X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Notícias > Últimas Notícias

Brasília Capital Moto Week: 300 mil motos são esperadas na 16ª edição do evento
Publicado em: 19/07/2019

Com mais de 50 shows, festival espera receber 700 mil pessoas de todo o mundo durante os 10 dias do evento. Motociclistas de Portugal, Uruguai e Venezuela já confirmaram presença
Redação MotoX.com.br - Fotos: Artur Dias e PC Cavera


16ª edição do Brasília Capital Moto Week agita a Granja do Torto

A Capital Federal recebe o maior evento que mescla motociclismo e música na América Latina, o Brasília Capital Moto Week. O evento que começou nesta quinta-feira (18) e segue até o dia 27 de julho tem a expectativa de reunir mais de 700 mil pessoas de diversas partes do mundo, além de 300 mil motos, deverão passar pela Granja do Torto e conferir as inúmeras atrações preparadas para a 16ª edição. De acordo com a organização, um novo palco e a criação de novos espaços dentro do festival estão entre as principais novidades de 2019. Com mais de 50 shows na programação, nomes como Biquini Cavadão, Jota Quest, CPM 22 e o novo projeto Tamo Aí na Atividade: Celebração a Charlie Brown Jr, que reúne os integrantes originais da banda, estão confirmados para este ano. Uma novidade no show do Tamo Aí na Atividade são as participações especiais, Di Ferreo, Gabriel O Pensador e o vocalistas do Mike Muir, do Suicidal Tendencies.
 
De acordo com Pedro Affonso Franco, um dos organizadores do evento, a programação musical do Capital Moto Week está memorável. "Faz tempo que queremos unir no palco cantores, bandas e estilos diferentes para realizarem apresentações únicas e que só poderão ser vistas aqui. Este ano vamos surpreender e, em breve, anunciaremos as duas grandes participações que subirão com a galera do Charlie Brown", antecipa Pedro. Além dos shows principais, os 4 palcos espalhados nos 250 mil m² do evento receberão bandas como o Lupa, US Blacks, Premiere, REPUBLICA, Allycats, Red Mustang, Time Out, O Bardo e o Banjo, além de mais outros diversos nomes oriundos do Distrito Federal.
 
"Em Brasília sempre se fez muito rock, além dos artistas já conhecidos nacionalmente, sempre trazemos bons nomes e revelações da nossa cidade para incentivar a cena do rock que temos aqui.", conta Pedro. Uma novidade já anunciada para esta edição é a ampliação do espaço Saloon, que agora se transforma numa grande área cenográfica, com muito blues, folk, rockabilly e, claro, sempre o bom e velho rock and roll. "O espaço agora faz com que o público tenha uma experiencia imersiva no contexto que envolve o Saloon", explica.
 
Para Marco Portinho, também organizador do evento, a 16ª edição do Capital Moto Week promete ser inesquecível em todos os sentidos. "Além das atrações musicais, preparamos os espaços para recebermos os motociclistas que fazem da Granja do Torto suas casas durantes os dez dias de evento. Ampliamos as áreas de lazer, criamos novas e diversificamos ainda mais nossas duas praças de alimentação que, junto com os quiosques espalhados pelo evento, reúnem mais de 40 opções. Por ser um evento que não dorme, nos preocupamos em receber todos da melhor maneira possível", explica.
 
Um evento para todos
 
Com as presenças confirmadas de motociclistas de várias partes do mundo, como Venezuela, Portugal, Uruguai, Argentina e Chile, esta edição promete também acabar de vez com o estigma de que motociclismo é para o público masculino. "Ano passado mostramos o quanto as mulheres estão brilhando nesse universo. Temos hoje muito mais motociclistas e motoclubes compostos por mulheres do que antes, há alguns com 200 integrantes, por exemplo. E isso comprovamos também com os nossos números, há 4 anos tínhamos um público majoritariamente masculino - 75% - ano passado quase igualou - 54% homens e 46% mulheres. Esse estigma já acabou", conta Juliana Jacinto, organizadora do evento. Além do famoso Lady Bikers, espaço voltado para o empreendedorismo feminino, na programação desta edição haverá o dia "Mulheres no Rock", onde elas são as atrações principais. "Vamos reunir e trazer desde artesãs indígenas até maquiadoras, é uma área para a mulher, mas onde todos são bem-vindos. Já no palco, teremos as bandas Red Mustang, Banda Nasty, TNSHE, entre outras mulheres liderando a cena musical do dia", explica Juliana.
 
Uma outro anúncio deste ano é a ampliação do espaço Moto Kids, que terá muitas atividades, brincadeiras e diversão para a garotada. Já a novidade do espaço fica por conta do Parque de Diversões Moto Week. Instalado nos gramados do festival, a área contará com roda gigante, autopista, barca, kamikaze entre outros brinquedos. "É uma opção para quem deseja se divertir, por exemplo, no intervalo entre um show e outro. O parque tem capacidade para receber todos, adultos e crianças", sugere Juliana.
 
E quem acha que o Capital Moto Week é só música está muito enganado. Nos dias 22 e 23 de julho, segunda e terça-feira respectivamente, haverá o Cinema ao Ar Livre, a partir das 20h. Com entrada e pipoca gratuita, dois filmes serão exibidos em um grande telão para todo o público presente. "A programação cultural deste ano está bem intensa e investimos muito nos projetos sociais, como o Jovem de Expressão, coordenados pela Rede Urbana de Ações Socioculturais (Ruas) de Ceilândia - que realizarão ações interativas com teatro, música e circo durante todo o evento", conta Juliana. Outro novo projeto incluído na programação é o Pets off Roads, que tem como objetivo divulgar os trabalhos realizados pelos protetores dos animais, conscientizar a população, além de proporcionar novos lares aos bichinhos resgatados.
 
Rumo ao Lixo Zero
 
Pelo terceiro ano consecutivo, o Brasília Capital Moto Week fechou parceria da ONG Neutralize Carbono, empresa pioneira na neutralização de emissões com créditos de carbono. A ideia é que nesta edição seja conquistado o selo de Lixo Zero. Ano passado o número atingiu 78,16% de destinação correta dos resíduos. Para este ano, com campanhas de conscientização e ações sustentáveis dentro do evento, a expectativa é que a gente ultrapasse os 90%.
 
Outra ação que acontecerá no evento é a meia-entrada para quem levar lixo eletrônico. "Ano passado recebemos meia tonelada de lixo eletrônico e conseguimos doar computadores recondicionados para incentivar as inclusões digitais em Escolas Públicas", conta Juliana Jacinto. E não é só lixo eletrônico que paga meia-entrada, quem levar 1 kg de alimentos não perecíveis também.
 

Milhares de motociclistas são aguardados nos 10 dias de festival na Capital Federal

Maior passeio motociclístico a céu aberto do mundo
 
Com 42 mil motos nas ruas de Brasília na última edição, o tradicional passeio motociclístico deste ano já tem data marcada, 27 de julho, dia do motociclista. Saindo da Granja do Torto e passando por diversos pontos turísticos da cidade, o evento espera bater o recorde. "O passeio acontecerá no último dia do festival e queremos superar o número de motos este ano nas ruas de Brasília", afirma Portinho.
 
Crescimento
 
Considerado o maior evento do calendário oficial de Brasília, o Festival acontece em um espaço equivalentes a 25 Maracanãs e teve um crescimento de público nos últimos oito anos de 284%. Em 2018, injetou cerca de R$ 55 milhões para a economia da cidade. De acordo com pesquisa da Secretaria de Turismo do Distrito Federal, a maioria dos turistas que chegam para o Brasília Capital Moto Week é da Região Sudeste e Sul do país e a permanência é de mais de 5 dias. Já entre os turistas internacionais, os principais países são Argentina, Colômbia e Paraguai.
 
Serviço:
Data: 18 a 27 de julho
Local: Granja do Torto - Brasília - DF
 
Ingressos
Motociclistas sem garupa e pilotando não pagam;
Deficientes não pagam;
Moto com garupas não pagam até às 18h (segunda a quinta) e até às 15h (sexta a domingo);
Meia-entrada para quem levar lixo eletrônico ou 1kg de alimento não perecível.







© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet