X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Competição > Motocross Regional

Copa Paulista de Motocross - Final - Arandu - SP
Publicado em: 16/12/2016

Humberto "Machito" Martin garante o troféu de campeão na MX Open e na MX Pro
Redação MotoX.com.br - Texto e fotos: Luiz C. Garcia


Largada MX4, MX5 e MX6

A SMS Cross preparou no fim de semana uma grande festa na pequenina e acolhedora cidade de Arandu para a super final do seu principal campeonato: a Copa Paulista de Motocross. No dia da prova o calor for predominante, mesmo assim a pista se mostrou pesada devido as chuvas que caíram durante a semana na região.

+ Veja mais fotos na galeria de imagens da prova

O venezuelano Humberto "Machito" Martin foi o grande vencedor nas categorias MX Open e MX Pro. Em especial na classe Open, Machito conquistou uma temporada perfeita com 100% de aproveitamento. Na principal categoria para motos nacionais o destaque foi Gabriel Montagner.


Humberto Machito Martin

As vitórias de Machito foram marcadas por intensas lutas pela liderança. O primeiro triunfo ocorreu na bateria que juntou as categorias MX Pro e MX2. Gabriel Montagner largou na frente com o venezuelano logo atrás. E não demorou nada para ela partir com tudo para cima, mas o ponteiro soube se defender bem do início até metade da prova, quando Machito aproveitou uma brecha e assumiu a primeira posição. Ao tentar recuperar a posição, Montagner cometeu um erro que custou algum tempo. Aproveitando o deslize do rival, Machito abriu uma boa distância que lhe deu certa tranquilidade para a vitória. Fabio Brito terminou em terceiro após uma bela disputa pela posição. Giuliano Barboza foi o quarto e Juliano Bueno o quinto.

Com o resultado, Humberto Machito também sagrou-se campeão da MX Pro e Gabriel Montagner ficou com o vice campeonato. Na MX2 o título ficou com Montagner e o vice com Renato "Muguinho" Paz que não competiu nesta etapa.


Machito e Gabriel Montagner

A MX Open repetiu o enredo da MX Pro. Montagner mais uma vez largou na frente e depois de algum tempo foi superado por Machito. Fabio Brito repetiu o terceiro lugar e as mudanças so apareceram a partir da quarta colocação que ficou com Gabriel Sanciane. José "Pitio" Faustino fechou a disputa no quinto posto. O campeonato terminou da mesma forma que a corrida: Machito faturou o título e Montagner o vice.
 
Dois paranaenses protagonizaram uma bela disputa pela liderança da categoria MX3. Jeverson Camiloti começou em vantagem com Valdecir "Tim" Oliveira em segundo e Fábio Brito em terceiro. Preocupado em não perder contato, Brito pressionou e assumiu o segundo posto rapidamente dando início ao duelo entre os conterrâneos. Depois, partindo em busca do líder, Brito não demorou muito para se aproximar de Camiloti. 


Fabio Brito

Com um rendimento superior na pista, Brito ainda negociou melhor com os retardatários e assumiu a liderança quando o rival ficou preso atrás de outro piloto. A partir daí Camiloti não teve poder de reação para tentar reassumir o posto e a disputa foi definida. Vitória e título para Fabio Brito, segunda colocação e vice-campeonato para Jeverson Camiloti. Valdecir "Tim" Oliveira andou tranqüilo na terceira colocação. Após muito lutar, Luiz Moura terminou em quarto, aproveitando um vacilo de Juliano Bueno que ainda ficou fora do pódio superado por Flávio Michelin na briga pelo quinto lugar.


Jeverson Camiloti

Jeveson Camiloti voltou depois pra pista e venceu a prova que reuniu os pilotos das categorias MX4, MX5 e MX6. Bela apresentação também de Valdecir "Tim" Oliveira que vinha pressionando o líder até sofrer uma queda e voltar na última posição. Mesmo assim ele e se recuperou muito bem conquistando novamente o segundo lugar. Juliano Bueno terminou em terceiro com certa vantagem em relação ao quarto colocado Luiz Moura. Flávio Michelin fechou o pódio em quinto.

Camiloti ficou com o título da MX4. Tim Oliveira ficou com vice na mesma classe, porém garantiu o troféu da MX5 onde Luiz Moura foi o vice. Pela MX6, Luiz Moura levantou o caneco com Luciano Panhozzi em segundo.


Lucas da Silva

Representante da cidade de Araçatuba (SP), Lucas da Silva venceu as baterias da 65cc e 50cc. Pela 65cc, a segunda posição ficou com Lucas Santos. Diogo Mucha ficou em terceiro e César Santos em quarto. César ainda conquistou o segundo posto na 50cc no finalzinho da prova aproveitando a queda de Kaian Brito que ficou em terceiro. Com as vitórias, Lucas da Silva sagrou-se campeão de ambas categorias com Lucas Santos ficando com o vice-campeonato na 65cc e César Santos na 50cc.


Antony Cris

Após insistir bastante no começo da prova da categoria Júnior, Antony Cris assumiu o primeiro posto superando Felipe Araújo. Luiz Damazio e Lucas da Silva travaram uma interessante disputa pela terceira posição. No final Lucas assumiu o posto e Luiz Damazio foi perdendo rendimento até terminar a prova em sexto. Lucas Santos ficou com o quarto lugar e Diogo fechou o pódio. A vitória rendeu a Antony Cris o vice campeonato com dois pontos a menos que o cmapeão Felipe Araújo.

Tim Oliveira foi o vencedor da 2 Tempos, categoria que quando entra na pista sempre faz os fãs relembrarem o ronco que predominava nas pistas até o início dos anos 2000. Luiz Moura ficou em segundo e Eduardo Oliveira em terceiro. Pelo campeonato as posições se inverteram com Luiz Moura campeão e Tim Oliveira com o vice.


Tim Oliveira

As primeiras posições da MXN2 foram definidas ainda nas primeiras voltas. Antony Cris assumiu a dianteira e não deu chance para nenhuma investida dos adversários. Lucas Biscaro não foi incomodado na segunda posição, apesar de Giuliano Barboza tentar se aproximar. Sem sucesso, Giuliano teve que se contentar com o terceiro lugar. Uma briga interessante entre Odair de Paulo e Paulo McLaren na parte final da prova valeu o quarto lugar. Apesar de todo o esforço, McLaren não conseguiu superar Odair e terminou em quinto. A quarta colocação rendeu o vice campeonato a Odair de Paulo. Antony Cris conquistou o título de campeão.


Gabriel Montagner

Com domínio total, Gabriel Montagner venceu a categoria MXN1 de ponta a ponta. Após uma breve disputa, Gabriel Sanciane assumiu o segundo posto deixando Pitio Faustino em terceiro. Saindo do meio do pelotão, Paulo McLaren fechou a corrida em quarto e Lucas Biscaro em quinto. Pelo campeonato, Gabriel Sanciane terminou na frente de Gabriel Montagner e sagrou-se campeão.

Os dois ainda disputaram a categoria Intermediária, onde as posições foram as mesmas: Montagner levou a melhor e venceu com Sanciane novamente em segundo. Flávio Michelin terminou em terceiro, Luiz do Santos em quarto e Giovane Biaggio em quinto. Sanciane também foi campeão nesta classe com Montagner ficando com o vice outra vez.


As atividades da SMS Cross para o ano de 2016 ainda não acabaram e já no próximo fim de semana, dias 17 e 18, está programada uma rodada dupla de competição. No sábado a noite será realizada a 3ª etapa da Solucard Copa Verão de Motocross, na cidade de Cerqueira Cesar (SP), onde os organizadores estão uma grande festa no Recinto da FAICC em conjunto com o 1º Festival de Esportes Radicais da cidade. No domingo, completando a temporada, está programado o Desafio SMS Cross de equipes, uma prova nos moldes do Motocross das Nações. Para maiores informações sobre esses eventos acesse o site oficial da SMS Cross Eventos.


A Copa Paulista teve supervisão da FMESP (Federação de Motociclismo do Estado de São Paulo) e contou com patrocínio de: Valor Tecnologia de Ativos, Moura Motos, Ferraz Motos, 152 Motos, MRP Racing, Vanzela Motos, MX Point, Ctrês Moto Peças, Escape 969, Pastel Brasil, Marcinho Motos, Derriçamaq, Sem Limites Vistorias, MTM Brasil, Academia Speed Fitness, Intermotos, Dimen LED e Sector Gráficos.

Resultados

Pos MX Open Equipe
101 Humberto Martin "Machito" Play Station/Borili/Flay Racing/Circuit/Motul
303 Gabriel Montagner Rossi Veiculos/Stocovich/Rs Pro
13 Fabio Brito De Lucena  
595 Gabriel Sanciane Smscross/Cabo Enrolado/Academia Speed Fitness
105 Jose Divino Faustino Filho  
15 Luiz Moura Moura Motos
705 Antony Cris Dos Santos Pastel Brasil/Moura Motos
177 Flavio Michelin  
228 Giovane Biaggio  
10º 39 Luiz Fernando Dos Santos  
11º 93 Eduardo Oliveira  
Pos MX Pró / MX2 Equipe
101 Humberto Martin "Machito" Play Station/Borili/Flay Racing/Circuit/Motul
303 Gabriel Montagner Rossi Veiculos/Stocovich/Rs Pro
13 Fabio Brito De Lucena  
144 Giuliano Barboza  
32 Juliano Bueno  
69 Valdecir Francisco De Oliveira  
39 Luiz Fernando Dos Santos  
Pos MX3 Equipe
13 Fabio Brito De Lucena  
928 Jeverson Camiloti  
69 Valdecir Francisco De Oliveira  
15 Luiz Moura Moura Motos
177 Flavio Michelin  
32 Juliano Bueno  
39 Luiz Fernando Dos Santos  
90 Evalzinei Mantovai  
144 Giuliano Barboza  
Pos MX4 / MX5 / MX6 Equipe
928 Jeverson Camiloti  
69 Valdecir Francisco De Oliveira  
32 Juliano Bueno  
15 Luiz Moura Moura Motos
177 Flavio Michelin  
90 Evalzinei Mantovai  
Pos MX Intermediária Equipe
303 Gabriel Montagner Rossi Veiculos/Stocovich/Rs Pro
595 Gabriel Sanciane Smscross/Cabo Enrolado/Academia Speed Fitness
177 Flavio Michelin  
39 Luiz Fernando Dos Santos  
228 Giovane Biaggio  
31 Leandro Feitosa Pereira  
Pos Júnior Equipe
705 Antony Cris Dos Santos Pastel Brasil/Moura Motos
161 Felipe Araujo Dimenluz
17 Lucas Pereira Da Silva  
25 Lucas Santos Smscross
526 Diogo Cavalheiro Damazio Pastel Brasil/Moura Motos
988 Luiz Augusto Damazio Pastel Brasil/Moura Motos
Pos MXN1 Equipe
303 Gabriel Montagner Rossi Veiculos/Stocovich/Rs Pro
595 Gabriel Sanciane Smscross/Cabo Enrolado/Academia Speed Fitness
105 Jose Divino Faustino Filho  
111 Paulo Maclaren  
7 Lucas Biscaro  
273 Alex Alvarenga  
596 Odair De Paulo  
133 Frederico Da Silva  
988 Luiz Augusto Damazio  
10º 11 Wilson Guilherme De Oliveira  
11º 13 Fabio Brito De Lucena  
12º 31 Leandro Feitosa Pereira  
Pos MXN2 Equipe
705 Antony Cris Dos Santos Pastel Brasil/Moura Motos
7 Lucas Biscaro  
144 Giuliano Barboza  
596 Odair De Paulo Smscross/Cabo Enrolado/Academia Speed Fitness
111 Paulo Maclaren  
273 Alex Alvarenga  
11 Wilson Guilherme De Oliveira  
93 Eduardo Oliveira  
228 Giovane Biaggio  
10º 133 Frederico Da Silva  
Pos 65cc Equipe
17 Lucas Pereira Da Silva  
25 Lucas Santos Smscross/Moura Motos
986 Diogo Mucha Pastel Brasil/ Moura Motos
5 Cesar Santos Smscross/Moura Motos
13 Kaian Brito  
Pos 50cc Equipe
17 Lucas Pereira Da Silva  
5 Cesar Santos Smscross/Moura Motos
13 Kaian Brito  
Pos MX 2T Equipe
69 Valdecir Francisco De Oliveira  
15 Luiz Moura Moura Motos
93 Eduardo Oliveira  

Campeões e vice-campeões

Pos MX Open Pts
101 Humberto Machito 80
303 Gabriel Montagner 48
Pos MX Pro Pts
101 Humberto Machito 77
303 Gabriel Montagner 68
Pos MX2 Pts
303 Gabriel Montagner 45
50 Renato Costa Paz 40
Pos MX3 Pts
13 Fabio Brito De Lucena 74
928 Jeverson Camiloti 54
Pos MX4 Pts
928 Jeverson Camiloti 57
69 Valdecir de Oliveira 45
Pos MX5 Pts
69 Valdecir de Oliveira 77
15 Luiz Moura 44
Pos MX6 Pts
15 Luiz Moura 77
251 Luciano Panhozzi 40
Pos MX Intermediária Pts
595 Gabriel Sanciane 65
303 Gabriel Montagner 60
Pos Junior Pts
161 Felipe Araujo 65
705 Antony Cris dos Santos 63
Pos MXn1 Pts
595 Gabriel Sanciane 71
303 Gabriel Montagner 60
Pos MXn2 Pts
705 Antony Cris dos Santos 77
596 Odair de Paulo 47
Pos 65cc Pts
17 Lucas Pereira da Silva 80
25 Lucas Santos 65
Pos 50cc Pts
17 Lucas Pereira da Silva 63
5 Cesar Santos 53
Pos MX 2T Pts
15 Luiz Moura 56
69 Valdecir de Oliveira 51






© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet