fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Competição > AMA Motocross

2ª etapa - Glen Helen - CA
Publicado em: 29/05/2016

Dungey vence em dia que Roczen enfrenta problemas mecânicos
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Simon Cudby

Pilotos da equipe Star Racing Yamaha tomam conta da 250


Largada 450

Com as páginas das duas primeiras etapas viradas no AMA Motocross 2016, Ken Roczen mostrou, por enquanto, ser o mais bem preparado na classe 450 neste início de campeonato. Mesmo assim não faturou a geral em Glen Helen, vítima de um problema mecânico em sua Suzuki. Na classe 250 a Star Racing Yamaha colocou novamente seus quatro pilotos entre os cinco primeiros, com a diferença que, desta vez, levaram a vitória com Alex Martin estreando no topo do pódio.

O circuito de Glen Helen é daqueles que não podem faltar à temporada. Com o solo de intermediário para arenoso desafia os pilotos com seu traçado que serpenteia entre as encostas e presenteia o público com a subida e a descida mais assustadoras do calendário. Esse ano modificaram o finalzinho da volta, no trecho que desemboca na reta de largada com um encardida seção de encaixe. Todos ali, sem exceção, enfrentaram dificuldades em um momento ou outro.


Ryan Dungey

Tivemos também de volta o gigantesco triplo em subida. Este gerou preocupação em alguns pilotos. Ryan Dungey e Trey Canard não deixaram de verbalizar. "Não é que não podemos saltá-lo. Na verdade não é difícil emendar, mas fazer isso em grupo durante trinta minutos mais duas voltas, com os buracos que vão aparecendo na pista, a margem para erro é muito pequena. Gosto de saltos grandes, mas vamos ali a uns 110km/h e não há escapatória. Não gosto de reclamar, mas me sinto obrigado a falar. Não podemos ter coisas assim em nosso esporte", comentou o piloto da Honda que classificou o obstáculo de "ridículo".

450 - Triunfo de Ryan Dungey


Ken Roczen

Ryan Dungey nem sempre chega "quente" no início do campeonato. Nunca venceu a abertura em Hangtown e leva algum tempo para desabrochar todo seu potencial durante a temporada. Sabe que a conquista do campeonato é um processo longo. Porém, nessas duas primeiras etapas o recado de Ken Roczen foi claro. Ele vem determinado a conquistar o título e determinou o ritmo nas duas baterias em Glen Helen.

Na primeira corrida imprimiu um longa perseguição a Ryan Dungey. Em alguns momentos errava e perdia um pouco de contato, mas não tinha dificuldade em recuperar terreno. Lá pelos 20 minutos de corrida conseguiu a ultrapassagem e abriu do adversário, que se conformou com a segunda posição. Mas a três voltas do fim a suspensão dianteira de sua moto arriou, perdeu completamente a ação e o alemão foi obrigado, além de diminuir o ritmo, a evitar os maiores saltos. Dungey recuperou a liderança assim como Roczen perdeu posições também para Jason Anderson e Eli Tomac.


Eli Tomac

A causa da unusual falha mecânica foi um vazamento no tubo esquerdo do garfo KYB. A RCH Suzuki modificou a tampa do tubo para adaptar um sensor de aquisição de dados na suspensão. A falha na peça custou a vitória para a equipe.

Na segunda corrida Roczen assumiu o comando desde o início e cruzou a bandeira com quase 20 segundos de vantagem sobre Dungey, também segundo colocado desde o início. No intervalo após a primeira bateria Eli Tomac prometeu estudar melhores linhas e voltar mais rápido. E voltou! O problema é que fez uma largada horrível, fora dos 20 primeiros e quando alcançou a terceira posição - ao ultrapassar Trey Canard - já não tinha nenhuma chance de ameaçar Dungey.

Para definir o ritmo de Roczen nessa bateria, basta dizer que o quarto colocado ficou 52 segundos atrás. Todo o restante há mais de um minuto. Apenas 16 pilotos chegaram na mesma volta, isso numa pista com tempos de volta ao redor de dois minutos e meio...


Jason Anderson

Ambos os pilotos da Yoshimura Suzuki estiveram presentes em Glen Helen. James Stewart, como era de se esperar, rodou no treino, mas decidiu não correr. Blake Baggett alinhou na primeira bateria apesar da clavícula recém operada. Chegou apenas em 16º e decidiu não largar na segunda corrida.

Pelo campeonato Roczen manteve a liderança dois pontos a frente de Dungey.

250 - Primeira vitória de Alex Martin



Na classe 250 a Yamaha tomou conta do pódio com a dobradinha dos irmãos Martin na frente e Cooper Web no terceiro degrau. A primeira bateria viu Alex Martin liderar quase toda a prova para perder a ponta a pouco mais de duas voltas do fim para um determinado Webb. Mais atrás o novato Austin Forknerr, da Pro Circuit Kawasaki, ganhou destaque ao segurar a terceira posição frente ao atual campeão Jeremy Martin.

Na segunda corrida Jeremy disparou na frente enquanto Alex começou na quinta posição e teve trabalho, sobretudo com Jessy Nelson, para avançar até o segundo posto. Webb fez uma largada apenas mediana e teve dificuldades para alcançar o ritmo dos líderes. Ficou com a quarta posição, atrás de Nelson. Forkner voltou a mostrar boa velocidade e chegou a ocupar a segunda posição na corrida. Uma queda na oitava volta o tirou da briga pelo pódio, mas mesmo assim o garoto completou em quinto, para ficar com a quarta posição geral, furando a soberania total da Yamaha que, além dos três primeiros, emplacou Aaron Plessinger no quinto lugar.


Austin Forkner

Joey Savatgy, vencedor da abertura, perdeu todos os 15 pontos (e um pouquinho mais) da vantagem que conseguiu em Hangtown. Em um dia de dificuldades fechou o dia com a sétima posição geral (9º e 7º nas baterias) e caiu para a terceira posição atrás de Alex Martin, o novo líder, e Cooper Webb.

A baixa da etapa foi Christian Craig, da Geico Honda, que aterrissou no companheiro de equipe Jordon Smith e deixou o circuito com suspeita de fratura na fíbula. 

No próximo sábado teremos mudança de ares, o campeonato sobe as montanhas do Colorado para a terceira etapa no circuito de Thunder Valley, Lakewwod.

Para assistir aos vídeos das corridas completas acesse: www.motox.com.br/motoxtv/ama/ 

Resultados

P. # 450 Moto M1 M2 Pts
1 1 Ryan Dungey KTM 450 SX-F FE 1 2 47
2 94 Ken Roczen Suz RMZ 450 4 1 43
3 3 Eli Tomac Kaw KX 450F 3 3 40
4 21 Jason Anderson Hus FC450 2 5 38
5 41 Trey Canard Hon CRF450R 7 4 32
6 33 Joshua Grant Kaw KX 450F 6 6 30
7 14 Cole Seely Hon CRF450R 5 10 27
8 34 Phillip Nicoletti Yam YZ 450F 10 9 23
9 25 Marvin Musquin KTM 450 SX-F FE 9 11 22
10 20 Broc Tickle Suz RMZ 450 8 13 21
11 10 Justin Brayton KTM 450 SX-F FE 11 12 19
12 43 Fredrik Noren Hon CRF450R 12 14 16
13 377 Christophe Pourcel Hus FC450 29 7 14
14 51 Justin Barcia Yam YZ 450F 37 8 13
15 29 Andrew Short KTM 450 SX-F FE 14 15 13
16 167 Benny Bloss KTM 450 SX-F FE 13 16 13
17 19 Justin Bogle Hon CRF450R 15 36 6
18 718 Toshiki Tomita Hon CRF450R 20 17 5
19 4 Blake Baggett Suz RMZ 450 16 39 5
20 63 Jesse Wentland Hon CRF450R 17 30 4
21 159 Darryn Durham Yam YZ 450F 36 18 3
22 52 Ben LaMay Yam YZ 450F 18 31 3
23 292 Austin Howell Suz RMZ 450 22 19 2
24 96 Noah Mcconahy Hus FC450 19 34 2
25 121 Cody Cooper Hon CRF450R 23 20 1

P. # 250 Moto M1 M2 Pts
1 26 Alex Martin Yam YZ 250F 2 2 44
2 1 Jeremy Martin Yam YZ 250F 4 1 43
3 17 Cooper Webb Yam YZ 250F 1 4 43
4 214 Austin Forkner Kaw KX 250F 3 5 36
5 23 Aaron Plessinger Yam YZ 250F 5 6 31
6 13 Jessy Nelson KTM 250 SX-F FE 13 3 28
7 37 Joseph Savatgy Kaw KX 250F 9 7 26
8 16 Zachary Osborne Hus FC250 8 8 26
9 31 RJ Hampshire Hon CRF250R 6 11 25
10 49 Martin Davalos Hus FC250 14 9 19
11 44 Adam Cianciarulo Kaw KX 250F 11 14 17
12 66 Arnaud Tonus Kaw KX 250F 10 15 17
13 289 Mitchell Harrison Yam YZ 250F 18 10 14
14 30 Shane McElrath KTM 250 SX-F FE 12 16 14
15 403 Tristan Charboneau Hon CRF250R 7 30 14
16 69 Colt Nichols Yam YZ 250F 19 13 10
17 128 Alex Frye KTM 250 SX-F FE 15 17 10
18 42 Mitchell Oldenburg KTM 250 SX-F FE 37 12 9
19 45 Kyle Cunningham Yam YZ 250F 16 19 7
20 36 Justin Hill KTM 250 SX-F FE 17 36 4
21 46 Luke Renzland Yam YZ 250F 35 18 3
22 56 Jackson Richardson Hon CRF250R 21 20 1
23 188 Dillan Epstein Kaw KX 250F 20 21 1

Classificação Geral

P. # 450 Pts
1 94 Ken Roczen 93
2 1 Ryan Dungey 91
3 3 Eli Tomac 76
4 21 Jason Anderson 73
5 41 Trey Canard 62
6 33 Joshua Grant 56
7 14 Cole Seely 54
8 25 Marvin Musquin 48
9 34 Phillip Nicoletti 45
10 51 Justin Barcia 39
11 20 Broc Tickle 31
12 29 Andrew Short 28
13 4 Blake Baggett 27
14 10 Justin Brayton 26
15 19 Justin Bogle 25
16 377 Christophe Pourcel 24
17 43 Fredrik Noren 24
18 167 Benny Bloss 20
19 28 Weston Peick 8
20 121 Cody Cooper 8
21 96 Noah Mcconahy 7
22 718 Toshiki Tomita 5
23 63 Jesse Wentland 4
24 52 Ben LaMay 3
25 159 Darryn Durham 3
26 292 Austin Howell 2
27 76 Scott Champion 1
28 47 Thomas Hahn 1
P. # 250 Pts
1 26 Alex Martin 79
2 17 Cooper Webb 77
3 37 Joseph Savatgy 76
4 1 Jeremy Martin 75
5 23 Aaron Plessinger 63
6 214 Austin Forkner 58
7 13 Jessy Nelson 57
8 16 Zachary Osborne 45
9 31 RJ Hampshire 41
10 403 Tristan Charboneau 36
11 44 Adam Cianciarulo 36
12 42 Mitchell Oldenburg 30
13 39 Jordon Smith 27
14 69 Colt Nichols 26
15 128 Alex Frye 25
16 66 Arnaud Tonus 23
17 289 Mitchell Harrison 20
18 38 Christian Craig 19
19 49 Martin Davalos 19
20 30 Shane McElrath 17
21 36 Justin Hill 12
22 45 Kyle Cunningham 7
23 46 Luke Renzland 7
24 40 Kyle Peters 4
25 48 Anthony Rodriguez 3
26 188 Dillan Epstein 1
27 56 Jackson Richardson 1









Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet