fechar
X Fechar
X Fechar

X Fechar
foto
Salvar nos Favoritos

X Fechar
foto
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais
Clique e saiba mais

América Sports

Capacete Companhia

RM - Motocross Racing

Edgers Racing

RX Graphics

JPS Racing

Ohlins

DLua Racing

Toro Sports

> Competição > AMA Motocross

4ª etapa - High Point - PA
Publicado em: 22/06/2016

Ken Roczen mantém domínio na 450. Savatgy abre vantagem na 250
Redação MotoX.com.br: Lucidio Arruda - Fotos: Simon Cudby / Garth Milan


Ken Roczen

O Lucas Oil AMA Motocross passou pela Pensilvânia para a disputa da quarta etapa. O evento é o circuito que permanece há mais tempo no campeonato. Há 40 anos a pista de High Point é passagem obrigatória no calendário e para comemorar a marca foram confeccionados troféus réplicas da primeira edição do nacional no local. Isso que é tradição!

Na categoria principal, Ken Roczen deu mostras de que está um degrau acima dos adversários na temporada. A 250 continua equilibrada, mas outra vitória de Joey Savatgy, aliada a resultados oscilantes do esquadrão da Yamaha, deu 20 pontos de vantagem para o piloto da Kawasaki Pro Circuit.

450 - Eli Tomac tenta, mas Ken Roczen segue ditando o ritmo


Jason Anderson

Após um final de semana de descanso, o campeonato voltou a acelerar com a relevante ausência de Ryan Dungey, de molho por algumas semanas em razão da queda em Thunder Valley. Uma das novidades do cronograma da etapa foi voltar a colocar o carro na frente dos bois, ou seja, largar a classe 450 antes da 250.

Muitos apostavam que Eli Tomac, o piloto que assombrou a concorrência durante as cinco primeiras baterias de 2015, só precisava de uma boa largada para fazer frente ao alemão e ele conseguiu na primeira bateria de High Point. Mas abriu demais a primeira curva e Roczen lhe roubou o holeshot.

Tomac perseguiu o líder por duas voltas até sofrer uma pequena queda - na verdade foi quase uma deitadinha no terreno bem gradeado do circuito que criou muitas cavas e buracos - mas deixou o motor apagar e voltou à corrida em sexto para completar em quinto, atrás de Christophe Pourcel, quarto, em seu melhor resultado no ano.

O francês Marvin Musquin assumiu o segundo posto na terceira volta e permaneceu nele até o fim, a uma distância do líder que chegou a quase 20 segundos. Jason Anderson ficou com a terceira posição.

Segunda bateria


Marvin Musquin

Na segunda largada Justin Barcia tomou a ponta, mas não demorou muito para Roczen assumir a liderança e caminhar para a sétima vitória em oito baterias. Não fosse o problema na suspensão em Glen Helen, o piloto da RCH Suzuki estaria invicto.

Eli Tomac fez uma corrida melhor, apesar de não largar tão bem. Completou a primeira volta em quinto e em pouco tempo já estava em segundo. A essa altura Roczen já tinha cinco segundos de vantagem, tempo que Tomac não conseguiu diminuir, apesar de manter o alemão alerta durante toda a bateria. A duas voltas do fim, Tomac desistiu da perseguição e se contentou com a segunda posição. Anderson, Musquin e Barcia completaram os cinco primeiros.

"Acho que foi a pista mais esburacada que andamos em todo o ano. Ficou super difícil. Adicionaram muitas folhagens no terreno e o material deixou o piso escorregadio, especialmente quando molham. Definitivamente uma pista exigente. Fiz o holeshot na primeira bateria e é sempre bom ter pista limpa. Acho que alguns pilotos caíram atrás de mim, então ganhei uma pequena vantagem. Apenas tentei andar esperto, de olho na quadriculada", declarou Roczen.


Pódio 450

Pelo campeonato, Roczen sai da quarta etapa com 41 pontos sobre Tomac. Dungey ainda é o terceiro, Cole Seely é o quarto a 77 pontos.

250 - Triunfo de Savatgy no dia que as Yamahas fumaram



Joey Savatgy

Os motores quatro tempos de motocross estão mais confiáveis do que há uma década, mas, vez ou outra, equipes de fábrica ainda enfrentam problemas de durabilidade, principalmente na 250cc, onde tudo trabalha mais próximo do limite.

E o dia de azar estava destinado aos irmãos Martin. Depois de liderar por seis voltas, Alex quebrou o motor quando ocupava a segunda posição a dois segundos do líder Zach Osborne na primeira bateria. Na segunda corrida foi a vez de Jeremy enfrentar problemas mecânicos e abandonar. Não duvido nada que esses motores tenham pegado o primeiro vôo com destino ao Japão para uma profunda análise...


Zach Osborne em duelo com Aaron Plessinger na segunda bateria

Na primeira bateria, a vitória ficou com Osborne - piloto da Husqvarna com experiência no Mundial de Motocross e até uma participação no Six Days de Enduro - que não se intimidou com a pista desafiadora e passou os dois irmãos durante a primeira metade da bateria. Depois que a moto de Alex quebrou, Osborne administrou a vantagem sobre Jeremy. Cooper Webb ficou com a terceira posição e Joey Savatgy com a quarta, após uma queda durantes as voltas iniciais, que o tirou da disputa pela ponta. O jovem Austin Forkner ficou com a quinta posição.


Joey Savatgy
Na segunda corrida, Adam Cianciarulo andou na frente por quatro voltas até ceder a liderança para Savatgy, que trouxe Alex Martin em seu encalço. Foi uma perseguição que durou toda a corrida, mas Savatgy resistiu à pressão e comemorou a terceira vitória em quatro etapas na temporada. Aaron Plessinger, Zach Osborne e Cooper Webb completaram os cinco primeiros.

"Foi um ótimo final de semana. A primeira bateria foi difícil para todos nós, a pista estava super difícil e as cavas bem fundas. Fizemos algumas boas mudanças para a segunda bateria e completamos a segunda corrida no topo", comemorou Savatgy que agora tem 20 pontos de vantagem sobre Cooper Webb.

Não podemos deixar de notar a grande corrida de Gared Steinke que alinhou com uma Husqvarna 125 2 tempos e marcou um pontinho com a 20ª posição na primeira bateria.

Vídeos





Assista às corridas completas no link:
http://www.motox.com.br/motoxtv/ama/

Resultados

P. # 450 Moto M1 M2 Pts
1 94 Ken Roczen Suz RMZ 450 1 1 50
2 21 Jason Anderson Hus FC450 3 3 40
3 25 Marvin Musquin KTM 450 SX-F FE 2 4 40
4 3 Eli Tomac Kaw KX 450F 5 2 38
5 51 Justin Barcia Yam YZ 450F 7 5 30
6 377 Christophe Pourcel Hus FC450 4 9 30
7 19 Justin Bogle Hon CRF450R 6 7 29
8 14 Cole Seely Hon CRF450R 9 6 27
9 20 Broc Tickle Suz RMZ 450 8 10 24
10 28 Weston Peick Yam YZ 450F 13 8 21
11 34 Phillip Nicoletti Yam YZ 450F 11 11 20
12 29 Andrew Short KTM 450 SX-F FE 12 14 16
13 43 Fredrik Noren Hon CRF450R 18 12 12
14 10 Justin Brayton KTM 450 SX-F FE 17 13 12
15 96 Noah Mcconahy Hus FC450 16 15 11
16 32 Matthew Bisceglia Suz RMZ 450 10 36 11
17 68 Cole Martinez Yam YZ 450F 14 19 9
18 63 Jesse Wentland Hon CRF450R 15 20 7
19 167 Benny Bloss KTM 450 SX-F FE 40 16 5
20 11 Kyle Chisholm Hon CRF450R 20 17 5
21 292 Austin Howell Suz RMZ 450 33 18 3
22 99 Heath Harrison KTM 450 SX-F FE 19 21 2

P. # 250 Moto M1 M2 Pts
1 37 Joseph Savatgy Kaw KX 250F 4 1 43
2 16 Zachary Osborne Hus FC250 1 4 43
3 17 Cooper Webb Yam YZ 250F 3 5 36
4 23 Aaron Plessinger Yam YZ 250F 6 3 35
5 214 Austin Forkner Kaw KX 250F 5 8 29
6 42 Mitchell Oldenburg KTM 250 SX-F FE 7 7 28
7 69 Colt Nichols Yam YZ 250F 13 6 23
8 26 Alex Martin Yam YZ 250F 30 2 22
9 1 Jeremy Martin Yam YZ 250F 2 33 22
10 44 Adam Cianciarulo Kaw KX 250F 10 11 21
11 31 RJ Hampshire Hon CRF250R 12 10 20
12 66 Arnaud Tonus Kaw KX 250F 8 14 20
13 289 Mitchell Harrison Yam YZ 250F 11 12 19
14 30 Shane McElrath KTM 250 SX-F FE 15 9 18
15 39 Jordon Smith Hon CRF250R 14 13 15
16 49 Martin Davalos Hus FC250 9 34 12
17 48 Anthony Rodriguez Kaw KX 250F 16 15 11
18 45 Kyle Cunningham Suz RMZ 250 17 16 9
19 89 Marshal Weltin Yam YZ 250F 19 18 5
20 492 Luke Clout Suz RMZ 250 18 19 5
21 73 Nick Gaines Kaw KX 250F 39 17 4
22 174 Josh Osby Suz RMZ 250 25 20 1
23 726 Gared Steinke Hus TC125 20 24 1

P. # 450 Pts
1 94 Ken Roczen 193
2 3 Eli Tomac 152
3 1 Ryan Dungey 131
4 14 Cole Seely 116
5 21 Jason Anderson 113
6 25 Marvin Musquin 104
7 41 Trey Canard 97
8 51 Justin Barcia 92
9 33 Joshua Grant 88
10 377 Christophe Pourcel 76
11 19 Justin Bogle 76
12 20 Broc Tickle 74
13 34 Phillip Nicoletti 65
14 10 Justin Brayton 57
15 43 Fredrik Noren 55
16 29 Andrew Short 51
17 167 Benny Bloss 39
18 32 Matthew Bisceglia 33
19 28 Weston Peick 29
20 4 Blake Baggett 27
21 96 Noah Mcconahy 24
22 52 Ben LaMay 14
23 63 Jesse Wentland 11
24 68 Cole Martinez 9
25 121 Cody Cooper 8
26 718 Toshiki Tomita 8
27 188 Dillan Epstein 6
28 11 Kyle Chisholm 5
29 292 Austin Howell 5
30 81 Jason Brooks 3
31 159 Darryn Durham 3
32 99 Heath Harrison 2
33 76 Scott Champion 1
34 47 Thomas Hahn 1
P. # 250 Pts
1 37 Joseph Savatgy 166
2 17 Cooper Webb 146
3 1 Jeremy Martin 142
4 26 Alex Martin 136
5 16 Zachary Osborne 121
6 23 Aaron Plessinger 116
7 214 Austin Forkner 109
8 31 RJ Hampshire 79
9 44 Adam Cianciarulo 72
10 42 Mitchell Oldenburg 70
11 39 Jordon Smith 67
12 13 Jessy Nelson 65
13 69 Colt Nichols 63
14 49 Martin Davalos 61
15 289 Mitchell Harrison 59
16 30 Shane McElrath 58
17 66 Arnaud Tonus 58
18 403 Tristan Charboneau 36
19 128 Alex Frye 25
20 45 Kyle Cunningham 21
21 38 Christian Craig 19
22 48 Anthony Rodriguez 19
23 46 Luke Renzland 13
24 36 Justin Hill 12
25 40 Kyle Peters 9
26 89 Marshal Weltin 5
27 492 Luke Clout 5
28 97 Tevin Tapia 4
29 73 Nick Gaines 4
30 212 Chase Marquier 2
31 56 Jackson Richardson 2
32 188 Dillan Epstein 1
33 726 Gared Steinke 1
34 174 Josh Osby 1
35 768 Cole Shondeck 1











Vídeos MotoX Connect



Acompanhe o MotoX no Facebook

Curso MotoX Ric Raspa
Brasil Racing
JPS Racing

© 2000 - 2017 MotoX MX1 Internet