fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

> Notícias > Últimas Notícias

Oficial: Stefan Everts comanda a Suzuki no Mundial de Motocross
Publicado em: 13/11/2015

Belga dez vezes campeão do mundo assume o comando das equipes Suzuki na MX2 e MXGP
Redação MotoX.com.br: Lucídio Arruda - Fotos: Divulgação Suzuki

Everts retorna à marca da conquista de seu primeiro titulo


Stefan Everts volta à marca onde conquistou seu primeiro título


O desenvolvimento das motos também fará parte de suas tarefas
Os nomes Everts e Suzuki voltam a se unir. Harry, o pai, conquistou três de seus quatro títulos pela marca e foi o responsável pela admissão do então jovem Stefan na equipe onde conquistaria o título da classe 125 em 1991, seu primeiro e único pela Suzuki. Seus outros campeonatos foram pela Kawasaki (1), Honda (2) e Yamaha (6). Agora, após uma passagem de sucesso como chefe de equipe na KTM, Stefan Everts volta a defender a marca que deu o impulso inicial em sua carreira.

Aos 42 anos Stefan assume o posto de "Team Principal", aquele que tem a última palavra, nas equipes oficiais Suzuki do Mundial de Motocross MXGP e MX2 após acordo com a Geboers Racing Promotion (GRP), dos irmãos Sylvain e Eric (5 vezes campeão do mundo).

Entre suas tarefas fica a direção do centro da equipe em Lommel, Bélgica, onde contará com a assistência do pai Harry. Ele supervisionará não apenas o andamento dos testes, mecânicos e seis pilotos como também contribuirá com o desenvolvimento dos modelos Suzuki RM-Z.


Stefan Everts e Sylvain Geboers

"É um grande desafio e uma grande responsabilidade... mas acredito que estou preparado. Possuo a vivência e o conhecimento. Deixei de competir há nove anos e graças a meu antigo emprego pude desenvolver minha experiência do outro lado da cerca. Me sinto preparado."

Everts ainda comentou: "Amo muito esse esporte e amo viajar para as corridas. Amo encontrar novos talentos. Quero alcançar o sucesso com esse time. Muitas coisas precisam mudar para avançarmos. Quero criar uma imagem forte para o time. Na área de mídia devemos trabalhar mais forte e expandir nosso perfil. A interação com os fãs é importante."

Sobre sua ligação com a Suzuki ainda adolescente Stefan falou: "Foi meu primeiro amor. Syllvain foi quem me colocou na Suzuki, foi onde tudo começou para mim. Foram anos ótimos e considero muito o que Sylvain e a Suzuki me deram."

Geboers, que entra em sua sétima década de vida, estará a postos para apoiar e aconselhar Everts enquanto a GRP entra em uma nova era. "O que temos agora é uma grande oportunidade para a GRP, Suzuki e Everts. Acho que ele trará uma enorme ajuda aos pilotos e sabe o que é preciso para se tornar campeão. Há alguns anos a Suzuki perdeu Roger (De Coster) e portanto muito de nossa força. Acredito que essa força está de volta com Stefan e toda a experiência que ele tem."

Vídeo:



A Suzuki encara o Mundial de Motocross 2016 com Kevin Strijbos e Ben Townley na MXGP. Na classe MX2 os pilotos são Jeremy Seewer e Brian Hsu. O time terá ainda Bas Vessen no Europeu 250.


A moto número 3 levou Everts ao primeiro título mundial em 1991 - Arquivo MotoX / Campos do Jordão (SP) 1991







Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet