X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

Pro Tech

JPS Racing

MotoX Pneus

JP Motos

Clique e saiba mais

> Competição > AMA Motocross

2018 Muddy Creek - TN - 5ª etapa
Publicado em: 27/06/2018

Eli Tomac mantém sequência de vitórias mesmo sem uma etapa perfeita
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Octopi / Simon Cudby


Largada 450

O Lucas Oil AMA Motocross realizou sua quinta etapa no estado do Tennessee. Foi a quinta visita ao circuito Muddy Creek Raceway, localizado na cidade de Blountville. As corridas foram movimentadas em ambas as categorias com provas de recuperação dos favoritos na 450. Na classe 250 o segundo líder da pontuação deixa a disputa pelo campeonato.

Entretanto uma coisa não mudou: Eli Tomac continua invicto em vitórias gerais na classe 450, apesar marcar seu pior resultado individual na segunda bateria, um ainda excelente terceiro lugar.

Corridas


Eli Tomac

Foi bom ver Ken Roczen na liderança, mesmo que apenas por algumas voltas. O alemão vai recuperando sua velocidade, embora o preparo para manter o ritmo forte por todos os 35 minutos ainda não esteja lá. Na primeira largada Roczen roubou o holeshot de Tomac praticamente em cima da linha. O alemão chegou a abrir 1,5 segundo na primeira volta, mas na segunda já estava sob pressão do líder do campeonato. Enquanto isso Marvin Musquin caia durante a primeira volta e recomeçava a corrida em último.

Durante as primeiras voltas Justin Barcia se aproximou da dupla da frente, mas não entrou diretamente na briga. Na sexta volta Tomac assumiu a liderança e, aparentemente, Roczen entregou os pontos permitindo a ultrapassagem de Barcia logo em seguida. Entretanto o piloto da Honda conseguiu manter a terceira posição impedindo os ataques de Blake Baggett.


Marvin Musquin

Na segunda metade da bateria não aconteceu muita coisa, a não ser Tomac administrando a vantagem ao redor dos 10 segundos e Musquin alucinado na sua missão de salvar o máximo de pontos. O francês ultrapassou nada menos que 35 adversários no processo, 20 deles ainda na primeira volta.

Segunda bateria


Justin Barcia e Marvin Musquin

Novo holeshot de Roczen na segunda bateria, com Barcia na sua cola, que assumiria a ponta ainda na primeira volta. Musquin superou o alemão logo em seguida e tivemos duas voltas de batalha antes do francês assumir definitivamente a liderança da bateria.

Tomac largou muito mal e foi avançando com cautela pelo pelotão até assumir o terceiro lugar - ultrapassando Roczen - na 11ª de 18 voltas. Com a vitória geral da etapa na mão, administrou a posição sem colocar em risco sua consistência no campeonato.

"Eu forcei para ver se conseguia pegar o Barcia, mas ele estava rápido o bastante para que eu não precisasse pensar duas vezes. Sabíamos que tínhamos o geral, então não havia necessidade de arriscar", disse Tomac. "Foi bom ter outra vitória e manter o o embalo. Sabia que Musquin, Barcia e Roczen fizeram boas largadas e estavam na frente, então meu objetivo foi fazer as ultrapassagens necessárias para a vitória."


Justin Barcia

Justin Barcia, com o segundo lugar geral, marcou seu melhor resultado da temporada: "Com certeza. Estou muito feliz ”, disse ele. "Foi um bom dia. Fico mais confortável com a moto a cada final de semana. Estamos muito perto (da vitória). Além disso, minha pilotagem também está melhorando. Temos que juntar todas as peças. Hoje foi definitivamente mais um passo na direção certa. Eu me diverti muito. Essa segunda bateria foi difícil. A pista ficou difícil, muito difícil ”.


Ken Roczen

Marvin Musquin: "Foi bastante frustrante cair na primeira volta da primeira bateria. Eu me sinto muito bem, treinando muito, trabalhando muito duro com a equipe e está valendo a pena. Lutei bastante pela segunda bateria, sabia que tudo que eu precisava era começar bem e não cair, então foi isso que eu fiz e consegui controlar a corrida até o final. Não é tão ruim para o campeonato, mesmo se perdermos alguns pontos, ainda é um pódio e continuamos trabalhando duro.”

Com os resultados da etapa Tomac abriu mais quatro pontos em relação a Musquin, ampliando a vantagem na classificação geral para 32 pontos. Em relação ao terceiro colocado Barcia, a vantagem de Tomac já é de 58 pontos.


Pódio 450 com Justin Barcia, Eli Tomac e Marvin Musquin

250 - Shane Mcelrath conquista primeira vitória na carreira


Largada da primeira bateria 250

Na classe 250 o sábado foi bem mais dramático. O principal fato do dia foi a forte queda que tirou Jeremy Martin das próximas etapas, possivelmente do restante do campeonato. Jeremy venceu a primeira bateria e recuperou bastante da distância que o separava da liderança na pontuação. Na segunda bateria largou mal e se chocou com Justin Cooper na aterrissagem de um salto. O piloto da Geico Honda foi lançado para fora da pista onde se chocou violentamente contra o chão.

Os diagnósticos iniciais foram um pouco preocupantes, já que apontavam uma fratura na vértebra L1. Jeremy passou por cirurgia, mas já praticamente saiu andando logo em seguida ao procedimento. O prazo estipulado para recuperação é de dois meses.


Shane Mcelrath

Aaron Plessinger chegou como líder em Muddy Creek, mas não teve uma das sua melhores etapas. Caiu na primeira bateria logo após o holeshot e completou a corrida apenas em nono. Com a quinta posição na segunda bateria seu sábado foi o suficiente apenas para a sétima posição geral. Entretanto voltou para casa com uma vantagem, na prática, ainda maior: com 29 pontos sobre Alex Martin, irmão de Jeremy e terceiro na tabela.

A etapa de Alex Martin poderia ter sido bem melhor, não fossem as duas quedas que sofreu, uma em cada bateria. Na primeira corrida completou a volta inicial na frente e depois de ser ultrapassado pelo irmão Jeremy, manteve a segunda posição até sofrer uma queda na base de um dos saltos. Retornou lá atrás e concluiu em 12º. Na segunda bateria defendia a liderança dos ataques de Dylan Ferrandis quando caiu de novo a duas voltas do fim. Retornou em segundo, mas ainda foi ultrapassado pelo companheiro de equipe Shane McElrath.


Dylan Ferrandis

Shane não venceu nenhuma das baterias e nesta temporada ainda não havia chegado nenhuma vez entre os três primeiros em nenhuma bateria. Em Muddy Creek o 3-2 lhe deu a vitória da etapa, a primeira de sua carreira profissional: "Não sei o que dizer, essa foi minha melhor pilotagem de todos os tempos. Foi bom começar com um pódio esta manhã e continuar. Temos trabalhado tanto para conseguir o melhor acerto da motocicleta e é uma loucura a diferença que faz quando tudo funciona bem."

Dylan Ferrandis comemorou a segunda posição geral da etapa. Foi apenas sua segunda corrida desde que fraturou o braço em fevereiro n Supercross. O terceiro lugar no pódio ficou com Chase Sexton, via 8-4. Isso mostra como foram conturbados e inconsistentes os resultados gerais dos pilotos na etapa, Sexton subiu ao pódio com apenas 31 pontos, enquanto na 450 Musquin precisou de 41.


Pódio 250 com Chase Sexton, Shane Mcelrath e Dylan Ferrandis

No próximo sábado a disputa segue no histórico e arenoso circuito de Southwick, Massachussets.

Vídeos
 








Resultados

P. # 450 Moto Qual Larg1 Larg2 M1 M2 Pts
1 1 Eli Tomac Kaw KX 450F 1 2 14 1 3 45
2 51 Justin Barcia Yam YZ 450F 3 4 1 2 2 44
3 25 Marvin Musquin KTM 450 SX-F FE 2 20 3 5 1 41
4 94 Ken Roczen Hon CRF450R 6 1 (HS) 2 (HS) 3 4 38
5 4 Blake Baggett KTM 450 SX-F FE 4 7 8 4 5 34
6 34 Weston Peick Suz RMZ 450 10 3 5 6 6 30
7 46 Justin Hill Suz RMZ 450 5 15 7 8 7 27
8 54 Phillip Nicoletti Hus FC450 7 5 6 7 9 26
9 60 Benny Bloss KTM 450 SX-F FE 8 13 4 9 8 25
10 39 Kyle Cunningham Suz RMZ 450 11 30 15 11 10 21
11 156 Jacob Hayes Kaw KX 450F 25 28 9 16 12 14
12 86 Dylan Merriam Yam YZ 450F 27 23 11 12 17 13
13 48 Henry Miller Yam YZ 450F 15 8 35 10 19 13
14 73 Brandon Scharer Yam YZ 450F 9 21 31 15 15 12
15 121 Cody Cooper Hon CRF450R 19 16 10 20 11 11
16 91 Alex Ray Yam YZ 450F 12 12 16 18 13 11
17 907 Ben Lamay Hon CRF450R 13 9 13 13 20 9
18 330 Cade Autenrieth KTM 450 SX-F FE 28 19 23 21 14 7
19 146 Jake Masterpool Yam YZ 450F 24 11 12 19 16 7
20 61 Heath Harrison Hon CRF450R 21 10 26 14 32 7
21 49 Nick Gaines Yam YZ 450F 33 26 37 17 38 4
22 388 Brandan Leith Kaw KX 450F 18 25 20 37 18 3

P. # 250 Moto Qual Larg1 Larg2 M1 M2 Pts
1 28 Shane McElrath KTM 250 SX-F FE 2 5 9 3 2 42
2 24 Dylan Ferrandis Yam YZ 250F 6 14 2 11 1 35
3 40 Chase Sexton Hon CRF250R 5 10 7 8 4 31
4 26 Alex Martin KTM 250 SX-F FE 7 1 1 (HS) 12 3 29
5 45 Jordon Smith KTM 250 SX-F FE 8 6 3 7 6 29
6 17 Joseph Savatgy Kaw KX 250F 4 8 13 6 7 29
7 23 Aaron Plessinger Yam YZ 250F 9 11 (HS) 4 9 5 28
8 35 Austin Forkner Kaw KX 250F 10 7 10 5 9 28
9 6 Jeremy Martin Hon CRF250R 3 2   1 40 25
10 62 Justin Cooper Yam YZ 250F 1 4 39 2 28 22
11 66 Cameron Mcadoo Hon CRF250R 20 13 8 13 8 21
12 36 RJ Hampshire Hon CRF250R 11 3 11 4 19 20
13 64 Michael Mosiman Hus FC250 13 17 12 14 10 18
14 30 Mitchell Harrison Hus FC250 17 22 15 15 11 16
15 47 James DeCotis Suz RMZ 250 23 23 14 17 12 13
16 133 Jordan Bailey Hus FC250 19 18 19 16 14 12
17 31 Colt Nichols Yam YZ 250F 12 9 20 10 20 12
18 114 Brandon Hartranft Yam YZ 250F 15 12 6 20 13 9
19 43 Sean Cantrell KTM 250 SX-F FE 16 15 5 18 16 8
20 63 Hayden Mellross Yam YZ 250F 24 26 17 22 15 6
21 169 Challen Tennant Yam YZ 250F 18 16 33 19 17 6
22 700 James Weeks Yam YZ 250F 22 19 29 27 18 3

Classificação Geral
P. # 450 Pts
1 1 Eli Tomac 242
2 25 Marvin Musquin 210
3 51 Justin Barcia 184
4 94 Ken Roczen 169
5 4 Blake Baggett 164
6 34 Weston Peick 148
7 60 Benny Bloss 126
8 54 Phillip Nicoletti 118
9 121 Cody Cooper 80
10 21 Jason Anderson 73
11 39 Kyle Cunningham 62
12 86 Dylan Merriam 62
13 46 Justin Hill 60
14 73 Brandon Scharer 58
15 91 Alex Ray 47
16 907 Ben Lamay 43
17 330 Cade Autenrieth 42
18 11 Kyle Chisholm 39
19 146 Jake Masterpool 39
20 53 Bradley Taft 33
21 718 Toshiki Tomita 32
22 44 Lorenzo Locurcio 27
23 32 Christian Craig 26
24 48 Henry Miller 25
25 388 Brandan Leith 24
26 207 Dare DeMartile 18
27 49 Nick Gaines 15
28 156 Jacob Hayes 14
29 61 Heath Harrison 7
30 577 Felix Lopez 6
31 321 Bradley Lionnet 5
32 191 Derek Anderson 3
33 876 Christopher Alldredge 3
34 637 Robert Piazza 3
35 81 Chase Marquier 2
36 181 Dustin Pipes 1
P. # 250 Pts
1 23 Aaron Plessinger 199
2 6 Jeremy Martin 176
3 26 Alex Martin 170
4 62 Justin Cooper 158
5 35 Austin Forkner 143
6 28 Shane McElrath 133
7 45 Jordon Smith 133
8 36 RJ Hampshire 120
9 40 Chase Sexton 118
10 17 Joseph Savatgy 112
11 1 Zachary Osborne 105
12 64 Michael Mosiman 76
13 182 Garrett Marchbanks 72
14 24 Dylan Ferrandis 68
15 43 Sean Cantrell 61
16 114 Brandon Hartranft 56
17 133 Jordan Bailey 45
18 46 Justin Hill 41
19 816 Enzo Lopes 33
20 30 Mitchell Harrison 30
21 66 Cameron Mcadoo 29
22 137 Martin Castelo 23
23 169 Challen Tennant 16
24 38 Luke Renzland 14
25 47 James DeCotis 13
26 42 Dakota Alix 13
27 31 Colt Nichols 12
28 222 Ramyller Alves 10
29 130 Austin Root 7
30 63 Hayden Mellross 6
31 791 Gustavo De Souza 5
32 700 James Weeks 3
33 214 Vann Martin 3
34 77 Ryan Surratt 3
35 910 Carson Brown 2
36 346 Kevin Moranz 1
37 188 Gage Schehr 1







Curso MotoX
JPS Racing

© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet