X Fechar
foto

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

Edgers Racing

KTM Sacramento

Toro Sports

SP Race Park

JPS Racing

MotoX Pneus

Clique e saiba mais

> Notícias > Últimas Notícias

Rafael Paschoalin é segundo colocado no Pikes Peak 2017
Publicado em: 28/06/2017

Em sua segunda participação, piloto Yamaha sobe ao pódio no segundo lugar
Redação MotoX.com.br - Fotos: Larry Chen


Rafael Paschoalin no Pikes Peak 2017

O piloto da Yamaha Rafael Paschoalin conquistou o segundo lugar em sua categoria no IPPHC - International Pikes Peak Hill Climb, uma das competições mais difíceis e emblemáticas do cenário motociclístico mundial, que neste ano completou 101 edições.

O que torna o IPPHC tão peculiar, é seu grau de dificuldade. Trata-se da subida de estrada sinuosa em Colorado Springs (EUA), com nada menos que 156 curvas em um percurso total de 20 km. Sua largada acontece a cerca de 2300 m de altitude e a chegada a mais de 4.300 m, colocando pilotos e máquinas a prova em função do ar rarefeito.


Rafael Paschoalin

A bordo de uma Yamaha MT-07, Rafael Paschoalin competiu na categoria Middleweight. Nela é permitido utilizar motores de dois ou quatro tempos que não excedam quatro cilindros e que tenham cilindrada entre 501 e 750 cm3 .

Embora seja sua segunda participação – ele foi o primeiro sul-americano a participar no Pikes Peak! –, para Paschoalin de certa forma é como se fosse a primeira, já que em 2016 ele não completou a prova em função de problemas no pneu.

Para participar dessa incomum competição, não basta apenas pagar a inscrição e correr. É preciso passar por uma criteriosa seleção que leva principalmente em conta a experiência do competidor. Paschoalin já disputou as provas mais desafiadoras do planeta, como o TT Isle de Man – onde entrou para a história do motociclismo nacional e mundial como primeiro piloto brasileiro na prova – e o GP disputado nas ruas de Macau, na China.


Rafael Paschoalin

Na participação deste ano, Rafael Paschoalin conseguiu o tempo de 10:42.793, que por sinal é 4 segundos inferior ao conquistado vencedor da categoria Middleweight no ano passado. Apesar dos esforços do brasileiro, o alto grau de intimidade do americano Codie Vahsholtz com o traçado, foram determinantes para que ele cravasse 10:34.967 no relógio e conquistasse a vitória.

Codie não só mora “no pé” de Pikes Peak, como vem de uma das famílias mais vencedoras da competição. Seu avô já foi competidor, seu pai é o piloto que mais venceu a corrida – disputando categorias destinadas a carros, este ano venceu pela 23ª vez! –, sem dizer que ele próprio já havia vencido outras duas edições Pikes Peak.


Rafael Paschoalin

Segundo Rafael, “Codie foi merecedor, fez uma corrida impecável e se mostrou experiente e bastante estrategista, “escondendo” seu potencial nos treinos e tomadas de tempo que ocorreram antes da corrida”. Para o brasileiro, o que faltou de sua parte foi um pouco mais de experiência e conhecer melhor o trajeto, já que da parte de sua máquina, tudo correu bem. Segundo palavras dele próprio, “a Yamaha MT-07 foi simplesmente perfeita”.

Resultados Pikes Peak 2017 Motos

P. Middleweight Tempo Speed Section1 Section2 Section3 Section4 Nat Chassis
1 Codie Vahsholtz 10:34.967 68.035 1:54.734 2:32.552 3:01.945 3:05.736 USA 2016 Hus Supermoto
2 Rafael Paschoalin 10:42.793 67.207 1:55.423 2:36.306 3:03.910 3:07.154 BRA 2016 Yam FZ 07
3 Joe Clark (R) 10:48.270 66.639 1:56.921 2:35.489 3:04.351 3:11.509 USA 2016 KTM 690 Duke
4 Seth Starnes (R) 11:40.783 61.645 2:10.415 2:47.135 3:18.674 3:24.559 USA 2016 Yam FZ 07
P. Heavyweight Tempo Speed Section1 Section2 Section3 Section4 Nat Chassis
1 Chris Fillmore (R) 9:49.625 73.267 1:49.282 2:22.835 2:46.194 2:51.314 USA 2017 KTM Super Duke 1290 R
2 Rennie Scaysbrook 9:57.712 72.276 1:48.090 2:24.383 2:50.705 2:54.534 AUS 2017 KTM 1290 Super Duke R
3 Bruno Langlois 10:12.317 70.552 1:50.714 2:29.311 2:54.089 2:58.203 Corsica 2017 Kaw Z900
4 Shane Scott 10:28.658 68.718 1:56.043 2:33.144 2:57.784 3:01.687 CAN 2015 KTM Superduke 1290R
5 Thilo Gunther (R) 10:49.177 66.546 2:00.582 2:37.400 3:02.384 3:08.811 GER 2015 BMW R 1200 R
6 Yasuo Arai 11:23.334 63.219 2:05.766 2:47.443 3:12.362 3:17.763 JPN 1980 Kaw Z1000 MK-II
7 Kevin Heil 11:37.727 61.915 2:06.553 2:49.399 3:17.895 3:23.880 USA 2016 Aprilia Tuono
8 Eric Foutch 11:46.288 61.165 2:12.104 2:54.748 3:16.638 3:22.798 USA 2016 Ducati Hypermotard 939SP
P. Lightweight Tempo Speed Section1 Section2 Section3 Section4 Nat Chassis
1 Davey Durelle 10:35.354 67.994 1:55.076 2:32.599 3:02.390 3:05.289 USA 2009 Aprilia SXV450
2 Greg Chicoine 11:10.144 64.464 2:01.018 2:41.449 3:11.234 3:16.443 USA 2015 Kaw KX490SPPR
3 Darryl Lujan 11:27.249 62.859 2:01.514 2:46.674 3:18.490 3:20.571 USA 2013 Hon CRF450R
4 Brandon Ward (R) 11:31.667 62.458 2:06.969 2:48.576 3:13.452 3:22.670 USA 2017 Hon CRF450R
5 Luca Trivella (R) 11:31.985 62.429 2:01.224 2:45.779 3:19.780 3:25.202 ITA 2007 Aprilia SXV
6 Jason Doody 11:33.710 62.274 2:06.897 2:45.662 3:17.254 3:23.897 USA 2016 Hus FS450
7 Mark Bartle 12:35.539 57.178 2:18.833 3:01.596 3:34.429 3:40.681 USA 2011 Yam YZ450F
8 Doug Chestnutt 12:49.178 56.164 2:16.664 3:06.559 3:42.429 3:43.526 USA 2012 Yam WR450








© 2000 - 2018 MotoX MX1 Internet