X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais


>Competição > Motocross Internacional

Latino-Americano de Motocross - 1ª etapa - Indaiatuba - SP
Publicado em: 18/07/2008
Clique e saiba mais

Leandro Silva domina primeira etapa
Texto: Lucídio Arruda - Fotos: Maurício Arruda


Leandro Silva


Assista aos vídeos da prova
O piloto brasileiro Leandro Silva foi o grande nome da primeira etapa do Latino-Americano de Motocross disputada em Indaiatuba, SP, no famoso CETH da Honda.

Veja também: Resultados dos treinos cronometrados
da 2ª etapa do Latino-Americano de Motocross


No resultado geral o domínio foi do Brasil que ocupou os dez primeiros lugares. O melhor estrangeiro foi Andres Benenaula, do Equador, na décima segunda posição. O atual campeão Humberto "Machito" Martin ficou em décimo quarto lugar na geral, após abandonar a primeira bateria com problemas mecânicos e marcar a sétima posição na segunda bateria.

A pista do CETH manteve o mesmo traçado da abertura do Brasileiro de Motocross realizada em março girando no sentido anti-horário. Alguns saltos receberam modificações para ficarem mais "radicais". A mudança mais evidente foi na mesa da arquibancada que teve seu comprimento esticado, porém a rampa de lançamento estava bem suave deixando o obstáculo bem difícil de emendar. Até mesmo Leandro Silva, visivelmente o mais rápido na pista, precisava de uma certa dose de malabarismo para encaixar a mesa.


Rodrigo Selhorst

Um dos problemas do Latino-Americano ainda é a infra-estrutura da região que complica a vida dos pilotos que desejam viajar com as próprias motos. O próprio atual campeão Humberto Martin chegou sem moto à Indaiatuba e só conseguiu o equipamento (emprestado) em cima da hora dos treinos cronometrados. Seu pai nos contou que nenhuma das três companhias aéreas que voam da Venezuela para cá se dispôs a trazer sua moto. Das motos "estrangeiras" que vieram cinco ficaram detidas na alfândega graças a conhecida burocracia brasileira obrigando os pilotos e a organização a correr atrás de equipamentos emprestados ou alugados.

Corridas


Jean Ramos


Lucas Moraes
Quando caiu o gate da primeira bateria Leandro Silva disparou na ponta e não olhou mais para trás. O paranaense nunca escondeu sua preferência pelas motos 250F e de volta à categoria MX2 deixou evidente toda sua intimidade com o modelo da categoria.

Jean Ramos assumiu a segunda posição seguido de perto por Lucas Moraes e Rafael Zenni. Dois favoritos não começaram a prova muito bem: Rodrigo Selhorst, que havia marcado a melhor volta no cronometrado, e Swian Zanoni largaram mal e lutam nas primeiras voltas para recuperar posições.

Com a vantagem do líder de cerca de 20 segundos a disputa mais interessante foi pelo segundo lugar.  

Selhorst chegou a ultrapassar Lucas, mas tomou o troco logo em seguida. Lucas pressionou também Jean Ramos e o piloto da Honda foi obrigado a defender a posição até a bandeirada.

Final: Leandro, Jean, Lucas, Selhorst, Zenni, Roosevelt Assunção, Swian Zanoni, Anderson Cidade, Thales Vilardi e Douglas Parise.

Andres Benenaula foi o melhor estrangeiro na 15ª posição. Humberto Martin saiu ainda no começo da bateria com a vela de sua moto quebrada.

Segunda bateria


Largada 2ª bateria


Swian Zanoni
Na segunda largada Leandro Silva pulou na ponta novamente e quando passou na mesa da arquibancada a galera já sabia quem seria o campeão da etapa. Novamente a disputa mais interessante foi pelo segundo lugar.

Jean Ramos, Rodrigo Selhorst e Lucas Moraes foram mais uma vez os protagonistas dessa briga. O rondoniense chegou a ultrapassar Ramos pelo segundo lugar, mas foi Lucas Moraes quem pilotou mais forte no final assumindo a posição a quatro voltas da bandeirada. Ramos ficou com a terceira posição e Selhorst com a quarta. Swian Zanoni foi o quinto completando o pódio da segunda bateria.

A sexta posição ficou com Rafael Zenni a frente de "Machito" Martin. Dudu Lima, Marco Túlio e Douglas Parise completaram os dez primeiros.

Tivemos ainda provas de apresentação da categoria 85, vencida por Cezar Zamboni, e CRF 230, vencida por Nivaldo Viana.


Humberto Martin
Veja também: - Galeria de Imagens da Prova com 521 Fotos!
- Galeria de Imagens dos Bastidores com 294 Fotos!

O Latino-Americano prossegue neste final de semana em Ouro Preto do Oeste com a segunda e decisiva etapa do campeonato 2008.

Resultados

Pos Piloto País Marca Pontos totais R1. R2.
1 Silva, Leandro BRA HONDA 50 25 25
2 Moraes, Lucas BRA YAMAHA 42 20 22
3 Ramos, Jean BRA HONDA 42 22 20
4 Selhorst, Rodrigo BRA KTM 36 18 18
5 Zenni, Rafael BRA KTM 31 16 15
6 Zanoni, Swian BRA KTM 30 14 16
7 Lima, Eduardo BRA HONDA 23 10 13
8 Parise, Douglas BRA KAWASAKI 22 11 11
9 Villardi, Thalles BRA HONDA 20 12 8
10 Souza, Marco BRA HONDA 19 7 12
11 Cidade, Anderson BRA KAWASAKI 19 13 6
12 Benenaula, Andres ECU YAMAHA 16 6 10
13 Assunção, Roosevelt BRA KAWASAKI 15 15 0
14 Martin, Humberto VEN KAWASAKI 14 0 14
15 Assunção, Hector BRA HONDA 14 5 9
16 Crispim, Heinz BRA HONDA 9 4 5
17 Takahashi, Gustavo BRA HONDA 9 9 0
18 Faria, Rafael BRA KAWASAKI 8 8 0
19 Chia, Ian PER KAWASAKI 7 0 7
20 Espinosa, Felipe ECU YAMAHA 4 0 4
21 Passos, Higor BRA HONDA 3 0 3
22 Mocellin, Alexandre PAR KAWASAKI 3 2 1
23 Usuga, Simon COL KAWASAKI 3 3 0
24 Caballero, Osvaldo PAR YAMAHA 2 0 2
25 Cabrera, Harold VEN KAWASAKI 1 1 --
26 Arieti, Cesar PAR YAMAHA 0 0 0
27 Bulos, Alejandro PER YAMAHA 0 0 0
28 Piolli, Thiago BRA YAMAHA 0 0 0


Cezar Zamboni

Pos No. 85cc Laps Diff Best Tm
1 7 Cezar Zamboni 11 - 2:07.615
2 53 Leonardo Lizott 11 14.117 2:08.985
3 6 Gabriel Zenni 11 26.536 2:08.071
4 112 Endrews Armstrong Nhemes 11 39.084 2:10.114
5 48 Tauan Henrique Brenner 11 46.092 2:11.694
6 94 Eduardo Leopoldo Rudnick 11 46.780 2:09.193
7 151 Bruno Gomes Dos Santos 11 1:25.439 2:15.134
8 715 Matheus Luis Prado 11 2:03.596 2:13.773
9 816 Talvan Victor Almeida Teixeira 11 2:22.699 2:18.387
10 536 Gustavo Pessoa De Souza 10 1 Lap 2:18.970
11 99 Elio Molero Felix 10 13.273 2:21.625
12 800 Italo Almeida Bonkowski 10 1:22.874 2:26.625


Nivaldo Viana

Pos No. CRF230 Laps Diff Best Tm
1 53 Nivaldo Jose Viana 11 - 2:14.012
2 177 Danilo Milton Fumes 11 16.829 2:12.100
3 54 Eduardo Panerai De Lavi 11 37.559 2:15.623
4 94 Marcelo Henrique De Souza 11 48.696 2:17.370
5 315 Paulo Giovani De Oliveira 11 54.727 2:16.511
6 800 Tiago Morais Da Silva 11 1:25.097 2:18.628
7 49 Luis Marcos Rosa 11 2:28.470 2:24.018
8 197 Juliano Meira 11 2:29.534 2:21.392
9 159 Leandro Magnusson 10 1 Lap 2:27.242
10 90 Leandro Lopez 10 44.630 2:32.105
11 14 Roger William Delabio 10 1:28.012 2:35.569
12 72 Marcio Orlando Merigue 9 2 Laps 2:43.828






© 2000 - 2020 MotoX MX1 Internet