fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

Clique e saiba mais

> Notícias > Últimas Notícias

Jeffrey Herlings vence prova de 450. Kevin Strijbos fatura título nacional
Publicado em: 20/09/2016

Pilotos foram destaques da final do Campeonato Belga de Motocross
Redação MotoX.com.br - Fotos: Christophe Desmet e Loic Lassence


Kevin Strijbos é campeão belga MX1 na temporada 2016

Com o fim do Mundial de Motocross e a conquista de mais um título na MX2, Jeffrey Herlings já se dedica as competições com uma moto 450. Neste domingo (18), o holandês venceu com sua KTM a categoria MX1 na final do Campeonato Belga de Motocross, realizada em Kester. O título da temporada ficou com Kevin Strijbos, da Suzuki, o vice-campeonato com o veterano bicampeão mundial Steve Ramon e o terceiro lugar com o jovem Brent Van Doninck, que acaba de ser anunciado como substituto de Clement Desalle na equipe belga do Motocross das Nações 2016.

Jeremy Van Horebeek foi mais um piloto da MXGP que marcou presença na prova, mas fazendo o caminho inverso de Herlings: o belga da Yamaha deixou de lado a sua 450 para acelerar a 250 com a qual vai disputar o Motocross das Nações, fato que não o impediu de garantir um lugar no pódio do evento.

As estrelas do Mundial disputaram três baterias no circuito da decisão. Com o traçado demarcado no gramado, muitos saltos simples e obstáculos aproveitando as elevações e declives naturais do terreno, a pista de raízes clássicas e com o estilo tradicional do esporte, era bem diferente do que é visto na maioria das provas internacionais da atualidade (confira nos vídeos abaixo).

Na corrida de abertura Strijbos brilhou, vencendo com pouco mais de um segundo de vantagem sobre Herlings. Mais de 20 segundos atrás do líder, Ramon garantiu a terceira posição seguido por Van Horebeek e Dennis Verbruggen. Van Doninck, que chegou ao evento em primeiro na classificação, foi apenas o sexto colocado e viu sua vantagem desaparecer com Strijbos assumindo a liderança do campeonato.

Na segunda prova a disputa pela vitória ficou entre Herlings e Van Horebeek. E a definição também foi apertada com Herlings recebendo a bandeirada na frente com pouco mais de um segundo de vantagem. Strijbos, isolado em terceiro, consolidou a liderança e a vantagem para a bateria decisiva. Ramon, com a quarta posição, se manteve na briga pelo título.


A festa do título em Kester

A última bateria começou parecida com a anterior, com Herlings liderando e Van Horebeek logo atrás, enquanto Strijbos assumia a terceira posição, mas sem conseguir o mesmo ritmo dos dois primeiros. Van Horebeek seguiu o holandês até cometer um pequeno erro no meio da prova, voltando pra disputa ainda em segundo, mas longe do líder e com Strijbos próximo. Na ponta, Herlings não teve dificuldades para vecer novamente e garantir a degrau mais alto do pódio na soma das baterias, via 2-1-1, com Strijbos em segundo (1-3-3) e Van Horebeek em terceiro (4-2-2).

Para confirmar o título, Strijbos apenas precisou se preocupar em controlar a diferença para Ramon, que completou a bateria decisiva em quarto. Com problemas mecânicos, Van Doninck acabou fora da briga e foi superado por Ramon na classificação concluindo o campeonato em terceiro. "Foi um bom fim de semana para mim. Não esperava ganhar o título. Não estávamos pensando nisso antes deste fim de semana, nunca foi o objetivo, porque eu perdi a primeira rodada. No fim tudo acabou muito bem", avaliou Strijbos.

Vídeos





Resultados

MX1 - primeira bateria

1. Kevin STRIJBOS 24:27.389
2. Jeffrey HERLINGS + 01.355
3. Steve RAMON + 21.092
4. Jeremy VAN HOREBEEK + 33.944
5. Dennis VERBRUGGEN + 01:02.565
6. Brent VAN DONINCK + 01:06.756
7. Andy TRUYTS + 01:07.989
8. Jens GETTEMAN + 01:09.958
9. Bryan BOULARD + 01:19.123
10. Kevin WOUTS + 01:20.369
11. Jaimy DELEERSNIJDER + 01:29.075
12. Robin BAKENS + 01:29.304
13. Kim Oiva JARVA + 01:32.016
14. Jordan HEBETTE + 01:37.205
15. Nick TRIEST + 01:50.851

MX1 - segunda bateria
1. Jeffrey HERLINGS 23:56.124
2. Jeremy VAN HOREBEEK + 01.684
3. Kevin STRIJBOS + 22.467
4. Steve RAMON + 58.209
5. Andy TRUYTS + 01:03.772
6. Jens GETTEMAN + 01:09.804
7. Brent VAN DONINCK + 01:14.526
8. Robin BAKENS + 01:24.472
9. Kevin WOUTS + 01:29.651
10. Dennis VERBRUGGEN + 01:40.241
11. Bryan BOULARD + 01:43.509
12. Stefan HAGE + 01:46.909
13. Kristof SALAETS + 01:48.452
14. Josiah NATZKE + 02:03.478
15. Mark BOOT + 02:05.767

MX1 - terceira bateria
1. Jeffrey HERLINGS 23:44.252
2. Jeremy VAN HOREBEEK + 42.642
3. Kevin STRIJBOS + 43.649
4. Steve RAMON + 01:01.515
5. Kevin WOUTS + 01:03.374
6. Jens GETTEMAN + 01:09.271
7. Dennis VERBRUGGEN + 01:27.152
8. Andy TRUYTS + 01:40.797
9. Robin BAKENS + 01:44.321
10. Jaimy DELEERSNIJDER + 01:49.134
11. Stefan HAGE + 01:55.142
12. Nick TRIEST + 01:57.312
13. Kristof SALAETS + 01:59.291
14. Roy SILLIEN + 02:05.101
15. Jeffrey DEWULF + 02:14.686

MX1 - etapa (soma das baterias)
1. Jeffrey HERLINGS 22 + 25 + 25
2. Kevin STRIJBOS 25 + 20 + 20
3. Jeremy VAN HOREBEEK 18 + 22 + 22
4. Steve RAMON 20 + 18 + 18
5. Jens GETTEMAN 13 + 15 + 16
6. Andy TRUYTS 14 + 16 + 14
7. Dennis VERBRUGGEN 16 + 12 + 15
8. Robin BAKENS 10 + 13 + 13
9. Brent VAN DONINCK 15 + 14 + 0
10. Jaimy DELEERSNIJDER 11 + 5 + 12
11. Stefan HAGE 6 + 10 + 11
12. Bryan BOULARD 12 + 11 + 4
13. Nick TRIEST 8 + 6 + 10
14. Kristof SALAETS 5 + 9 + 9
15. Kim Oiva JARVA 9 + 8 + 6

Classificação final do campeonato MX1
1. Kevin STRIJBOS 191 pts
2. Steve RAMON 178 pts
3. Brent VAN DONINCK 165 pts
4. Jeffrey HERLINGS 147 pts
5. Damon GRAULUS 129 pts
6. Jeffrey DEWULF 104 pts
7. Andy TRUYTS 88 pts
8. Arminas JASIKONIS 81 pts
9. Clement DESALLE 75 pts
10. Shaun SIMPSON 75 pts
11. Maximilian NAGL 66 pts
12. Robin BAKENS 65 pts
13. Gautier PAULIN 64 pts
14. Jeremy VAN HOREBEEK 62 pts
15. Kristof SALAETS 59 pts
16. Romain FEBVRE 54 pts
17. Ken DE DYCKER 53 pts
18. Jonathan BENGTSSON 51 pts
19. Stefan HAGE 49 pts
20. Christophe CHARLIER 48 pts







Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet