X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais


>Competição > Motocross Internacional

Latino Americano de Motocross MX2 - Cacoal - RO
Publicado em: 10/06/2010
Clique e saiba mais

Raimundo Trasolini leva o título para a Venezuela
Redação MotoX.com.br - Texto e fotos: Maurício Arruda 


Largada 1ª bateria


Scott Simon
Dividido em três eventos o Latino Americano de Motocross MX2 2010 chegou ao final com a disputa decisiva em Cacoal, RO, nos dias 5 e 6 de julho. O Estado de Rondônia já é a tradicional sede do evento de encerramento da competição internacional há alguns anos. Esta foi a oitava edição desta prova que exige enorme logística para atender todos os envolvidos com a competição.

Reinaldo Selhorst, presidente da Federação Rondoniense de Motociclismo, comanda uma grande equipe na organização do evento que neste ano reuniu pilotos de cinco países. Os brasileiros chegaram para a prova precisando reverter uma situação desfavorável na tabela da competição, já que não competiram no evento de abertura, realizado no Equador. Na segunda rodada da competição, promovida na semana anterior em Guará, DF, o Brasil recuperou terreno com uma dupla vitória de Leandro Silva, o atleta nacional que chegou melhor classificado ao evento rondoniense, com a quinta posição na tabela e 26 pontos de desvantagem. 


Jetro Salazar


Leandro Silva
O venezuelano Raimundo Trasolini assumiu a liderança do campeonato já no Brasil, mesmo sem um grande desempenho na segunda rodada do campeonato, onde foi o quinto colocado. Jetro Salazar, piloto equatoriano que corre representando o Peru, também não foi brilhante na prova, mas com a vice-liderança do campeonato chegou à Rondônia como maior ameaça ao líder. Para os brasileiros restava tentar a vitória e torcer por um tropeço dos estrangeiros.

Os treinos de sábado foram animadores para o Brasil, com Wellington Garcia conquistando a melhor marca seguido por Jean Ramos, Scott Simon (atleta norteamericano da equipe Pro Tork que correu representando o Brasil) e Leandro Silva. Raimundo Trasolini surgiu apenas na quinta posição enquanto Jetro Salazar ficou com a sétima marca, atrás de Thales Vilardi.

Outro brasileiro que atravessa grande fase, Swian Zanoni foi uma das ausências da corrida. O piloto da Honda foi poupado para recuperar-se de uma lesão no tornozelo. Outro grande desfalque da competição deste ano foi o campeão de 2009, Roberto Castro, da Costa Rica. O atleta, que atualmente compete no Brasil, não participou de nenhuma das etapas do campeonato. 


Largada 2ª bateria


Veja também: Galeria de Imagens da Prova com 475 Fotos!
No domingo, a medida que a pista arenosa de Cacoal esburacava, a situação ficava mais exigente para os pilotos. A primeira das duas baterias do evento começou com a liderança de Wellington Garcia com Jetro Salazar na segunda posição. Precisando da vitória Leandro Silva pressionou e ganhou posições, passando por Jetro e por Wellington para tornar-se líder da bateria na quinta volta.

Tudo parecia ir bem para o paranaense enquanto Wellington perdia outras posições. Mas, no final da prova, Leandro também perdeu ritmo e deu a explicação após a chegada, quando cruzou em terceiro lugar: "Tinha tudo pra vencer, mas tive problemas com o freio traseiro", afirmou, visivelmente irritado com o problema mecânico. 


Raimundo Trasolini


Wellington Garcia
Nas voltas finais a disputa esquentou com Jetro passando ao primeiro lugar, mas sofrendo forte pressão de Scott Simon. Surpresa da bateria, Scott saiu da quinta posição no início para brigar com Jetro pela vitória nas duas últimas voltas. No giro final o público vibrou com a batalha dos dois e Jetro garantiu uma vitória apertada que lhe rendeu pontos importantíssimos. Raimundo Trasolini completou a corrida na quarta posição, logo atrás de Leandro Silva. Jean Ramos e Thales Vilardi finalizaram na quinta e sexta colocações. O resultado diminuiu consideravelmente a vantagem de Trasolini sobre Jetro. Os oito pontos de diferença despencaram para apenas um, aumentando a expectativa pela segunda bateria. Quem levasse a melhor na baterial final garantiria o título continental.

Na segunda prova a impressão que ficou é de que os brasileiros sentiram mais o desgaste com o calor e a pista recheada de valetas, buracos e ondulações. Até a metade da corrida o domínio foi nacional, primeiro com Wellington Garcia, novamente comquistando o holeshot e a liderança das primeiras voltas, depois com Leandro Silva, repetindo o desenrolar da primeira prova. Só que o ritmo dos "gringos" aumentou nos momentos cruciais enquanto os brasileiros cediam as primeiras posições demonstrando desgaste. 


Miguel Cordovez


Felipe Espinosa
A liderança passou pras mãos de Jetro Salazar, que dependia apenas de si mesmo para reverter a situação no campeonato. Sabendo que a vitória valia o título, Raimundo Trasolini deu tudo pra entrar na disputa com o piloto do Peru. O que seguiu foi uma disputa nervosa com a decisão ficando para as últimas voltas.

Assim que recebeu a placa sinalizando duas voltas Jetro foi surpreendido por Trasolini, que fez a ultrapassagem na freada seguinte. Ele parecia não acreditar na manobra do venezuelano que partiu para os dois últimos giros em vantagem. A tentativa de recuperação de Jetro foi frustada e Trasolini, de apenas 18 anos, comemorou a vitória na bateria e o título latino americano de motocross MX2. Scott Simon completou a bateria em terceiro, pouco a frente de Wellington Garcia. Leandro Silva ainda obteve o terceiro lugar no campeonato, completando a bateria em quinto.

Antes da confimação oficial do título, o novo campeão ainda passou pela expectativa de ser julgado - pois acabou saltando um obstáculo sob bandeira amarela - por uma comissão formada pela direção de prova e integrantes da União Latino Americana de Motociclismo (ULM). Absolvido no incidente, Trasolini finalmente foi confirmado campeão oficialmente na cerimônia de premiação. 


Pódio do campeonato

Prova extra regional


Anderson Chupel
Além da prova internacional a competição em Cacoal contou com uma bateria promocional da classe 230 regional, para motocicletas nacionais. Anderson Chupel confirmou o favoritismo assumindo a liderança ainda no início da corrida vencendo com tranquilidade. O local Victor Souza, mais conhecido como Vitim, foi o único a andar próximo do ritmo do vencedor, mas perdeu contato ao longo da prova completando a bateria cerca de 10 segundos atrás do primeiro colocado. Completaram o pódio João Chagas, Diego Ferrari e Jacson Bernadino.

Projeto de Neutralização de Carbono

Com a presença da delegada da Comissão Internacional de Meio Ambiente da FIM (Federação Internacional de Motociclismo), Kattia Hernandez, foi realizado durante o evento o plantio de dezenas de mudas de árvores na Pista do Bosque. A preocupação ambiental tem sido uma constante nos eventos de motociclismo em Rondônia, uma posição precursora dos dirigentes do esporte no Estado, que foi bastante elogiada pela delegada da FIM.

"O Brasil já foi premiado por duas vezes pela FIM, e a posição da Federação de Motociclismo de Rondônia, com o projeto de neutralização de carbono, é exemplar", destacou Kattia Hernandes. No intervalo das baterias diversas autoridades locais participaram da cerimônia de plantio das primeiras mudas do programa, que visa compensar a emissão dos gases emitidos durante as provas. O projeto é uma parceria da Federação de Motociclismo (FMR) com a Federação Internacional de Motociclismo (FIM), União Latino Americana de Motociclismo (ULM), Governo de Rondônia - através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (SEDAM) - e Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Cacoal.


Kattia Hernandes, delegada da FIM, elogiou o trabalho de neutralização de carbono desenvolvido durante a prova em Rondônia
A 3ª e última etapa do Campeonato Latino Americano de Motocross contou com a organização da Federação de Motociclismo de Rondônia - FMR, com supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo - CBM e da União Latino Americana de Motociclismo - ULM, com apoio do senador Acir Gurgacz, senador Valdir Raupp, deputada federal Marinha Raupp, deputados federais Natan Donadon e Eduardo Valverde, deputado estadual Valdivino Tucura, Governo de Rondônia, Honda do Brasil, Ministério do Esporte, Ministério do Turismo, Prefeitura de Cacoal, Câmara de Vereadores, Eucatur, Castilho Estruturas, Lind’água, Cairu Transportes, Mega Bom Sorvetes e Menzelub Lubrificantes.

Resultados

P No. Bateria1 Laps Total Tm Diff Avg. Speed Best Tm In Lap Fed
1 60 SALAZAR,Jetro 20 34:36.808 55,470 1:43.266 10 FPEM
2 181 BRADLEY,Scott 20 34:38.370 1.562 55,428 1:43.065 12 CBM
3 14 NUNES, Leandro 20 34:41.368 4.560 55,348 1:43.026 11 CBM
4 41 TRASOLINI, Raimundo 20 34:41.629 4.821 55,341 1:42.969 5 FMV
5 21 GARCIA, Wellington 20 35:03.166 26.358 54,775 1:43.705 3 CBM
6 18 RAMOS, Jean 20 35:12.328 35.520 54,537 1:43.957 5 CBM
7 912 THALES, Vilardi 20 35:18.590 41.782 54,376 1:45.376 4 CBM
8 9 CORDOVEZ, Miguel 20 35:38.727 1:01.919 53,864 1:44.854 11 FEM
9 12 ESPINOSA,Felipe 20 36:01.767 1:24.959 53,290 1:46.148 6 FEM
10 5 BENANAULA, Andres 20 36:21.014 1:44.206 52,819 1:46.745 4 FEM
11 577 AMARAL,Hugo 19 34:51.086 1 Lap 52,336 1:48.297 4 CBM
12 981 ZAMBONI, Cezar 19 35:03.794 1 Lap 52,020 1:48.284 8 CBM
13 614 ROMERO, Justiano 19 35:06.632 1 Lap 51,950 1:48.178 6 FEM
14 34 COUTO, Marco 19 35:18.290 1 Lap 51,664 1:49.954 3 CBM
15 23 CORDOVEZ, Juan 19 35:40.102 1 Lap 51,138 1:49.535 3 FEM
16 40 FELTZ, Victor 19 35:50.042 1 Lap 50,901 1:51.665 3 CBM
17 711 CHUPEL, Anderson 19 36:17.924 1 Lap 50,250 1:51.845 10 CBM
18 61 ARAUJO, Julian 19 36:32.752 1 Lap 49,910 1:52.306 6 FPEM
19 497 BLANCO, Victor 18 35:24.247 2 Laps 48,808 1:55.434 13 FMM
20 959 MARINHO, Elias 18 36:27.820 2 Laps 47,390 1:57.927 2 CBM
21 191 HENNING, Diego 17 34:49.794 3 Laps 46,856 1:58.411 4 CBM
22 35 BRITO, Flavio 17 35:53.924 3 Laps 45,461 2:01.649 5 CBM
23 27 BUCIOLI, Evandro 13 26:13.542 7 Laps 47,587 1:59.088 4 CBM

P No. Bateria 2  Laps Total Tm Diff Avg. Speed Best Tm In Lap Fed
1 41 TRASOLINI, Raimundo 20 35:06.376 54,691 1:44.647 4 FMV
2 60 SALAZAR,Jetro 20 35:09.687 3.311 54,605 1:44.750 6 FPEM
3 181 BRADLEY,Scott 20 35:19.770 13.394 54,346 1:45.227 5 CBM
4 21 GARCIA, Wellington 20 35:21.308 14.932 54,306 1:45.007 3 CBM
5 14 NUNES, Leandro 20 36:05.226 58.850 53,205 1:44.705 6 CBM
6 912 THALES, Vilardi 20 36:22.319 1:15.943 52,788 1:46.463 3 CBM
7 614 ROMERO, Justiano 20 36:30.397 1:24.021 52,593 1:47.326 3 FEM
8 12 ESPINOSA,Felipe 20 36:59.377 1:53.001 51,906 1:46.165 8 FEM
9 5 BENANAULA, Andres 19 35:19.887 1 Lap 51,625 1:47.365 7 FEM
10 40 FELTZ, Victor 19 35:31.591 1 Lap 51,342 1:49.607 3 CBM
11 34 COUTO, Marco 19 35:34.175 1 Lap 51,280 1:50.296 4 CBM
12 9 CORDOVEZ, Miguel 19 36:04.069 1 Lap 50,571 1:46.245 3 FEM
13 61 ARAUJO, Julian 19 36:46.245 1 Lap 49,605 1:51.904 6 FPEM
14 23 CORDOVEZ, Juan 18 35:15.387 2 Laps 49,012 1:50.959 2 FEM
15 497 BLANCO, Victor 18 36:19.536 2 Laps 47,570 1:54.925 9 FMM
16 959 MARINHO, Elias 18 36:52.865 2 Laps 46,853 2:00.524 4 CBM
17 711 CHUPEL, Anderson 17 35:28.377 3 Laps 46,007 1:52.914 4 CBM
18 35 BRITO, Flavio 17 36:15.117 3 Laps 45,018 2:01.203 4 CBM
19 191 HENNING, Diego 16 35:41.143 4 Laps 43,042 2:03.007 8 CBM
20 18 RAMOS, Jean 12 21:10.307 8 Laps 54,412 1:45.493 5 CBM
21 577 AMARAL,Hugo 6 12:33.830 14 Laps 45,846 1:51.111 2 CBM

P No. Classificação Final NAC/NAT FMN MOTOCICLETA TOTAL
1 41 TRASOLINI, Raimundo VEN FMV YAMAHA 119
2 60 SALAZAR, Jetro PER FPEM KTM 115
3 14 NUNES, Leandro BRA CBM HONDA 86
4 12 ESPINOSA, Felipe ECU FEM YAMAHA 80
5 9 CORDOVEZ, Miguel ECU FEM KAWASAKI 74
6 21 GARCIA, Wellington BRA CBM HONDA 74
7 181 BRADLEY, Scott BRA CBM KAWASAKI 71
8 614 ROMERO, Justiniano ECU FEM HONDA 70
9 5 BENANAULA, Andres ECU FEM YAMAHA 69
10 912 THALES, Vilardi BRA CBM KTM 57
11 18 RAMOS, Jean BRA CBM HONDA 50
12 7 ZANONI, Swian BRA CBM HONDA 40
13 113 CORDOVEZ, Juan ECU FEM KAWASAKI 29
14 61 ARAUJO, Julian PER FPEM YAMAHA 27
15 25 RAMIRES, Lukas COL CFM YAMAHA 25
16 15 ESPARIS, Oscar VEN FMV HONDA 24
17 210 NOGUERAS, Franklin REP DOM FDM SUZUKI 24
18 54 WHYNTHER, Heinz BRA CBM SUZUKI 20
19 153 MANTILLA, Bernardo ECU FEM KTM 20
20 281 BLANCO, Victor MEX FMM HONDA 19
21 8 CEVALLOS, Andres ECU FEM KAWASAKI 17
22 34 COUTO, Marco BRA CBM HONDA 17
23 212 PRIORI, Pedro ECU FEM HONDA 16
24 40 FELTZ, Victor BRA CBM KAWASAKI 16
25 427 MEJIAS, Raynear REP DOM FDM HONDA 15
26 93 CARDOSO, Caio BRA CBM HONDA 15
27 85 MARTIN, Jose MEX FMM KAWASAKI 14
28 101 FEICHTENBERGER, Kurt BRA CBM HONDA 14
29 18 SOTOMAYOR, Andres ECU FEM HONDA 13
30 7 CECCHI, Dinno PERU FPEM HONDA 12
31 29 DIAZ, Juan COL CFM YAMAHA 10
32 577 AMARAL, Hugo BRA CBM HONDA 10
33 981 ZAMBONI, Cesar BRA CBM HONDA 9
34 711 CHUPEL, Anderson BRA CBM KAWASAKI 8
35 497 BLANCO, Giovanni MEX FMM YAMAHA 7
36 84 SALAZAR, lan PER FPEM KTM 6
37 959 MARINHO, Elias BRA CBM HONDA 6
38 17 GARCIA, Donovan MEX FMM KAWASAKI 4
39 72 COELHO, Claudner BRA CBM HONDA 4
40 516 ANGELINI, Vinicius BRA CBM KTM 3
41 35 BRITO, Flavio BRA CBM HONDA 3
42 102 ANGELINI, Ricardo BRA CBM HONDA 2
43 191 HENNING, Diego BRA CBM HONDA 2






© 2000 - 2020 MotoX MX1 Internet