X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais


>Notícias > Últimas Notícias

Tim Gajser, vice-líder da MXGP, fala sobre retorno do Mundial de Motocross 2020
Publicado em: 04/08/2020
Clique e saiba mais

A volta do Mundial de Motocross para os pilotos do Team HRC: expectativas e preparação para GP da Letônia
Redação MotoX.com.br - Carolina Arruda - Fotos: Bavo Swijgers


Tim Gajser e Mitch Evans retornam ao Mundial de Motocross neste final de semana

As equipes de fábrica da GasGas, Kawasaki, Yamaha e KTM compareceram às provas pré-temporada do Internacional da Holanda em Arheim e Axel nos últimos finais de semana, enquanto isso a Honda manteve em segredo como está o desempenho de Tim Gajser, após cinco meses afastado das competições do Mundial de Motocross 2020. 


Tim Gajser
Tim Gajser e Mitch Evans retornam neste domingo (09) para a sequência de GPs que acontecerá na Letônia. Serão três etapas seguidas, nos dias 09, 12 e 16, na pista de areia de Kegums. Os eventos terão formato "one-day", ou seja, desde as classificatórias até as provas principais acontecerão em um único dia. O que foge do costume dos pilotos que agora enfrentarão várias baterias num mesmo dia.

"O calendário é, provavelmente, o melhor dentro das possibilidades. Acho bom cumprir múltiplas etapas em uma mesma pista, para evitar muita locomoção, já que há diferentes restrições nos países, com regras e quarentenas diferentes. Então foi uma boa ideia", avaliou Gajser. "Penso que será interessante o formato "one-day", será o mesmo processo para todos, teremos que nos adaptar e garantir que tudo esteja justo e rápido", completou. 

Antes da pausa por conta do coronavírus, Gajser e Evans vinham com bons resultados na temporada: duas vitórias e dois pódios nas primeiras etapas do ano. Segundo colocado na classificação geral da MXGP - a nove pontos do líder Herlings, Gajser reconhece que consistência é uma das chaves para conquistar o bicampeonato da categoria. 

"Nos últimos cinco meses, estive apenas treinando muito, tentando manter a forma e, quem sabe, melhorar. Com certeza, não foi fácil. Agora estou pronto para começar a temporada novamente. Chego à Letônia bem cedo para garantir que tu esteja pronto e a moto esteja tão boa quanto no início deste ano, quando venci algumas baterias", declarou Gajser.


Mitch Evans

O companheiro de equipe Mitch Evans passou parte do isolamento social na França, onde participou de uma prova pré-temporada. "Estive no sul da França, é uma região bem bonita. Especialmente, no último final de semana, pude fazer uma corrida. Foi bom estar no gate antes de participar do GP da Letônia. Não larguei muito bem na primeira bateria, mas na segunda me melhor. Este é o porquê corri no último final de semana, para tentar ficar confortável com as disputas novamente e tirar o pó! Agora estou ansioso para o retorno do MXGP esse final de semana, faz bastante tempo que estamos afastados e com certeza todo estarão animados para a volta", comentou Evans. 














© 2000 - 2020 MotoX MX1 Internet