel Casagrande Neto

E40
1. Jomar Grecco
2. Jober Zambaldi
3. Cassiano Tebaldi

E45

1. Sandro Hoffmann
2. Pélmio Simões
3. Laurindo Zatorski Filho

E50

1. Levi Tesch
2. Francisco Felner
3. Luiz Alberto Croce

EAmador
1. Willian Palandi
2. Elder Zucolloto
3. Augusto Benvenutti

Classificação geral após quatro etapas

Enduro GP

1. Luís Oliveira - 191
2. Rômulo Bottrel - 132
3. Júlio Ferreira - 132
4. Bruno Crivilin - 132
5. Gustavo Pellin - 107

E1
1. Luís Oliveira - 200
2. Loandro Anton - 152
3. Patrik Capila - 117

E2
1. Júlio Ferreira - 176
2. Diego Colett - 160
3. Bruno Crivilin - 141

E3
1. Rômulo Bottrel - 183
2. Gustavo Pellin - 183
3. Rigor Rico - 122

EJúnior

1. Vinícius Luis Lopes da Silva - 177
2. Gabriel Soares - 170
3. Willian Dalmonech - 148

E4
1. Tiago Wernersbach - 191
2. Jaime Zorzal - 173
3. Guilherme Borges - 56

E35
1. Nielsen Bueno - 195
2. Diogo Andrade - 140
3. Anderson Vieira - 113

E40
1. Cassiano Tebaldi - 182
2. Luciano de Lima - 128
3. Jomar Grecco - 50

E45
1. Pélmio Simões - 180
2. Marcos Benvenutti - 150
3. Júlio Cesar Lemos - 137

E50

1. Roberto Theodoro - 124
2. Luiz Carlos de Barros - 82
3. Cleber Sacramento - 50

EAmador

1. Willian Palandi - 200
2. Augusto Benvenutti - 86
3. Roberto Theodoro - 54








Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet