X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

Edgers Racing

RX Graphics

KTM Sacramento

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Loja Ibox28

Nacar Yamaha

JPS Racing

Coach Motocross

Clique e saiba mais

> Notícias > Últimas Notícias

Mundial de Motocross: Romain Febvre fora da etapa de Assen
Publicado em: 12/09/2018

Piloto francês ainda sente dores relacionadas à queda na Turquia
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Yamaha

A equipe oficial Monster Energy Yamaha comunicou que Romain Febvre não compete neste fim de semana em Assen, Holanda, penúltima etapa do Mundial de Motocross 2018.


Romain Febvre

O piloto francês sofreu uma forte queda durante os treinos cronometrados do MXGP da Turquia, que resultaram numa concussão e na fratura de uma costela. Desde então Febvre permaneceu em repouso em sua casa na Bélgica.

+ Mundial de Motocross: Clima turco esfria e esquenta o campeonato. Jorge Prado e Pauls Jonass em luta franca na MX2

Ao tentar pilotar no início desta semana, Febvre não suportou as fortes dores e decidiu não participar do GP em Assen. A situação acende uma luz de alerta também na seleção francesa do Motocross da Nações já que, com o piloto fora de seu ritmo normal de treinos, a preparação para o evento em Red Bud, nos dias 6 e 7 de outubro, será comprometida.

Courtney Duncan fora do restante da temporada

Em uma nota separada foi confirmado também o afastamento da piloto neozelandesa Courtney Duncan das etapas finais do Mundial de Motocross Feminino. A líder do campeonato não poderá competir em virtude de complicações com  fraturas no pé sofridas em junho, quando competia junto aos homens no Campeonato Francês.


Courtney Duncan

Após nove semanas de tratamento, a lesão voltou a se agravar quando a atleta reiniciou seu programa de treinamentos. Duncan foi aconselhada por seu médicos a evitar qualquer tipo de esforço ou pressão no pé durante os próximos três meses.

Após vencer cinco de oito baterias disputadas no Mundial Feminino, Duncan tem 21 pontos de vantagem sobre Kiara Fontanesi e Nancy Van de Ven.



Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet