fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Notícias > Últimas Notícias

Mundial MX: Aleksandr Tonkov confirmado na Yamaha em 2016
Publicado em: 01/10/2015

Piloto russo deixa a KTM para competir na Standing Construct Yamaha Yamahalube MX2
Redação MotoX.com.br: Lucídio Arruda - Fotos: Divulgação

Aleksandr Tonkov fará sua última temporada no Mundial de Motocross MX2 competindo com a Yamaha. O russo passa a ocupar a vaga do suíço Valentin Guillod que continua com a marca, mas sobe para a categoria MXGP por ter atingido a idade limite de 23 anos.


Aleksandr Tonkov

Depois de andar com Honda privada em 2013, Tonkov foi contratado como piloto oficial da Wilvo Nestaan Red Bull Husqvarna para a temporada 2014, onde venceu uma bateria em Maggiora (Itália) antes de machucar o ombro na etapa alemã e ficar fora das oito etapas finais do campeonato. A Yamaha não é novidade para Tonkov que no início da década competiu com motos da marca no Europeu MX2.

O ex-piloto Erik Eggens, gestor da equipe sediada na Holanda, comentou: "Com Valentin passando para a MXGP em 2016 estamos felizes por contar com um piloto forte como Tonkov na equipe. Ele conseguiu sua primeira vitória na temporada e mostrou que é um dos mais rápidos na categoria. Ao lado de Julien Lieber podemos assegurar que teremos uma presença marcante na MX2 e esperamos buscar grandes resultados".

Livia Lancelot continua com a Kawasaki


Livia Lancelot

Em outra nota, a Kawasaki confirmou a permanência de Livia Lancelot na marca por mais uma temporada. A francesa, campeã mundial em 2008, vai para sua oitava temporada pilotando a KXF250. Em 2015 Livia chegou à final do campeonato liderando a pontuação por pequena margem, mas deixou o título escapar - a favor da italiana Kiara Fontanesi - com um abandono na última bateria do campeonato na República Tcheca. No campeonato francês ela conquistou o quinto título ao vencer todas as etapas do ano.

Livia, com o apoio da Kawasaki, comanda a estrutura própria de sua equipe que terá mais um piloto nas categorias adultas e, possivelmente, outro jovem nas categorias juniores.

O próximo desafio de Livia? Competir no Supercross de Paris ao lado dos homens. "O último GP foi em julho, o próximo só em fevereiro, então temos um grande intervalo e eu decidi competir no supercross. Sei que é uma ideia meio maluca, mas posso afirmar que vou encarar com cautela. Vou me preparar para dar o melhor de mim na MX2, sem assumir muitos riscos já que meu principal objetivo é o Mundial de Motocross 2016". 








Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet